Energias renováveis -trabalho (1)

924 visualizações

Publicada em

Text in the notes.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
924
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • As energias renováveis são aquelas que são obtidas de fontes de energia naturais sendo capazes de se regenerarem, sendo assim consideradas inesgotáveis e não poluentes.
    São vistas como uma alternativa ao uso excessivo dos combustíveis fósseis (uma vez que estes são uns dos principais causadores da poluição).
  • Exemplos de energia renovável:
  • Fonte natural: Sol (através da captação da radiação solar)
    Métodos de Captura: A energia solar pode ser captada através de:
     
    -Painéis Fotovoltaicos (paneis solares): são dispositivos utilizados para converter a energia da luz do Sol em energia eléctrica ou em energia térmica. Os painéis solares fotovoltaicos são compostos por células solares, assim designadas já que captam, em geral, a luz do Sol. Estas células são, por vezes, e com maior propriedade, chamadas de células fotovoltaicas, ou seja, criam uma diferença de potencial eléctrico por acção da luz (seja do Sol ou não). As células solares contam com o efeito fotovoltaico para absorver a energia do sol e fazem a corrente eléctrica fluir entre duas camadas com cargas opostas.
    Actualmente, os custos associados aos painéis solares tornam esta opção ainda pouco eficiente e rentável. Ainda que não se preveja, a curto prazo, um aumento no uso deste tipo de energia renovável, o aumento do custo dos combustíveis fósseis, e a experiência adquirida na produção de células solares, que tem vindo a reduzir o custo das mesmas, indica que este tipo de energia será tendencialmente mais utilizado.
     
     
  • Como podemos observar neste mapa vemos os sítios onde a radiação solar chega a portugal, mais tempo. Segundo o mapa o sul de Portugal é o mais atingido(cor vermelho escuro).
  • Energia Eólica corresponde a um tipo de energia renovável que provém do vento.
    Por outras palavras, a energia eólica é a transformação da energia cinética do vento para energia mecânica e, posteriormente, em energia eléctrica.
  • Método de captação: o vento é captado através de uns aerogeradores que tem umas hélices que são movidas através do vento, produzindo assim energia eléctrica, que irá ser armazenada num gerador para ser utilizada em diversos fins. Normalme agrupam-se em parques eólicos, concentrações de aerogeradores, necessários para que a produção de energia que se torne rentável.
  • Nesta imagem podemos observar a localização dos parques eólicos em Portugal, a potencia instalada e a que vai ser construida. A maior potencia situa se no norte do pais em Braga.
  • A Energia Hidríca é a energia obtida a partir da energia potencial de uma massa de água. A forma na qual ela se manifesta na natureza é nos fluxos de água, como rios e lagos e pode ser aproveitada por meio de um desnível ou queda de água. Pode ser convertida na forma de energia mecânica (rotação de um eixo) através de turbinas hidráulicas ou moinhos de água.
  • A água captada no lago formado pela barragem é conduzida até a casa de força através de canais, túneis e/ou condutos metálicos. Após passar pela turbina hidrica na casa de força, a água é restituída ao leito natural do rio, através do canal de fuga.
    Dessa forma, a potência hidráulica é transformada em potência mecânica quando a água passa pela turbina, fazendo com que esta gire, e, no gerador, a potência mecânica é transformada em potência elétrica. A electricidade produzida nas fabricas é transmitida pelos fios até as grandes cidades. É essa mesma electricidade que acende os postes de luz e passeia escondida pelos fios nas ruas..
  • A constância e previsibilidade da ocorrência das marés;
    O facto de as marés serem uma fonte inesgotável de energia;
    A sua fiabilidade;
    O facto de serem uma fonte de energia não poluente.
  • Os custos de instalação são bastante elevados;
    Só é produzida energia enquanto existir um desnível entre os níveis de água que se encontram nas partes superiores e inferior do muro da barragem;
    Só podem ser instaladas centrais para a produção de electricidade a partir desta energia em locais que respondam às necessidades geomorfológicas necessárias.
     
