SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola de Educação Básica Engenheiro Sebastião Toledo dos
Santos
Profº Lucas Cechinel
Disciplina: História
Criciúma, Outubro de 2014.
 A Guerra do Paraguai teve seu início no ano de 1864, a
partir da ambição do ditador Francisco Solano Lopes
que, tinha como objetivo aumentar o território paraguaio
e obter uma saída para o Oceano Atlântico, através dos
rios da Bacia do Prata.
 Ele iniciou o confronto com a criação de inúmeros
obstáculos impostos às embarcações brasileiras que se
dirigiam ao Mato Grosso, através da capital paraguaia.
O Ditador Francisco Solano Lopes tinha como objetivo aumentar o
território paraguaio e obter uma saída para o Oceano Atlântico.
RIOS DA BACIA DO PRATA
 Solano López, acreditando no poderio de seu exército, com
um contingente mobilizado numeroso, mas, mal equipado e,
superestimando o poderio militar da Argentina e do Brasil,
invadiu a província do Mato Grosso.
 Em seguida, pediu permissão à Argentina para que suas
tropas pudessem atravessar seu território e, assim, socorrer
o Uruguai e invadir o Rio Grande. Diante da negativa do
governo Mitre, invadiu Corrientes, na esperança de contar
com o apoio do general Urquiza, o qual se opunha ao
governo mitrista. Suas previsões fracassaram.
 Brasil, Argentina e Uruguai formaram a Tríplice Aliança que,
após derrotarem os paraguaios em Uruguaiana, expulsaram
suas tropas da Argentina e prepararam a invasão do Paraguai.
 Acreditava-se que a guerra seria breve. Não foi.
 Depois de uma primeira grande batalha campal em Tuiuti, em
maio de 1866, quando o exército paraguaio foi destruído, os
aliados depararam-se com as fortificações de Humaitá, às
margens do rio Paraguai, onde permaneceram praticamente
inativos por mais de um ano.
Batalha campal
de Tuiuti
 Em julho de 1867, uma tentativa de assalto às posições
paraguaias em Curupaiti resultou em uma sangrenta derrota
aliada. Humaitá só seria capturada em agosto do ano seguinte.
Nesta altura, a guerra já era conduzida praticamente pelas
forças brasileiras.
 O exército brasileiro, sob o comando de Caxias, tivera que
passar por uma forte reestruturação para se adaptar às
condições de uma guerra prolongada e de tais proporções.
Batalha
de Curupaiti
 Em dezembro de 1868, após uma série de combates, o exército
paraguaio foi novamente derrotado e Assunção foi ocupada pelos
brasileiros em janeiro de 1869. López conseguiu fugir e organizar um
novo exército, ao norte do país. Caxias, já com mais de sessenta
anos, cansado, retirou-se da guerra.
 Assumiu o comando o conde D'Eu, nobre francês, marido da
Princesa Isabel. Em agosto de 1869, Francisco Solano López ,
acompanhado de um punhado de seguidores, ainda conseguiu
evadir-se. Finalmente, em 1º de março de 1870, ele foi morto pelas
forças. Com ele, entre metade e 2/3 da população paraguaia haviam
sucumbido.
 A indústria paraguaia ficou arrasada após a guerra. O Paraguai
nunca mais voltou a ser um país com um bom índice de
desenvolvimento industrial e econômico. Pelo contrário, passa
até hoje por dificuldades políticas e econômicas.
 Cerca de 70% da população paraguaia morreu durante o
conflito, sendo que a maioria dos mortos eram homens.
 Embora tenha saído vitorioso, o Brasil também teve grandes
prejuízos financeiros com o conflito. Os elevados gastos da guerra
foram custeados com empréstimos estrangeiros, fazendo com que
aumentasse a dívida externa brasileira e a dependência de países
ricos como, por exemplo, da Inglaterra.
 Com a guerra, o exército brasileiro ficou fortalecido no aspecto
bélico, pois, ganhou experiência e passou por um processo de
modernização. Houve um importante fortalecimento institucional. Do
ponto de vista político, o exército também saiu fortalecido e passou a
ser uma importante força no cenário político nacional.
 http://www.brasilescola.com/historiab/g
uerra-paraguai.htm
 http://www.infoescola.com/historia/guer
ra-do-paraguai/
 http://www.suapesquisa.com/historia/gu
erradoparaguai/
 http://economia.uol.com.br/busca?
q=guerra%20do%20paraguai

