SlideShare uma empresa Scribd logo
Altruísmo:
Uma ferramenta de progresso do ser!
Vamos hoje conversar sobre Altruísmo! Como entender
este mecanismo do comportamento humano sob a ótica
do Espiritismo?
Conceito de Altruísmo
Etimologicamente
Palavras oriundas do Francês ALTRUISME, ou seja, AUSÊNCIA DE EGOÍSMO,
INTERESSE PARA COM OS OUTROS!
Foram popularizados cerca do ano 1830 pelo filósofo
Auguste Comte, a partir de AUTRUI: relativo aos
outros, do Latim ALTER, “outro”.
“Ninguém possui outro direito senão
o de sempre cumprir o seu dever”.
“Só os bons sentimentos podem unir-nos uns aos outros;
nunca o interesse mesquinho determinou laços firmes”.
E nós, o que somos verdadeiramente?
Mundo Material
Seres de relação
Homens e Mulheres
Diversas profissões
Exercemos uma função
No
“O mundo é o grande laboratório para o Espírito
aprender e desenvolver suas potencialidades”
Mapa da Criação, por Mario Sérgio Cortella
Universo: cerca de 15 bilhões de anos
Teoria do Big Bang
Fred Hoyle
O universo está em expansão. Porém, segundo os
físicos, ele chegará num limite e retrairá, num
processo astórico e diastórico.
Universo
Multiversos
Galáxia: conjunto de estrelas.
Existem cerca de 200 bilhões.
Via Láctea: 100 bilhões de estrelas
Sol: uma das estrelas que existe na Via Láctea
Terra: uma dos planetas que giram em torno do Sol
Vida Mais de 3 Milhões de espécies
Homo Sapiens 7 Bilhões de indivíduos
Você/Nós
Mundo Espiritual
Seres de relação? Continuamos na imortalidade!
Homens e Mulheres: apenas uma concepção transitória!
Diversas profissões: o conhecimento adquirido!
Exercemos uma função: como filhos de Deus!
No
E nós, o que somos verdadeiramente?
“A alma possuía sua individualidade antes de encarnar; conserva-a
depois de se haver separado do corpo. Na sua volta ao mundo dos
Espíritos, encontra ela todos aqueles que conhecera na Terra, e todas
as suas existências anteriores se lhe desenham na memória, com a
lembrança de todo bem e de todo mal que fez”.
Introdução de OLE
Qual é a natureza do Ser Humano?
Ser
Humano
Espírito
Perispírito
Corpo
“As diferentes existências corpóreas do Espírito são sempre
progressivas e nunca regressivas; mas, a rapidez do seu
progresso depende dos esforços que faça para chegar à
perfeição”.
Introdução de OLE
“Nossa verdadeira
natureza é a ESPIRITUAL”
Para que serve então o Altruísmo?
Vejamos as seguintes situações:
Para que serve então o Altruísmo?
Vejamos as seguintes situações:
Para que serve então o Altruísmo?
Vejamos as seguintes situações:
Altruísmo tem a ver com algo mais?
Conhecimento Material
Conhecimento
Espiritual
“O espírito prova a sua elevação, quando todos os atos de sua vida
corporal representam a prática da lei de Deus e quando
antecipadamente compreende a vida espiritual.” Q 918 – OLE
“Esperamos que dará outro resultado, o de guiar os homens que
desejem esclarecer-se, mostrando-lhes, nestes estudos, um fim
grande e sublime: o do progresso individual e social e o de lhes indicar
o caminho que conduz a esse fim”.
O estudo do Espiritismo contribui para o nosso Progresso
Quanto as idéias
espíritas existentes em
O Livro dos Espíritos,
Kardec diz na sua
Introdução:
Trecho da resposta: (...) O egoísmo é a fonte de todos os
vícios, como a caridade o é de todas as virtudes. Destruir
um e desenvolver a outra, tal deve ser o alvo de todos os
esforços do homem, se quiser assegurar a sua felicidade
neste mundo, tanto quanto no futuro.
Da Perfeição Moral
Questão 917
Qual o meio de destruir-se o egoísmo?
O que estamos fazendo no
nosso cotidiano para exercer
nossas atividades de
maneira altruísta?
Lei do Progresso
Questão 779 de OLE: A força
para progredir, haure-a o
homem em si mesmo, ou o
progresso é apenas fruto de um
ensinamento?
Resposta: “O homem se
desenvolve por si mesmo,
naturalmente. Mas, nem todos
progridem simultaneamente e
do mesmo modo. Dá-se então
que os mais adiantados auxiliam
o progresso dos outros, por meio
do contato social.”
Questão 780: O progresso moral acompanha sempre
o progresso intelectual?
Questão 780a: Como pode o progresso
intelectual causar o progresso moral?
Como progredimos?
Resposta: “Decorre deste, mas nem sempre o segue
imediatamente.”
