Blog Encontro Expertise Fev 2010

2.289 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.289
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Blog Encontro Expertise Fev 2010

  1. 1. CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES EXPERTISE EM ALFABETIZAÇÃO SEMEC Fevereiro 2010
  2. 2. <ul><li>Reconhecer as diretrizes do Projeto Expertise. </li></ul><ul><li>Analisar os resultados da avaliação de 2009. </li></ul><ul><li>Estudar a metodologia da avaliação. </li></ul><ul><li>Estudar as bases teórico-metodológicas do material do aluno. </li></ul><ul><li>Apreciar texto literário. </li></ul>OBJETIVOS DO ENCONTRO
  3. 3. <ul><li>Apresentação das diretrizes do Projeto Expertise. (30 min) </li></ul><ul><li>Leitura do texto literário, Cortar o Tempo, Carlos Drummond de Andrade. (10 min) </li></ul><ul><li>Análise dos resultados da avaliação 2008 e 2009; (1h15) </li></ul><ul><li>Estudo dos fundamentos e prática da avaliação: psicogênese da escrita e conhecimento lógico matemático. (1h15) </li></ul><ul><li>Estudo das bases teórico-metodológicos do material do aluno. (50 min) </li></ul>PAUTA DO ENCONTRO
  4. 4. <ul><li>Acompanhar o trabalho do(a) professor(a) de CI, visando orientar sua prática pedagógica para garantir a alfabetização dos alunos até o final do ano letivo. </li></ul>OBJETIVO DO PROJETO EXPERTISE
  5. 5. <ul><li>I - Alfabetização de crianças em um ano; </li></ul><ul><li>II - Didáticas que promovam a aprendizagem; </li></ul><ul><li>III - Avaliação como suporte para a intervenção no processo de aprendizagem da leitura, escrita e matemática. </li></ul><ul><li>I - Encontros de formação mensais; </li></ul><ul><li>II – Assessoramento à prática docente nas escolas; </li></ul><ul><li>III – Formação de grupos de estudos nas HPs; </li></ul><ul><li>IV - Avaliação mensal da aprendizagem dos alunos. </li></ul>EIXOS DO PROJETO EXPERTISE ATIVIDADES DO PROJETO
  6. 6. Cortar o tempo Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial. Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão. Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente. Carlos Drummond de Andrade
  7. 7. Resultados da Expertise – CI 1º ano Psicogênese da escrita Avaliação mensal dos alunos de CI 1º ano, escrita de palavras e frase, fevereiro a dezembro. Critérios da avaliação: Escrita do nome próprio PS – escrita aleatória sem associação sonora S – início de representação sonora - uma sílaba/uma letra SA – ora representa a sílaba, ora parte dela A – escrita correspondente ao seu valor sonoro
  8. 8. Escrita Pré-silábica (Andrei – 6 anos) Escrita silábica (Juliane – 6 anos) Palavras: amigo, Eduardo, passarinho, jardim e só
  9. 9. Escrita silábico- alfabética (Rafael – 6 anos) Escrita alfabética (Brenda – 6 anos)
  10. 10. Resultados da Expertise – CI 1º ano Psicogênese da escrita RESULTADOS 2009 Definição de metas para 2010
  11. 11. TOTAL ALUNOS 6788 EXPERTISE EM ALFABETIZAÇÃO RESULTADO FINAL DEZEMBRO 2009
  12. 12. EXPERTISE EM ALFABETIZAÇÃO 2009 ALUNOS 6788
  13. 13. EXPERTISE EM ALFABETIZAÇÃO RESULTADO INICIAL E FINAL TOTAL ALUNOS 6788
  14. 14. EXPERTISE EM ALFABETIZAÇÃO RESULTADO FINAL ALUNOS 6788 ALUNOS 6308
  15. 15. <ul><li>Percentual de alfabéticos em dezembro </li></ul><ul><li>Total de escolas e UPs - 87 </li></ul><ul><li>Bom – Igual e acima de 60% </li></ul><ul><li>43 escolas </li></ul><ul><li>Crítico – De 30% a 59% </li></ul><ul><li>35 escolas </li></ul><ul><li>Muito crítico – Menor 30% </li></ul><ul><li>9 escolas </li></ul>Resultados da Expertise – CI 1º ano Ranking das escolas 2009
  16. 16. AVALIAÇÃO AMOSTRAL DE OUTUBRO CI 1º ANO - escrita 2009 ALUNOS 903 ALUNOS 1114
  17. 17. CI 1 ano Expertise outubro 2009 Amostra outubro 2009