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O império napoleônico
O império napoleônicoO império napoleônico
O império napoleônico
Edenilson Morais
 
Brasil colônia4 revoltas nativistas
Brasil colônia4 revoltas nativistasBrasil colônia4 revoltas nativistas
Brasil colônia4 revoltas nativistas
dmflores21
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
Elaine Bogo Pavani
 
A Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados NacionaisA Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados Nacionais
Douglas Barraqui
 
Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)
Isaquel Silva
 
Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)
Edenilson Morais
 
2° ano - Brasil Império: Segundo Reinado
2° ano  - Brasil Império: Segundo Reinado2° ano  - Brasil Império: Segundo Reinado
2° ano - Brasil Império: Segundo Reinado
Daniel Alves Bronstrup
 
América portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasilAmérica portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasil
Douglas Barraqui
 
A conquista e a colonização espanhola na américa
A conquista e a colonização espanhola na américaA conquista e a colonização espanhola na américa
A conquista e a colonização espanhola na américa
Fernando Fagundes
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
Fabiana Tonsis
 
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
Isabel Aguiar
 
Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
Ramiro Bicca
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
7 de Setembro
 
Brasil Período Joanino
Brasil Período JoaninoBrasil Período Joanino
Brasil Período Joanino
dmflores21
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO I
Isabel Aguiar
 
Brasil Colônia
Brasil ColôniaBrasil Colônia
Brasil Colônia
Aulas de História
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
Aulas de História
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
Valéria Shoujofan
 
Uniao iberica slide
Uniao iberica slideUniao iberica slide
Uniao iberica slide
Isabel Aguiar
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Edenilson Morais
 

Mais procurados (20)

O império napoleônico
O império napoleônicoO império napoleônico
O império napoleônico
 
Brasil colônia4 revoltas nativistas
Brasil colônia4 revoltas nativistasBrasil colônia4 revoltas nativistas
Brasil colônia4 revoltas nativistas
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
 
A Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados NacionaisA Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados Nacionais
 
Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)
 
Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)Primeiro Reinado (1822-1831)
Primeiro Reinado (1822-1831)
 
2° ano - Brasil Império: Segundo Reinado
2° ano  - Brasil Império: Segundo Reinado2° ano  - Brasil Império: Segundo Reinado
2° ano - Brasil Império: Segundo Reinado
 
América portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasilAmérica portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasil
 
A conquista e a colonização espanhola na américa
A conquista e a colonização espanhola na américaA conquista e a colonização espanhola na américa
A conquista e a colonização espanhola na américa
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
 
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
 
Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
 
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º anoAula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
Aula sobre 1ª Guerra Mundial - 9º ano
 
Brasil Período Joanino
Brasil Período JoaninoBrasil Período Joanino
Brasil Período Joanino
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO I
 
Brasil Colônia
Brasil ColôniaBrasil Colônia
Brasil Colônia
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
 
Uniao iberica slide
Uniao iberica slideUniao iberica slide
Uniao iberica slide
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 

Destaque

Guerra do paraguai
Guerra do paraguai Guerra do paraguai
Guerra do paraguai
adielnabas
 
Paraguai
ParaguaiParaguai
Paraguai
Isabel Cabral
 
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIROURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
Luis Rodrigues
 
Prata ag
Prata agPrata ag
Prata ag
Emerson Mattos
 
Lab info guerra do paraguai
Lab info guerra do paraguaiLab info guerra do paraguai
Lab info guerra do paraguai
Delziene Jesus
 
