SlideShare uma empresa Scribd logo
 Entre os movimentos artísticos que
surgiram no final do século XIX e
início do século XX, o Cubismo talvez
tenha sido o que causou maior
impacto.
 A incessante busca pelo naturalismo,
que ocorria desde o Pós-
Impressionismo, quebrou
definitivamente as regras tradicionais
de sombreado e perspectiva que
deixavam as pinturas mais
 No Cubismo o foco passa a ser a
bidimensionalidade das figuras. As
formas são fragmentadas em formas
geométricas dentro de um espaço
limitado e representadas em vários
ângulos diferentes ao mesmo tempo.
Les Demoiselles
d’Avignon, de Pablo
Picasso.
A pintura apresenta 5
figuras femininas
dispostas como se
estivessem em um
cenário de teatro,
com o corpo exposto
em meio a panos e
cortinas. Algumas
parecem estar
usando máscaras
enquanto outras
parecem estar se
contorcendo pra
mostrar todos os
lados do corpo ao
mesmo tempo em um
único plano. Nessa
obra Picasso usou
como referência as
 Pablo Picasso e Georges Braque
foram os criadores desse novo jeito
de fazer arte. Picasso se inspirou
nas máscaras africanas enquanto
Braque teve como referência as
pinturas quase geométricas do seu
conterrâneo Paul Cézanne.
PAUL CÉZANNE GEORGES BRAQUE
Viaduct at L'Estaque, 1908
Mont Sainte-Victoire, 1902
MÁSCARAS
AFRICANAS
PINTURA DE
PICASSO
Les Demoiselles d’Avignon (detalhe)Máscara Gabonesa
 Muitas obras cubistas até são bem
coloridas, mas, ao contrário dos
fauvistas, para os cubistas a cor não
era tão importante. Picasso dizia que
não queria agradar ao espectador,
mas sim apresentar problemas e
dificuldades a quem apreciasse suas
obras.
Compare os dois retratos:
FAUVISTA CUBISTA
O atleta, Pablo Picasso, 1909Madame Matisse, Henri Matisse, 1905
 As temáticas preferidas eram naturezas –
mortas e retratos.
› Para resolver o problema da desconstrução das
figuras, os cubistas inseriam detalhes de formas
conhecidas, como objetos ou partes do corpo
humano. Assim, elas forneciam indícios ao
espectador para que este percebesse a
desconstrução que conferia a algumas obras a
condição de enigmas ou quebra-cabeças a
sem decifrados visualmente.
NATUREZAS-MORTAS RETRATOS
Mulher com bandolin, Braque 1910Violino e Frutas, Picasso, 1912
Tendo como referência apenas
os trabalhos de Picasso,
podemos ter ideia da evolução
do Cubismo. Mas o mesmo se
aplica a outros artistas também.
No começo as
composições
eram
construídas em
um padrão
vertical-
horizontal. A
paleta era bem
monocromática,
com variações
de tonalidades
apenas para
sugerir alguns
volumes.
Horta de Ebro – Casas Sobre a Colina, Picasso, 1909
Com o tempo os
cubistas
abandonaram
de vez a
perspectiva e
adotaram a
decomposição
ou
fragmentação
das formas.
Acordeonista, Picasso, 1912
Por fim
acabaram
aplicando
algumas
colagens*
na tela que
acabaram
deixando
elas um
pouco mais
tridimensio
nais
novamente. Garrafa de Vieux Marc, vidro, guitarra e jornal,
Picasso, 1913
*Essa técnica de colagem (papier collés) consistia em aplicar materiais com
texturas diferentes (recortes de jornal, papelão e até tecido) diretamente na tela
criando relevos.
Foi um artista francês, teórico, filósofo, fundador auto-proclamado
do cubismo. Ao conhecer Picasso, interessou-se pelo movimento cubista e
publicou, com Jean Metzinger, o primeiro tratado sobre o Cubismo, 1912. A
partir da Primeira Guerra Mundial, sua produção tornou-se mais abstrata.
Jules-Fernand-Henri Léger foi um pintor francês que se
distinguiu como pintor e desenhador cubista, autor de
muitas litografias.
foi um artista francês que usava o abstracionismo e o cubismo no seu
trabalho. Delaunay, concentrado no Impressionismo, quando quis
trabalhar mais tarde era mais abstrato, reminiscente de Paul Klee
Pseudónimo de Juan José Victoriano González, foi um dos mais
famosos e versáteis pintores e escultores cubistas espanhóis. Apesar
de ter falecido jovem, Juan Gris representa o expoente máximo do
cubismo sintético.
Movimento Cubismo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
Michele Pó
 
