SlideShare uma empresa Scribd logo
TRANSPORTE  PÚBLICO – O MARTIRIO NOSSO DE CADA DIA ?
Falta de Visão do Governo O transporte público no Brasil, de modo geral, sempre foi de baixa qualidade e nunca mereceu, salvo em raros casos, uma avaliação positiva dos seus usuários. A principal razão desse quadro negativo é a falta de um planejamento e de controle dos governos municipais, responsáveis pelas suas implantações, e a ausência de uma visão estratégica e de continuidade desse assunto pelo governo federal, indutor das políticas de transporte público.  As pessoas que necessitam de transporte público ficam à mercê das mais variadas situações, como greves longas; aumentos de tarifas com o objetivo de atender somente aos interesses de empresários do setor; falta de qualidade no serviço; despreparo dos funcionários das empresas; falta de segurança e conforto; pontos de ônibus ou estações sem proteção e conforto; poucos veículos disponíveis, ocasionando superlotação em horários de pique; descumprimento freqüente de horários, entre um rosário enorme de outros tantos problemas enfrentados historicamente pelos usuários.
Transporte Publico diminui a Poluição ? O transporte público conta com uma certa variedade de veículos, sendo todos administrados por empresas públicas, ou através de licença por empresas privadas, e os seus passageiros são usuários, e não proprietários. Todas as cidades de porte médio ou grande têm variedade de transporte urbano. O transporte urbano é de grande importância para a qualidade do trânsito das cidades, pois evita a utilização de carros nas ruas e diminui a poluição, permitindo ainda que as pessoas façam grandes deslocamentos com baixos custos, principalmente, para os que não possuem recursos para adquirir os seus carros. Temos três transportes urbanos de massa: o ônibus, o metrô e o trem. Cada um tem características próprias, com impactos diferentes na vida dos seus usuários.
MEIOS DE LOCOMOÇÃO O ônibus é o meio de mais baixo custo para implantação. Prático, eficiente e econômico, é adequado para rotas curtas. É extremamente flexível e atende um grande número de rotas urbanas. Sua principal desvantagem é a falta de capacidade de transportar um número maior de passageiros, o que o inviabiliza para rotas de maior uso, além de causar poluição pela utilização de combustível fóssil. Ou seja, tem baixa eficiência como transporte de massa. O mêtro é o transporte perfeito para grandes e médias distâncias, adequado para alta demanda de passageiros. Não polui e é econômico. É alimentado por energia elétrica. Fica isolado dentro da malha urbana e seu acesso para os passageiros se dá pelas estações construídas ao longo das suas linhas. Seu custo ambiental é baixo, porém, sua construção ocasiona grandes transtornos ao meio ambiente e à comunidade do entorno, além do custo financeiro ser muito elevado e os prazos de finalização serem longos.
TREM O trem é o transporte público ideal para as ligações interurbanas entre pontos afastados, usado para transportar um grande número de pessoas. Geralmente é fruto de projetos federais, podendo também envolver unidades da federação quando usado dentro de grandes cidades. Em nossas grandes cidades o trem já está interligado a outros transportes públicos, permitindo a baldeação de pessoas que moram mais distante e trabalham nos grandes centros urbanos.
TRANSPORTE PÚBLICO,VIVEMOS SEM ? Como cada vez mais pessoas moram nas áreas urbanas, o transporte público virou prioridade em qualquer planejamento governamental. Sua ausência acarreta problemas difíceis para a população, levando-a a perder muito tempo com deslocamento, além da perda de uma parcela importante do seu orçamento, o que representa uma sensível piora na qualidade de vida dessa população, geralmente a mais carente. A viabilização do transporte público com qualidade é fator de desenvolvimento social e possibilita um equilíbrio entre o uso dos transportes públicos e dos carros particulares. Isso evitaria os grandes congestionamentos e a perda de tempo e dinheiro para a população em geral.
Cidades Sustentáveis As cidades com boa solução nos seus transportes públicos estão mais preparadas para resolver os outros problemas que ocorrem em conseqüência do crescimento.Cidades sustentáveis são as que têm a maior parte da sua população deslocando-se por meio de transporte público de qualidade. Sem resolvermos esse grande impasse não poderemos avançar como uma sociedade sustentável.  
MASDAR A CIDADE SUSTENTAVEL A Cidade chamada de Masdar ("a fonte", em árabe), Localizada nos Emirados Árabes Unidos é a primeira cidade sustentável no mundo, com emissão de carbono zero e utilizando apenas energia renovável.Parece utopia, mais um ótimo exemplo ao mundo .