Guerra do paraguai prof edson
Guerra do paraguai prof edsonGuerra do paraguai prof edson
Guerra do paraguai prof edson
Edson Godoy
 
CEGH - Guerras na região do Rio da Prata
CEGH - Guerras na região do Rio da PrataCEGH - Guerras na região do Rio da Prata
CEGH - Guerras na região do Rio da Prata
Prof Vaguito Sobrenome
 
Trabalho de História
Trabalho de HistóriaTrabalho de História
Trabalho de História
kbastos2014
 
Consequencias guerra do parguai
Consequencias guerra do parguaiConsequencias guerra do parguai
Consequencias guerra do parguai
luizgomesdo
 
Guerra Do Paraguai
Guerra Do ParaguaiGuerra Do Paraguai
Guerra Do Paraguai
ecsette
 
Segundo Reinado - Crises
Segundo Reinado - CrisesSegundo Reinado - Crises
Segundo Reinado - Crises
carlosbidu
 
História de mato grosso do sul brasil colônia
História de mato grosso do sul    brasil colôniaHistória de mato grosso do sul    brasil colônia
História de mato grosso do sul brasil colônia
Nelia Salles Nantes
 
Elementos químicos
Elementos químicosElementos químicos
Elementos químicos
Kelly Souza
 
Elementos Químicos
Elementos QuímicosElementos Químicos
Elementos Químicos
LuisMagina
 
Paraguai
ParaguaiParaguai
"50 invenções que mudaram a nossa vida"
"50 invenções que mudaram a nossa vida""50 invenções que mudaram a nossa vida"
"50 invenções que mudaram a nossa vida"
MUNICÍPIO DE LOURES
 
Mato grosso do sul
Mato grosso do sul Mato grosso do sul
Mato grosso do sul
Angela Santos
 
História indígena e o povo terena em ms
História indígena e o povo terena em msHistória indígena e o povo terena em ms
História indígena e o povo terena em ms
MarinaMarcos
 
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
Marco Aurélio Gondim
 
As 100 maiores invenções da história
As 100 maiores invenções da históriaAs 100 maiores invenções da história
As 100 maiores invenções da história
Renato Castro
 

Destaque (20)

Guerra do paraguai
Guerra do paraguai Guerra do paraguai
Guerra do paraguai
 
Paraguai
ParaguaiParaguai
Paraguai
 
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIROURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
OURO E PRATA: PORQUÊ E COMO INVESTIR
 
Prata ag
Prata agPrata ag
Prata ag
 
Lab info guerra do paraguai
Lab info guerra do paraguaiLab info guerra do paraguai
Lab info guerra do paraguai
 
Guerra do paraguai prof edson
Guerra do paraguai prof edsonGuerra do paraguai prof edson
Guerra do paraguai prof edson
 
CEGH - Guerras na região do Rio da Prata
CEGH - Guerras na região do Rio da PrataCEGH - Guerras na região do Rio da Prata
CEGH - Guerras na região do Rio da Prata
 
Trabalho de História
Trabalho de HistóriaTrabalho de História
Trabalho de História
 
Consequencias guerra do parguai
Consequencias guerra do parguaiConsequencias guerra do parguai
Consequencias guerra do parguai
 
Guerra Do Paraguai
Guerra Do ParaguaiGuerra Do Paraguai
Guerra Do Paraguai
 
Segundo Reinado - Crises
Segundo Reinado - CrisesSegundo Reinado - Crises
Segundo Reinado - Crises
 
História de mato grosso do sul brasil colônia
História de mato grosso do sul    brasil colôniaHistória de mato grosso do sul    brasil colônia
História de mato grosso do sul brasil colônia
 