  • Como podemos observar na imagem vemos os sítios onde se encontram algumas das barragens em Portugal. Existem mais barragens no sul de portugal.
  • Os tubos são colocados horizontalmente à superfície do terreno a 60 cm de profundidade conforme a orientação geográfica.
  • As sondas são colocadas num ou vários furos de 80 a 120 m de profundidade.
    O princípio consiste em recuperar o calor em profundidade com uma sonda geotérmica.
    Este sistema permite explorar ao mínimo a superfície do terreno à volta da casa.
  • O circuito capta o calor da água de um lençol freático com um furo profundo geralmente de 8 a 50 m segundo as regiões. A bomba de calor capta a energia contida, não no solo como na captação horizontal ou vertical, mas na água do lençol freático que se mantém a uma temperatura constante todo o ano.
  • A localização geotérmica em Portugal localiza-se somente nas ilhas dos açores, neste quadro podemos ver onde se situam as localidades e a potência instalada.
  • A biomassa é um tipo de matéria utilizada na produção de energia a partir de processos como a combustão de material orgânico produzida e acumulada em um ecossistema, porém nem toda a produção primária passa a incrementar a biomassa vegetal do ecossistema.
    Parte dessa energia acumulada é empregada pelo ecossistema para sua própria manutenção. Suas vantagens são o baixo custo, é renovável, permite o reaproveitamento de resíduos e é menos poluente que outras formas de energias como aquela obtida a partir da utilização de combustíveis fósseis como petróleo e carvão mineral.
    A queima de biomassa provoca a liberação de dióxido de carbono na atmosfera, mas como este composto havia sido previamente absorvido pelas plantas que deram origem ao combustível, o balanço de em emissões de CO2 é nulo.
  • Energias renováveis -trabalho (1)