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução ao Planejamento e Política Ambiental
Introdução ao Planejamento e Política AmbientalIntrodução ao Planejamento e Política Ambiental
Introdução ao Planejamento e Política Ambiental
Vitor Vieira Vasconcelos
 
Espaço urbano cidades
Espaço urbano cidadesEspaço urbano cidades
Espaço urbano cidades
Idalina Leite
 
Mobilidade sustentável
Mobilidade sustentávelMobilidade sustentável
Mobilidade sustentável
maria2345
 
Os meios de transporte
Os meios de transporteOs meios de transporte
Os meios de transporte
lidia76
 
Os transportes de energia
Os transportes de energiaOs transportes de energia
Os transportes de energia
Mayjö .
 
Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
Alcina Barbosa
 
Projeto cinema no bairro para salvador
Projeto cinema no bairro para salvadorProjeto cinema no bairro para salvador
Projeto cinema no bairro para salvador
reinaldosantosI
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
Marcos Alencar
 
Globalização cultural
Globalização culturalGlobalização cultural
Globalização cultural
Jessie1r98
 
Linguagem e comunicação I
Linguagem e comunicação ILinguagem e comunicação I
Linguagem e comunicação I
Jose Arnaldo Silva
 
Os problemas urbanos
Os problemas urbanosOs problemas urbanos
Os problemas urbanos
Paula Melo
 
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralA inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
Idalina Leite
 
Educação no trânsito
Educação no trânsitoEducação no trânsito
Educação no trânsito
André Moraes
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Lucas Queiroz
 
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livroGeografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
Jessica Amaral
 
Transportes de energia
Transportes de energiaTransportes de energia
Transportes de energia
Mayjö .
 
Literatura marginal - 8º encontro
Literatura marginal  - 8º encontroLiteratura marginal  - 8º encontro
Literatura marginal - 8º encontro
Pibid-Letras Córdula
 
Pré modernismo-slides
Pré modernismo-slidesPré modernismo-slides
Pré modernismo-slides
Zenia Ferreira
 
SEMANTICA.ppt
SEMANTICA.pptSEMANTICA.ppt
SEMANTICA.ppt
JohnJeffersonAlves1
 
Arte e cultura
Arte e cultura Arte e cultura
Arte e cultura
Tavares tavares
 

Mais procurados (20)

Introdução ao Planejamento e Política Ambiental
Introdução ao Planejamento e Política AmbientalIntrodução ao Planejamento e Política Ambiental
Introdução ao Planejamento e Política Ambiental
 
Espaço urbano cidades
Espaço urbano cidadesEspaço urbano cidades
Espaço urbano cidades
 
Mobilidade sustentável
Mobilidade sustentávelMobilidade sustentável
Mobilidade sustentável
 
Os meios de transporte
Os meios de transporteOs meios de transporte
Os meios de transporte
 
Os transportes de energia
Os transportes de energiaOs transportes de energia
Os transportes de energia
 
Globalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vidaGlobalização dos estilos de vida
Globalização dos estilos de vida
 
Projeto cinema no bairro para salvador
Projeto cinema no bairro para salvadorProjeto cinema no bairro para salvador
Projeto cinema no bairro para salvador
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
 
Globalização cultural
Globalização culturalGlobalização cultural
Globalização cultural
 
