SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
DISTORÇÕES
COGNITIVAS
A S
P R I N C I P A I S
POC
DISTORÇÕES
COGNITIVAS
Distorções cognitivas são erros de pensamento
Presentes um pouco em todas
apresentações psicopatológicas,
são enviesamentos sistemáticos
do raciocínio, que criam
problemas na forma como lemos
a realidade.
As distorções mais
importantes habitualmente
presentes na Perturbação
Obsessivo-Compulsiva são as
6 que encontra aqui.
01
As pessoas com POC tendem a fusionar
pensamento com acção: se penso, logo faço.
Por ex., a imagem mental de fazer mal a
alguém importante, faz com que a pessoa
com POC ache que é má pessoa e que não
pode ter esse pensamento sob pena de vir
Demasiada importância atribuída aos pensamentos
a agir em conformidade.
Por isso, tendem a tentar suprimir os
pensamentos o que, infelizmente, apenas faz com
que eles criem mais intensidade ou surjam com
mais frequência.02
PENSAMENTOS
As pessoas com POC tendem a achar que o
risco daquilo que fazem - ou não fazem - é
muito superior ao razoável.
Por exemplo, que podem desgraçar a sua
imagem profissional se cometerem um
erro num email, ou que o prédio pode
Sobre-valorização do risco potencial das suas acções
explodir se não verificarem o gás no fogão e/ou
esquentador.
No fundo, é uma confusão entre possibilidade e
probabilidade, que as faz envidarem esforços
excessivos para tentarem controlar as
consequências improváveis.
03
RISCO
As pessoas com POC tendem a sentir que
são responsáveis por acontecimentos de
uma forma que chega a ser mágica e
supersticiosa: "Se eu não fizer as coisas por
esta ordem, posso levar a que haja um
acidente com os meus pais"
Sobre-valorização da sua responsabilidade sobre os acontecimentos
É importante referir que na POC as pessoas
habitualmente estão conscientes do carácter
ilógico da maioria dos seus raciocínios POC -
apenas que ainda não sabem como os contrariar e
devolver normalidade de leitura da vida.
04
RESPONSABI-
LIDADE
As pessoas com POC tendem a sentir os
riscos das situações como imensos e a sua
capacidade para lhes fazer face como
insuficiente.
Sobrevalorização do perigo inerente à adversidade
Por exemplo, se disserem a palavra errada e
temida numa reunião profissional, acreditam que
vão ser ridicularizados e humilhados, o que os irá
destroçar para lá de qualquer capacidade de
recuperação.
05
PERIGO
As pessoas com POC tendem a ser como que
alérgicos à incerteza natural da vida.
A possibilidade de algo acontecer, sem que
se possa obter certezas quanto a essa
possibilidade é extremamente
Intolerância à incerteza
angustiante e resulta em compulsões que visam
criar uma sensação de (falsa) certeza.
Resulta também em vários comportamentos de
confirmação junto dos outros, o que desgasta as
relações interpessoais.06
CERTEZA
As pessoas com POC tendem a assumir as
emoções negativas como perigosas; sinal de
que poderão endoidecer ou, de alguma
forma, se fragmentarem, quebrarem,
deixarem de funcionar.
Intolerância ao desconforto emocional
As maioria das compulsões tem por função,
precisamente, criar um escape à ansiedade que é
gerada nas obsessões, poupando a pessoa com
POC a um incremento de emoções negativas, que
ela não se sente capaz de suportar.
07
DESCONFORTO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Teoria das representações sociais
Teoria das representações sociaisTeoria das representações sociais
Teoria das representações sociais
Jhonata Andrade
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
Dalila Melo
 
Falando sobre transtorno da ansiedade
Falando sobre transtorno da ansiedadeFalando sobre transtorno da ansiedade
Falando sobre transtorno da ansiedade
izaiasneto4
 
At puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
At   puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmicaAt   puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
At puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
efbarbosa
 

Mais procurados (20)