Resposta: “Fazendo compreensíveis o bem e o mal. O
homem, desde então, pode escolher. O desenvolvimento do
livre-arbítrio acompanha o da inteligência e aumenta a
responsabilidade dos atos.”
Progresso
Humanidade
Infância
Adolescência
Juventude
Maturidade
Progresso
Individual
Infância
Adolescência
Juventude
Maturidade
Questão 780b
Como é, nesse caso, que, muitas vezes,
sucede serem os povos mais instruídos
os mais pervertidos também?
Resposta: “O progresso completo
constitui o objetivo. Os povos, porém,
como os indivíduos, só passo a passo o
atingem. Enquanto não se lhes haja
desenvolvido o senso moral, pode
mesmo acontecer que se sirvam da
inteligência para a prática do mal. O
moral e a inteligência são duas forças
que só com o tempo chegam a
equilibrar-se.”
Questão 792: Por que não efetua a civilização,
imediatamente, todo o bem que poderia produzir?
Resposta: “Porque os homens ainda não estão aptos nem
dispostos a alcançá-lo.”
E a Civilização?
Questão 792a: Não será também porque, criando novas
necessidades, suscita paixões novas?
Resposta: “É, e ainda porque não progridem simultaneamente todas as
faculdades do Espírito. Tempo é preciso para tudo. De uma civilização incompleta
não podeis esperar frutos perfeitos.”
E a Civilização?
Resposta: O orgulho e o egoísmo. Refiro-me ao progresso moral, porquanto o
intelectual se efetua sempre. À primeira vista, parece mesmo que o progresso
intelectual reduplica a atividade daqueles vícios (...).
Questão 785: Qual o maior obstáculo ao progresso?E o Indivíduo?
Questão 646: Estará subordinado a
determinadas condições o mérito do bem
que se pratique? Por outra: Será de
diferentes graus o mérito que resulta da
prática do bem?
E o Indivíduo?
Resposta: “O mérito do bem está na dificuldade em praticá-lo. Nenhum
merecimento há em fazê-lo sem esforço e quando nada custe. Em melhor conta tem
Deus o pobre que divide com outro o seu único pedaço de pão, do que o rico que
apenas dá do que lhe sobra, disse-o Jesus, a propósito do óbolo da viúva.”
O Evangelho e o Altruísmo!
Jesus é o modelo e
guia da Humanidade!
Ele é o Espírito mais PERFEITO que Deus ofereceu ao homem para lhe servir de
modelo e guia.
Questão 625 de OLE
Mensagem Final
Vida e Renovação
Bezerra de Menezes por Clayton Levy
Prosseguimos servindo com o Mestre, certos de que quanto mais doarmos em
favor dos sofredores, mais receberemos do Alto, na forma de amparo
necessário às lutas que nos dizem respeito. Sigamos estendendo os braços aos
irmãos em prova.
Caminhemos olhando para os infelizes, auxiliando-os conforme nossas forças,
convictos de que o Cristo nos vê e nos conduz nos momentos em que somos
chamados aos testemunhos inevitáveis.
Mensagem Final
Vida e Renovação
Bezerra de Menezes por Clayton Levy
Esforcemo-nos no trabalho de ajuda ao próximo, quer ofertando o pão que
alimenta o corpo, ou o ensinamento que sustenta o espírito, conscientes de
que nossa tarefa de amor com o Mestre é amparo a nós mesmos.
Mensagem Final
Vida e Renovação
Bezerra de Menezes por Clayton Levy
Dediquemo-nos ao trabalho em que fomos convidados a servir, aprendendo a
renunciar aos objetivos de ordem pessoal, a fim de que a mensagem do
Evangelho, revivida pelo Espiritismo possa se destacar, anunciando a presença
de Jesus no mundo dos encarnados e desencarnados, espalhando bençãos e
consolações, luz e alívio para a humanidade sofredora, da qual, ainda hoje,
fazemos parte.
Mensagem Final
Vida e Renovação
Bezerra de Menezes por Clayton Levy
Sigamos com espírito cristão, doando sempre uma cota maior de amor, para
que a caridade, nossa bandeira e nosso lema, modifique para melhor os
cenários de dor que ainda assolam o planeta.
Mensagem Final
Vida e Renovação
Bezerra de Menezes por Clayton Levy
Que a nossa vida seja uma intensa vivência cristã nos detalhes mais singelos do
cotidiano. Sentir o Cristo fluir dentro de nós é aproveitar todos os momentos
para auxiliar o próximo! É ir ao encontro de Deus...
O Altruísmo é, sem dúvida, a expressão
das Leis de Deus que trazemos em nossas
consciências! Pratique, passe adiante!
Que a Paz de Jesus esteja sempre
em nossas corações.
Obrigado a todos!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
Ricardo Azevedo
 
Palestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciênciaPalestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciência
Divulgador do Espiritismo
 
Slide livre arbítrio
Slide  livre arbítrioSlide  livre arbítrio
Slide livre arbítrio
bonattinho
 
Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos
Ponte de Luz ASEC
 
Humildade - A primeira virtude
Humildade - A primeira virtudeHumildade - A primeira virtude
Humildade - A primeira virtude
Ricardo Azevedo
 
Estudos do evangelho 21
Estudos do evangelho 21Estudos do evangelho 21
Estudos do evangelho 21
Leonardo Pereira
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Causas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshareCausas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshare
Almir Silva
 
Conduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da CaridadeConduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da Caridade
igmateus
 
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
Luciane Belchior
 
Desencarne na visão espírita
Desencarne na visão espíritaDesencarne na visão espírita
Desencarne na visão espírita
Eduardo Ottonelli Pithan
 
A paciência
A paciênciaA paciência
A paciência
home
 
Evangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida FuturaEvangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida Futura
Antonino Silva
 
A Gratidão como Roteiro de Vida
A Gratidão como Roteiro de VidaA Gratidão como Roteiro de Vida
A Gratidão como Roteiro de Vida
igmateus
 
Causas anteriores das aflições
Causas anteriores das afliçõesCausas anteriores das aflições
Causas anteriores das aflições
Marcos Antônio Alves
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
Graça Maciel
 
Palestra o poder da fé
Palestra   o poder da féPalestra   o poder da fé
Palestra o poder da fé
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
Anjos da Guarda
Anjos da GuardaAnjos da Guarda
Anjos da Guarda
Ponte de Luz ASEC
 
Os Inimigos Desencarnados(Ese)
Os Inimigos Desencarnados(Ese)Os Inimigos Desencarnados(Ese)
Os Inimigos Desencarnados(Ese)
Grupo Espírita Cristão
 

Mais procurados (20)

O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
 
Palestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciênciaPalestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciência
 
Slide livre arbítrio
Slide  livre arbítrioSlide  livre arbítrio
Slide livre arbítrio
 
Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos
 
Humildade - A primeira virtude
Humildade - A primeira virtudeHumildade - A primeira virtude
Humildade - A primeira virtude
 
Estudos do evangelho 21
Estudos do evangelho 21Estudos do evangelho 21
Estudos do evangelho 21
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
 
Causas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshareCausas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshare
 
Conduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da CaridadeConduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da Caridade
 
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
 
Desencarne na visão espírita
Desencarne na visão espíritaDesencarne na visão espírita
Desencarne na visão espírita
 
A paciência
A paciênciaA paciência
A paciência
 
Evangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida FuturaEvangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida Futura
 
A Gratidão como Roteiro de Vida
A Gratidão como Roteiro de VidaA Gratidão como Roteiro de Vida
A Gratidão como Roteiro de Vida
 
