SlideShare uma empresa Scribd logo
Teste de avaliação 3 Versão A
1 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
Grupo I
Lê uma opinião sobre um dos livros da coleção Uma Aventura, a que pertence também
o texto “Debate na aula de Português”, que irás ler (Grupo II).
5
10
15
20
Uma Aventura na Quinta das Lágrimas
Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada (texto) | Arlindo Fagundes (ilustração)
Caminho, 1999
A partir dos 9 anos
As estórias1
da coleção “Uma aventura…” têm vindo a cativar o seu público com
aventuras contadas a jovens e vividas por jovens, e esta é certamente uma das que fica-
rão na memória dos leitores.
O que torna a narrativa especial, e a faz diferente de outras da coleção, é o facto de
o episódio histórico que lhe serve de base sempre ter cativado a atenção dos mais jovens,
pelos seus contornos românticos e ao mesmo tempo fantásticos […].
Por este motivo, Uma Aventura na Quinta das Lágrimas não só proporciona ao jo-
vem leitor um contacto com todo um património de estórias como o aproxima da nossa
História, de uma forma provavelmente mais atrativa do que aquela a que tem acesso
na escola.
Como é sabido, a Quinta das Lágrimas parece ter sido o cenário onde D. Pedro I2
e
Inês de Castro viveram o seu amor contra tudo e contra todos e onde terá acontecido o
crime que veio dar a esta história um toque de tragédia.
Teresa, Luísa, Pedro, João, Chico e os seus cães, Caracol e Faial, iniciam a aventura
no final de um encontro desportivo em que participam. Aí ouvem um dos monitores
falar de uma mancha vermelha no fundo de uma fonte que ninguém consegue expli-
car e que não é possível apagar.
Decididos a confirmar com os seus próprios olhos o que os deixou tão intrigados3
,
vão até à Quinta das Lágrimas e passeiam no seu belo jardim, acabando por conhecer
o casal Pedro e Inês, prestes a casarem ali mesmo, naquela casa. Depois de perceberem
que não tinham viajado no tempo e que tudo não passava de uma coincidência engra-
çada, os sete heróis abrem a porta, sem o saberem, para mais uma série de peripécias
empolgantes4
.
Susana Constante Pereira, in Malasartes,n.°2, abril de 2000(pág. 27,comsupressões)
1. estórias: histórias. 2. D. PedroI: foi o oitavorei de Portugal; apaixonou-seporInês de Castro, de quem tevequatrofilhos, mas os
seus amores foramcontrariados e D. Inês foi morta às ordens do pai de D. Pedro, o rei D. Afonso IV. 3. intrigados: cheios de
curiosidade. 4. empolgantes: entusiasmantes.
Nome _________________________________ N.º __________ Turma __________ Data __________
Avaliação _________________________________ Professor(a) _______________________________
LAB5©PortoEditora
Teste de avaliação 3 Versão A
2 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
1. Assinala com X as afirmações verdadeiras (V) e as falsas (F), de acordo com o sentido
do texto.
V F
a. Esta obra tem a particularidade de ter sido inspirada num episódio histórico.
b. Este livro pode cativar os jovens para conhecerem a História de Portugal.
c. A aventura começa numa aula de História,quando as personagens ouviram
contar a história de D. Pedro e Inês de Castro.
d. Eles foram à Quinta das Lágrimas para participarem num encontro desportivo.
e. Na Quinta das Lágrimas,eles conheceram Pedro e Inês,um casal de noivos.
2. Assinala com X se as frases seguintes exprimem factos ou opiniões.
Facto Opinião
a. Esta história “é certamente uma das que ficarão na memória dos leitores”.
b. Esta aventura baseia-se num episódio da História de Portugal.
c. As personagens “iniciam a aventura no final de um encontro desportivo em que
participam”.
d. O jardim da Quinta das Lágrimas é muito belo.
e. Uma Aventura na Quinta das Lágrimas é um livro verdadeiramente empolgante.
Grupo II
Lê, com atenção, o seguinte texto.
5
Debate na aula de Português
As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas e bateram ao de leve no vidro da porta, pe-
dindo licença para entrarem. Felizmente, era Português! Aquela professora nunca deixava os
alunos lá fora e também nunca mandava nenhum para a rua. Tinha uma paciência infindá-
vel para todos! E nunca se recusava a ouvir e debater os problemas que surgissem ou de que
lhe quisessem falar.
Abriu a porta com o mesmo sorriso plácido1
do costume e nem perguntou porque é que
se tinham atrasado. Qualquer coisa mais grave estava a ser discutida com fúria.
A Teresa e a Luísa deslizaram para os seus lugares e esperaram uns segundos, para ver se
percebiam de que se tratava.
LAB5©PortoEditora
Teste de avaliação 3 Versão A
3 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
10
15
20
25
30
– Não pode ser! Isto assim não pode ser!
– Eu vou queixar-me ao Conselho Executivo!
– Vai, vai! Não te serve de nada!
– Nem que vá ao ministro! Isto assim é que não!
Quem barafustava eram os alunos. Alguns estavam de pé, embora sem saírem das cartei-
ras. Outros gesticulavam sentados. Os mais pacíficos, embora sem se manifestarem muito,
via-se bem que estavam de acordo com os colegas.
A professora, de braços cruzados, encostada à mesa, deixava-os expandirem-se sem nada
dizer.
Era sempre assim. Uma vez até tinha explicado, na sua voz doce e apaziguadora:
