SlideShare uma empresa Scribd logo
1
E-book
Técnicas Incríveis
Ricardinho Paraíso
2
Técnicas
avançadas
Abordarei as principais bases para que o baixista tenha acesso e consiga executar qualquer
técnica.Vocês sabiam que todos os fundamentos do contrabaixo vêm do violão? No período em
que estaremos juntos, vou demonstrar os patamares de desenvolvimento e a forma como penso
em relação à otimização e à mistura dos elementos do nosso querido instrumento. Dividi esta
primeira coluna em três exemplos de utilização do sweep finger (“varrer” com os dedos). Essa
técnica consiste em aproveitar todos os rebotes do dedo quando tocamos as cordas juntas, no
sentido da aguda para a grave. Isso permite mais velocidade e precisão na execução do
pizzicato. Nos trechos a seguir estão sinalizados os dedos da mão direita que devem executar
cada nota. Perceba que existe uma chave indicando a repetição do mesmo dedo (Obs.: das
cordas graves em direção às agudas, NUNCA repita o mesmo dedo).
Bons estudos!
Exemplo 1
Aqui está demonstrada a técnica do sweep finger no Am dórico em função de quartas
consecutivas.
Exemplo 2
Nesse trecho temos o sweep finger em uma condução de baião fusion em cima do Am7(9).
Exemplo 3
Esse exemplo é uma frase-arpejo com extensão e tensões características do Am dórico.
3
Técnicas
avançadas (parte 2)
Essa é a segunda parte da minha coluna sobre técnicas avançadas! Vamos trabalhar o pizzicato
alternativo. Assim como a maioria das técnicas do contrabaixo, o origem desta está no violão.
Ela utiliza os dedos polegar, indicador, médio e anelar da mão direita (destros) e serve para
igualar o nível das duas mãos.
Dividi a minha abordagem aqui em quatro exemplos. Os dedos da mão direita estão
representados na partitura da seguinte maneira:
P - Polegar | i - Indicador | m - Médio | a – Anelar
Obs.: o pizzicato alternativo é aplicado com a mão sobre o captador da ponte. Bons estudos!
Exemplo 1
Esse trecho demonstra o pizzicato alternativo em nível básico por meio de um funk groove em
que é aplicado um toque na oitava (com o dedo indicador).
Exemplo 2
O Ex. 2 mostra o toque duplo na oitava (com os dedos indicador e médio), permitindo ao
polegar se movimentar com mais facilidade pelo grave.
Exemplo 3
Aqui aparece o toque triplo na oitava (com os dedos indicador, médio e anelar).
Exemplo 4
Nesse trecho, vamos trabalhar o salto utilizando as combinações completas sobre cada nota.
4
Técnicas
avançadas (parte 3)
Dando sequencia à sobre técnicas avançadas com um recurso que utiliza arpejo da tétrade
misturando técnicas adaptadas ao contrabaixo. São elas: pizzicato alternativo, tapping e sweep
finger. O estudo foi dividido em quatro exemplos – sob o ponto de vista de um músico destro.
Nomenclatura adotada para os dedos da mão esquerda:
1 – Indicador • 2 – Médio • 3 – Anelar • 4 – Mínimo
EXEMPLO 1
Este exemplo demonstra a técnica sendo executada sobre um arpejo de Amaj7. Para uma melhor
abordagem, é necessário posicionar a mão direita próxima à nota a ser tocada com o tapping. A
sugestão para a mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C# da mesma
corda com o dedo 4, as notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C# da corda G
com o dedo 1 e a nota E da corda G com o dedo 4.
EXEMPLO 2
Aqui aparece a técnica sendo executada sobre um arpejo de A7 (dominante). A sugestão para a
mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C# da mesma corda com o
dedo 4, as notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C# da corda G com o dedo 1
e a nota E da corda G com o dedo 4.
5
EXEMPLO 3
Neste trecho, temos a técnica sendo executada sobre um arpejo de Am7. A sugestão para a mão
esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C da mesma corda com o dedo 3, as
notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C da corda G com o dedo 1 e a nota E
da corda G com o dedo 4.
EXEMPLO 4
Agora, exercite a técnica sobre um arpejo de Am7(b5). A sugestão para a mão esquerda é digitar
a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C da mesma corda com o dedo 4, a nota Eb da corda A
com o dedo 2, a nota A da corda D com o dedo 3, a nota C da corda G com o dedo 1 e a nota Eb
da corda G com o dedo 4.
É interessante aplicar as construções estruturais em todos os modos e tons. Bons estudos!