Elementos químicos
Elementos químicosElementos químicos
Elementos químicos
 
Elementos Químicos
Elementos QuímicosElementos Químicos
Elementos Químicos
 
Paraguai
ParaguaiParaguai
Paraguai
 
"50 invenções que mudaram a nossa vida"
"50 invenções que mudaram a nossa vida""50 invenções que mudaram a nossa vida"
"50 invenções que mudaram a nossa vida"
 
Mato grosso do sul
Mato grosso do sul Mato grosso do sul
Mato grosso do sul
 
História indígena e o povo terena em ms
História indígena e o povo terena em msHistória indígena e o povo terena em ms
História indígena e o povo terena em ms
 
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
História do Mato Grosso do Sul - Pré-história. Prof. Marco Aurelio Gondim [ww...
 
As 100 maiores invenções da história
As 100 maiores invenções da históriaAs 100 maiores invenções da história
As 100 maiores invenções da história
 

Semelhante a Guerra do Paraguai.

Trabalho de historia impresao
Trabalho de historia impresaoTrabalho de historia impresao
Trabalho de historia impresao
letosgirl
 
Guerra do Paraguai
Guerra do ParaguaiGuerra do Paraguai
Guerra do Paraguai
Adriana Gomes Messias
 
Conflito com o Paraguai
Conflito com o ParaguaiConflito com o Paraguai
Conflito com o Paraguai
Adilton Sanches
 
Todos contra o paraguai
Todos contra o paraguaiTodos contra o paraguai
Todos contra o paraguai
Aline Sesti Cerutti
 
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
valeria908734
 
GUERRA DO PARAGUAI
GUERRA DO PARAGUAIGUERRA DO PARAGUAI
GUERRA DO PARAGUAI
RenatoSilva922886
 
História Regional - A guerra do Paraguai
História Regional - A guerra do ParaguaiHistória Regional - A guerra do Paraguai
História Regional - A guerra do Paraguai
dantasmestre
 
História de ms povoamento
História de ms   povoamentoHistória de ms   povoamento
História de ms povoamento
historiando
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
BiahTriles
 
Politica externa no segundo reinado g paraguai
Politica externa no segundo reinado g paraguaiPolitica externa no segundo reinado g paraguai
Politica externa no segundo reinado g paraguai
Adriana Gomes Messias
 
História de ms povoamento
História de ms   povoamentoHistória de ms   povoamento
História de ms povoamento
Nelia Salles Nantes
 
A GUERRA DO PARAGUAI.pdf
A GUERRA DO PARAGUAI.pdfA GUERRA DO PARAGUAI.pdf
A GUERRA DO PARAGUAI.pdf
Henrique Pontes
 
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptxSegundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
valeria908734
 
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguai
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguaiHistoria de mato grosso aula 07 guerra paraguai
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguai
UFMT Universidade Federal de Mato Grosso
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
Túlio Silva
 
His modulo 01
His modulo 01His modulo 01
His modulo 01
Dolores Cruz
 
A Revolução Farroupilha
A Revolução FarroupilhaA Revolução Farroupilha
A Revolução Farroupilha
Francine Chagas
 
A revolução farroupilha
A revolução farroupilhaA revolução farroupilha
A revolução farroupilha
Francine Chagas
 
Guerra do Paraguai no cenário sul-americano
Guerra do Paraguai no cenário sul-americanoGuerra do Paraguai no cenário sul-americano
Guerra do Paraguai no cenário sul-americano
guilhermecesar14
 
Historia da Revolução dos Farrapos
Historia da Revolução dos FarraposHistoria da Revolução dos Farrapos
Historia da Revolução dos Farrapos
Thaís Bozz
 

Semelhante a Guerra do Paraguai. (20)

Trabalho de historia impresao
Trabalho de historia impresaoTrabalho de historia impresao
Trabalho de historia impresao
 
Guerra do Paraguai
Guerra do ParaguaiGuerra do Paraguai
Guerra do Paraguai
 
Conflito com o Paraguai
Conflito com o ParaguaiConflito com o Paraguai
Conflito com o Paraguai
 