– Quando uma pessoa está fora de si, precisa de gritar um bocado para se ver livre da
raiva. Só depois é possível fazê-la ouvir as razões dos outros… Fazê-la dialogar!
A Teresa e a Luísa olhavam-na, fascinadas! Ambas adoravam a professora de Português. E
gostavam imenso de conversar com ela sempre que surgia uma oportunidade. Eram mo-
mentos agradabilíssimos, porque não eram tratadas como bebés, nem como alunas, mas sim
como amigas. Acima de tudo, o que mais as encantava é que sentiam que a professora gos-
tava mesmo de as ouvir, tinha prazer na conversa.
[…]
– As meninas aí do canto, podem calar-se um instante?
Endireitaram-se as quatro imediatamente. Era engraçado, a professora dizia as coisas
como se fossem pedidos, mas na verdade eram ordens e prontamente obedecidas.
– Bom, eu gostaria que vocês me expusessem o problema com mais calma, para eu perce-
ber bem o que se passa. Mas fala um de cada vez, está bem? E os outros todos ouvem, para
acrescentarem qualquer coisa quando chegar a vossa vez. Mas têm de pedir a palavra!
Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, UmaAventuranaEscola, Ed. Caminho, 2005 (págs. 112-114, comsupressões)
1. plácido: tranquilo, sereno.
1. O texto que leste é um excerto narrativo. Indica, numa frase, quem são as personagens,
o tempo e o espaço em que decorre a ação.
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
2. Quando as gémeas Teresa e Luísa chegaram à aula de Português, depararam com um
ambiente agitado. Por que motivo?
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
3. Qual foi a atitude da professora durante os primeiros minutos da discussão?
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
LAB5©PortoEditora
Teste de avaliação 3 Versão A
4 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
3.1. Explica por que razão ela reagiu desse modo.
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
4. Faz o retrato psicológico desta professora.
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
5. Associa cada uma das frases da primeira coluna à intenção com que foi dita (segunda
coluna).
a. “Felizmente, era Português!” [linha 2] 1. exprimir admiração
2. exprimir satisfação
3. dar uma ordem
4. mostrar irritação
b. “Isto assim não pode ser!” [linha 10]
c. “A Teresa e a Luísa olhavam-na, fascinadas!” [linha 22]
d. “As meninas aí do canto, podem calar-se um instante?” [linha 27]
e. “Mas têm de pedir a palavra!” [linha 32]
6. Imagina que o narrador deste episódio é a Teresa (uma das gémeas). Reescreve o
terceiro parágrafo [linhas 8 e 9], fazendo as alterações necessárias.
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
Grupo III
1. Coloca os pronomes destacados nas frases seguintes no respetivo lugar do quadro,
conforme a subclasse a que pertencem.
– Já li “Uma Aventura na Quinta das Lágrimas”. Para mim, este é o livro mais
emocionante da coleção.
– Esse ainda não conheço. Deixa-me lê-lo.
– Proponho uma troca: eu empresto-te o meu e tu cedes-me um dos teus.
Pronomes
pessoais demonstrativos possessivos
LAB5©PortoEditora
Teste de avaliação 3 Versão A
5 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
2. Completa as frases com um advérbio da subclasse indicada entre parênteses.
a. Alguns alunos ___________________ [advérbio de negação] leram esse livro.
b. Achei o livro ___________________ [advérbio de quantidade e grau] interessante.
c. Ele falou _________________ [advérbio de modo] do livro.
d. ________________ [advérbio interrogativo] tencionas ler o livro?
e. ________________ [advérbio de tempo] analisaremos um excerto da obra.
f. Comprei o livro ______________ [advérbio de lugar].
3. Relê o seguinte excerto:
“As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas e bateram ao de leve no vidro da porta,
pedindo licença para entrarem. Felizmente, era Português! Aquela professora nunca deixava
os alunos lá fora […]. Tinha uma paciência infindável para todos!” [linhas 1-4]
Classifica as palavras sublinhadas, assinalando com X, na coluna correspondente, a
classe gramatical a que pertencem.
Nome Determinante Adjetivo Verbo Advérbio Preposição
a. As
b. chegaram
c. de
d. para
e. era
f. Aquela
g. professora
h. nunca
i. fora
j. infindável
4. Completa o quadro registando, em cada linha, palavras da mesma família.
Nome Verbo Adjetivo Advérbio
a. elogioso
b. pensar pensativamente
c. paixão
5. Reescreve a frase seguinte, substituindo cada palavra sublinhada por um antónimo.
As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas (_________) e bateram suavemente
(_________) no vidro da porta, pedindo licença para entrarem (_________).
LAB5©PortoEditora
Teste de avaliação 3 Versão A
6 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação
Grupo IV
Escreve um breve texto de opinião sobre um livro ou um filme à tua escolha.
O teu texto, com um mínimo de 80 e um máximo de 120 palavras, deve respeitar as
seguintes indicações:
 refere o livro ou o filme, dizendo se te agradou ou não (1 parágrafo);
 apresenta duas razões que justifiquem a tua opinião (1 ou 2 parágrafos);
 redige uma conclusão, reforçando o ponto de vista que defendeste (1 parágrafo).
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
LAB5©PortoEditora