Causas anteriores das aflições
Causas anteriores das afliçõesCausas anteriores das aflições
Causas anteriores das aflições
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
 
Palestra o poder da fé
Palestra   o poder da féPalestra   o poder da fé
Palestra o poder da fé
 
Anjos da Guarda
Anjos da GuardaAnjos da Guarda
Anjos da Guarda
 
Os Inimigos Desencarnados(Ese)
Os Inimigos Desencarnados(Ese)Os Inimigos Desencarnados(Ese)
Os Inimigos Desencarnados(Ese)
 

Destaque

Uma discussão moral sobre o altruísmo
Uma discussão moral sobre o altruísmoUma discussão moral sobre o altruísmo
Uma discussão moral sobre o altruísmo
Carlos Nepomuceno (Nepô)
 
Altruismo
AltruismoAltruismo
Altruismo
Eraldo Fonseca
 
Etico egoismo
Etico egoismoEtico egoismo
Etico egoismo
Mendo Henriques
 
Antigo Regime
Antigo RegimeAntigo Regime
PCN Ensino Médio
PCN Ensino Médio PCN Ensino Médio
PCN Ensino Médio
corescolar
 
Altruismo, egoísmo e individualismo
Altruismo, egoísmo e individualismoAltruismo, egoísmo e individualismo
Altruismo, egoísmo e individualismo
Rosa Ortiz
 
Ed. física 2º ano
Ed. física 2º anoEd. física 2º ano
Ed. física 2º ano
GERALDOGOMESDEBARROS
 
Plano de aula ed. física
Plano de aula ed. físicaPlano de aula ed. física
Conteúdos de educação física
Conteúdos de educação físicaConteúdos de educação física
Conteúdos de educação física
Academia Sentido Unico Pontes Vieira
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
tati_spazziano
 
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
SlideShare
 

Destaque (11)

Uma discussão moral sobre o altruísmo
Uma discussão moral sobre o altruísmoUma discussão moral sobre o altruísmo
Uma discussão moral sobre o altruísmo
 
Altruismo
AltruismoAltruismo
Altruismo
 
Etico egoismo
Etico egoismoEtico egoismo
Etico egoismo
 
Antigo Regime
Antigo RegimeAntigo Regime
Antigo Regime
 
PCN Ensino Médio
PCN Ensino Médio PCN Ensino Médio
PCN Ensino Médio
 
Altruismo, egoísmo e individualismo
Altruismo, egoísmo e individualismoAltruismo, egoísmo e individualismo
Altruismo, egoísmo e individualismo
 
Ed. física 2º ano
Ed. física 2º anoEd. física 2º ano
Ed. física 2º ano
 
Plano de aula ed. física
Plano de aula ed. físicaPlano de aula ed. física
Plano de aula ed. física
 
Conteúdos de educação física
Conteúdos de educação físicaConteúdos de educação física
Conteúdos de educação física
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
 
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
A Guide to SlideShare Analytics - Excerpts from Hubspot's Step by Step Guide ...
 

Semelhante a Altruismo Ferramenta de Progresso do Ser

Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindoGenese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
Fernando A. O. Pinto
 
A genese revisao capitulos 1 2 3
A genese revisao capitulos 1 2  3A genese revisao capitulos 1 2  3
A genese revisao capitulos 1 2 3
Fernando Pinto
 
O valor do tempo
O valor do tempoO valor do tempo
O valor do tempo
grupodepaisceb
 
Estudo do livro Roteiro lição 40
Estudo do livro Roteiro lição 40Estudo do livro Roteiro lição 40
Estudo do livro Roteiro lição 40
Candice Gunther
 
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
Daniel de Melo
 
O que é o espiritismo
O que é o espiritismo O que é o espiritismo
O que é o espiritismo
grupodepaisceb
 
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docx
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docxCapítulo VIII - Lei do Progresso.docx
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docx
Marta Gomes
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
Livro pensamentos introdução
Livro pensamentos    introduçãoLivro pensamentos    introdução
Livro pensamentos introdução
jmeirelles
 
De turbilhão a anjo a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
De turbilhão a anjo   a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...De turbilhão a anjo   a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
De turbilhão a anjo a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
Bruno Bartholomei
 