Linguagem e comunicação I
Linguagem e comunicação ILinguagem e comunicação I
Linguagem e comunicação I
 
Os problemas urbanos
Os problemas urbanosOs problemas urbanos
Os problemas urbanos
 
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralA inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
 
Educação no trânsito
Educação no trânsitoEducação no trânsito
Educação no trânsito
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livroGeografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
 
Transportes de energia
Transportes de energiaTransportes de energia
Transportes de energia
 
Literatura marginal - 8º encontro
Literatura marginal  - 8º encontroLiteratura marginal  - 8º encontro
Literatura marginal - 8º encontro
 
Pré modernismo-slides
Pré modernismo-slidesPré modernismo-slides
Pré modernismo-slides
 
SEMANTICA.ppt
SEMANTICA.pptSEMANTICA.ppt
SEMANTICA.ppt
 
Arte e cultura
Arte e cultura Arte e cultura
Arte e cultura
 

Semelhante a Transporte Publico

Mobilidade urbana [reparado]
Mobilidade urbana [reparado]Mobilidade urbana [reparado]
Mobilidade urbana [reparado]
Blendon Mendonça
 
Mobilidade: uma visão metropolitana
Mobilidade: uma visão metropolitanaMobilidade: uma visão metropolitana
Mobilidade: uma visão metropolitana
JSD Distrital de Lisboa
 
Sistema transporte aula uni9 2011
Sistema transporte aula uni9 2011Sistema transporte aula uni9 2011
Sistema transporte aula uni9 2011
Eduardo Facchini
 
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
Roberta Soares
 
Projeto de HidroTrem como Transporte Público
Projeto de HidroTrem como Transporte PúblicoProjeto de HidroTrem como Transporte Público
Projeto de HidroTrem como Transporte Público
Hilton Menezes
 
Atualidades - Mobilidade Urbana.ppt
Atualidades - Mobilidade Urbana.pptAtualidades - Mobilidade Urbana.ppt
Atualidades - Mobilidade Urbana.ppt
Igor da Silva
 
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para FortalezaTriciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
Cláudio Leopoldino
 
Mobilidade urbana - Colégio Mlobato
Mobilidade urbana - Colégio MlobatoMobilidade urbana - Colégio Mlobato
Mobilidade urbana - Colégio Mlobato
Isabel Cabral
 
Urbanismo novo paradigma de transporte público
Urbanismo   novo paradigma de transporte públicoUrbanismo   novo paradigma de transporte público
Urbanismo novo paradigma de transporte público
Fáimon Coutinho
 
Anteprojeto da mobilidade urbana
Anteprojeto da mobilidade urbanaAnteprojeto da mobilidade urbana
Anteprojeto da mobilidade urbana
Iacyra Ramos
 
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
Diogo Monteiro
 
Reunião 10-10-13
Reunião 10-10-13 Reunião 10-10-13
Reunião 10-10-13
Gianlucca Hernandez
 
STUB - Transportes Urbanos de Braganca
STUB - Transportes Urbanos de BragancaSTUB - Transportes Urbanos de Braganca
STUB - Transportes Urbanos de Braganca
Vitor Pereira
 
Carta aberta aos prefeitos eleitos
Carta aberta aos prefeitos eleitosCarta aberta aos prefeitos eleitos
Carta aberta aos prefeitos eleitos
Roberta Soares
 
01 transporte público
01  transporte público01  transporte público
01 transporte público
Antonio Antonio
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
Priscila Hilária
 
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa GenteMobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
Enio Verri
 
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptxpropostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
ChristianBarbosa26
 
Mobilidade urbana e transporte
Mobilidade urbana e transporte Mobilidade urbana e transporte
Mobilidade urbana e transporte
Kugera_tatsuki
 
Cidades sustentaveis
Cidades sustentaveisCidades sustentaveis
Cidades sustentaveis
blogdoprofbarreto
 

Semelhante a Transporte Publico (20)

Mobilidade urbana [reparado]
Mobilidade urbana [reparado]Mobilidade urbana [reparado]
Mobilidade urbana [reparado]
 