6
Técnicas
avançadas (parte 4)
Agora vou falar a respeito de reverse thumb. Esse recurso é muito utilizado pelo baixista
Victor Wooten, e, assim como as outras técnicas, tem as suas origens em peças de violão e
a sua aplicação na música flamenca. Também é conhecida como doublethumb. Bons estudos!
Notação utilizada nos exemplos:
T - Thumb • RT - Reverse thumb • P1 - Pluck com o dedo indicador
P2 - Pluck com o dedo médio • P3 - Pluck com o dedo anelar
Exemplo 1
No Exemplo 1, temos uma aplicação sobre a escala de G maior. A digitação de três notas por
corda facilita a velocidade de execução da escala.
Exemplo 2
Esse trecho demonstra a aplicação do reverse thumb utilizando as tercinas de colcheia em um
groove.
Exemplo 3
Aqui há uma aplicação de salto com os intervalos de segunda e de terça uma oitava acima em
um groove percussivo e intuitivo.
7
Exemplo 4
O groove do Exemplo 4 tem uma frase em Dm7(9) seguida de uma frase cromática de três em
três notas.
8
Técnicas avançadas
(sequência)
Essa série de quatro colunas que chamo de “técnicas incríveis”. A mistura de variados recursos
possibilita ao contrabaixista tornar sua pegada mais firme e com uma sonoridade distinta.
EXERCÍCIO 1
Neste exercício, temos a tríade vertical utilizando o pizzicato alternado somado ao sweep.
EXERCÍCIO 2
Aqui, as mesmas técnicas são executadas agora sobre os quartais.
EXERCÍCIO 3
No terceiro exercício, misturamos a #4 (quarta aumentada) e a #5 (quinta aumentada).
EXERCÍCIO 4
Agora chega a vez de misturarmos a tétrade e os quartais.
9
Técnicas incríveis
(slap com tapping)
Dando sequência ao tópico de técnicas incríveis, preparei para vocês a junção de slap com
tapping.
Exercício 1
Neste primeiro exercício, temos a ideia principal utilizando as técnicas sobre uma tétrade de
Cmaj7.
Exercício 2
Aqui aparece uma ideia em que é aplicada a técnica em um groove.
Exercício 3
Para essa etapa, a ideia é aplicada sobre a pentatônica de Gm.
Exercício 4
Por fim, vamos utilizar o tapping (hammer-on) na mão esquerda.
10
Técnicas incríveis:
Pizzicato alternativo com
sweep e arpejos com nona
Preparei para vocês alguns exercícios que misturam o pizzicato alternativo com sweep e arpejos
com nona.
Exercício 1
No exercício 1, temos a ideia principal utilizando os arpejos de Dm9 e Gm9
Exercício 2
Aqui encontramos a aplicação da técnica em um groove, e também ghost notes (notas abafadas).
Exercício 3
No exercício 3, misturamos o pizzicato alternativo e o tapping.
Exercício 4
Por fim, temos uma ideia similar à do exercício anterior.
11
Técnicas incríveis:
arpejos com pizzicato
alternativo e tapping
Para finalizarmos esse estudo preparei exercícios que trabalham arpejos à base de pizzicato
alternativo e tapping. Antes de iniciarmos a prática, porém, prestem atenção na nomenclatura.
› Os sinais p (polegar), i (indicador), m (médio) e a (anelar) indicam os dedos utilizados na mão
direita (do ponto de vista dos destros) na hora da execução das frases.
› O sinal de + indica o tapping feito com a mão direita.
Exercício 1
No primeiro trecho para estudarmos, encontramos as técnicas aplicadas a partir do arpejo de
Dm7. Note os sinais e o uso do ligado na execução da frase.
Exercício 2
No exercício 2, é apresentada uma ideia que aplica as técnicas sobre os quartais (acordes com
empilhamento de quartas). Repare nos números inseridos ao lado do sinal de tapping, como, por
exemplo, “+1”. Eles indicam que a execução do tapping
deve ser feita com os dedos – 1 para o indicador, 2 para o médio, 3 para o anelar e 4 para o
mínimo.
12
Exercício 3
O terceiro exemplo de nossos estudos apresenta o hammer-on (similar a um tapping na mão
esquerda – do ponto de vista dos destros) e o pizzicato alternativo aplicado sobre a corda solta.
Exercício 4
O exercício 4 traz uma ideia similar à que vimos no anterior, só que pressionando as casas com
a mão esquerda.
Dica!
A perfeição vem através da repetição, pratique os exercícios várias vezes, pode ser cansativo,
mas a evolução é visível e o resultado vale a pena!
Tempo
Separe pelo menos meia hora por dia para praticar, desligue tudo o que possa desviar sua
atenção e concentre-se nos estudos.
QUE TAL TER ACESSO AO CURSO COMPLETO COM
25 VIDEO AULAS E AINDA GANHAR MAIS 6 BÔNUS?
Acesse: http://hotmart.net.br/show.html?a=L2398681W&ap=0c56

