SlideShare uma empresa Scribd logo
Esfera Celeste



• http://www.youtube.com/watch?v=urImsKh4
  wNU

  – Vídeo 1
Sistema de Coordenada Local
        (Horizontal)

                   • Zênite

                       • Ponto que fica acima
                         da cabeça da pessoa

                   • Nadir

                       • Ponto oposto ao Zênite

                   • O tamanho da pessoa está
                     exagerado, por isso o
                     Horizonte verdadeiro não
                     coincide com o Horizonte
                     astronômico
Sistema de Coordenada Local
        (Horizontal)
                  • Azimute

                      • Medido no sentido horário
                        com origem no Norte

                      • Varia entre 0o e 360o

                  • Altura(altitude)

                      • É o ângulo medido sobre o
                        círculo vertical do Astro,
                        com origem no Horizonte e
                        fim no astro
Sistema de Coordenada Local
             (Horizontal)



• http://astro.unl.edu/classaction/animations/c
  oordsmotion/altazimuth.html
Sistema equatorial celeste
                • Equador Celeste

                    • Projeção do equador da
                      Terra sobre a esfera celeste

                • Eclíptica

                    • Trajetória aparente do Sol
                      em torno da Terra

                • Ponto Vernal (Áries, Gama)

                    • É um ponto no Equador,
                      ocupado pelo Sol quando
                      passa do Hemisfério Sul
                      Celeste para o Hemisfério
                      Norte Celeste
Sistema equatorial celeste
                • Ascensão reta

                    • Ângulo medido sobre o
                      equador, com origem no
                      meridiano que passa pelo
                      ponto vernal e fim no
                      meridiano do astro.
                    • Aumenta para leste
                    • Varia entre 0o e 360o

                • Declinação

                    • Ângulo medido sobre o
                      meridiano do astro, com
                      origem no equador celeste e
                      extremidade no astro
                    • Varia entre -90o e +90o
Sistema equatorial celeste




• http://astro.unl.edu/classaction/animations/c
  oordsmotion/radecdemo.html
Os dois sistemas




• http://astro.unl.edu/naap/motion2/two_syste
  ms.html
Equador celeste e o Plano da Eclíptica
Equador celeste e o Plano da Eclíptica
Equador celeste e o Plano da Eclíptica




• http://astro.unl.edu/naap/motion3/animation
  s/sunmotions.html
Coordenadas Galácticas
                                                                 • Equador Galáctico

                                                                     • Coincide com o plano da Via
                                                                       Láctea ( Em vermelho na
                                                                       figura )

                                                                 • Latitude

                                                                     • Está acima ou abaixo desse
                                                                       plano
                                                                     • Varia entre -90o e +90º
                                                                 • Logitude

                                                                     • Centro da Galáxia como
                                                                       ponto de referência
                                                                     • Varia entre 0o e 360o
                                                                     • Sentido anti-horário
0º is in the direction of Sagittarius
90º is in the direction of Cygnus
180º is in the direction of the galactic anti-center in Auriga
270º is in the direction of Vela
Referências
• http://astro.unl.edu/

• The Cosmic Perspective, Bennett Donahue,
  Schneider Voit

• Astronomia e Astrofísica, Kepler de Souza Oliveira
  Filho, Maria de Fátima Oliveira Saraiva

• http://www.thinkastronomy.com/M13/Manual/c
  ommon/galactic_coords.html

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O planeta terra
O planeta terraO planeta terra
O planeta terra
Prof. Francesco Torres
 
Introdução à Astronomia
Introdução à AstronomiaIntrodução à Astronomia
Introdução à Astronomia
Colégio Espaço Aberto
 
Fases lua
Fases luaFases lua
Fases lua
Manuel Silva
 
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da NaturezaA Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
XequeMateShannon
 
Estações do ano
Estações do anoEstações do ano
Estações do ano
Marcos Neves
 
Atmosfera, tempo e fatores climáticos
Atmosfera, tempo e fatores climáticosAtmosfera, tempo e fatores climáticos
Atmosfera, tempo e fatores climáticos
Professor
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universo
Rebeca Vale
 
Orientação geográfica 10ª classe
Orientação geográfica 10ª classeOrientação geográfica 10ª classe
Orientação geográfica 10ª classe
Diabzie
 
Trabalho e Energia
Trabalho e Energia Trabalho e Energia
Trabalho e Energia
fisicaatual
 
Transformações químicas da matéria
Transformações químicas da matériaTransformações químicas da matéria
Transformações químicas da matéria
Layanne Caetano
 