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Teste romanos
Teste romanosTeste romanos
Teste romanos
Nathalie Ramires
 
Ficha formativa_ Adjetivos com solução
Ficha formativa_ Adjetivos com soluçãoFicha formativa_ Adjetivos com solução
Ficha formativa_ Adjetivos com solução
Raquel Antunes
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de Avaliação
A. Simoes
 
Ficha formativa present simple vs present continuos (2)
Ficha formativa   present simple vs present continuos (2)Ficha formativa   present simple vs present continuos (2)
Ficha formativa present simple vs present continuos (2)
Ângela Ferreira
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 bruno
Delfina Sousa
 
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xivTeste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
Acima da Média
 
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
Sónia Venda
 
HGP 5º ano
HGP 5º anoHGP 5º ano
HGP 5º ano
Jorge Martinho
 
Ficha ar 5º CN
Ficha ar 5º CNFicha ar 5º CN
Ficha ar 5º CN
Elisabete Rosa
 
Fichas estudo do meio
Fichas estudo do meioFichas estudo do meio
Fichas estudo do meio
Elisabete Freitas
 
Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca
Escola
 
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano b
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano bMatemática trimestral 2º periodo 4º ano b
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano b
lveiga
 
Correção da Ficha de Avaliação 2
Correção da Ficha de Avaliação 2Correção da Ficha de Avaliação 2
Correção da Ficha de Avaliação 2
sofiasimao
 
Teste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentosTeste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentos
Ana Pereira
 
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdfPORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
AnaNunes181902
 
"O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo""O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo"
IsabelPereira2010
 
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º AnoFichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
Sónia Pereira
 
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
Sónia Pereira
 
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
ssuser9d3d31
 
História De Portugal
História De PortugalHistória De Portugal
História De Portugal
gigilu
 

Mais procurados (20)

Teste romanos
Teste romanosTeste romanos
Teste romanos
 
Ficha formativa_ Adjetivos com solução
Ficha formativa_ Adjetivos com soluçãoFicha formativa_ Adjetivos com solução
Ficha formativa_ Adjetivos com solução
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de Avaliação
 
Ficha formativa present simple vs present continuos (2)
Ficha formativa   present simple vs present continuos (2)Ficha formativa   present simple vs present continuos (2)
Ficha formativa present simple vs present continuos (2)
 
Teste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 brunoTeste sumativo 2 bruno
Teste sumativo 2 bruno
 