Todos contra o paraguai
Todos contra o paraguaiTodos contra o paraguai
Todos contra o paraguai
 
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
2º Reinado - Política Externa: Guerra do Paraguai.pptx
 
GUERRA DO PARAGUAI
GUERRA DO PARAGUAIGUERRA DO PARAGUAI
GUERRA DO PARAGUAI
 
História Regional - A guerra do Paraguai
História Regional - A guerra do ParaguaiHistória Regional - A guerra do Paraguai
História Regional - A guerra do Paraguai
 
História de ms povoamento
História de ms   povoamentoHistória de ms   povoamento
História de ms povoamento
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
 
Politica externa no segundo reinado g paraguai
Politica externa no segundo reinado g paraguaiPolitica externa no segundo reinado g paraguai
Politica externa no segundo reinado g paraguai
 
História de ms povoamento
História de ms   povoamentoHistória de ms   povoamento
História de ms povoamento
 
A GUERRA DO PARAGUAI.pdf
A GUERRA DO PARAGUAI.pdfA GUERRA DO PARAGUAI.pdf
A GUERRA DO PARAGUAI.pdf
 
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptxSegundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
Segundo Reinado: Política Externa Parte 1.pptx
 
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguai
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguaiHistoria de mato grosso aula 07 guerra paraguai
Historia de mato grosso aula 07 guerra paraguai
 
Guerra do paraguai
Guerra do paraguaiGuerra do paraguai
Guerra do paraguai
 
His modulo 01
His modulo 01His modulo 01
His modulo 01
 
A Revolução Farroupilha
A Revolução FarroupilhaA Revolução Farroupilha
A Revolução Farroupilha
 
A revolução farroupilha
A revolução farroupilhaA revolução farroupilha
A revolução farroupilha
 
Guerra do Paraguai no cenário sul-americano
Guerra do Paraguai no cenário sul-americanoGuerra do Paraguai no cenário sul-americano
Guerra do Paraguai no cenário sul-americano
 
Historia da Revolução dos Farrapos
Historia da Revolução dos FarraposHistoria da Revolução dos Farrapos
Historia da Revolução dos Farrapos
 

Mais de Lucas Cechinel

9o ano -_semana_15_e_16
9o ano -_semana_15_e_169o ano -_semana_15_e_16
9o ano -_semana_15_e_16
Lucas Cechinel
 
7o ano -_semana_15_e_16
7o ano -_semana_15_e_167o ano -_semana_15_e_16
7o ano -_semana_15_e_16
Lucas Cechinel
 
8o ano -_semana_15_e_16
8o ano -_semana_15_e_168o ano -_semana_15_e_16
8o ano -_semana_15_e_16
Lucas Cechinel
 
1o ano -_semana_15_e_16
1o ano -_semana_15_e_161o ano -_semana_15_e_16
1o ano -_semana_15_e_16
Lucas Cechinel
 
Livro 7º ano - Semana 13 e 14
Livro 7º ano - Semana 13 e 14Livro 7º ano - Semana 13 e 14
Livro 7º ano - Semana 13 e 14
Lucas Cechinel
 
Livro 9º ano - Semana 13 e 14
Livro 9º ano - Semana 13 e 14Livro 9º ano - Semana 13 e 14
Livro 9º ano - Semana 13 e 14
Lucas Cechinel
 
Livro 8º ano - Semana 13 e 14
Livro 8º ano - Semana 13 e 14Livro 8º ano - Semana 13 e 14
Livro 8º ano - Semana 13 e 14
Lucas Cechinel
 
Livro 1º ano - Semana 13 e 14
Livro 1º ano - Semana 13 e 14Livro 1º ano - Semana 13 e 14
Livro 1º ano - Semana 13 e 14
Lucas Cechinel
 
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
Lucas Cechinel
 
Livro - nono ano/semana 9 e 10
Livro - nono ano/semana 9 e 10Livro - nono ano/semana 9 e 10
Livro - nono ano/semana 9 e 10
Lucas Cechinel
 
