SlideShare uma empresa Scribd logo
Blooming
(Eflorescência/Afloramento)
CENNE – Centro de Estudos e Inovação
www.cenne.com.br Página 1
Conteúdo
Introdução..................................................................................... 2
Resolvendo o Problema ................................................................. 2
www.cenne.com.br Página 2
Introdução
As primeiras referências ao fenômeno apareceram na vulcanização com enxofre e
mencionavam o problema destacando principalmente o efeito causado pelo aparecimento de cristais
sobre a superfície dos vulcanizados.
O efeito tinha duas origens principais:
falta de vulcanização
excesso de agente de vulcanização
Embora fosse muito mais freqüente o enxofre aflorar, notou-se que mesmo baixando-se a
quantidade do agente de cura (enxofre), os doadores como o TMTD também poderiam produzir
forte florescência aliada ao forte odor característico deste acelerador.
Resolvendo o Problema
Estes dois fenômenos podem ser corrigidos, é claro, mediante correção do sistema de cura
completo, ou através de acerto no ciclo de vulcanização. Deve-se levar em conta as características a
serem obtidas no produto final. Para sermos mais claros, devemos lembrar que eflorescência pode
não significar que um produto não atenda a especificação e neste caso costuma-se levar em conta
tão somente à apresentação final do produto.
Alguns autores procuram relacionar outros componentes de formulação como passíveis de
eflorescer quando ultrapassam os limites de compatibilidade com o elastômero. Isso acontece com
algumas parafinas e ceras antiozonantes, mas consideramos estes casos não como eflorescências no
www.cenne.com.br Página 3
sentido conferido por este termo, preferimos considerar este fenômeno como exsudação, já que
acontecem na maioria dos casos com materiais líquidos ou de baixo ponto de fusão como acontece
com os plastificantes e parafinas.
Outros materiais já vem sendo citados como capazes de apresentar blooming, mas todos eles
fazem parte dos casos acima relacionados e merecem um melhor exame e estudos mais profundos
antes de apresentar uma avaliação definitiva.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cargas aplicadas à indústria da borracha
Cargas aplicadas à indústria da borrachaCargas aplicadas à indústria da borracha
Cargas aplicadas à indústria da borracha
Borrachas
 
Eficiencia acoplamento silano
Eficiencia acoplamento silanoEficiencia acoplamento silano
Eficiencia acoplamento silano
Borrachas
 
Borrachas fluorcarbônicas
Borrachas fluorcarbônicasBorrachas fluorcarbônicas
Borrachas fluorcarbônicas
Borrachas
 
Adesão aplicada indústria da borracha
Adesão aplicada indústria da borrachaAdesão aplicada indústria da borracha
Adesão aplicada indústria da borracha
Borrachas
 
Borracha butilica
Borracha butilicaBorracha butilica
Borracha butilica
Borrachas
 
Vulcanização
VulcanizaçãoVulcanização
Vulcanização
Borrachas
 
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
Borrachas
 
Borrachas de estireno
Borrachas de estirenoBorrachas de estireno
Borrachas de estireno
Borrachas
 
Neoprene
NeopreneNeoprene
Neoprene
Borrachas
 
Borracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
Borracha de polietileno cloro sulfonado - HypalonBorracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
Borracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
Borrachas
 
Elastomeros alta performance
Elastomeros alta performanceElastomeros alta performance
Elastomeros alta performance
Borrachas
 
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamentoAditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
Borrachas
 
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachasTabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
Borrachas
 
Borrachas de silicone
Borrachas de siliconeBorrachas de silicone
Borrachas de silicone
Borrachas
 
Escolha da borracha
Escolha da borrachaEscolha da borracha
Escolha da borracha
Borrachas
 
Policloropreno
PolicloroprenoPolicloropreno
Policloropreno
Borrachas
 
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamac
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamacElastomeros etileno acrilato_metila_vamac
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamac
Borrachas
 
Borracha de polibutadieno
Borracha de polibutadienoBorracha de polibutadieno
Borracha de polibutadieno
Borrachas
 
Introdução aos artefatos de borracha
Introdução aos artefatos de borrachaIntrodução aos artefatos de borracha
Introdução aos artefatos de borracha
Borrachas
 
11 mistura em banbury
11   mistura em banbury11   mistura em banbury
11 mistura em banbury
Borrachas
 

Mais procurados (20)

Cargas aplicadas à indústria da borracha
Cargas aplicadas à indústria da borrachaCargas aplicadas à indústria da borracha
Cargas aplicadas à indústria da borracha
 
Eficiencia acoplamento silano
Eficiencia acoplamento silanoEficiencia acoplamento silano
Eficiencia acoplamento silano
 
Borrachas fluorcarbônicas
Borrachas fluorcarbônicasBorrachas fluorcarbônicas
Borrachas fluorcarbônicas
 