Leis de Newton
Leis de NewtonLeis de Newton
Leis de Newton
Daniela F Almenara
 
Interpretação de gráficos e tabelas
Interpretação de gráficos e tabelasInterpretação de gráficos e tabelas
Interpretação de gráficos e tabelas
Carlos Priante
 
Aula 4 vetores
Aula 4  vetoresAula 4  vetores
Aula 4 vetores
Montenegro Física
 
Equação da reta
Equação da retaEquação da reta
Equação da reta
Goretti Silva
 
Ondas
OndasOndas
Corrente elétrica
Corrente elétricaCorrente elétrica
Corrente elétrica
O mundo da FÍSICA
 
Aula 4 monitoria pressão atmosférica
Aula 4 monitoria pressão atmosféricaAula 4 monitoria pressão atmosférica
Aula 4 monitoria pressão atmosférica
LCGRH UFC
 
Astronomia
AstronomiaAstronomia
Astronomia
jwell1982
 
I.2 O sistema solar
I.2 O sistema solarI.2 O sistema solar
I.2 O sistema solar
Rebeca Vale
 
A energia e sua conservação
A energia e sua conservaçãoA energia e sua conservação
A energia e sua conservação
Arthur Borges
 

Mais procurados (20)

O planeta terra
O planeta terraO planeta terra
O planeta terra
 
Introdução à Astronomia
Introdução à AstronomiaIntrodução à Astronomia
Introdução à Astronomia
 
Fases lua
Fases luaFases lua
Fases lua
 
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da NaturezaA Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
A Teoria de Cordas e a Unificação das Forças da Natureza
 
Estações do ano
Estações do anoEstações do ano
Estações do ano
 
Atmosfera, tempo e fatores climáticos
Atmosfera, tempo e fatores climáticosAtmosfera, tempo e fatores climáticos
Atmosfera, tempo e fatores climáticos
 
I.1 A origem do universo
I.1 A origem do universoI.1 A origem do universo
I.1 A origem do universo
 
Orientação geográfica 10ª classe
Orientação geográfica 10ª classeOrientação geográfica 10ª classe
Orientação geográfica 10ª classe
 
Trabalho e Energia
Trabalho e Energia Trabalho e Energia
Trabalho e Energia
 
Transformações químicas da matéria
Transformações químicas da matériaTransformações químicas da matéria
Transformações químicas da matéria
 
Leis de Newton
Leis de NewtonLeis de Newton
Leis de Newton
 
Interpretação de gráficos e tabelas
Interpretação de gráficos e tabelasInterpretação de gráficos e tabelas
Interpretação de gráficos e tabelas
 
Aula 4 vetores
Aula 4  vetoresAula 4  vetores
Aula 4 vetores
 
Equação da reta
Equação da retaEquação da reta
Equação da reta
 
Ondas
OndasOndas
Ondas
 
Corrente elétrica
Corrente elétricaCorrente elétrica
Corrente elétrica
 
Aula 4 monitoria pressão atmosférica
Aula 4 monitoria pressão atmosféricaAula 4 monitoria pressão atmosférica
Aula 4 monitoria pressão atmosférica
 
Astronomia
AstronomiaAstronomia
Astronomia
 
I.2 O sistema solar
I.2 O sistema solarI.2 O sistema solar
I.2 O sistema solar
 
A energia e sua conservação
A energia e sua conservaçãoA energia e sua conservação
A energia e sua conservação
 

Semelhante a Sistemas de coordenadas astronômicas

Cartografia
CartografiaCartografia
Cartografia
Jorio Sena
 
Cartografia 1º ano
Cartografia 1º anoCartografia 1º ano
Cartografia 1º ano
Celso Roberto Pitta Santos
 
Cartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapasCartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapas
Roberta Sumar
 
Apresentação curso geografia
Apresentação curso geografiaApresentação curso geografia
Apresentação curso geografia
Vandy Zago
 
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
Thommas Kevin
 
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAISTERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
Fábio Ribeiro
 
Astronomia para iniciantes
Astronomia para iniciantesAstronomia para iniciantes
Astronomia para iniciantes
Fernandowerkhaizer
 
Meios de orientação geográfica
Meios de orientação geográficaMeios de orientação geográfica
Meios de orientação geográfica
Carlos Antonio da Silva Lima Filho
 

Semelhante a Sistemas de coordenadas astronômicas (8)

Cartografia
CartografiaCartografia
Cartografia
 
Cartografia 1º ano
Cartografia 1º anoCartografia 1º ano
Cartografia 1º ano
 
Cartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapasCartografia: A linguagem dos mapas
Cartografia: A linguagem dos mapas
 