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xivTeste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
Teste de história 5. crise em portugal no seculo xiv
 
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano
 
HGP 5º ano
HGP 5º anoHGP 5º ano
HGP 5º ano
 
Ficha ar 5º CN
Ficha ar 5º CNFicha ar 5º CN
Ficha ar 5º CN
 
Fichas estudo do meio
Fichas estudo do meioFichas estudo do meio
Fichas estudo do meio
 
Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca Teste cavaleiro da dinamarca
Teste cavaleiro da dinamarca
 
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano b
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano bMatemática trimestral 2º periodo 4º ano b
Matemática trimestral 2º periodo 4º ano b
 
Correção da Ficha de Avaliação 2
Correção da Ficha de Avaliação 2Correção da Ficha de Avaliação 2
Correção da Ficha de Avaliação 2
 
Teste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentosTeste 6 descobrimentos
Teste 6 descobrimentos
 
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdfPORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
PORT_Porta - Viagens 5º Ano LP.pdf
 
"O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo""O Príncipe Nabo"
"O Príncipe Nabo"
 
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º AnoFichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
Fichas de Avaliação: A Grande Aventura_Estudo do Meio 3.º Ano
 
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
132790646 fichas-de-avaliacao-matematica-4-ano-150219040430-conversion-gate02
 
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
341480550-Ficha-de-Trabalho-de-Portugues-5º-Ano-Analise-Sintatica-2.pdf
 
História De Portugal
História De PortugalHistória De Portugal
História De Portugal
 

Semelhante a Lab5 teste aval_3a

Aquisições - Biblioteca de Jugueiros
Aquisições - Biblioteca de JugueirosAquisições - Biblioteca de Jugueiros
Aquisições - Biblioteca de Jugueiros
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Exame nacional 2010
Exame nacional 2010Exame nacional 2010
Exame nacional 2010
Maria Catarina Santos
 
Livros do pnl
Livros do pnlLivros do pnl
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
Bruno Moreira
 
De clara 15 julho 2018
De clara 15 julho 2018De clara 15 julho 2018
De clara 15 julho 2018
IsabelPereira2010
 
' Hamlet, projeto de leitura
' Hamlet, projeto de leitura' Hamlet, projeto de leitura
' Hamlet, projeto de leitura
Obed Souza
 
EX-Port639-F1-2023-V2.pdf
EX-Port639-F1-2023-V2.pdfEX-Port639-F1-2023-V2.pdf
EX-Port639-F1-2023-V2.pdf
FJDOliveira
 
EX-Port639-F1-2023-V1.pdf
EX-Port639-F1-2023-V1.pdfEX-Port639-F1-2023-V1.pdf
EX-Port639-F1-2023-V1.pdf
FJDOliveira
 
Gazeta Final 3
Gazeta Final 3Gazeta Final 3
Gazeta Final 3
fariaconversas
 
Elementos da Narrativa - 6º ano
Elementos da Narrativa - 6º anoElementos da Narrativa - 6º ano
Elementos da Narrativa - 6º ano
Tânia Regina
 
Metas curriculares
Metas curricularesMetas curriculares
Metas curriculares
Jorge Armenio
 
Prova da Cidade Português - 7ª Serie
Prova da Cidade Português - 7ª SerieProva da Cidade Português - 7ª Serie
Prova da Cidade Português - 7ª Serie
Claudia Valério
 
Prova da cidade de português 6ª series
Prova da cidade de português 6ª seriesProva da cidade de português 6ª series
Prova da cidade de português 6ª series
Claudia Valério
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
Breno Fostek
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
Breno Fostek
 
Sequ+ència did+ütica exemplo
Sequ+ència did+ütica   exemploSequ+ència did+ütica   exemplo
Sequ+ència did+ütica exemplo
UPE
 
Autor do mês janeiro 2014
Autor do mês   janeiro 2014Autor do mês   janeiro 2014
Autor do mês janeiro 2014
Jorge Pedro Alves Vera-Cruz
 
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.docTeste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
CristinaSousa8871
 
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
Colgiopice
 
4ano portugues
4ano portugues4ano portugues
4ano portugues
Phernando
 

Semelhante a Lab5 teste aval_3a (20)

Aquisições - Biblioteca de Jugueiros
Aquisições - Biblioteca de JugueirosAquisições - Biblioteca de Jugueiros
Aquisições - Biblioteca de Jugueiros
 
Exame nacional 2010
Exame nacional 2010Exame nacional 2010
Exame nacional 2010
 
Livros do pnl
Livros do pnlLivros do pnl
Livros do pnl
 
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
A Diversidade Cultural presente na literatura Fantástica de J.R.R. Tolkien.
 
