EMPREENDEDOR - EMPREENDEDOR
SOCIAL
E
ASHOKA
Empreendedor na Linha do tempo
nascimento da idéia
de sujeito autônomo
Renascimento
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
"(...) um indivíduo capaz de projetos e empreendimentos,
transferindo rec...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
"(...) 'empreendedor': herói de u...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
1917 Revolução Russa
Militante, h...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
1917 Revolução Russa
Contemporane...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
1917 Revolução Russa
Contemporane...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
1917 Revolução Russa
Contemporane...
Renascimento
fim do séc. XVIII
Jean-Baptiste Say
fim do séc. XIX
Joseph Alois Schumpeter
1917 Revolução Russa
Contemporane...
"indivíduos que preservam seus valores e agem a partir desses
valores, na criação de zonas de sentido distintas.“
Empreend...
orientados sentido;
 atendem a um apelo social amplo.
Empreendedores Sociais
"Quem sabe faz a hora, não espera acontecer"...
A Ashoka é uma organização mundial, sem fins lucrativos, pioneira no
trabalho e apoio ao empreendedor social.
Foi fundada ...
Os Empreendedores Sociais da Ashoka são PIONEIROS e
REFERÊNCIAS em provocar impacto social efetivo e duradouro
Critérios d...
• Violência
• Desigualdade social
• Drogas
• Etc.
• Mudanças climáticas
• Educação
• Corrupção
• Etc.
• Trabalho escravo
•...
Empreendedores
Sociais
Setor privado Universidades
Governo
Agências de
Desenvolvimento
Pessoas
Organizações
Sociais
IINNOO...
.
.
.
.
.
.
.
.
IINNOOVVAAÇÇÃÃ
OO
... para construir um ECOSSISTEMA DE INICIATIVAS que abordam as
principais necessidades ...
A Ashoka busca um mundo onde TODOS
SÃO AGENTES DE MUDANÇA:
ou seja, uma sociedade rápida e eficaz para
responder aos desaf...
CONTATOS
Mônica de Roure
(55 11) 3085-9190
mderoure@ashoka.org.br
www.ashoka.org.br
www.ashoka.org
www.changemakers.net
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Empreendedorismo na Era Tecnológica: Empreendedorismo x Empreendedorismo Social e Ashoka

3.057 visualizações

Publicada em

Mesa Redonda da Semana de Tecnologia de Jogos Digitais da PUC-SP.
Dia: 29/10/2010, sexta feira.
Tema: Empreendedorismo na Era Tecnológica.
Empreendedorismo x Empreendedorismo Social e Ashoka.
Palestrante: Renata Brunetti.
__________

Lista de palestrantes: http://tinyurl.com/26vcwwz
Tv PinGuim e Peixonauta: http://tinyurl.com/2uzruj7
Empreendedorismo Social: http://tinyurl.com/28b2mpv

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.057
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
102
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Social entrepreneurs have the same qualities as a business entrepreneur: vision, creativity, pragmatism, innovation and determination
    Picture: Bart Weejen’s project participant nuzzles a rat.
  • Empreendedorismo na Era Tecnológica: Empreendedorismo x Empreendedorismo Social e Ashoka