Sonhos
SonhosSonhos
Sonhos
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
Psicologia Organizacional (Histórico, Conceitos e Clima)
 
ESTUDO DIRIGIDO - PSICOSSOMÁTICA
ESTUDO DIRIGIDO - PSICOSSOMÁTICAESTUDO DIRIGIDO - PSICOSSOMÁTICA
ESTUDO DIRIGIDO - PSICOSSOMÁTICA
 
Grupoterapias
GrupoterapiasGrupoterapias
Grupoterapias
 
Teoria das representações sociais
Teoria das representações sociaisTeoria das representações sociais
Teoria das representações sociais
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
FOCO
FOCOFOCO
FOCO
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na Liderança
 
Modelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beckModelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beck
 
Falando sobre transtorno da ansiedade
Falando sobre transtorno da ansiedadeFalando sobre transtorno da ansiedade
Falando sobre transtorno da ansiedade
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
 
Técnicas de Seleção: Psicodrama
Técnicas de Seleção: PsicodramaTécnicas de Seleção: Psicodrama
Técnicas de Seleção: Psicodrama
 
At puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
At   puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmicaAt   puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
At puc 2011- fatores de motivação e realização na vida acadêmica
 
Saúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalhoSaúde mental e trabalho
Saúde mental e trabalho
 
TCC - Terapia Cognitivo Comportamental
TCC - Terapia Cognitivo ComportamentalTCC - Terapia Cognitivo Comportamental
TCC - Terapia Cognitivo Comportamental
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
 
Relacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20hRelacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20h
 

Semelhante a Poc distorcoes-cognitivas

Os 10 problemas mais comuns do pensamento humano
Os 10 problemas mais comuns do pensamento humanoOs 10 problemas mais comuns do pensamento humano
Os 10 problemas mais comuns do pensamento humano
Maria Masarela Passos
 
Diferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescênciaDiferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescência
Noticia Teen
 

Semelhante a Poc distorcoes-cognitivas (20)

Saúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulherSaúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulher
 
Apresentação livro das famílias
Apresentação livro das famíliasApresentação livro das famílias
Apresentação livro das famílias
 
Onde Nascem Os Pensamentos
Onde Nascem Os PensamentosOnde Nascem Os Pensamentos
Onde Nascem Os Pensamentos
 
Os 10 problemas mais comuns do pensamento humano
Os 10 problemas mais comuns do pensamento humanoOs 10 problemas mais comuns do pensamento humano
Os 10 problemas mais comuns do pensamento humano
 
5-Thais_Kuroda.pdf
5-Thais_Kuroda.pdf5-Thais_Kuroda.pdf
5-Thais_Kuroda.pdf
 
Autoestima - Prof. Dra. Beatriz Acampora
Autoestima - Prof. Dra. Beatriz AcamporaAutoestima - Prof. Dra. Beatriz Acampora
Autoestima - Prof. Dra. Beatriz Acampora
 
ANSIEDADE.pptx
ANSIEDADE.pptxANSIEDADE.pptx
ANSIEDADE.pptx
 
Apoio na redução de peso
Apoio na redução de pesoApoio na redução de peso
Apoio na redução de peso
 
Maturidadeemocional
MaturidadeemocionalMaturidadeemocional
Maturidadeemocional
 
A Comunicação e os Relacionamentos de Sucesso
A Comunicação e os Relacionamentos de SucessoA Comunicação e os Relacionamentos de Sucesso
A Comunicação e os Relacionamentos de Sucesso
 
Poc slides
Poc slidesPoc slides
Poc slides
 
A depresso impotencia para viver
A depresso   impotencia para viverA depresso   impotencia para viver
A depresso impotencia para viver
 
A depresso impotencia para viver
A depresso   impotencia para viverA depresso   impotencia para viver
A depresso impotencia para viver
 
Como aumentar a auto estima do seu filho
Como aumentar a auto estima do seu filhoComo aumentar a auto estima do seu filho
Como aumentar a auto estima do seu filho
 
Inteligência+emocional
Inteligência+emocionalInteligência+emocional
Inteligência+emocional
 
Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!
 
Diferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescênciaDiferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescência
 
Reestruturação do pensamento
Reestruturação do pensamentoReestruturação do pensamento
Reestruturação do pensamento
 
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdfCOMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
COMO LIDAR DOENTES DIFICEIS.GESTÃO CONFLITOS(1) [Reparado].pdf
 
Distorções cognitivas
Distorções cognitivasDistorções cognitivas
Distorções cognitivas
 

Mais de Oficina Psicologia

Mais de Oficina Psicologia (20)

Dismorfia corporal
Dismorfia corporal Dismorfia corporal
Dismorfia corporal
 
Optimismo
OptimismoOptimismo
Optimismo
 
Gerir as micro-agressões
Gerir as micro-agressõesGerir as micro-agressões
Gerir as micro-agressões
 
Agorafobia
AgorafobiaAgorafobia
Agorafobia
 
Procrastinação
ProcrastinaçãoProcrastinação
Procrastinação
 
Reflexoes para um verao ensolarado
Reflexoes para um verao ensolaradoReflexoes para um verao ensolarado
Reflexoes para um verao ensolarado
 
Snapshot
Snapshot Snapshot
Snapshot
 
Happiness
HappinessHappiness
Happiness
 
Gratitude
GratitudeGratitude
Gratitude
 
Being happy
Being happyBeing happy
Being happy
 
A hug
A hugA hug
A hug
 
30 questions to ask your partner instead of the dull how was your day--
30 questions to ask your partner instead of the dull  how was your day--30 questions to ask your partner instead of the dull  how was your day--
30 questions to ask your partner instead of the dull how was your day--
 
7 habits + 1
7 habits + 17 habits + 1
7 habits + 1
 
Guia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicasGuia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicas
 
Dicas para comunicar de forma autentica
Dicas para comunicar de forma autenticaDicas para comunicar de forma autentica
Dicas para comunicar de forma autentica
 
Como lidar com a preocupação excessiva
Como lidar com a preocupação excessiva Como lidar com a preocupação excessiva
Como lidar com a preocupação excessiva
 
Como vencer a autosabotagem emocional?
Como vencer a autosabotagem emocional?Como vencer a autosabotagem emocional?
Como vencer a autosabotagem emocional?
 
Amar na medida certa
Amar na medida certaAmar na medida certa
Amar na medida certa
 
Mapa pessoal
Mapa pessoalMapa pessoal
Mapa pessoal
 
Um regulador natural de emoções
Um regulador natural de emoçõesUm regulador natural de emoções
Um regulador natural de emoções
 

Último

Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdfMetabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
MayaraStefanydaSilva1
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 

Último (8)

Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 
Tabela-pontos-de-corte-clinicos-BrCAST-12-abr-22.pdf
Tabela-pontos-de-corte-clinicos-BrCAST-12-abr-22.pdfTabela-pontos-de-corte-clinicos-BrCAST-12-abr-22.pdf
Tabela-pontos-de-corte-clinicos-BrCAST-12-abr-22.pdf
 
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdfATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
ATIVIDADE 1 - FSCE - FORMAÇÃO SOCIOCULTURAL E ÉTICA II - 52_2024.pdf
 
Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdfMetabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
Metabolismo Celular, Respiração Celular aeróbia e anaeróbia.pdf
 
AULA - Fígado, vias biliares e pâncreas exócrino.pdf
AULA - Fígado, vias biliares e pâncreas exócrino.pdfAULA - Fígado, vias biliares e pâncreas exócrino.pdf
AULA - Fígado, vias biliares e pâncreas exócrino.pdf
 
AULA 02 TEMPO CIRURGICO-SEGURANÇA DO PACIENTE.pptx
AULA 02 TEMPO CIRURGICO-SEGURANÇA DO PACIENTE.pptxAULA 02 TEMPO CIRURGICO-SEGURANÇA DO PACIENTE.pptx
AULA 02 TEMPO CIRURGICO-SEGURANÇA DO PACIENTE.pptx
 