Arte- Pontilhismo
Arte- PontilhismoArte- Pontilhismo
Arte- Pontilhismo
Jaicinha
 
Vincent Van Gogh
Vincent Van GoghVincent Van Gogh
Vincent Van Gogh
Joana Melazzo
 
Aula de arte urbana
Aula de arte urbanaAula de arte urbana
Aula de arte urbana
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Cubismo
CubismoCubismo
Expressionismo Abstrato
Expressionismo AbstratoExpressionismo Abstrato
Expressionismo Abstrato
Andrea Dressler
 
Aula de Xilogravura
Aula de XilogravuraAula de Xilogravura
Aula de Xilogravura
Ipsun
 
O modernismo brasileiro
O modernismo brasileiroO modernismo brasileiro
O modernismo brasileiro
Junior Onildo
 
Gravura
GravuraGravura
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
Andrea Garcia
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
VIVIAN TROMBINI
 
Luz e sombra
Luz e sombraLuz e sombra
Luz e sombra
Paulo Alexandre
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Andrea Dressler
 
Cubismo
CubismoCubismo
Pop Art
Pop ArtPop Art
Ensino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismoEnsino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismo
ArtesElisa
 
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)  TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
Wellinton Augusto
 
Op Art
Op ArtOp Art
Pop art trabalho
Pop art   trabalhoPop art   trabalho
Pop art trabalho
Mário Sérgio
 

Mais procurados (20)

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Arte- Pontilhismo
Arte- PontilhismoArte- Pontilhismo
Arte- Pontilhismo
 
Vincent Van Gogh
Vincent Van GoghVincent Van Gogh
Vincent Van Gogh
 
Aula de arte urbana
Aula de arte urbanaAula de arte urbana
Aula de arte urbana
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Expressionismo Abstrato
Expressionismo AbstratoExpressionismo Abstrato
Expressionismo Abstrato
 
Aula de Xilogravura
Aula de XilogravuraAula de Xilogravura
Aula de Xilogravura
 
O modernismo brasileiro
O modernismo brasileiroO modernismo brasileiro
O modernismo brasileiro
 
Gravura
GravuraGravura
Gravura
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Luz e sombra
Luz e sombraLuz e sombra
Luz e sombra
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Pop Art
 
Ensino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismoEnsino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismo
 
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)  TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
 
Op Art
Op ArtOp Art
Op Art
 
Pop art trabalho
Pop art   trabalhoPop art   trabalho
Pop art trabalho
 

Semelhante a Movimento Cubismo

Ocubismo 110523084518-phpapp02
Ocubismo 110523084518-phpapp02Ocubismo 110523084518-phpapp02
Ocubismo 110523084518-phpapp02
Ramyldo Braga
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
ggmota93
 
CUBISMO
CUBISMOCUBISMO
[HA2012] 06 - Cubismo
[HA2012] 06 - Cubismo[HA2012] 06 - Cubismo
[HA2012] 06 - Cubismo
Eduardo Novais
 
Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3
taniagfacanhamila
 
Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3
taniagfacanhamila
 
920
920920
Arte Sec Xx
Arte Sec XxArte Sec Xx
Arte Sec Xx
jassis
 
Introdução ao Cubismo.
Introdução ao Cubismo.Introdução ao Cubismo.
Introdução ao Cubismo.
Ipsun
 