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Paschoal bona método completo para divisão musical
Paschoal bona   método completo para divisão musicalPaschoal bona   método completo para divisão musical
Paschoal bona método completo para divisão musical
Leandro Meira da Silva
 
Aulas guitarra
Aulas guitarraAulas guitarra
Aulas guitarra
L R
 
Songbook bossa nova 2 (almir chediak)
Songbook   bossa nova 2 (almir chediak)Songbook   bossa nova 2 (almir chediak)
Songbook bossa nova 2 (almir chediak)
LaMarEnCoche
 
Curso de teclado
Curso de tecladoCurso de teclado
Curso de teclado
Neo Vader
 
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
Gilmar Damião
 
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
Partitura de Banda
 
Abc musical
Abc musicalAbc musical
Abc musical
Geraldo Pinheiro
 
Apostila Teoria Musical
Apostila Teoria MusicalApostila Teoria Musical
Apostila Teoria Musical
roseandreia
 
Rhythm guitar encyclopedia
Rhythm guitar encyclopediaRhythm guitar encyclopedia
Rhythm guitar encyclopedia
xxx83
 
Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5
Nando Costa
 
Curso de teoria musical
Curso de teoria musicalCurso de teoria musical
Curso de teoria musical
Henrique Issacar
 
Acordes para-piano-portugues-desbloqueado
Acordes para-piano-portugues-desbloqueadoAcordes para-piano-portugues-desbloqueado
Acordes para-piano-portugues-desbloqueado
coiote_25
 
Curso de violao
Curso de violaoCurso de violao
Curso de violao
Fernando Santos
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)
Kenneswester
 
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
Daniel Flores
 
Escala pentatonica-penta-blues
 Escala pentatonica-penta-blues Escala pentatonica-penta-blues
Escala pentatonica-penta-blues
Pedro Henrique Vasconcelos Cardoso
 
Harmonia funcional carlos almada
Harmonia funcional   carlos almadaHarmonia funcional   carlos almada
Harmonia funcional carlos almada
Leandro Vieira
 
Escalas maiores e menores
Escalas maiores e menoresEscalas maiores e menores
Escalas maiores e menores
Eva Docinho Lima
 
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvidoConceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
paulo_206
 

Mais procurados (20)

Paschoal bona método completo para divisão musical
Paschoal bona   método completo para divisão musicalPaschoal bona   método completo para divisão musical
Paschoal bona método completo para divisão musical
 
Aulas guitarra
Aulas guitarraAulas guitarra
Aulas guitarra
 
Songbook bossa nova 2 (almir chediak)
Songbook   bossa nova 2 (almir chediak)Songbook   bossa nova 2 (almir chediak)
Songbook bossa nova 2 (almir chediak)
 
Curso de teclado
Curso de tecladoCurso de teclado
Curso de teclado
 
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação.  por gil...
Método de harmonia, formação de acordes e escalas para improvisação. por gil...
 
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal   nilson ...
Exercícios diários de escala e sonoridade para flauta transversal nilson ...
 
Abc musical
Abc musicalAbc musical
Abc musical
 
Apostila Teoria Musical
Apostila Teoria MusicalApostila Teoria Musical
Apostila Teoria Musical
 
Rhythm guitar encyclopedia
Rhythm guitar encyclopediaRhythm guitar encyclopedia
Rhythm guitar encyclopedia
 
Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5Livro diagramas de acordes def5
Livro diagramas de acordes def5
 
Curso de teoria musical
Curso de teoria musicalCurso de teoria musical
Curso de teoria musical
 
Acordes para-piano-portugues-desbloqueado
Acordes para-piano-portugues-desbloqueadoAcordes para-piano-portugues-desbloqueado
Acordes para-piano-portugues-desbloqueado
 
Curso de violao
Curso de violaoCurso de violao
Curso de violao
 
Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)Apostila violao-iniciantes (1)
Apostila violao-iniciantes (1)
 
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
Eric Clapton Crossroads Vol.1 (Songbook)
 