Apresentação curso geografia
Apresentação curso geografiaApresentação curso geografia
Apresentação curso geografia
 
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
Astronomia e astrof´+¢sica parte 001
 
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAISTERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
TERRA : CONCEITOS FUNDAMENTAIS
 
Astronomia para iniciantes
Astronomia para iniciantesAstronomia para iniciantes
Astronomia para iniciantes
 
Meios de orientação geográfica
Meios de orientação geográficaMeios de orientação geográfica
Meios de orientação geográfica
 

Mais de Felipe Menegotto

Processos de Transferência de Calor
Processos de Transferência de CalorProcessos de Transferência de Calor
Processos de Transferência de Calor
Felipe Menegotto
 
Eletromagnetismo - Indução Eletromagnética
Eletromagnetismo - Indução EletromagnéticaEletromagnetismo - Indução Eletromagnética
Eletromagnetismo - Indução Eletromagnética
Felipe Menegotto
 
Pré-UFRGS Física
Pré-UFRGS FísicaPré-UFRGS Física
Pré-UFRGS Física
Felipe Menegotto
 
Gráficos - Cinemática - Revisão
Gráficos - Cinemática - RevisãoGráficos - Cinemática - Revisão
Gráficos - Cinemática - Revisão
Felipe Menegotto
 
Ondas - Parte II
Ondas - Parte IIOndas - Parte II
Ondas - Parte II
Felipe Menegotto
 
Ondas Eletromagnéticas
Ondas EletromagnéticasOndas Eletromagnéticas
Ondas Eletromagnéticas
Felipe Menegotto
 
Ondas Sonoras
Ondas SonorasOndas Sonoras
Ondas Sonoras
Felipe Menegotto
 
Leis de Newton
Leis de NewtonLeis de Newton
Leis de Newton
Felipe Menegotto
 
Dispersão da luz
Dispersão da luzDispersão da luz
Dispersão da luz
Felipe Menegotto
 
Oficina de Radiações - Dia 1
Oficina de Radiações - Dia 1Oficina de Radiações - Dia 1
Oficina de Radiações - Dia 1
Felipe Menegotto
 
Campo elétrico e seu caráter vetorial
Campo elétrico e seu caráter vetorialCampo elétrico e seu caráter vetorial
Campo elétrico e seu caráter vetorial
Felipe Menegotto
 
Ondas - Parte I
Ondas - Parte IOndas - Parte I
Ondas - Parte I
Felipe Menegotto
 
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energia
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energiaMontanha russa, força centrípeta e conservação de energia
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energia
Felipe Menegotto
 
Código de barras
Código de barrasCódigo de barras
Código de barras
Felipe Menegotto
 
Supercondutividade
SupercondutividadeSupercondutividade
Supercondutividade
Felipe Menegotto
 
Cultura e astronomia pré colombianas
Cultura e astronomia pré colombianasCultura e astronomia pré colombianas
Cultura e astronomia pré colombianas
Felipe Menegotto
 
Teoria cinética dos gases pt2
Teoria cinética dos gases pt2Teoria cinética dos gases pt2
Teoria cinética dos gases pt2
Felipe Menegotto
 
Teoria cinética dos gases pt1
Teoria cinética dos gases pt1Teoria cinética dos gases pt1
Teoria cinética dos gases pt1
Felipe Menegotto
 
Oscilações
OscilaçõesOscilações
Oscilações
Felipe Menegotto
 
Astronomia antiga
Astronomia antigaAstronomia antiga
Astronomia antiga
Felipe Menegotto
 

Mais de Felipe Menegotto (20)

Processos de Transferência de Calor
Processos de Transferência de CalorProcessos de Transferência de Calor
Processos de Transferência de Calor
 
Eletromagnetismo - Indução Eletromagnética
Eletromagnetismo - Indução EletromagnéticaEletromagnetismo - Indução Eletromagnética
Eletromagnetismo - Indução Eletromagnética
 
Pré-UFRGS Física
Pré-UFRGS FísicaPré-UFRGS Física
Pré-UFRGS Física
 
Gráficos - Cinemática - Revisão
Gráficos - Cinemática - RevisãoGráficos - Cinemática - Revisão
Gráficos - Cinemática - Revisão
 
Ondas - Parte II
Ondas - Parte IIOndas - Parte II
Ondas - Parte II
 
Ondas Eletromagnéticas
Ondas EletromagnéticasOndas Eletromagnéticas
Ondas Eletromagnéticas
 