  18. 18. Resultados da Expertise – CI 1º ano Conhecimento Lógico Matemático Avaliação AMOSTRAL dos alunos de CI 1º ano, outubro de 2009. Critérios da avaliação: P N – Os registros gráficos são diversificados, não apresenta os conceitos básicos de seriação, classificação e ordenação. N1 – Representação de quantidades , realizando adições e subtrações simples com registro oral e escrito das atividades. Emprega conceitos de seriação, classificação e ordenação.
  19. 19. Resultados da Expertise – CI 1º ano Conhecimento Lógico Matemático Nível Pré Numérico Kailane, 6 anos Nível Numérico Jully Anny, 6 anos
  20. 20. Resultados da Expertise – CI 1º ano Conhecimento Lógico Matemático Avaliação AMOSTRAL dos alunos de CI 1º ano, outubro de 2009. Critérios da avaliação: N2 –Utiliza registros gráficos e algoritmos ampliando o conceito de adição de parcelas iguais para compreensão da multiplicação , bem como, de subtração. N3 – A criança utiliza o conceito e o algoritmo de adição e subtração, multiplicação e divisão , com registro convencional .  
  21. 21. Resultados da Expertise – CI 1º ano Conhecimento Lógico Matemático Nível Numérico 2 Rodrigo, 6 anos Nível Numérico Ana Luiza, 6 anos
  22. 22. AVALIAÇÃO AMOSTRAL DE OUTUBRO CI 1º ANO - matemática 2009 ALUNOS 903 ALUNOS 1114 2008
  23. 23. <ul><li>Entende-se por classificação a capacidade de reconhecer classes de objetos por suas características comuns e de usá-las ao estabelecer relações lógicas (DROVET, 1990). </li></ul><ul><li>E por seriação ou ordenação a habilidade de sistematizar objetos seguindo certa ordem (GOULART, 1990). </li></ul>Conhecimento Lógico Matemático: classificação, seriação e ordenação  
  24. 24. <ul><li>As atividades didáticas desenvolvidas em sala de aula devem primar pelo desenvolvimento das noções de inclusão, igualdade, desigualdade, reunião, negação, intersecção, pertinência, sequência lógica, agrupados em torno do mesmo critério. </li></ul><ul><li>Para isso sugere-se o uso de calendário, blocos lógicos e barra de cuisinaire . </li></ul>Conhecimento Lógico Matemático: classificação, seriação e ordenação  
  25. 25. <ul><li>MEC: www.mec.gov.br </li></ul><ul><li>Nova Escola: www.ne.org.br </li></ul><ul><li>DROVET, Ruth Caribé da Rocha. Distúrbios da Aprendizagem . São Paulo: Ática, 1990. </li></ul><ul><li>GOULART, Íris Barbosa. Piaget: Experiências Básicas para Utilização pelo Professor. 6. ed. Petrópolis: Vozes, 1990. </li></ul><ul><li>KAMII, Constance. A criança e o número . Campinas: Papirus, 1998. </li></ul>Para saber mais
  26. 26. <ul><li>Deixar que falem. </li></ul>METAS PARA 2010
  27. 27. I semestre: Dar condições para que as crianças se tornem alfabéticas até junho. Qualificar a intervenção dia após dia, semana após semana. Trabalhar firme com letras e números desde o primeiro dia de aula. Sugestão trabalho com nome (p.12) e alfabeto (p. 16). Analisar resultados obtidos mês a mês. II semestre: Consolidar o nível alfabético Evidenciar conquistas na aprendizagem das crianças. Reproduzir práticas bem sucedidas. Indicativos para turmas de CI 1º ano no ano de 2010
  28. 28. <ul><li>Assistir ao vídeo da Nova Escola sobre avaliação, responder a questão: </li></ul><ul><li>Como avaliar? </li></ul><ul><li>Deixar que falem. </li></ul>PROCEDIMENTOS DA AVALIAÇÃO
  29. 29. <ul><li>18 a 19 fev – Planejamento sequência didática nome próprio, Compêndio Alfabetização, p. 12 e Aprendendo sobre o tempo, p. 61 </li></ul><ul><li>22 a 26 fev – Organização do trabalho pedagógico: produção do kit (calendário, quadro de prega, ficha do nome dos alunos,alfabeto móvel, caixinha de surpresa). </li></ul>SUGESTÃO DE PAUTA PARA HP NA ESCOLA
  30. 30. <ul><li>Próximo encontro: 4 março </li></ul><ul><li>Trazer a avaliação de março, analisada segundo os níveis PS, S, SA, A. </li></ul>Para o próximo encontro
  31. 31. CENTRO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES www.expertiseemalfabetizacao.blogspot.com

×