Ciência

274 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
274
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
98
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ciência

  1. 1. CIÊNCIA Componentes: Alisson Ferreira, Caroline de Moraes, Gabriela Pellegrini, Lucas Tonus, Rodrigo Zonatto, Morgana Mello,Victor Lemos. Turma: 32MP
  2. 2. • A sociedade vivencia hoje, um período onde o pensamento é voltado para a técnica, para as ciências exatas. Isto se deve ao fato de este tipo de conhecimento ser capaz de oferecer respostas aparentemente incontestáveis, possibilitando assim, certa certeza sobre a verdade do conhecimento e consequentemente uma aparente resolução do problema.
  3. 3. • Sobre a ciência, costuma-se dizer que serve para tornar o mundo compreensível, proporcionando ao ser humano meios para prever situações e exercer controle sobre a natureza. Segundo Jacob Bronowski (1908- 1974), pelo conhecimento científico o “homem domina a natureza não pela força, mas pela compreensão”.
  4. 4. • Ocorre que, a filosofia não traz essa certeza sobre a verdade, não possui o caráter de solucionar um problema de forma a torná-lo incontestável. Na realidade a filosofia traz questionamentos e impulsiona o filósofo a buscar a verdade, sendo que essa verdade está sempre em progresso, ou seja, está sempre evoluindo e despertando o filósofo a conceitos e características que antes não havia percebido.
  5. 5. • Devido a este caráter de mutabilidade das respostas que a filosofia traz para aquele que a estuda, acaba-se por acreditar que o pensamento filosófico possui menor importância que o técnico-científico.
  6. 6. • A filosofia possui atributos que permitem que esta seja claramente diferenciada da ciência. O primeiro atributo é a reflexividade, que é a característica da filosofia ser também objeto dela mesma, pois ao mesmo tempo em que é técnica, ela é o objeto de estudo.
  7. 7. • O segundo atributo é a circularidade, este decorre um pouco da reflexividade, pois a filosofia não possui um progresso retilíneo, muito pelo contrário, seu progresso é circular, pois os questionamentos que foram debatidos no passado podem ser debatidos novamente na busca de uma verdade mais completa.
  8. 8. • Exatamente devido a isto que a filosofia antiga não é completamente descartada, pois sempre pode-se chegar a novas conclusões e conhecimentos a partir de indagações filosofadas no passado
  9. 9. REVOLUÇÕES CIENTÍFICAS • No final do século XIX e início do século XX, a matemática e a física foram revolucionadas por novas teorias que começaram a romper com certos modelos estabelecidos até então, causando grande impacto na sociedade.
  10. 10. • No campo da biologia, a teoria da evolução das espécies, estabelecida por Charles Darwin, veio abalar o próprio estatuto do ser humano como “centro do mundo”, que marcou o humanismo da época moderna
  11. 11. • Na física, Albert Einstein reformulou os conceitos tradicionais de espaço e tempo em um artigo, o qual fala sobre energia. Era o ponto de partida para o desenvolvimento de sua teoria da relatividade.
  12. 12. • Um cientista pode observar cisnes durante 20 anos e perceber que todos os cisnes observados são brancos, mas ele não pode concluir que “todos” os cisnes são brancos. Se ele concluir isto, bastará a existência de apenas um cisne negro para invalidar sua tese.
  13. 13. •O papel da ciência é verificar se suas conclusões são verdadeiras, tentando falseá-las com a experimentação.

×