Escala pentatonica-penta-blues
 Escala pentatonica-penta-blues Escala pentatonica-penta-blues
Escala pentatonica-penta-blues
 
Método pozzoli
Método   pozzoliMétodo   pozzoli
Método pozzoli
 
Harmonia funcional carlos almada
Harmonia funcional   carlos almadaHarmonia funcional   carlos almada
Harmonia funcional carlos almada
 
Escalas maiores e menores
Escalas maiores e menoresEscalas maiores e menores
Escalas maiores e menores
 
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvidoConceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
 

Destaque

Apostila contra-baixo
Apostila contra-baixoApostila contra-baixo
Apostila contra-baixo
eltoleon
 
Manual do groove para contra baixo
Manual do groove para contra baixoManual do groove para contra baixo
Manual do groove para contra baixo
Marcelo Meirelles
 
08 -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
08  -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b08  -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
08 -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
mrpgps
 
56637415 meu-metodo
56637415 meu-metodo56637415 meu-metodo
56637415 meu-metodo
Tony Baixista
 
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
Tony Baixista
 
Exercícios de digitação no contrabaixo
Exercícios de digitação no contrabaixoExercícios de digitação no contrabaixo
Exercícios de digitação no contrabaixo
Marcos Duprá
 
05 -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
05  -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni05  -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
05 -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
mrpgps
 
Codigo fonte contrabaixo_paraleigos
Codigo fonte contrabaixo_paraleigosCodigo fonte contrabaixo_paraleigos
Codigo fonte contrabaixo_paraleigos
aryew
 
O Contrabaixo
O ContrabaixoO Contrabaixo
O Contrabaixo
Gabriel Rodrigues
 
04 - BAIXO
04 - BAIXO04 - BAIXO
04 - BAIXO
JeffDaSilvaPeres
 
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
Habro Group
 
4247 guitar effects_cata_72
4247 guitar effects_cata_724247 guitar effects_cata_72
4247 guitar effects_cata_72
triplegn
 
Apostila guto contra baixo n°vel 2
Apostila guto contra baixo n°vel 2Apostila guto contra baixo n°vel 2
Apostila guto contra baixo n°vel 2
Silas Santana
 
Gincana Estudantil Reg 2008
Gincana Estudantil Reg 2008Gincana Estudantil Reg 2008
Gincana Estudantil Reg 2008
JOão PAulo
 
Boss guide effects
Boss guide effectsBoss guide effects
Boss guide effects
Neemias Moraes
 
Jaco Pastorius
Jaco PastoriusJaco Pastorius
Jaco Pastorius
Jorge Silva
 
A História do Contrabaixo Elétrico
A História do Contrabaixo ElétricoA História do Contrabaixo Elétrico
A História do Contrabaixo Elétrico
Francisco Eduardo Falcon
 
5 Golden Rules of BASS
5 Golden Rules of BASS5 Golden Rules of BASS
5 Golden Rules of BASS
kingofchords
 

Destaque (19)

Apostila contra-baixo
Apostila contra-baixoApostila contra-baixo
Apostila contra-baixo
 
Manual do groove para contra baixo
Manual do groove para contra baixoManual do groove para contra baixo
Manual do groove para contra baixo
 
08 -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
08  -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b08  -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
08 -método de contra-baixo_-_harmonia_para_contrabaixo_-_ivan_b
 
56637415 meu-metodo
56637415 meu-metodo56637415 meu-metodo
56637415 meu-metodo
 
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
97192084 dan-dean-metodo-baixo-contrabaixo-eletrico
 
Exercícios de digitação no contrabaixo
Exercícios de digitação no contrabaixoExercícios de digitação no contrabaixo
Exercícios de digitação no contrabaixo
 
05 -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
05  -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni05  -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
05 -método de contra-baixo_-_slap_com_ritmos_brasileiros_-_adriano_giffoni
 
Codigo fonte contrabaixo_paraleigos
Codigo fonte contrabaixo_paraleigosCodigo fonte contrabaixo_paraleigos
Codigo fonte contrabaixo_paraleigos
 
O Contrabaixo
O ContrabaixoO Contrabaixo
O Contrabaixo
 
04 - BAIXO
04 - BAIXO04 - BAIXO
04 - BAIXO
 
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
Manual do Combo para contrabaixo Ampeg BA112 (PORTUGUÊS)
 
4247 guitar effects_cata_72
4247 guitar effects_cata_724247 guitar effects_cata_72
4247 guitar effects_cata_72
 