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
Lucas Cechinel
 
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
Lucas Cechinel
 
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8 Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
Lucas Cechinel
 
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8 Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
Lucas Cechinel
 
Livro - Nono ano/semana 7 e 8
Livro - Nono ano/semana 7 e 8 Livro - Nono ano/semana 7 e 8
Livro - Nono ano/semana 7 e 8
Lucas Cechinel
 
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8 Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
Lucas Cechinel
 
Livro - Nono ano/semana 5 e 6
Livro - Nono ano/semana 5 e 6Livro - Nono ano/semana 5 e 6
Livro - Nono ano/semana 5 e 6
Lucas Cechinel
 
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
Lucas Cechinel
 
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
Lucas Cechinel
 
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
Lucas Cechinel
 

Mais de Lucas Cechinel (20)

9o ano -_semana_15_e_16
9o ano -_semana_15_e_169o ano -_semana_15_e_16
9o ano -_semana_15_e_16
 
7o ano -_semana_15_e_16
7o ano -_semana_15_e_167o ano -_semana_15_e_16
7o ano -_semana_15_e_16
 
8o ano -_semana_15_e_16
8o ano -_semana_15_e_168o ano -_semana_15_e_16
8o ano -_semana_15_e_16
 
1o ano -_semana_15_e_16
1o ano -_semana_15_e_161o ano -_semana_15_e_16
1o ano -_semana_15_e_16
 
Livro 7º ano - Semana 13 e 14
Livro 7º ano - Semana 13 e 14Livro 7º ano - Semana 13 e 14
Livro 7º ano - Semana 13 e 14
 
Livro 9º ano - Semana 13 e 14
Livro 9º ano - Semana 13 e 14Livro 9º ano - Semana 13 e 14
Livro 9º ano - Semana 13 e 14
 
Livro 8º ano - Semana 13 e 14
Livro 8º ano - Semana 13 e 14Livro 8º ano - Semana 13 e 14
Livro 8º ano - Semana 13 e 14
 
Livro 1º ano - Semana 13 e 14
Livro 1º ano - Semana 13 e 14Livro 1º ano - Semana 13 e 14
Livro 1º ano - Semana 13 e 14
 
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
Livro - Sétimo ano/semana 9 e 10
 
Livro - nono ano/semana 9 e 10
Livro - nono ano/semana 9 e 10Livro - nono ano/semana 9 e 10
Livro - nono ano/semana 9 e 10
 
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
Livro - oitavo ano/semana 9 e 10
 
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
Livro - primeiro ano/semana 9 e 10
 
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8 Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
Livro - Primeiro ano/semana 7 e 8
 
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8 Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
Livro - Sétimo ano/semana 7 e 8
 
Livro - Nono ano/semana 7 e 8
Livro - Nono ano/semana 7 e 8 Livro - Nono ano/semana 7 e 8
Livro - Nono ano/semana 7 e 8
 
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8 Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
Livro - Oitavo ano/semana 7 e 8
 
Livro - Nono ano/semana 5 e 6
Livro - Nono ano/semana 5 e 6Livro - Nono ano/semana 5 e 6
Livro - Nono ano/semana 5 e 6
 
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
Livro - Oitavo ano/semana 5 e 6
 
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
Livro - Primeiro ano/semana 5 e 6
 
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
Livro - Sétimo ano/semana 5 e 6
 

Último

TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 

Último (20)

TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 

Guerra do Paraguai.