4 cubismo
4 cubismo4 cubismo
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
aliceartecob
 
História da Arte: Cubismo
História da Arte: CubismoHistória da Arte: Cubismo
História da Arte: Cubismo
Raphael Lanzillotte
 
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
Roseli Gomes Martins
 
O cubismo
O cubismoO cubismo
O cubismo
Cardosia
 
Cubismo - 7º ano!
Cubismo - 7º ano!Cubismo - 7º ano!
Cubismo - 7º ano!
Lu Rebordosa
 
PICASSO _ um artista único.docx
PICASSO _ um artista único.docxPICASSO _ um artista único.docx
PICASSO _ um artista único.docx
JoanaMarques823140
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
ggmota93
 
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdf
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdfIntrodução ao movimento cubista_compressed.pdf
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdf
ThaisVasconcelos44
 
História da Arte - Cubismo
História da Arte - CubismoHistória da Arte - Cubismo
História da Arte - Cubismo
Tiago Toledo Jr.
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
Anacrislinda
 

Semelhante a Movimento Cubismo (20)

Ocubismo 110523084518-phpapp02
Ocubismo 110523084518-phpapp02Ocubismo 110523084518-phpapp02
Ocubismo 110523084518-phpapp02
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
CUBISMO
CUBISMOCUBISMO
CUBISMO
 
[HA2012] 06 - Cubismo
[HA2012] 06 - Cubismo[HA2012] 06 - Cubismo
[HA2012] 06 - Cubismo
 
Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3
 
Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3Arte sec-xx-1200262515312708-3
Arte sec-xx-1200262515312708-3
 
920
920920
920
 
Arte Sec Xx
Arte Sec XxArte Sec Xx
Arte Sec Xx
 
Introdução ao Cubismo.
Introdução ao Cubismo.Introdução ao Cubismo.
Introdução ao Cubismo.
 
4 cubismo
4 cubismo4 cubismo
4 cubismo
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
História da Arte: Cubismo
História da Arte: CubismoHistória da Arte: Cubismo
História da Arte: Cubismo
 
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
13. VANGUARDAS EUROPEIAS - EDIÇÃO 2020.pptx
 
O cubismo
O cubismoO cubismo
O cubismo
 
Cubismo - 7º ano!
Cubismo - 7º ano!Cubismo - 7º ano!
Cubismo - 7º ano!
 
PICASSO _ um artista único.docx
PICASSO _ um artista único.docxPICASSO _ um artista único.docx
PICASSO _ um artista único.docx
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdf
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdfIntrodução ao movimento cubista_compressed.pdf
Introdução ao movimento cubista_compressed.pdf
 
História da Arte - Cubismo
História da Arte - CubismoHistória da Arte - Cubismo
História da Arte - Cubismo
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 

Mais de Andrea Dressler

Pós - Impressionismo
Pós - ImpressionismoPós - Impressionismo
Pós - Impressionismo
Andrea Dressler
 
Art Nouveau (Arte Nova)
Art Nouveau (Arte Nova)Art Nouveau (Arte Nova)
Art Nouveau (Arte Nova)
Andrea Dressler
 
Impressionismo no Brasil
Impressionismo no BrasilImpressionismo no Brasil
Impressionismo no Brasil
Andrea Dressler
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Andrea Dressler
 
Academicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
Academicismo no Brasil: Romantismo e RealismoAcademicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
Academicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
Andrea Dressler
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Andrea Dressler
 
Missão Langsdorff no Brasil
Missão Langsdorff no BrasilMissão Langsdorff no Brasil
Missão Langsdorff no Brasil
Andrea Dressler
 
NeoConcretismo Brasileiro
NeoConcretismo Brasileiro NeoConcretismo Brasileiro
NeoConcretismo Brasileiro
Andrea Dressler
 
Missão Artística Francesa
Missão Artística Francesa Missão Artística Francesa
Missão Artística Francesa
Andrea Dressler
 