Apostila guto contra baixo n°vel 2
Apostila guto contra baixo n°vel 2Apostila guto contra baixo n°vel 2
Apostila guto contra baixo n°vel 2
 
Gincana Estudantil Reg 2008
Gincana Estudantil Reg 2008Gincana Estudantil Reg 2008
Gincana Estudantil Reg 2008
 
Boss guide effects
Boss guide effectsBoss guide effects
Boss guide effects
 
Jaco Pastorius
Jaco PastoriusJaco Pastorius
Jaco Pastorius
 
O homem da gaita
O homem da gaitaO homem da gaita
O homem da gaita
 
A História do Contrabaixo Elétrico
A História do Contrabaixo ElétricoA História do Contrabaixo Elétrico
A História do Contrabaixo Elétrico
 
5 Golden Rules of BASS
5 Golden Rules of BASS5 Golden Rules of BASS
5 Golden Rules of BASS
 

Semelhante a Apostila Contra-Baixo - Bass Lesson - Técnias Incríveis - Ricardinho Paraiso

guitarra-nivel-basico
guitarra-nivel-basicoguitarra-nivel-basico
guitarra-nivel-basico
Saulo Gomes
 
Curso de cavaquinho
Curso de cavaquinhoCurso de cavaquinho
Curso de cavaquinho
Rogério Fernandes
 
Apostila guitarra rock (oziel filho)
Apostila   guitarra rock (oziel filho)Apostila   guitarra rock (oziel filho)
Apostila guitarra rock (oziel filho)
unileiser
 
curso-basico-de-cavaquinho
 curso-basico-de-cavaquinho curso-basico-de-cavaquinho
curso-basico-de-cavaquinho
Saulo Gomes
 
Acordes soul
Acordes soulAcordes soul
Acordes soul
FernandoBatista104
 
Viola iniciante
Viola inicianteViola iniciante
Viola iniciante
Marcos Duprá
 
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
Marcelo Oliveira
 
Arpejo1maior
Arpejo1maiorArpejo1maior
Arpejo1maior
Anderson Stael
 
Aprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violãoAprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violão
Carlos Eugênio
 
Método de divisão musical praticado com a flauta doce
Método de divisão musical   praticado com a flauta doceMétodo de divisão musical   praticado com a flauta doce
Método de divisão musical praticado com a flauta doce
Saulo Gomes
 
Mini curso-de-cavaquinho
Mini curso-de-cavaquinhoMini curso-de-cavaquinho
Mini curso-de-cavaquinho
Saulo Gomes
 
Aprender a tocar guitarra
Aprender a tocar guitarraAprender a tocar guitarra
Aprender a tocar guitarra
Luciano Lobo
 
Powerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violãoPowerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violão
uscusc
 
Powerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violãoPowerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violão
uscusc
 
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantesEBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
RonaldCardoso8
 

Semelhante a Apostila Contra-Baixo - Bass Lesson - Técnias Incríveis - Ricardinho Paraiso (15)

guitarra-nivel-basico
guitarra-nivel-basicoguitarra-nivel-basico
guitarra-nivel-basico
 
Curso de cavaquinho
Curso de cavaquinhoCurso de cavaquinho
Curso de cavaquinho
 
Apostila guitarra rock (oziel filho)
Apostila   guitarra rock (oziel filho)Apostila   guitarra rock (oziel filho)
Apostila guitarra rock (oziel filho)
 
curso-basico-de-cavaquinho
 curso-basico-de-cavaquinho curso-basico-de-cavaquinho
curso-basico-de-cavaquinho
 
Acordes soul
Acordes soulAcordes soul
Acordes soul
 
Viola iniciante
Viola inicianteViola iniciante
Viola iniciante
 
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
Aulas de Cavaquinho Grátis com Dudu Nobre Passo a Passo peça seu Vídeo Agora.
 
Arpejo1maior
Arpejo1maiorArpejo1maior
Arpejo1maior
 
Aprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violãoAprender como tocar um violão
Aprender como tocar um violão
 
Método de divisão musical praticado com a flauta doce
Método de divisão musical   praticado com a flauta doceMétodo de divisão musical   praticado com a flauta doce
Método de divisão musical praticado com a flauta doce
 
Mini curso-de-cavaquinho
Mini curso-de-cavaquinhoMini curso-de-cavaquinho
Mini curso-de-cavaquinho
 
Aprender a tocar guitarra
Aprender a tocar guitarraAprender a tocar guitarra
Aprender a tocar guitarra
 
Powerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violãoPowerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violão
 
Powerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violãoPowerpoint aula facul, violão
Powerpoint aula facul, violão
 