De clara 15 julho 2018
De clara 15 julho 2018De clara 15 julho 2018
De clara 15 julho 2018
 
' Hamlet, projeto de leitura
' Hamlet, projeto de leitura' Hamlet, projeto de leitura
' Hamlet, projeto de leitura
 
EX-Port639-F1-2023-V2.pdf
EX-Port639-F1-2023-V2.pdfEX-Port639-F1-2023-V2.pdf
EX-Port639-F1-2023-V2.pdf
 
EX-Port639-F1-2023-V1.pdf
EX-Port639-F1-2023-V1.pdfEX-Port639-F1-2023-V1.pdf
EX-Port639-F1-2023-V1.pdf
 
Gazeta Final 3
Gazeta Final 3Gazeta Final 3
Gazeta Final 3
 
Elementos da Narrativa - 6º ano
Elementos da Narrativa - 6º anoElementos da Narrativa - 6º ano
Elementos da Narrativa - 6º ano
 
Metas curriculares
Metas curricularesMetas curriculares
Metas curriculares
 
Prova da Cidade Português - 7ª Serie
Prova da Cidade Português - 7ª SerieProva da Cidade Português - 7ª Serie
Prova da Cidade Português - 7ª Serie
 
Prova da cidade de português 6ª series
Prova da cidade de português 6ª seriesProva da cidade de português 6ª series
Prova da cidade de português 6ª series
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
 
Sequ+ència did+ütica exemplo
Sequ+ència did+ütica   exemploSequ+ència did+ütica   exemplo
Sequ+ència did+ütica exemplo
 
Autor do mês janeiro 2014
Autor do mês   janeiro 2014Autor do mês   janeiro 2014
Autor do mês janeiro 2014
 
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.docTeste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
Teste Jan 2021 6º ano PORT_VERSÃO A.doc
 
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
Gêneros textuais fábula, tira, História em Quadrinhos (HQ), textos expositivo...
 
4ano portugues
4ano portugues4ano portugues
4ano portugues
 

Último

MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
dataprovider
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e RiscadoresCap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
Shakil Y. Rahim
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
ALEXANDRODECASTRODOS
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 

Último (20)

MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e RiscadoresCap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
Cap. 1_Desenho_Elementos, Suportes e Riscadores
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
6_201___6o_ano_aula_01_2024_RESUMO_1_5.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 