  • 1. Escola de Educação Básica Engenheiro Sebastião Toledo dos Santos Profº Lucas Cechinel Disciplina: História Criciúma, Outubro de 2014.
  • 2.  A Guerra do Paraguai teve seu início no ano de 1864, a partir da ambição do ditador Francisco Solano Lopes que, tinha como objetivo aumentar o território paraguaio e obter uma saída para o Oceano Atlântico, através dos rios da Bacia do Prata.  Ele iniciou o confronto com a criação de inúmeros obstáculos impostos às embarcações brasileiras que se dirigiam ao Mato Grosso, através da capital paraguaia.
  • 3. O Ditador Francisco Solano Lopes tinha como objetivo aumentar o território paraguaio e obter uma saída para o Oceano Atlântico. RIOS DA BACIA DO PRATA
  • 4.  Solano López, acreditando no poderio de seu exército, com um contingente mobilizado numeroso, mas, mal equipado e, superestimando o poderio militar da Argentina e do Brasil, invadiu a província do Mato Grosso.  Em seguida, pediu permissão à Argentina para que suas tropas pudessem atravessar seu território e, assim, socorrer o Uruguai e invadir o Rio Grande. Diante da negativa do governo Mitre, invadiu Corrientes, na esperança de contar com o apoio do general Urquiza, o qual se opunha ao governo mitrista. Suas previsões fracassaram.
  • 5.  Brasil, Argentina e Uruguai formaram a Tríplice Aliança que, após derrotarem os paraguaios em Uruguaiana, expulsaram suas tropas da Argentina e prepararam a invasão do Paraguai.  Acreditava-se que a guerra seria breve. Não foi.  Depois de uma primeira grande batalha campal em Tuiuti, em maio de 1866, quando o exército paraguaio foi destruído, os aliados depararam-se com as fortificações de Humaitá, às margens do rio Paraguai, onde permaneceram praticamente inativos por mais de um ano.
  • 7.  Em julho de 1867, uma tentativa de assalto às posições paraguaias em Curupaiti resultou em uma sangrenta derrota aliada. Humaitá só seria capturada em agosto do ano seguinte. Nesta altura, a guerra já era conduzida praticamente pelas forças brasileiras.  O exército brasileiro, sob o comando de Caxias, tivera que passar por uma forte reestruturação para se adaptar às condições de uma guerra prolongada e de tais proporções.
  • 9.  Em dezembro de 1868, após uma série de combates, o exército paraguaio foi novamente derrotado e Assunção foi ocupada pelos brasileiros em janeiro de 1869. López conseguiu fugir e organizar um novo exército, ao norte do país. Caxias, já com mais de sessenta anos, cansado, retirou-se da guerra.  Assumiu o comando o conde D'Eu, nobre francês, marido da Princesa Isabel. Em agosto de 1869, Francisco Solano López , acompanhado de um punhado de seguidores, ainda conseguiu evadir-se. Finalmente, em 1º de março de 1870, ele foi morto pelas forças. Com ele, entre metade e 2/3 da população paraguaia haviam sucumbido.
  • 10.  A indústria paraguaia ficou arrasada após a guerra. O Paraguai nunca mais voltou a ser um país com um bom índice de desenvolvimento industrial e econômico. Pelo contrário, passa até hoje por dificuldades políticas e econômicas.  Cerca de 70% da população paraguaia morreu durante o conflito, sendo que a maioria dos mortos eram homens.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.  Embora tenha saído vitorioso, o Brasil também teve grandes prejuízos financeiros com o conflito. Os elevados gastos da guerra foram custeados com empréstimos estrangeiros, fazendo com que aumentasse a dívida externa brasileira e a dependência de países ricos como, por exemplo, da Inglaterra.  Com a guerra, o exército brasileiro ficou fortalecido no aspecto bélico, pois, ganhou experiência e passou por um processo de modernização. Houve um importante fortalecimento institucional. Do ponto de vista político, o exército também saiu fortalecido e passou a ser uma importante força no cenário político nacional.
  • 16.  http://www.brasilescola.com/historiab/g uerra-paraguai.htm  http://www.infoescola.com/historia/guer ra-do-paraguai/  http://www.suapesquisa.com/historia/gu erradoparaguai/  http://economia.uol.com.br/busca? q=guerra%20do%20paraguai