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantesEBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
EBOOK-Guia-de-viradas para bateristas iniciantes
 

Mais de Tudo em Mãos.com.br

Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE - PORTARIA CONJUNTA SAD...
Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE -  PORTARIA CONJUNTA SAD...Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE -  PORTARIA CONJUNTA SAD...
Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE - PORTARIA CONJUNTA SAD...
Tudo em Mãos.com.br
 
Gestão de Recursos Humanos
Gestão de Recursos HumanosGestão de Recursos Humanos
Gestão de Recursos Humanos
Tudo em Mãos.com.br
 
1 modulo I - curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
1   modulo I -  curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....1   modulo I -  curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
1 modulo I - curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
Tudo em Mãos.com.br
 
Curso eSocial
Curso eSocial Curso eSocial
Curso eSocial
Tudo em Mãos.com.br
 
Manual de Práticas SEFIP
Manual de Práticas SEFIPManual de Práticas SEFIP
Manual de Práticas SEFIP
Tudo em Mãos.com.br
 
Manual Conectividade Social
Manual Conectividade Social Manual Conectividade Social
Manual Conectividade Social
Tudo em Mãos.com.br
 
MANUAL SEFIP
MANUAL SEFIPMANUAL SEFIP
MANUAL SEFIP
Tudo em Mãos.com.br
 
Manual Operacional SEFIP
Manual Operacional SEFIPManual Operacional SEFIP
Manual Operacional SEFIP
Tudo em Mãos.com.br
 
Curso Sefip
Curso SefipCurso Sefip
3 poder legislativo
3   poder legislativo3   poder legislativo
3 poder legislativo
Tudo em Mãos.com.br
 
2 ministerio publico
2   ministerio publico2   ministerio publico
2 ministerio publico
Tudo em Mãos.com.br
 
1 executivo
1   executivo1   executivo
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IIIDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
Tudo em Mãos.com.br
 
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IIDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
Tudo em Mãos.com.br
 
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
Tudo em Mãos.com.br
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVODIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
Tudo em Mãos.com.br
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICODIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
Tudo em Mãos.com.br
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
Tudo em Mãos.com.br
 

Mais de Tudo em Mãos.com.br (18)

Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE - PORTARIA CONJUNTA SAD...
Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE -  PORTARIA CONJUNTA SAD...Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE -  PORTARIA CONJUNTA SAD...
Concurso Polícia Militar de Pernambuco - EDITAL PMPE - PORTARIA CONJUNTA SAD...
 
Gestão de Recursos Humanos
Gestão de Recursos HumanosGestão de Recursos Humanos
Gestão de Recursos Humanos
 
1 modulo I - curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
1   modulo I -  curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....1   modulo I -  curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
1 modulo I - curso oficial departamento pessoal na pratica - tudo em maos....
 
Curso eSocial
Curso eSocial Curso eSocial
Curso eSocial
 
Manual de Práticas SEFIP
Manual de Práticas SEFIPManual de Práticas SEFIP
Manual de Práticas SEFIP
 
Manual Conectividade Social
Manual Conectividade Social Manual Conectividade Social
Manual Conectividade Social
 
MANUAL SEFIP
MANUAL SEFIPMANUAL SEFIP
MANUAL SEFIP
 
Manual Operacional SEFIP
Manual Operacional SEFIPManual Operacional SEFIP
Manual Operacional SEFIP
 
Curso Sefip
Curso SefipCurso Sefip
Curso Sefip
 
3 poder legislativo
3   poder legislativo3   poder legislativo
3 poder legislativo
 
2 ministerio publico
2   ministerio publico2   ministerio publico
2 ministerio publico
 
1 executivo
1   executivo1   executivo
1 executivo
 
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IIIDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO III
 
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IIDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO II
 
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO IDIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO - SEÇÃO I
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVODIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - PODER LEGISLATIVO
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICODIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - MINISTÉRIO PÚBLICO
 
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO - 05/07/2013
 

Último

Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdfCopia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
davidreyes364666
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdfCopia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 