Por que se vive3
Por que se vive3Por que se vive3
Por que se vive3
jmeirelles
 
Nova geraçao
Nova geraçaoNova geraçao
Nova geraçao
dijfergs
 
Primeira Parte Introdução Orientação
Primeira Parte   Introdução   OrientaçãoPrimeira Parte   Introdução   Orientação
Primeira Parte Introdução Orientação
jmeirelles
 
Caridade e lei do amor
Caridade e lei do amorCaridade e lei do amor
Caridade e lei do amor
Alice Lirio
 
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
PatiSousa1
 
Perfil do espiritismo
Perfil do espiritismoPerfil do espiritismo
Perfil do espiritismo
lucrislopes
 
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.pptA Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
EdsonAguiar30
 
Força educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espíritaForça educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espírita
Alfredo Lopes
 
Por Que Se Vive3
Por Que Se Vive3Por Que Se Vive3
Por Que Se Vive3
jmeirelles
 

Semelhante a Altruismo Ferramenta de Progresso do Ser (20)

Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindoGenese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
Genese cap 01 2e3 revisão a humanidade está evoluindo
 
A genese revisao capitulos 1 2 3
A genese revisao capitulos 1 2  3A genese revisao capitulos 1 2  3
A genese revisao capitulos 1 2 3
 
O valor do tempo
O valor do tempoO valor do tempo
O valor do tempo
 
Estudo do livro Roteiro lição 40
Estudo do livro Roteiro lição 40Estudo do livro Roteiro lição 40
Estudo do livro Roteiro lição 40
 
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
 
O que é o espiritismo
O que é o espiritismo O que é o espiritismo
O que é o espiritismo
 
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docx
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docxCapítulo VIII - Lei do Progresso.docx
Capítulo VIII - Lei do Progresso.docx
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
 
Livro pensamentos introdução
Livro pensamentos    introduçãoLivro pensamentos    introdução
Livro pensamentos introdução
 
De turbilhão a anjo a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
De turbilhão a anjo   a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...De turbilhão a anjo   a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
De turbilhão a anjo a epopeia evolutiva (psicografia joão cândido - espírit...
 
Por que se vive3
Por que se vive3Por que se vive3
Por que se vive3
 
Nova geraçao
Nova geraçaoNova geraçao
Nova geraçao
 
Primeira Parte Introdução Orientação
Primeira Parte   Introdução   OrientaçãoPrimeira Parte   Introdução   Orientação
Primeira Parte Introdução Orientação
 
Caridade e lei do amor
Caridade e lei do amorCaridade e lei do amor
Caridade e lei do amor
 
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
Eae 87 A Lei do Trabalho / A Lei da Justiça
 
Perfil do espiritismo
Perfil do espiritismoPerfil do espiritismo
Perfil do espiritismo
 
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.pptA Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
 
Força educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espíritaForça educadora da doutrina espírita
Força educadora da doutrina espírita
 
Por Que Se Vive3
Por Que Se Vive3Por Que Se Vive3
Por Que Se Vive3
 

Último

Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 

Último (10)

Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 

Altruismo Ferramenta de Progresso do Ser

  • 1. Altruísmo: Uma ferramenta de progresso do ser!
  • 2. Vamos hoje conversar sobre Altruísmo! Como entender este mecanismo do comportamento humano sob a ótica do Espiritismo?
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22. Conceito de Altruísmo Etimologicamente Palavras oriundas do Francês ALTRUISME, ou seja, AUSÊNCIA DE EGOÍSMO, INTERESSE PARA COM OS OUTROS! Foram popularizados cerca do ano 1830 pelo filósofo Auguste Comte, a partir de AUTRUI: relativo aos outros, do Latim ALTER, “outro”. “Ninguém possui outro direito senão o de sempre cumprir o seu dever”. “Só os bons sentimentos podem unir-nos uns aos outros; nunca o interesse mesquinho determinou laços firmes”.
  • 23. E nós, o que somos verdadeiramente? Mundo Material Seres de relação Homens e Mulheres Diversas profissões Exercemos uma função No “O mundo é o grande laboratório para o Espírito aprender e desenvolver suas potencialidades”
  • 24. Mapa da Criação, por Mario Sérgio Cortella Universo: cerca de 15 bilhões de anos Teoria do Big Bang Fred Hoyle O universo está em expansão. Porém, segundo os físicos, ele chegará num limite e retrairá, num processo astórico e diastórico. Universo Multiversos Galáxia: conjunto de estrelas. Existem cerca de 200 bilhões. Via Láctea: 100 bilhões de estrelas Sol: uma das estrelas que existe na Via Láctea Terra: uma dos planetas que giram em torno do Sol Vida Mais de 3 Milhões de espécies Homo Sapiens 7 Bilhões de indivíduos Você/Nós
  • 25. Mundo Espiritual Seres de relação? Continuamos na imortalidade! Homens e Mulheres: apenas uma concepção transitória! Diversas profissões: o conhecimento adquirido! Exercemos uma função: como filhos de Deus! No E nós, o que somos verdadeiramente? “A alma possuía sua individualidade antes de encarnar; conserva-a depois de se haver separado do corpo. Na sua volta ao mundo dos Espíritos, encontra ela todos aqueles que conhecera na Terra, e todas as suas existências anteriores se lhe desenham na memória, com a lembrança de todo bem e de todo mal que fez”. Introdução de OLE
  • 26. Qual é a natureza do Ser Humano? Ser Humano Espírito Perispírito Corpo “As diferentes existências corpóreas do Espírito são sempre progressivas e nunca regressivas; mas, a rapidez do seu progresso depende dos esforços que faça para chegar à perfeição”. Introdução de OLE “Nossa verdadeira natureza é a ESPIRITUAL”
  • 27. Para que serve então o Altruísmo? Vejamos as seguintes situações:
  • 28. Para que serve então o Altruísmo? Vejamos as seguintes situações:
  • 29. Para que serve então o Altruísmo? Vejamos as seguintes situações:
  • 30. Altruísmo tem a ver com algo mais? Conhecimento Material Conhecimento Espiritual “O espírito prova a sua elevação, quando todos os atos de sua vida corporal representam a prática da lei de Deus e quando antecipadamente compreende a vida espiritual.” Q 918 – OLE
  • 31. “Esperamos que dará outro resultado, o de guiar os homens que desejem esclarecer-se, mostrando-lhes, nestes estudos, um fim grande e sublime: o do progresso individual e social e o de lhes indicar o caminho que conduz a esse fim”. O estudo do Espiritismo contribui para o nosso Progresso Quanto as idéias espíritas existentes em O Livro dos Espíritos, Kardec diz na sua Introdução:
  • 32. Trecho da resposta: (...) O egoísmo é a fonte de todos os vícios, como a caridade o é de todas as virtudes. Destruir um e desenvolver a outra, tal deve ser o alvo de todos os esforços do homem, se quiser assegurar a sua felicidade neste mundo, tanto quanto no futuro. Da Perfeição Moral Questão 917 Qual o meio de destruir-se o egoísmo?
  • 33. O que estamos fazendo no nosso cotidiano para exercer nossas atividades de maneira altruísta?
  • 34.
  • 35. Lei do Progresso Questão 779 de OLE: A força para progredir, haure-a o homem em si mesmo, ou o progresso é apenas fruto de um ensinamento? Resposta: “O homem se desenvolve por si mesmo, naturalmente. Mas, nem todos progridem simultaneamente e do mesmo modo. Dá-se então que os mais adiantados auxiliam o progresso dos outros, por meio do contato social.”