Mobilidade: uma visão metropolitana
Mobilidade: uma visão metropolitanaMobilidade: uma visão metropolitana
Mobilidade: uma visão metropolitana
 
Sistema transporte aula uni9 2011
Sistema transporte aula uni9 2011Sistema transporte aula uni9 2011
Sistema transporte aula uni9 2011
 
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
Manifestacao da-antp--a-cidadania-exige-um-tp-digno-economico-e-sustentavel-1-5
 
Projeto de HidroTrem como Transporte Público
Projeto de HidroTrem como Transporte PúblicoProjeto de HidroTrem como Transporte Público
Projeto de HidroTrem como Transporte Público
 
Atualidades - Mobilidade Urbana.ppt
Atualidades - Mobilidade Urbana.pptAtualidades - Mobilidade Urbana.ppt
Atualidades - Mobilidade Urbana.ppt
 
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para FortalezaTriciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
Triciclos como Alternativa de Transporte Urbano para Fortaleza
 
Mobilidade urbana - Colégio Mlobato
Mobilidade urbana - Colégio MlobatoMobilidade urbana - Colégio Mlobato
Mobilidade urbana - Colégio Mlobato
 
Urbanismo novo paradigma de transporte público
Urbanismo   novo paradigma de transporte públicoUrbanismo   novo paradigma de transporte público
Urbanismo novo paradigma de transporte público
 
Anteprojeto da mobilidade urbana
Anteprojeto da mobilidade urbanaAnteprojeto da mobilidade urbana
Anteprojeto da mobilidade urbana
 
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
478 texto do artigo-1114-2-10-20160323
 
Reunião 10-10-13
Reunião 10-10-13 Reunião 10-10-13
Reunião 10-10-13
 
STUB - Transportes Urbanos de Braganca
STUB - Transportes Urbanos de BragancaSTUB - Transportes Urbanos de Braganca
STUB - Transportes Urbanos de Braganca
 
Carta aberta aos prefeitos eleitos
Carta aberta aos prefeitos eleitosCarta aberta aos prefeitos eleitos
Carta aberta aos prefeitos eleitos
 
01 transporte público
01  transporte público01  transporte público
01 transporte público
 
Texto argumentativo
Texto argumentativoTexto argumentativo
Texto argumentativo
 
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa GenteMobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
Mobilidade e Acessibilidade para Toda Nossa Gente
 
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptxpropostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
propostaderedao-mobilidadeurbananobrasil-171026040951.pptx
 
Mobilidade urbana e transporte
Mobilidade urbana e transporte Mobilidade urbana e transporte
Mobilidade urbana e transporte
 
Cidades sustentaveis
Cidades sustentaveisCidades sustentaveis
Cidades sustentaveis
 

Mais de vallmachado

Seminario do trabalho_2010
Seminario do trabalho_2010Seminario do trabalho_2010
Seminario do trabalho_2010
vallmachado
 
Plano Diretor
Plano DiretorPlano Diretor
Plano Diretor
vallmachado
 
Energias Renováveis
Energias RenováveisEnergias Renováveis
Energias Renováveis
vallmachado
 
Rio Tiete Concluido
Rio Tiete ConcluidoRio Tiete Concluido
Rio Tiete Concluido
vallmachado
 
Rio+Tietê..
Rio+Tietê..Rio+Tietê..
Rio+Tietê..
vallmachado
 
Rio+Tietê..
Rio+Tietê..Rio+Tietê..
Rio+Tietê..
vallmachado
 
Uso do Solo
Uso do SoloUso do Solo
Uso do Solo
vallmachado
 
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento UrbanoUrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
vallmachado
 
PoluiçãO1
PoluiçãO1PoluiçãO1
PoluiçãO1
vallmachado
 
Mudanças Climáticas
Mudanças ClimáticasMudanças Climáticas
Mudanças Climáticas
vallmachado
 