Apostila Contra-Baixo - Bass Lesson - Técnias Incríveis - Ricardinho Paraiso

  • 2. 2 Técnicas avançadas Abordarei as principais bases para que o baixista tenha acesso e consiga executar qualquer técnica.Vocês sabiam que todos os fundamentos do contrabaixo vêm do violão? No período em que estaremos juntos, vou demonstrar os patamares de desenvolvimento e a forma como penso em relação à otimização e à mistura dos elementos do nosso querido instrumento. Dividi esta primeira coluna em três exemplos de utilização do sweep finger (“varrer” com os dedos). Essa técnica consiste em aproveitar todos os rebotes do dedo quando tocamos as cordas juntas, no sentido da aguda para a grave. Isso permite mais velocidade e precisão na execução do pizzicato. Nos trechos a seguir estão sinalizados os dedos da mão direita que devem executar cada nota. Perceba que existe uma chave indicando a repetição do mesmo dedo (Obs.: das cordas graves em direção às agudas, NUNCA repita o mesmo dedo). Bons estudos! Exemplo 1 Aqui está demonstrada a técnica do sweep finger no Am dórico em função de quartas consecutivas. Exemplo 2 Nesse trecho temos o sweep finger em uma condução de baião fusion em cima do Am7(9). Exemplo 3 Esse exemplo é uma frase-arpejo com extensão e tensões características do Am dórico.
  • 3. 3 Técnicas avançadas (parte 2) Essa é a segunda parte da minha coluna sobre técnicas avançadas! Vamos trabalhar o pizzicato alternativo. Assim como a maioria das técnicas do contrabaixo, o origem desta está no violão. Ela utiliza os dedos polegar, indicador, médio e anelar da mão direita (destros) e serve para igualar o nível das duas mãos. Dividi a minha abordagem aqui em quatro exemplos. Os dedos da mão direita estão representados na partitura da seguinte maneira: P - Polegar | i - Indicador | m - Médio | a – Anelar Obs.: o pizzicato alternativo é aplicado com a mão sobre o captador da ponte. Bons estudos! Exemplo 1 Esse trecho demonstra o pizzicato alternativo em nível básico por meio de um funk groove em que é aplicado um toque na oitava (com o dedo indicador). Exemplo 2 O Ex. 2 mostra o toque duplo na oitava (com os dedos indicador e médio), permitindo ao polegar se movimentar com mais facilidade pelo grave. Exemplo 3 Aqui aparece o toque triplo na oitava (com os dedos indicador, médio e anelar). Exemplo 4 Nesse trecho, vamos trabalhar o salto utilizando as combinações completas sobre cada nota.
  • 4. 4 Técnicas avançadas (parte 3) Dando sequencia à sobre técnicas avançadas com um recurso que utiliza arpejo da tétrade misturando técnicas adaptadas ao contrabaixo. São elas: pizzicato alternativo, tapping e sweep finger. O estudo foi dividido em quatro exemplos – sob o ponto de vista de um músico destro. Nomenclatura adotada para os dedos da mão esquerda: 1 – Indicador • 2 – Médio • 3 – Anelar • 4 – Mínimo EXEMPLO 1 Este exemplo demonstra a técnica sendo executada sobre um arpejo de Amaj7. Para uma melhor abordagem, é necessário posicionar a mão direita próxima à nota a ser tocada com o tapping. A sugestão para a mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C# da mesma corda com o dedo 4, as notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C# da corda G com o dedo 1 e a nota E da corda G com o dedo 4. EXEMPLO 2 Aqui aparece a técnica sendo executada sobre um arpejo de A7 (dominante). A sugestão para a mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C# da mesma corda com o dedo 4, as notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C# da corda G com o dedo 1 e a nota E da corda G com o dedo 4.
  • 5. 5 EXEMPLO 3 Neste trecho, temos a técnica sendo executada sobre um arpejo de Am7. A sugestão para a mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C da mesma corda com o dedo 3, as notas E da corda A e A da corda D com o dedo 2, a nota C da corda G com o dedo 1 e a nota E da corda G com o dedo 4. EXEMPLO 4 Agora, exercite a técnica sobre um arpejo de Am7(b5). A sugestão para a mão esquerda é digitar a nota A da corda E com o dedo 1, a nota C da mesma corda com o dedo 4, a nota Eb da corda A com o dedo 2, a nota A da corda D com o dedo 3, a nota C da corda G com o dedo 1 e a nota Eb da corda G com o dedo 4. É interessante aplicar as construções estruturais em todos os modos e tons. Bons estudos!