  • 36. Questão 780: O progresso moral acompanha sempre o progresso intelectual? Questão 780a: Como pode o progresso intelectual causar o progresso moral? Como progredimos? Resposta: “Decorre deste, mas nem sempre o segue imediatamente.” Resposta: “Fazendo compreensíveis o bem e o mal. O homem, desde então, pode escolher. O desenvolvimento do livre-arbítrio acompanha o da inteligência e aumenta a responsabilidade dos atos.”
  • 37. Progresso Humanidade Infância Adolescência Juventude Maturidade Progresso Individual Infância Adolescência Juventude Maturidade Questão 780b Como é, nesse caso, que, muitas vezes, sucede serem os povos mais instruídos os mais pervertidos também? Resposta: “O progresso completo constitui o objetivo. Os povos, porém, como os indivíduos, só passo a passo o atingem. Enquanto não se lhes haja desenvolvido o senso moral, pode mesmo acontecer que se sirvam da inteligência para a prática do mal. O moral e a inteligência são duas forças que só com o tempo chegam a equilibrar-se.”
  • 38. Questão 792: Por que não efetua a civilização, imediatamente, todo o bem que poderia produzir? Resposta: “Porque os homens ainda não estão aptos nem dispostos a alcançá-lo.” E a Civilização?
  • 39. Questão 792a: Não será também porque, criando novas necessidades, suscita paixões novas? Resposta: “É, e ainda porque não progridem simultaneamente todas as faculdades do Espírito. Tempo é preciso para tudo. De uma civilização incompleta não podeis esperar frutos perfeitos.” E a Civilização?
  • 40. Resposta: O orgulho e o egoísmo. Refiro-me ao progresso moral, porquanto o intelectual se efetua sempre. À primeira vista, parece mesmo que o progresso intelectual reduplica a atividade daqueles vícios (...). Questão 785: Qual o maior obstáculo ao progresso?E o Indivíduo?
  • 41. Questão 646: Estará subordinado a determinadas condições o mérito do bem que se pratique? Por outra: Será de diferentes graus o mérito que resulta da prática do bem? E o Indivíduo? Resposta: “O mérito do bem está na dificuldade em praticá-lo. Nenhum merecimento há em fazê-lo sem esforço e quando nada custe. Em melhor conta tem Deus o pobre que divide com outro o seu único pedaço de pão, do que o rico que apenas dá do que lhe sobra, disse-o Jesus, a propósito do óbolo da viúva.”
  • 42.
  • 43. O Evangelho e o Altruísmo! Jesus é o modelo e guia da Humanidade! Ele é o Espírito mais PERFEITO que Deus ofereceu ao homem para lhe servir de modelo e guia. Questão 625 de OLE
  • 44. Mensagem Final Vida e Renovação Bezerra de Menezes por Clayton Levy Prosseguimos servindo com o Mestre, certos de que quanto mais doarmos em favor dos sofredores, mais receberemos do Alto, na forma de amparo necessário às lutas que nos dizem respeito. Sigamos estendendo os braços aos irmãos em prova.
  • 45. Caminhemos olhando para os infelizes, auxiliando-os conforme nossas forças, convictos de que o Cristo nos vê e nos conduz nos momentos em que somos chamados aos testemunhos inevitáveis. Mensagem Final Vida e Renovação Bezerra de Menezes por Clayton Levy
  • 46. Esforcemo-nos no trabalho de ajuda ao próximo, quer ofertando o pão que alimenta o corpo, ou o ensinamento que sustenta o espírito, conscientes de que nossa tarefa de amor com o Mestre é amparo a nós mesmos. Mensagem Final Vida e Renovação Bezerra de Menezes por Clayton Levy
  • 47. Dediquemo-nos ao trabalho em que fomos convidados a servir, aprendendo a renunciar aos objetivos de ordem pessoal, a fim de que a mensagem do Evangelho, revivida pelo Espiritismo possa se destacar, anunciando a presença de Jesus no mundo dos encarnados e desencarnados, espalhando bençãos e consolações, luz e alívio para a humanidade sofredora, da qual, ainda hoje, fazemos parte. Mensagem Final Vida e Renovação Bezerra de Menezes por Clayton Levy
  • 48. Sigamos com espírito cristão, doando sempre uma cota maior de amor, para que a caridade, nossa bandeira e nosso lema, modifique para melhor os cenários de dor que ainda assolam o planeta. Mensagem Final Vida e Renovação Bezerra de Menezes por Clayton Levy
  • 49. Que a nossa vida seja uma intensa vivência cristã nos detalhes mais singelos do cotidiano. Sentir o Cristo fluir dentro de nós é aproveitar todos os momentos para auxiliar o próximo! É ir ao encontro de Deus... O Altruísmo é, sem dúvida, a expressão das Leis de Deus que trazemos em nossas consciências! Pratique, passe adiante! Que a Paz de Jesus esteja sempre em nossas corações.