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
vallmachado
 
Conferencias Do Clima
Conferencias Do ClimaConferencias Do Clima
Conferencias Do Clima
vallmachado
 
A Coleta De Lixo Em Sao Paulo
A Coleta De Lixo Em Sao PauloA Coleta De Lixo Em Sao Paulo
A Coleta De Lixo Em Sao Paulo
vallmachado
 
Pesquisa de dissertação em andamento.
Pesquisa de dissertação em andamento.Pesquisa de dissertação em andamento.
Pesquisa de dissertação em andamento.
vallmachado
 
Do desemprego juvenil a empregabilidade
Do desemprego juvenil a empregabilidadeDo desemprego juvenil a empregabilidade
Do desemprego juvenil a empregabilidade
vallmachado
 
Nossos Velhos
Nossos VelhosNossos Velhos
Nossos Velhos
vallmachado
 
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
vallmachado
 
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
vallmachado
 
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo ClássicoParte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
vallmachado
 
Parte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
Parte II - Descentralidade do Trabalho e ModernidadeParte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
Parte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
vallmachado
 

Mais de vallmachado (20)

Seminario do trabalho_2010
Seminario do trabalho_2010Seminario do trabalho_2010
Seminario do trabalho_2010
 
Plano Diretor
Plano DiretorPlano Diretor
Plano Diretor
 
Energias Renováveis
Energias RenováveisEnergias Renováveis
Energias Renováveis
 
Rio Tiete Concluido
Rio Tiete ConcluidoRio Tiete Concluido
Rio Tiete Concluido
 
Rio+Tietê..
Rio+Tietê..Rio+Tietê..
Rio+Tietê..
 
Rio+Tietê..
Rio+Tietê..Rio+Tietê..
Rio+Tietê..
 
Uso do Solo
Uso do SoloUso do Solo
Uso do Solo
 
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento UrbanoUrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
 
PoluiçãO1
PoluiçãO1PoluiçãO1
PoluiçãO1
 
Mudanças Climáticas
Mudanças ClimáticasMudanças Climáticas
Mudanças Climáticas
 
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
 
Conferencias Do Clima
Conferencias Do ClimaConferencias Do Clima
Conferencias Do Clima
 
A Coleta De Lixo Em Sao Paulo
A Coleta De Lixo Em Sao PauloA Coleta De Lixo Em Sao Paulo
A Coleta De Lixo Em Sao Paulo
 
Pesquisa de dissertação em andamento.
Pesquisa de dissertação em andamento.Pesquisa de dissertação em andamento.
Pesquisa de dissertação em andamento.
 
Do desemprego juvenil a empregabilidade
Do desemprego juvenil a empregabilidadeDo desemprego juvenil a empregabilidade
Do desemprego juvenil a empregabilidade
 
Nossos Velhos
Nossos VelhosNossos Velhos
Nossos Velhos
 
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
Reformas da Educacao Profissional - anos 1920 a 1980
 
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
Reformas da Educacao Profissional - anos 80 e anos 90
 
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo ClássicoParte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
Parte I - Centralidade do Trabalho no Marxismo Clássico
 
Parte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
Parte II - Descentralidade do Trabalho e ModernidadeParte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
Parte II - Descentralidade do Trabalho e Modernidade
 

Último

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 

Último (20)