  • 6. 6 Técnicas avançadas (parte 4) Agora vou falar a respeito de reverse thumb. Esse recurso é muito utilizado pelo baixista Victor Wooten, e, assim como as outras técnicas, tem as suas origens em peças de violão e a sua aplicação na música flamenca. Também é conhecida como doublethumb. Bons estudos! Notação utilizada nos exemplos: T - Thumb • RT - Reverse thumb • P1 - Pluck com o dedo indicador P2 - Pluck com o dedo médio • P3 - Pluck com o dedo anelar Exemplo 1 No Exemplo 1, temos uma aplicação sobre a escala de G maior. A digitação de três notas por corda facilita a velocidade de execução da escala. Exemplo 2 Esse trecho demonstra a aplicação do reverse thumb utilizando as tercinas de colcheia em um groove. Exemplo 3 Aqui há uma aplicação de salto com os intervalos de segunda e de terça uma oitava acima em um groove percussivo e intuitivo.
  • 7. 7 Exemplo 4 O groove do Exemplo 4 tem uma frase em Dm7(9) seguida de uma frase cromática de três em três notas.
  • 8. 8 Técnicas avançadas (sequência) Essa série de quatro colunas que chamo de “técnicas incríveis”. A mistura de variados recursos possibilita ao contrabaixista tornar sua pegada mais firme e com uma sonoridade distinta. EXERCÍCIO 1 Neste exercício, temos a tríade vertical utilizando o pizzicato alternado somado ao sweep. EXERCÍCIO 2 Aqui, as mesmas técnicas são executadas agora sobre os quartais. EXERCÍCIO 3 No terceiro exercício, misturamos a #4 (quarta aumentada) e a #5 (quinta aumentada). EXERCÍCIO 4 Agora chega a vez de misturarmos a tétrade e os quartais.
  • 9. 9 Técnicas incríveis (slap com tapping) Dando sequência ao tópico de técnicas incríveis, preparei para vocês a junção de slap com tapping. Exercício 1 Neste primeiro exercício, temos a ideia principal utilizando as técnicas sobre uma tétrade de Cmaj7. Exercício 2 Aqui aparece uma ideia em que é aplicada a técnica em um groove. Exercício 3 Para essa etapa, a ideia é aplicada sobre a pentatônica de Gm. Exercício 4 Por fim, vamos utilizar o tapping (hammer-on) na mão esquerda.
  • 10. 10 Técnicas incríveis: Pizzicato alternativo com sweep e arpejos com nona Preparei para vocês alguns exercícios que misturam o pizzicato alternativo com sweep e arpejos com nona. Exercício 1 No exercício 1, temos a ideia principal utilizando os arpejos de Dm9 e Gm9 Exercício 2 Aqui encontramos a aplicação da técnica em um groove, e também ghost notes (notas abafadas). Exercício 3 No exercício 3, misturamos o pizzicato alternativo e o tapping. Exercício 4 Por fim, temos uma ideia similar à do exercício anterior.
  • 11. 11 Técnicas incríveis: arpejos com pizzicato alternativo e tapping Para finalizarmos esse estudo preparei exercícios que trabalham arpejos à base de pizzicato alternativo e tapping. Antes de iniciarmos a prática, porém, prestem atenção na nomenclatura. › Os sinais p (polegar), i (indicador), m (médio) e a (anelar) indicam os dedos utilizados na mão direita (do ponto de vista dos destros) na hora da execução das frases. › O sinal de + indica o tapping feito com a mão direita. Exercício 1 No primeiro trecho para estudarmos, encontramos as técnicas aplicadas a partir do arpejo de Dm7. Note os sinais e o uso do ligado na execução da frase. Exercício 2 No exercício 2, é apresentada uma ideia que aplica as técnicas sobre os quartais (acordes com empilhamento de quartas). Repare nos números inseridos ao lado do sinal de tapping, como, por exemplo, “+1”. Eles indicam que a execução do tapping deve ser feita com os dedos – 1 para o indicador, 2 para o médio, 3 para o anelar e 4 para o mínimo.
  • 12. 12 Exercício 3 O terceiro exemplo de nossos estudos apresenta o hammer-on (similar a um tapping na mão esquerda – do ponto de vista dos destros) e o pizzicato alternativo aplicado sobre a corda solta. Exercício 4 O exercício 4 traz uma ideia similar à que vimos no anterior, só que pressionando as casas com a mão esquerda. Dica! A perfeição vem através da repetição, pratique os exercícios várias vezes, pode ser cansativo, mas a evolução é visível e o resultado vale a pena! Tempo Separe pelo menos meia hora por dia para praticar, desligue tudo o que possa desviar sua atenção e concentre-se nos estudos. QUE TAL TER ACESSO AO CURSO COMPLETO COM 25 VIDEO AULAS E AINDA GANHAR MAIS 6 BÔNUS? Acesse: http://hotmart.net.br/show.html?a=L2398681W&ap=0c56