    1. 1. EMPREENDEDOR - EMPREENDEDOR SOCIAL E ASHOKA
    2. 2. Empreendedor na Linha do tempo nascimento da idéia de sujeito autônomo Renascimento
    3. 3. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say "(...) um indivíduo capaz de projetos e empreendimentos, transferindo recursos de uma área de baixa produtividade para uma área em que poderiam oferecer maior rentabilidade." Empreendedor na Linha do tempo
    4. 4. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter "(...) 'empreendedor': herói de uma “destruição criativa”: cria novos produtos, métodos de produção, novos mercados, destruindo e dinamizando a ordem econômica pela introdução dessas novidades." Empreendedor na Linha do tempo
    5. 5. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter 1917 Revolução Russa Militante, herdeiro intensamente ideologizado, soldado de uma causa: "os fins justificam os meios" Empreendedor na Linha do tempo
    6. 6. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter 1917 Revolução Russa Contemporaneamente ativista: ligado a causas, organizações do terceiro- setor ou mesmo grupos de desobediência civil legais ou até clandestinos Empreendedor na Linha do tempo
    7. 7. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter 1917 Revolução Russa Contemporaneamente Agente-secreto - Guerra Fria Outras formas de empreendedorismo... Jogador - o mundo como jogo com regras explícitas ou não. Ator Social (John Locke): idéia da representação de papéis sociais Empreendedor na Linha do tempo
    8. 8. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter 1917 Revolução Russa Contemporaneamente Outras formas de empreendedorismo... Empreendedor Social Empreendedor na Linha do tempo  orientados sentido  atendem a um apelo social amplo Muhammad Yunus Grameen Bank Wellington Nogueira Doutores da Alegria
    9. 9. Renascimento fim do séc. XVIII Jean-Baptiste Say fim do séc. XIX Joseph Alois Schumpeter 1917 Revolução Russa Contemporaneamente Outras formas de empreendedorismo... Empreendedor Social Empreendedor na Linha do tempo Pai da administração moderna 1990 - cria a Peter Drucker Foundation for Non-Profit Management - atual Leader to Leader Institute Transferir para os empreend. sociais e as Oscs ferramentas de gestão originalmente desenvolvidas para o mercado, levando em conta suas finalidades distintas.
    10. 10. "indivíduos que preservam seus valores e agem a partir desses valores, na criação de zonas de sentido distintas.“ Empreendedorismo social:  Reaprender a pensar o real como uma construção permanente e coletiva;  Não basta falar de números e ferramentas: é preciso falar de valores, saberes, cultura, pessoas e sentido; Conclusão
    11. 11. orientados sentido;  atendem a um apelo social amplo. Empreendedores Sociais "Quem sabe faz a hora, não espera acontecer" Geraldo Vandré Vera Cordeiro Associação Saúde Criança Renascer Wellington Nogueira Doutores da Alegria Muhammad Yunus Grameen Bank
    12. 12. A Ashoka é uma organização mundial, sem fins lucrativos, pioneira no trabalho e apoio ao empreendedor social. Foi fundada em 1980 pelo norte americano Bill Drayton e teve seu primeiro foco de atuação na Índia, espalhou-se pelo mundo, e está no Brasil desde 1986. Hoje, a Ashoka é composta de mais de 2.300 empreendedores sociais em mais de 63 países. Destes: 544 na América do Sul 320 no Brasil e no Paraguai No Brasil, essa rede de intercâmbio de experiências, saberes, informações e projetos já conta com cerca de 250 empreendedores sociais. 2 A Ashoka Ashoka – em sânscrito, significa "ausência de sofrimento". Ashoka foi também o nome de um imperador que governou a Índia durante o século III a.C e é lembrado como um dos maiores inovadores sociais do mundo.
    13. 13. Os Empreendedores Sociais da Ashoka são PIONEIROS e REFERÊNCIAS em provocar impacto social efetivo e duradouro Critérios de seleção:  Inovação  Criatividade  Perfil Empreendedor  Impacto Social  Fibra ética IINNOOVVAAÇÇÃÃ OO
    14. 14. • Violência • Desigualdade social • Drogas • Etc. • Mudanças climáticas • Educação • Corrupção • Etc. • Trabalho escravo • Mortalidade infantil • Geração de renda • Etc. Os Empreendedores Sociais criam SOLUÇÕES INOVADORAS para os mais diversos problemas sociais e ambientais IINNOOVVAAÇÇÃÃ OO
    15. 15. Empreendedores Sociais Setor privado Universidades Governo Agências de Desenvolvimento Pessoas Organizações Sociais IINNOOVVAAÇÇÃÃ OOA Ashoka CONECTA e ARTICULA pessoas, idéias e conhecimento... Rede de agentes de mudança
    16. 16. . . . . . . . . IINNOOVVAAÇÇÃÃ OO ... para construir um ECOSSISTEMA DE INICIATIVAS que abordam as principais necessidades de nossa sociedade Rede de agentes de mudança
    17. 17. A Ashoka busca um mundo onde TODOS SÃO AGENTES DE MUDANÇA: ou seja, uma sociedade rápida e eficaz para responder aos desafios sociais, e na qual cada pessoa tem a liberdade, confiança e apoio para propor soluções para qualquer problema social e alcançar mudanças positivas VVIISSÃÃOO
    18. 18. CONTATOS Mônica de Roure (55 11) 3085-9190 mderoure@ashoka.org.br www.ashoka.org.br www.ashoka.org www.changemakers.net

    ×