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 

Transporte Publico

  • 1. TRANSPORTE PÚBLICO – O MARTIRIO NOSSO DE CADA DIA ?
  • 2. Falta de Visão do Governo O transporte público no Brasil, de modo geral, sempre foi de baixa qualidade e nunca mereceu, salvo em raros casos, uma avaliação positiva dos seus usuários. A principal razão desse quadro negativo é a falta de um planejamento e de controle dos governos municipais, responsáveis pelas suas implantações, e a ausência de uma visão estratégica e de continuidade desse assunto pelo governo federal, indutor das políticas de transporte público. As pessoas que necessitam de transporte público ficam à mercê das mais variadas situações, como greves longas; aumentos de tarifas com o objetivo de atender somente aos interesses de empresários do setor; falta de qualidade no serviço; despreparo dos funcionários das empresas; falta de segurança e conforto; pontos de ônibus ou estações sem proteção e conforto; poucos veículos disponíveis, ocasionando superlotação em horários de pique; descumprimento freqüente de horários, entre um rosário enorme de outros tantos problemas enfrentados historicamente pelos usuários.
  • 3. Transporte Publico diminui a Poluição ? O transporte público conta com uma certa variedade de veículos, sendo todos administrados por empresas públicas, ou através de licença por empresas privadas, e os seus passageiros são usuários, e não proprietários. Todas as cidades de porte médio ou grande têm variedade de transporte urbano. O transporte urbano é de grande importância para a qualidade do trânsito das cidades, pois evita a utilização de carros nas ruas e diminui a poluição, permitindo ainda que as pessoas façam grandes deslocamentos com baixos custos, principalmente, para os que não possuem recursos para adquirir os seus carros. Temos três transportes urbanos de massa: o ônibus, o metrô e o trem. Cada um tem características próprias, com impactos diferentes na vida dos seus usuários.
  • 4. MEIOS DE LOCOMOÇÃO O ônibus é o meio de mais baixo custo para implantação. Prático, eficiente e econômico, é adequado para rotas curtas. É extremamente flexível e atende um grande número de rotas urbanas. Sua principal desvantagem é a falta de capacidade de transportar um número maior de passageiros, o que o inviabiliza para rotas de maior uso, além de causar poluição pela utilização de combustível fóssil. Ou seja, tem baixa eficiência como transporte de massa. O mêtro é o transporte perfeito para grandes e médias distâncias, adequado para alta demanda de passageiros. Não polui e é econômico. É alimentado por energia elétrica. Fica isolado dentro da malha urbana e seu acesso para os passageiros se dá pelas estações construídas ao longo das suas linhas. Seu custo ambiental é baixo, porém, sua construção ocasiona grandes transtornos ao meio ambiente e à comunidade do entorno, além do custo financeiro ser muito elevado e os prazos de finalização serem longos.
  • 5. TREM O trem é o transporte público ideal para as ligações interurbanas entre pontos afastados, usado para transportar um grande número de pessoas. Geralmente é fruto de projetos federais, podendo também envolver unidades da federação quando usado dentro de grandes cidades. Em nossas grandes cidades o trem já está interligado a outros transportes públicos, permitindo a baldeação de pessoas que moram mais distante e trabalham nos grandes centros urbanos.
  • 6. TRANSPORTE PÚBLICO,VIVEMOS SEM ? Como cada vez mais pessoas moram nas áreas urbanas, o transporte público virou prioridade em qualquer planejamento governamental. Sua ausência acarreta problemas difíceis para a população, levando-a a perder muito tempo com deslocamento, além da perda de uma parcela importante do seu orçamento, o que representa uma sensível piora na qualidade de vida dessa população, geralmente a mais carente. A viabilização do transporte público com qualidade é fator de desenvolvimento social e possibilita um equilíbrio entre o uso dos transportes públicos e dos carros particulares. Isso evitaria os grandes congestionamentos e a perda de tempo e dinheiro para a população em geral.
  • 7. Cidades Sustentáveis As cidades com boa solução nos seus transportes públicos estão mais preparadas para resolver os outros problemas que ocorrem em conseqüência do crescimento.Cidades sustentáveis são as que têm a maior parte da sua população deslocando-se por meio de transporte público de qualidade. Sem resolvermos esse grande impasse não poderemos avançar como uma sociedade sustentável.  
  • 8. MASDAR A CIDADE SUSTENTAVEL A Cidade chamada de Masdar ("a fonte", em árabe), Localizada nos Emirados Árabes Unidos é a primeira cidade sustentável no mundo, com emissão de carbono zero e utilizando apenas energia renovável.Parece utopia, mais um ótimo exemplo ao mundo .