DOENÇAS DE NOTIFICAÇÕES COMPULSÓRIAS - slide.pptx
DOENÇAS DE NOTIFICAÇÕES COMPULSÓRIAS - slide.pptxDOENÇAS DE NOTIFICAÇÕES COMPULSÓRIAS - slide.pptx
DOENÇAS DE NOTIFICAÇÕES COMPULSÓRIAS - slide.pptx
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 

Poc distorcoes-cognitivas

  • 1. DISTORÇÕES COGNITIVAS A S P R I N C I P A I S POC
  • 2. DISTORÇÕES COGNITIVAS Distorções cognitivas são erros de pensamento Presentes um pouco em todas apresentações psicopatológicas, são enviesamentos sistemáticos do raciocínio, que criam problemas na forma como lemos a realidade. As distorções mais importantes habitualmente presentes na Perturbação Obsessivo-Compulsiva são as 6 que encontra aqui. 01
  • 3. As pessoas com POC tendem a fusionar pensamento com acção: se penso, logo faço. Por ex., a imagem mental de fazer mal a alguém importante, faz com que a pessoa com POC ache que é má pessoa e que não pode ter esse pensamento sob pena de vir Demasiada importância atribuída aos pensamentos a agir em conformidade. Por isso, tendem a tentar suprimir os pensamentos o que, infelizmente, apenas faz com que eles criem mais intensidade ou surjam com mais frequência.02 PENSAMENTOS
  • 4. As pessoas com POC tendem a achar que o risco daquilo que fazem - ou não fazem - é muito superior ao razoável. Por exemplo, que podem desgraçar a sua imagem profissional se cometerem um erro num email, ou que o prédio pode Sobre-valorização do risco potencial das suas acções explodir se não verificarem o gás no fogão e/ou esquentador. No fundo, é uma confusão entre possibilidade e probabilidade, que as faz envidarem esforços excessivos para tentarem controlar as consequências improváveis. 03 RISCO
  • 5. As pessoas com POC tendem a sentir que são responsáveis por acontecimentos de uma forma que chega a ser mágica e supersticiosa: "Se eu não fizer as coisas por esta ordem, posso levar a que haja um acidente com os meus pais" Sobre-valorização da sua responsabilidade sobre os acontecimentos É importante referir que na POC as pessoas habitualmente estão conscientes do carácter ilógico da maioria dos seus raciocínios POC - apenas que ainda não sabem como os contrariar e devolver normalidade de leitura da vida. 04 RESPONSABI- LIDADE
  • 6. As pessoas com POC tendem a sentir os riscos das situações como imensos e a sua capacidade para lhes fazer face como insuficiente. Sobrevalorização do perigo inerente à adversidade Por exemplo, se disserem a palavra errada e temida numa reunião profissional, acreditam que vão ser ridicularizados e humilhados, o que os irá destroçar para lá de qualquer capacidade de recuperação. 05 PERIGO
  • 7. As pessoas com POC tendem a ser como que alérgicos à incerteza natural da vida. A possibilidade de algo acontecer, sem que se possa obter certezas quanto a essa possibilidade é extremamente Intolerância à incerteza angustiante e resulta em compulsões que visam criar uma sensação de (falsa) certeza. Resulta também em vários comportamentos de confirmação junto dos outros, o que desgasta as relações interpessoais.06 CERTEZA
  • 8. As pessoas com POC tendem a assumir as emoções negativas como perigosas; sinal de que poderão endoidecer ou, de alguma forma, se fragmentarem, quebrarem, deixarem de funcionar. Intolerância ao desconforto emocional As maioria das compulsões tem por função, precisamente, criar um escape à ansiedade que é gerada nas obsessões, poupando a pessoa com POC a um incremento de emoções negativas, que ela não se sente capaz de suportar. 07 DESCONFORTO