Adesão aplicada indústria da borracha
Adesão aplicada indústria da borrachaAdesão aplicada indústria da borracha
Adesão aplicada indústria da borracha
 
Borracha butilica
Borracha butilicaBorracha butilica
Borracha butilica
 
Vulcanização
VulcanizaçãoVulcanização
Vulcanização
 
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
Auxiliares no processamento da borracha - Parte 1
 
Borrachas de estireno
Borrachas de estirenoBorrachas de estireno
Borrachas de estireno
 
Neoprene
NeopreneNeoprene
Neoprene
 
Borracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
Borracha de polietileno cloro sulfonado - HypalonBorracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
Borracha de polietileno cloro sulfonado - Hypalon
 
Elastomeros alta performance
Elastomeros alta performanceElastomeros alta performance
Elastomeros alta performance
 
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamentoAditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
Aditivos de compatibilidade e agentes de acoplamento
 
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachasTabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
Tabela comparativa entre algumas propriedades de diversos tipos de borrachas
 
Borrachas de silicone
Borrachas de siliconeBorrachas de silicone
Borrachas de silicone
 
Escolha da borracha
Escolha da borrachaEscolha da borracha
Escolha da borracha
 
Policloropreno
PolicloroprenoPolicloropreno
Policloropreno
 
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamac
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamacElastomeros etileno acrilato_metila_vamac
Elastomeros etileno acrilato_metila_vamac
 
Borracha de polibutadieno
Borracha de polibutadienoBorracha de polibutadieno
Borracha de polibutadieno
 
Introdução aos artefatos de borracha
Introdução aos artefatos de borrachaIntrodução aos artefatos de borracha
Introdução aos artefatos de borracha
 
11 mistura em banbury
11   mistura em banbury11   mistura em banbury
11 mistura em banbury
 

Destaque

Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBRCopolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
Borrachas
 
Molas coxins
Molas coxinsMolas coxins
Molas coxins
Borrachas
 
Agentes anti-degradantes
Agentes anti-degradantesAgentes anti-degradantes
Agentes anti-degradantes
Borrachas
 
Molas coxins - Dimensionamento dinâmico
Molas coxins - Dimensionamento dinâmicoMolas coxins - Dimensionamento dinâmico
Molas coxins - Dimensionamento dinâmico
Borrachas
 
Molas coxins - Dimensionamento Estático
Molas coxins - Dimensionamento EstáticoMolas coxins - Dimensionamento Estático
Molas coxins - Dimensionamento Estático
Borrachas
 
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borrachaCustos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
Borrachas
 
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachas
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachasGuia de resistência química de alguns tipos de borrachas
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachas
Borrachas
 
Molas e coxins - Elastômeros mais usados
Molas e coxins - Elastômeros mais usadosMolas e coxins - Elastômeros mais usados
Molas e coxins - Elastômeros mais usados
Borrachas
 
Molas coxins - Cálculos
Molas coxins - CálculosMolas coxins - Cálculos
Molas coxins - Cálculos
Borrachas
 
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachasTabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
Borrachas
 

Destaque (10)

Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBRCopolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
Copolímeros butadieno acrilonitrila - NBR
 
Molas coxins
Molas coxinsMolas coxins
Molas coxins
 
Agentes anti-degradantes
Agentes anti-degradantesAgentes anti-degradantes
Agentes anti-degradantes
 
Molas coxins - Dimensionamento dinâmico
Molas coxins - Dimensionamento dinâmicoMolas coxins - Dimensionamento dinâmico
Molas coxins - Dimensionamento dinâmico
 
Molas coxins - Dimensionamento Estático
Molas coxins - Dimensionamento EstáticoMolas coxins - Dimensionamento Estático
Molas coxins - Dimensionamento Estático
 
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borrachaCustos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
Custos e preço de vendas na indústria de artefatos de borracha
 
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachas
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachasGuia de resistência química de alguns tipos de borrachas
Guia de resistência química de alguns tipos de borrachas
 
Molas e coxins - Elastômeros mais usados
Molas e coxins - Elastômeros mais usadosMolas e coxins - Elastômeros mais usados
Molas e coxins - Elastômeros mais usados
 
Molas coxins - Cálculos
Molas coxins - CálculosMolas coxins - Cálculos
Molas coxins - Cálculos
 
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachasTabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
Tabela de abreviaturas para compostos de plásticos e borrachas
 

Mais de Borrachas

Polietileno
PolietilenoPolietileno
Polietileno
Borrachas
 
Performance
PerformancePerformance
Performance
Borrachas
 
Moldagem de borracha
Moldagem de borrachaMoldagem de borracha
Moldagem de borracha
Borrachas
 
Hidrolise
HidroliseHidrolise
Hidrolise
Borrachas
 
tratamento de cargas inorgânicas
tratamento de cargas inorgânicastratamento de cargas inorgânicas
tratamento de cargas inorgânicas
Borrachas
 