Lab5 teste aval_3a

  • 1. Teste de avaliação 3 Versão A 1 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação Grupo I Lê uma opinião sobre um dos livros da coleção Uma Aventura, a que pertence também o texto “Debate na aula de Português”, que irás ler (Grupo II). 5 10 15 20 Uma Aventura na Quinta das Lágrimas Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada (texto) | Arlindo Fagundes (ilustração) Caminho, 1999 A partir dos 9 anos As estórias1 da coleção “Uma aventura…” têm vindo a cativar o seu público com aventuras contadas a jovens e vividas por jovens, e esta é certamente uma das que fica- rão na memória dos leitores. O que torna a narrativa especial, e a faz diferente de outras da coleção, é o facto de o episódio histórico que lhe serve de base sempre ter cativado a atenção dos mais jovens, pelos seus contornos românticos e ao mesmo tempo fantásticos […]. Por este motivo, Uma Aventura na Quinta das Lágrimas não só proporciona ao jo- vem leitor um contacto com todo um património de estórias como o aproxima da nossa História, de uma forma provavelmente mais atrativa do que aquela a que tem acesso na escola. Como é sabido, a Quinta das Lágrimas parece ter sido o cenário onde D. Pedro I2 e Inês de Castro viveram o seu amor contra tudo e contra todos e onde terá acontecido o crime que veio dar a esta história um toque de tragédia. Teresa, Luísa, Pedro, João, Chico e os seus cães, Caracol e Faial, iniciam a aventura no final de um encontro desportivo em que participam. Aí ouvem um dos monitores falar de uma mancha vermelha no fundo de uma fonte que ninguém consegue expli- car e que não é possível apagar. Decididos a confirmar com os seus próprios olhos o que os deixou tão intrigados3 , vão até à Quinta das Lágrimas e passeiam no seu belo jardim, acabando por conhecer o casal Pedro e Inês, prestes a casarem ali mesmo, naquela casa. Depois de perceberem que não tinham viajado no tempo e que tudo não passava de uma coincidência engra- çada, os sete heróis abrem a porta, sem o saberem, para mais uma série de peripécias empolgantes4 . Susana Constante Pereira, in Malasartes,n.°2, abril de 2000(pág. 27,comsupressões) 1. estórias: histórias. 2. D. PedroI: foi o oitavorei de Portugal; apaixonou-seporInês de Castro, de quem tevequatrofilhos, mas os seus amores foramcontrariados e D. Inês foi morta às ordens do pai de D. Pedro, o rei D. Afonso IV. 3. intrigados: cheios de curiosidade. 4. empolgantes: entusiasmantes. Nome _________________________________ N.º __________ Turma __________ Data __________ Avaliação _________________________________ Professor(a) _______________________________ LAB5©PortoEditora
  • 2. Teste de avaliação 3 Versão A 2 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação 1. Assinala com X as afirmações verdadeiras (V) e as falsas (F), de acordo com o sentido do texto. V F a. Esta obra tem a particularidade de ter sido inspirada num episódio histórico. b. Este livro pode cativar os jovens para conhecerem a História de Portugal. c. A aventura começa numa aula de História,quando as personagens ouviram contar a história de D. Pedro e Inês de Castro. d. Eles foram à Quinta das Lágrimas para participarem num encontro desportivo. e. Na Quinta das Lágrimas,eles conheceram Pedro e Inês,um casal de noivos. 2. Assinala com X se as frases seguintes exprimem factos ou opiniões. Facto Opinião a. Esta história “é certamente uma das que ficarão na memória dos leitores”. b. Esta aventura baseia-se num episódio da História de Portugal. c. As personagens “iniciam a aventura no final de um encontro desportivo em que participam”. d. O jardim da Quinta das Lágrimas é muito belo. e. Uma Aventura na Quinta das Lágrimas é um livro verdadeiramente empolgante. Grupo II Lê, com atenção, o seguinte texto. 5 Debate na aula de Português As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas e bateram ao de leve no vidro da porta, pe- dindo licença para entrarem. Felizmente, era Português! Aquela professora nunca deixava os alunos lá fora e também nunca mandava nenhum para a rua. Tinha uma paciência infindá- vel para todos! E nunca se recusava a ouvir e debater os problemas que surgissem ou de que lhe quisessem falar. Abriu a porta com o mesmo sorriso plácido1 do costume e nem perguntou porque é que se tinham atrasado. Qualquer coisa mais grave estava a ser discutida com fúria. A Teresa e a Luísa deslizaram para os seus lugares e esperaram uns segundos, para ver se percebiam de que se tratava. LAB5©PortoEditora