Concretismo Brasileiro - Arte Concreta
Concretismo Brasileiro  - Arte ConcretaConcretismo Brasileiro  - Arte Concreta
Concretismo Brasileiro - Arte Concreta
Andrea Dressler
 
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Andrea Dressler
 
Modernismo Brasileiro
Modernismo BrasileiroModernismo Brasileiro
Modernismo Brasileiro
Andrea Dressler
 
Arte Rococó
Arte RococóArte Rococó
Arte Rococó
Andrea Dressler
 
Movimentos Dadaísmo e Surrealismo
Movimentos Dadaísmo e SurrealismoMovimentos Dadaísmo e Surrealismo
Movimentos Dadaísmo e Surrealismo
Andrea Dressler
 
Arte Barroca no Brasil
Arte Barroca no BrasilArte Barroca no Brasil
Arte Barroca no Brasil
Andrea Dressler
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
Andrea Dressler
 
Futurismo
FuturismoFuturismo
Futurismo
Andrea Dressler
 
Movimento Fauvismo
Movimento FauvismoMovimento Fauvismo
Movimento Fauvismo
Andrea Dressler
 
Movimento Expressionismo
Movimento ExpressionismoMovimento Expressionismo
Movimento Expressionismo
Andrea Dressler
 

Mais de Andrea Dressler (20)

Pós - Impressionismo
Pós - ImpressionismoPós - Impressionismo
Pós - Impressionismo
 
Art Nouveau (Arte Nova)
Art Nouveau (Arte Nova)Art Nouveau (Arte Nova)
Art Nouveau (Arte Nova)
 
Impressionismo no Brasil
Impressionismo no BrasilImpressionismo no Brasil
Impressionismo no Brasil
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Academicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
Academicismo no Brasil: Romantismo e RealismoAcademicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
Academicismo no Brasil: Romantismo e Realismo
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Pop Art
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Missão Langsdorff no Brasil
Missão Langsdorff no BrasilMissão Langsdorff no Brasil
Missão Langsdorff no Brasil
 
NeoConcretismo Brasileiro
NeoConcretismo Brasileiro NeoConcretismo Brasileiro
NeoConcretismo Brasileiro
 
Missão Artística Francesa
Missão Artística Francesa Missão Artística Francesa
Missão Artística Francesa
 
Concretismo Brasileiro - Arte Concreta
Concretismo Brasileiro  - Arte ConcretaConcretismo Brasileiro  - Arte Concreta
Concretismo Brasileiro - Arte Concreta
 
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
 
Modernismo Brasileiro
Modernismo BrasileiroModernismo Brasileiro
Modernismo Brasileiro
 
Arte Rococó
Arte RococóArte Rococó
Arte Rococó
 
Movimentos Dadaísmo e Surrealismo
Movimentos Dadaísmo e SurrealismoMovimentos Dadaísmo e Surrealismo
Movimentos Dadaísmo e Surrealismo
 
Arte Barroca no Brasil
Arte Barroca no BrasilArte Barroca no Brasil
Arte Barroca no Brasil
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
 
Futurismo
FuturismoFuturismo
Futurismo
 
Movimento Fauvismo
Movimento FauvismoMovimento Fauvismo
Movimento Fauvismo
 
Movimento Expressionismo
Movimento ExpressionismoMovimento Expressionismo
Movimento Expressionismo
 

Último

epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 

Último (20)

epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 

Movimento Cubismo

  • 1.
  • 2.  Entre os movimentos artísticos que surgiram no final do século XIX e início do século XX, o Cubismo talvez tenha sido o que causou maior impacto.  A incessante busca pelo naturalismo, que ocorria desde o Pós- Impressionismo, quebrou definitivamente as regras tradicionais de sombreado e perspectiva que deixavam as pinturas mais
  • 3.  No Cubismo o foco passa a ser a bidimensionalidade das figuras. As formas são fragmentadas em formas geométricas dentro de um espaço limitado e representadas em vários ângulos diferentes ao mesmo tempo.
  • 4. Les Demoiselles d’Avignon, de Pablo Picasso. A pintura apresenta 5 figuras femininas dispostas como se estivessem em um cenário de teatro, com o corpo exposto em meio a panos e cortinas. Algumas parecem estar usando máscaras enquanto outras parecem estar se contorcendo pra mostrar todos os lados do corpo ao mesmo tempo em um único plano. Nessa obra Picasso usou como referência as
  • 5.  Pablo Picasso e Georges Braque foram os criadores desse novo jeito de fazer arte. Picasso se inspirou nas máscaras africanas enquanto Braque teve como referência as pinturas quase geométricas do seu conterrâneo Paul Cézanne.
  • 6. PAUL CÉZANNE GEORGES BRAQUE Viaduct at L'Estaque, 1908 Mont Sainte-Victoire, 1902
  • 7. MÁSCARAS AFRICANAS PINTURA DE PICASSO Les Demoiselles d’Avignon (detalhe)Máscara Gabonesa
  • 8.  Muitas obras cubistas até são bem coloridas, mas, ao contrário dos fauvistas, para os cubistas a cor não era tão importante. Picasso dizia que não queria agradar ao espectador, mas sim apresentar problemas e dificuldades a quem apreciasse suas obras. Compare os dois retratos:
  • 9. FAUVISTA CUBISTA O atleta, Pablo Picasso, 1909Madame Matisse, Henri Matisse, 1905
  • 10.  As temáticas preferidas eram naturezas – mortas e retratos. › Para resolver o problema da desconstrução das figuras, os cubistas inseriam detalhes de formas conhecidas, como objetos ou partes do corpo humano. Assim, elas forneciam indícios ao espectador para que este percebesse a desconstrução que conferia a algumas obras a condição de enigmas ou quebra-cabeças a sem decifrados visualmente.
  • 11. NATUREZAS-MORTAS RETRATOS Mulher com bandolin, Braque 1910Violino e Frutas, Picasso, 1912
  • 12. Tendo como referência apenas os trabalhos de Picasso, podemos ter ideia da evolução do Cubismo. Mas o mesmo se aplica a outros artistas também.
  • 13. No começo as composições eram construídas em um padrão vertical- horizontal. A paleta era bem monocromática, com variações de tonalidades apenas para sugerir alguns volumes. Horta de Ebro – Casas Sobre a Colina, Picasso, 1909
  • 14. Com o tempo os cubistas abandonaram de vez a perspectiva e adotaram a decomposição ou fragmentação das formas. Acordeonista, Picasso, 1912
  • 15. Por fim acabaram aplicando algumas colagens* na tela que acabaram deixando elas um pouco mais tridimensio nais novamente. Garrafa de Vieux Marc, vidro, guitarra e jornal, Picasso, 1913 *Essa técnica de colagem (papier collés) consistia em aplicar materiais com texturas diferentes (recortes de jornal, papelão e até tecido) diretamente na tela criando relevos.
  • 16.
  • 17. Foi um artista francês, teórico, filósofo, fundador auto-proclamado do cubismo. Ao conhecer Picasso, interessou-se pelo movimento cubista e publicou, com Jean Metzinger, o primeiro tratado sobre o Cubismo, 1912. A partir da Primeira Guerra Mundial, sua produção tornou-se mais abstrata.
  • 18. Jules-Fernand-Henri Léger foi um pintor francês que se distinguiu como pintor e desenhador cubista, autor de muitas litografias.
  • 19. foi um artista francês que usava o abstracionismo e o cubismo no seu trabalho. Delaunay, concentrado no Impressionismo, quando quis trabalhar mais tarde era mais abstrato, reminiscente de Paul Klee
  • 20. Pseudónimo de Juan José Victoriano González, foi um dos mais famosos e versáteis pintores e escultores cubistas espanhóis. Apesar de ter falecido jovem, Juan Gris representa o expoente máximo do cubismo sintético.