09 iniciador para poliolefinas
09   iniciador para poliolefinas09   iniciador para poliolefinas
09 iniciador para poliolefinas
Borrachas
 
08 escolha da borracha
08   escolha da borracha08   escolha da borracha
08 escolha da borracha
Borrachas
 
07 normas astm d 2000
07   normas astm d 200007   normas astm d 2000
07 normas astm d 2000
Borrachas
 
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
Borrachas
 
Modificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
Modificação de Polipropileno com Peróxidos OrgânicosModificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
Modificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
Borrachas
 
XLPE em condutores elétricos
XLPE em condutores elétricosXLPE em condutores elétricos
XLPE em condutores elétricos
Borrachas
 
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICASCOMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
Borrachas
 
Reciclagem da borracha
Reciclagem da borrachaReciclagem da borracha
Reciclagem da borracha
Borrachas
 
Correias transportadoras - Parte 4
Correias transportadoras - Parte 4Correias transportadoras - Parte 4
Correias transportadoras - Parte 4
Borrachas
 
Correias transportadoras - Parte 3
Correias transportadoras - Parte 3Correias transportadoras - Parte 3
Correias transportadoras - Parte 3
Borrachas
 

Mais de Borrachas (15)

Polietileno
PolietilenoPolietileno
Polietileno
 
Performance
PerformancePerformance
Performance
 
Moldagem de borracha
Moldagem de borrachaMoldagem de borracha
Moldagem de borracha
 
Hidrolise
HidroliseHidrolise
Hidrolise
 
tratamento de cargas inorgânicas
tratamento de cargas inorgânicastratamento de cargas inorgânicas
tratamento de cargas inorgânicas
 
09 iniciador para poliolefinas
09   iniciador para poliolefinas09   iniciador para poliolefinas
09 iniciador para poliolefinas
 
08 escolha da borracha
08   escolha da borracha08   escolha da borracha
08 escolha da borracha
 
07 normas astm d 2000
07   normas astm d 200007   normas astm d 2000
07 normas astm d 2000
 
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
Introdução aos Polietilenos Reticulados – “XLPEs”
 
Modificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
Modificação de Polipropileno com Peróxidos OrgânicosModificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
Modificação de Polipropileno com Peróxidos Orgânicos
 
XLPE em condutores elétricos
XLPE em condutores elétricosXLPE em condutores elétricos
XLPE em condutores elétricos
 
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICASCOMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
COMPOSTOS POLIMÉRICOS CONTENDO CARGAS INORGÂNICAS
 
Reciclagem da borracha
Reciclagem da borrachaReciclagem da borracha
Reciclagem da borracha
 
Correias transportadoras - Parte 4
Correias transportadoras - Parte 4Correias transportadoras - Parte 4
Correias transportadoras - Parte 4
 
Correias transportadoras - Parte 3
Correias transportadoras - Parte 3Correias transportadoras - Parte 3
Correias transportadoras - Parte 3
 

Blooming

  • 2. www.cenne.com.br Página 1 Conteúdo Introdução..................................................................................... 2 Resolvendo o Problema ................................................................. 2
  • 3. www.cenne.com.br Página 2 Introdução As primeiras referências ao fenômeno apareceram na vulcanização com enxofre e mencionavam o problema destacando principalmente o efeito causado pelo aparecimento de cristais sobre a superfície dos vulcanizados. O efeito tinha duas origens principais: falta de vulcanização excesso de agente de vulcanização Embora fosse muito mais freqüente o enxofre aflorar, notou-se que mesmo baixando-se a quantidade do agente de cura (enxofre), os doadores como o TMTD também poderiam produzir forte florescência aliada ao forte odor característico deste acelerador. Resolvendo o Problema Estes dois fenômenos podem ser corrigidos, é claro, mediante correção do sistema de cura completo, ou através de acerto no ciclo de vulcanização. Deve-se levar em conta as características a serem obtidas no produto final. Para sermos mais claros, devemos lembrar que eflorescência pode não significar que um produto não atenda a especificação e neste caso costuma-se levar em conta tão somente à apresentação final do produto. Alguns autores procuram relacionar outros componentes de formulação como passíveis de eflorescer quando ultrapassam os limites de compatibilidade com o elastômero. Isso acontece com algumas parafinas e ceras antiozonantes, mas consideramos estes casos não como eflorescências no
  • 4. www.cenne.com.br Página 3 sentido conferido por este termo, preferimos considerar este fenômeno como exsudação, já que acontecem na maioria dos casos com materiais líquidos ou de baixo ponto de fusão como acontece com os plastificantes e parafinas. Outros materiais já vem sendo citados como capazes de apresentar blooming, mas todos eles fazem parte dos casos acima relacionados e merecem um melhor exame e estudos mais profundos antes de apresentar uma avaliação definitiva.