  • 3. Teste de avaliação 3 Versão A 3 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação 10 15 20 25 30 – Não pode ser! Isto assim não pode ser! – Eu vou queixar-me ao Conselho Executivo! – Vai, vai! Não te serve de nada! – Nem que vá ao ministro! Isto assim é que não! Quem barafustava eram os alunos. Alguns estavam de pé, embora sem saírem das cartei- ras. Outros gesticulavam sentados. Os mais pacíficos, embora sem se manifestarem muito, via-se bem que estavam de acordo com os colegas. A professora, de braços cruzados, encostada à mesa, deixava-os expandirem-se sem nada dizer. Era sempre assim. Uma vez até tinha explicado, na sua voz doce e apaziguadora: – Quando uma pessoa está fora de si, precisa de gritar um bocado para se ver livre da raiva. Só depois é possível fazê-la ouvir as razões dos outros… Fazê-la dialogar! A Teresa e a Luísa olhavam-na, fascinadas! Ambas adoravam a professora de Português. E gostavam imenso de conversar com ela sempre que surgia uma oportunidade. Eram mo- mentos agradabilíssimos, porque não eram tratadas como bebés, nem como alunas, mas sim como amigas. Acima de tudo, o que mais as encantava é que sentiam que a professora gos- tava mesmo de as ouvir, tinha prazer na conversa. […] – As meninas aí do canto, podem calar-se um instante? Endireitaram-se as quatro imediatamente. Era engraçado, a professora dizia as coisas como se fossem pedidos, mas na verdade eram ordens e prontamente obedecidas. – Bom, eu gostaria que vocês me expusessem o problema com mais calma, para eu perce- ber bem o que se passa. Mas fala um de cada vez, está bem? E os outros todos ouvem, para acrescentarem qualquer coisa quando chegar a vossa vez. Mas têm de pedir a palavra! Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, UmaAventuranaEscola, Ed. Caminho, 2005 (págs. 112-114, comsupressões) 1. plácido: tranquilo, sereno. 1. O texto que leste é um excerto narrativo. Indica, numa frase, quem são as personagens, o tempo e o espaço em que decorre a ação. ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ 2. Quando as gémeas Teresa e Luísa chegaram à aula de Português, depararam com um ambiente agitado. Por que motivo? ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ 3. Qual foi a atitude da professora durante os primeiros minutos da discussão? ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ LAB5©PortoEditora
  • 4. Teste de avaliação 3 Versão A 4 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação 3.1. Explica por que razão ela reagiu desse modo. ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ 4. Faz o retrato psicológico desta professora. ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ 5. Associa cada uma das frases da primeira coluna à intenção com que foi dita (segunda coluna). a. “Felizmente, era Português!” [linha 2] 1. exprimir admiração 2. exprimir satisfação 3. dar uma ordem 4. mostrar irritação b. “Isto assim não pode ser!” [linha 10] c. “A Teresa e a Luísa olhavam-na, fascinadas!” [linha 22] d. “As meninas aí do canto, podem calar-se um instante?” [linha 27] e. “Mas têm de pedir a palavra!” [linha 32] 6. Imagina que o narrador deste episódio é a Teresa (uma das gémeas). Reescreve o terceiro parágrafo [linhas 8 e 9], fazendo as alterações necessárias. ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ Grupo III 1. Coloca os pronomes destacados nas frases seguintes no respetivo lugar do quadro, conforme a subclasse a que pertencem. – Já li “Uma Aventura na Quinta das Lágrimas”. Para mim, este é o livro mais emocionante da coleção. – Esse ainda não conheço. Deixa-me lê-lo. – Proponho uma troca: eu empresto-te o meu e tu cedes-me um dos teus. Pronomes pessoais demonstrativos possessivos LAB5©PortoEditora
  • 5. Teste de avaliação 3 Versão A 5 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação 2. Completa as frases com um advérbio da subclasse indicada entre parênteses. a. Alguns alunos ___________________ [advérbio de negação] leram esse livro. b. Achei o livro ___________________ [advérbio de quantidade e grau] interessante. c. Ele falou _________________ [advérbio de modo] do livro. d. ________________ [advérbio interrogativo] tencionas ler o livro? e. ________________ [advérbio de tempo] analisaremos um excerto da obra. f. Comprei o livro ______________ [advérbio de lugar]. 3. Relê o seguinte excerto: “As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas e bateram ao de leve no vidro da porta, pedindo licença para entrarem. Felizmente, era Português! Aquela professora nunca deixava os alunos lá fora […]. Tinha uma paciência infindável para todos!” [linhas 1-4] Classifica as palavras sublinhadas, assinalando com X, na coluna correspondente, a classe gramatical a que pertencem. Nome Determinante Adjetivo Verbo Advérbio Preposição a. As b. chegaram c. de d. para e. era f. Aquela g. professora h. nunca i. fora j. infindável 4. Completa o quadro registando, em cada linha, palavras da mesma família. Nome Verbo Adjetivo Advérbio a. elogioso b. pensar pensativamente c. paixão 5. Reescreve a frase seguinte, substituindo cada palavra sublinhada por um antónimo. As gémeas chegaram ligeiramente atrasadas (_________) e bateram suavemente (_________) no vidro da porta, pedindo licença para entrarem (_________). LAB5©PortoEditora
  • 6. Teste de avaliação 3 Versão A 6 Livro aberto,5.º ano – Testes de avaliação Grupo IV Escreve um breve texto de opinião sobre um livro ou um filme à tua escolha. O teu texto, com um mínimo de 80 e um máximo de 120 palavras, deve respeitar as seguintes indicações:  refere o livro ou o filme, dizendo se te agradou ou não (1 parágrafo);  apresenta duas razões que justifiquem a tua opinião (1 ou 2 parágrafos);  redige uma conclusão, reforçando o ponto de vista que defendeste (1 parágrafo). ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ LAB5©PortoEditora