Ondas Sonoras
Ondas SonorasOndas Sonoras
Ondas Sonoras
 
Leis de Newton
Leis de NewtonLeis de Newton
Leis de Newton
 
Dispersão da luz
Dispersão da luzDispersão da luz
Dispersão da luz
 
Oficina de Radiações - Dia 1
Oficina de Radiações - Dia 1Oficina de Radiações - Dia 1
Oficina de Radiações - Dia 1
 
Campo elétrico e seu caráter vetorial
Campo elétrico e seu caráter vetorialCampo elétrico e seu caráter vetorial
Campo elétrico e seu caráter vetorial
 
Ondas - Parte I
Ondas - Parte IOndas - Parte I
Ondas - Parte I
 
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energia
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energiaMontanha russa, força centrípeta e conservação de energia
Montanha russa, força centrípeta e conservação de energia
 
Código de barras
Código de barrasCódigo de barras
Código de barras
 
Supercondutividade
SupercondutividadeSupercondutividade
Supercondutividade
 
Cultura e astronomia pré colombianas
Cultura e astronomia pré colombianasCultura e astronomia pré colombianas
Cultura e astronomia pré colombianas
 
Teoria cinética dos gases pt2
Teoria cinética dos gases pt2Teoria cinética dos gases pt2
Teoria cinética dos gases pt2
 
Teoria cinética dos gases pt1
Teoria cinética dos gases pt1Teoria cinética dos gases pt1
Teoria cinética dos gases pt1
 
Oscilações
OscilaçõesOscilações
Oscilações
 
Astronomia antiga
Astronomia antigaAstronomia antiga
Astronomia antiga
 

Último

UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 

Último (20)

UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 

Sistemas de coordenadas astronômicas

  • 1.
  • 3. Sistema de Coordenada Local (Horizontal) • Zênite • Ponto que fica acima da cabeça da pessoa • Nadir • Ponto oposto ao Zênite • O tamanho da pessoa está exagerado, por isso o Horizonte verdadeiro não coincide com o Horizonte astronômico
  • 4. Sistema de Coordenada Local (Horizontal) • Azimute • Medido no sentido horário com origem no Norte • Varia entre 0o e 360o • Altura(altitude) • É o ângulo medido sobre o círculo vertical do Astro, com origem no Horizonte e fim no astro
  • 5. Sistema de Coordenada Local (Horizontal) • http://astro.unl.edu/classaction/animations/c oordsmotion/altazimuth.html
  • 6. Sistema equatorial celeste • Equador Celeste • Projeção do equador da Terra sobre a esfera celeste • Eclíptica • Trajetória aparente do Sol em torno da Terra • Ponto Vernal (Áries, Gama) • É um ponto no Equador, ocupado pelo Sol quando passa do Hemisfério Sul Celeste para o Hemisfério Norte Celeste
  • 7. Sistema equatorial celeste • Ascensão reta • Ângulo medido sobre o equador, com origem no meridiano que passa pelo ponto vernal e fim no meridiano do astro. • Aumenta para leste • Varia entre 0o e 360o • Declinação • Ângulo medido sobre o meridiano do astro, com origem no equador celeste e extremidade no astro • Varia entre -90o e +90o
  • 8. Sistema equatorial celeste • http://astro.unl.edu/classaction/animations/c oordsmotion/radecdemo.html
  • 9. Os dois sistemas • http://astro.unl.edu/naap/motion2/two_syste ms.html
  • 10. Equador celeste e o Plano da Eclíptica
  • 11. Equador celeste e o Plano da Eclíptica
  • 12. Equador celeste e o Plano da Eclíptica • http://astro.unl.edu/naap/motion3/animation s/sunmotions.html
  • 13. Coordenadas Galácticas • Equador Galáctico • Coincide com o plano da Via Láctea ( Em vermelho na figura ) • Latitude • Está acima ou abaixo desse plano • Varia entre -90o e +90º • Logitude • Centro da Galáxia como ponto de referência • Varia entre 0o e 360o • Sentido anti-horário 0º is in the direction of Sagittarius 90º is in the direction of Cygnus 180º is in the direction of the galactic anti-center in Auriga 270º is in the direction of Vela
  • 14. Referências • http://astro.unl.edu/ • The Cosmic Perspective, Bennett Donahue, Schneider Voit • Astronomia e Astrofísica, Kepler de Souza Oliveira Filho, Maria de Fátima Oliveira Saraiva • http://www.thinkastronomy.com/M13/Manual/c ommon/galactic_coords.html