Apresentação metodologia de pesquisa científica em sistemas colaborativos

224 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
224
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação metodologia de pesquisa científica em sistemas colaborativos

  1. 1. Sistemas Colaborativos Metodologia de Pesquisa Científica em Sistemas Colaborativos Mozart Claret UNIRIO - 2012
  2. 2. PESQUISA CIENTÍFICA  Deve gerar conhecimento que contribua para ampliar o corpo de conhecimentos da área e deve possibilitar a formulação de leis e teorias.  Uma pesquisa científica se realiza com base num conjunto de procedimentos executados rigorosamente para se produzir o conhecimento dito científico. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  3. 3. PESQUISA CIENTÍFICA  Uma pesquisa científica pode criar ou corroborar uma teoria, exigir revisões desta teoria ou mesmo descartá-la. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  4. 4. PESQUISA CIENTÍFICA  As pesquisas científicas seguem o processo genérico representado na figura abaixo. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  5. 5. METODOLOGIA DE PESQUISA CIENTÍFICA  É o estudo dos diferentes métodos de pesquisa científica. Entenda metodologia como sendo a disciplina que fundamenta e compara os métodos de pesquisa, avalia suas especificidades e aplicabilidade Mozart Claret UNIRIO - 2012
  6. 6. METODOLOGIA DE PESQUISA CIENTÍFICA Aspéctos observados:  Abordagem de pesquisa: pesquisa quantitativa, pesquisa qualitativa  Posição Epistemológica: positivista, interpretativista, crítica  Método de Pesquisa: Experimento, Estudo de Caso, Pesquisa-ação, entre outros  Finalidade: explicar, explorar ou descrever o fenômeno observado  Técnica de coleta de dados: questionário, entrevista, observação direta e documentos históricos, entre outros  Técnica de análise de dados: análise estatística, análise de conteúdo, análise do discurso, entre outras Mozart Claret UNIRIO - 2012
  7. 7. MÉTODOS DE PESQUISA  Experimento: Em Sistemas Colaborativos, um experimento é realizado para testar a hipótese de que um sistema é melhor do que outro, ou então que se obtêm melhores resultados da colaboração com o uso de um dado sistema do que sem o uso desse mesmo sistema.  Survey (Levantamento): Um exemplo é identificar os fatores que mais influenciaram a escolha do sistema colaborativo adotado numa escola, como funcionalidades, custo, comunidade de apoio, facilidade de aprendizagem ou suporte técnico.  Estudo de Caso: O fenômeno é investigado em seu contexto real sem o pesquisador ter controle sobre todas as variáveis envolvidas. Em geral, um estudo de caso é indicado quando não é possível dissociar completamente o fenômeno do ambiente real, quando não são conhecidas todas as variáveis relevantes relacionadas ao fenômeno.  Etnografia: Em Sistemas Colaborativos, a etnografia tem sido usada, por exemplo, para descobrir como os funcionários de uma empresa trabalham, quais os problemas pelos quais passam, como agem e se relacionam por meio de um sistema colaborativo. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  8. 8. MÉTODOS DE PESQUISA  Netnografia: O pesquisador que conduz uma investigação envolvendo grupos virtuais tem que lidar com novas questões, tanto pelo objeto da pesquisa em si, quanto pela condução da própria pesquisa neste meio virtual.  Teoria Fundamentada em Dados (Grounded Theory): Um exemplo de emprego deste método de pesquisa é a investigação sobre uma rede social – são feitas entrevistas com um grupo de pessoas e os relatos são analisados exaustivamente.  Pesquisa-ação (action research): Geralmente é usado no desenvolvimento e implantação de um sistema colaborativo numa determinada organização. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  9. 9. TÉCNICAS DE COLETA DE DADOS  Medição  Questionário  Estruturado  Não-estruturado  Semi-estruturado  Entrevista  Grupo focal  Observação direta  Estruturada  Não-estruturada  Documentos  “do it”, “use it” e “wear it” Mozart Claret UNIRIO - 2012
  10. 10. GENERALIZAÇÃO DE RESULTADOS  Pesquisa qualitativa: Análise estatística fornece procedimentos amplamente conhecidos para a generalização de dados de pesquisas quantitativas.  Pesquisa quantitativa: Utiliza a generalização analítica, onde o pesquisador generaliza os resultados em relação a uma determinada teoria. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  11. 11. QUALIDADE DA PESQUISA  Critérios de qualidade  Validade do constructo (identificação correta das variáveis)  Validade interna (relação causa-e-efeito correta)  Validade externa (generalização)  Confiabilidade (repetibilidade)  Técnicas para controlar a qualidade  Seleção adequada dos sujeitos  Triangulação  Validação pelos sujeitos  Apresentar dados brutos sempre que possível Mozart Claret UNIRIO - 2012
  12. 12. PUBLICAÇÃO DOS RESULTADOS  O objetivo das pesquisas científicas é ampliar o conhecimento. Para atingir esse objetivo, a pesquisa precisa ser publicada. Mozart Claret UNIRIO - 2012
  13. 13. Mozart Claret UNIRIO - 2012

×