    1. 1. Trabalho realizado por: Nemdesconfio123
    2. 2. Introdução Neste trabalho iremos falar sobre as várias energias renováveis que existem em Portugal, como por exemplo a energia solar e a energia eólica, entre outros.  Vamos também explicar as suas vantagens e desvantagens e as suas localizações em Portugal.
    3. 3. O que são as energias renováveis  Fontes de energia naturais;  Têm a capacidade de regenerar;  São inesgotáveis;  Não poluem.  São uma alternativa ao uso excessivo de combustíveis fósseis.
    4. 4. Tipos de energias renováveis  Energia solar;  Energia eólica;  Energia hídrica;  Energia geotérmica;  Energia da biomassa.
    5. 5. Como é captada?  A fonte natural da qual conseguimos obter energia solar é o sol, que é captada por:  Painéis fotovoltaicos
    6. 6. Vantagens da energia solar  É uma energia renovável;  Não é poluente, ou seja não causa danos ambientais, e é uma energia silenciosa;  É bastante fiável;  Os painéis solares têm fácil portabilidade e adaptabilidade;  A sua manutenção é praticamente inexistente;  É resistente ás condições climatéricas extremas.
    7. 7. Desvantagens da energia solar  O fabrico dos módulos necessita de tecnologias muito sofisticadas e de um investimento elevado;  O rendimento real de um painel é reduzido;  A resposta ás variações de procura é baixa;  Raramente são competitivos do ponto de vista económico.
    8. 8. Localização geográfica em Portugal
    9. 9. Energia eólica  Energia eólica é um tipo de energia renovável.  A energia eólica é a transformada de energia cinética para energia mecânica e por sua vez transformada em energia elétrica.
    10. 10. Como é captada?  O vento é captado através de uns aerogeradores que tem umas hélices que são movidas através do vento, produzindo assim energia elétrica. Que irá ser armazenada num gerador para ser utilizada em diversos fins. Normalmente agrupam-se em parques eólicos, necessários para que a produção de energia que se torne rentável.
    11. 11. Vantagens da energia eólica  É uma fonte de energia segura e renovável;  Não polui(a nível ambiental);  Tempo rápido de construção;  Recurso autónomo;  Cria-se mais emprego.
    12. 12. Desvantagens da energia eólica  Impacto visual: a sua instalação gera uma grande modificação da paisagem;  Impacto sobre as aves do local: principalmente pelo choque delas nas pás, modificando assim os seus comportamentos habituais de migração;  Impacto sonoro: o som do vento bate nas pás produzindo um ruído constante (43dB(A)). Fazendo assim com que as casas perto do local deverão estar, pelo menos, a 200m de distância.
    13. 13. Localização geográfica em Portugal
    14. 14. Energia hídrica  Energia potencial da massa de água:  Necessita de um desnível ou queda de água;
    15. 15. Como é captada?
    16. 16. Vantagens da energia hídrica  Constância e previsibilidade da ocorrência das marés;  O facto de as marés serem uma fonte inesgotável de energia, por isso estão sempre a produzir energia.  A sua fiabilidade;  É uma fonte de energia renovável.
    17. 17. Desvantagens da energia hídrica  Os custos de instalação são bastantes elevados;  Só é produzida energia enquanto existir um desnível entre os níveis de água que se encontram nas partes superiores e inferior do muro da barragem;  Só podem ser instaladas centrais para a produção de electricidade e partir desta energia em locais que respondam ás necessidades geomorfológicas necessárias.
    18. 18. Localização geográfica em Portugal
    19. 19. Energia geotérmica  A energia geotérmica é a energia associada ao calor armazenado no interior da terra. Esta pode ser usada de forma direta. Esta energia é quase sempre utilizada para o aquecimento do ambiente.  Por vezes esta é utilizada para aquecer as águas de algumas praias.
    20. 20. Como é captada?  Na energia geotérmica os tipos de captação mais habituais, são a captação horizontal, captação vertical e captação em lençol freático. O uso de cada uma das formas de captação, depende da área disponível para colocação dos captadores.
    21. 21. Captação horizontal
    22. 22. Captação vertical
    23. 23. Captação em lençol freático
    24. 24. Vantagens da energia geotérmica  Poupança de energia uma vez que substituem os sistemas de ar condicionado e aquecedores elétricos;  É uma energia renovável;  Tem elevada eficiência energética com baixa emissão de CO2;  É bastante fiável e a resposta às variações de procura é elevada;  Reduzida alteração e utilização dos solos;  Não está condicionada pelas condições meteorológicas;  Proporciona o desenvolvimento local.
    25. 25. Desvantagens da energia geotérmica  Escassez de locais com elevado potencial geotérmico;  Rápido esgotamento dos recursos;  Poluição atmosférica e sonora na região;  Cheiros desagradáveis provocados pelo H2S(sulfureto de hidrogénio);  Elevados custos de instalação e operação.
    26. 26. Localização geográfica em Portugal
    27. 27. Energia da biomassa  A biomassa é um tipo de matéria utilizada na produção de energia a partir de processos como a combustão de material orgânico (animal ou vegetal)produzido e acumulado num ecossistema.
    28. 28. Como é captada?  Esta energia pode ser captada através de: Lenha Bagaço de cana Pó de serra Papéis já utilizados Galhos e folhas Embalagens de papelão descartadas após a aquisição de diversos eletrodomésticos.
    29. 29. Vantagens da energia da biomassa  É uma energia renovável;  É pouco poluente, não emitindo dióxido de carbono;  É altamente fiável e a resposta às variações de procura é elevada;  A biomassa sólida é extremamente barata, sendo as suas cinzas menos agressivas para o ambiente;  Existe uma menor corrosão dos equipamentos (caldeiras, fornos, etc).
    30. 30. Desvantagens da energia da biomassa  Desflorestação de florestas, além da destruição de habitats;  Possui um menor poder calorífico quando comparado com outros combustíveis;  Os biocombustíveis líquidos contribuem para a formação de chuvas ácidas;  Dificuldades no transporte e no armazenamento de biomassa sólida.
    31. 31. Conclusão  Concluímos que, no futuro, a solução para o problema da energia terá que passar não só pela exploração de um método perfeito mas também pela procura de um equilíbrio entre os diferentes métodos aplicados.  Portanto devemos começar já a conservar a energia porque “os minutos de hoje constroem os de amanhã”.

    ×