O slideshow foi denunciado.

Arquitetura do barroco

7.208 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Arquitetura do barroco

  1. 1. No Brasil e no mundo
  2. 2. História da Arquitetura Século XVII e XVIII Os séculos seguintes ao Renascimento assistiram a um processo cíclico de constante afastamento e reaproximação do ideário clássico. O barroco, em um primeiro momento, potencializa o descontentamento do maneirismo pelas normas clássicas e propicia a gênese de um tipo de arquitetura inédita, ainda que frequentemente possua ligações formais com o passado. Da mesma forma que o barroco representou uma reação ao Renascimento, o neoclassicismo, mais tarde, constituirá uma reação ao barroco e uma forte tendência ao passadismo e à recuperação do clássico. Este período de dois séculos, portanto, será marcado por um ciclo de dúvidas e certezas a respeito da validade das idéias clássicas.
  3. 3. Arquitetura do barroco no mundo O absolutismo monárquico e a Igreja da Contrarreforma utilizaram o barroco como manifestação de grandeza. Nascido em Roma a partir das formas do cinquecento renascentista, logo se diversificou em vários estilos paralelos, à medida que cada país europeu o adotava e o adaptava à sua própria idiossincrasia. Nações protestantes como a Inglaterra, por exemplo, criaram uma versão mais moderada do estilo, com edifícios de fachadas bem menos carregadas que as italianas. Um dos traços fundamentais desse vasto período é que durante seu apogeu as artes plásticas conseguiram uma integração total. A arquitetura, monumental, com exuberantes fachadas de mármore e ornatos de gesso, ou as obras de Borromini, caracterizadas pela projeção tridimensional de planos côncavos e convexos, serviram de palco ideal para as pinturas apoteóticas das abóbadas e as dramáticas esculturas de mármore branco que decoravam os interiores.
  4. 4. Arquitetura do barroco no mundo Na arquitetura barroca, os conceitos de volume e simetria vigentes no renascimento são substituídos pelo dinamismo e pela teatralidade. O produto desse novo modo de desenhar os espaços é uma edificação de proporções ciclópicas, em que mais do que a exatidão da geometria prevalece a superposição de planos e volumes, um recurso que tende a produzir diferentes efeitos visuais, tanto nas fachadas quanto no desenho dos interiores. Quanto à arquitetura sacra, as proporções antropomórficas das colunas renascentistas foram duplicadas, para poder percorrer sem interrupções as novas fachadas de pavimento duplo, segundo o modelo da construção de Il Gesú, em Roma, primeira igreja da Contra-Reforma.
  5. 5. Arquitetura do barroco no Brasil (Ouro Preto- MG ) Igreja de São Francisco de Assis de Ouro Preto-MG A Igreja de São Francisco de Assis é um monumento barroco de Minas Gerais. O barroco é um estilo artístico surgido na Itália, em fins do século XVI, que se disseminou pelo mundo nos dois séculos seguintes. Ele também representa a manifestação artística da Contra-Reforma, movimento de reação da Igreja Católica contra a Reforma Protestante iniciada por Martinho Lutero. A idéia era a produção de templos e imagens que infundissem maior religiosidade nos fiéis.
  6. 6. Arquitetura do barroco no Brasil (Salvador- BA) IGREJA E CONVENTO DE SÃO FRANCISCO DE Salvador, Bahia Construída com recursos do rei de Portugal e esmolas de fiéis, a Igreja e Convento de São Francisco, em Salvador, Bahia, é forrada de ouro, do chão ao teto. No pátio externo, apresenta a segunda maior extensão de paredes azulejadas do mundo – atrás apenas da Igreja de São Vicente de Fora, em Lisboa. São 54.936 azulejos: os da capela-mor, de 1737, narram a vida de São Francisco; no claustro, eles representam alegorias mitológicas sobre a vida, sugerindo sempre uma moral cristã.
  7. 7. Arquitetura do barroco no Brasil (Penedo - AL) Convento Nossa Senhora dos Anjos: O primeiro convento foi fundado em 1661, a pedido dos habitantes. O novo convento começou a ser construído em 1682, ficando prontas a capela-mor e a igreja da ordem terceira em 1689. Em 1694 estavam prontos os dormitórios dos religiosos. No século XVIII, o Convento teve sua arquitetura bastante enriquecida. Os adornos em pedra tem motivos fitomórficos, conchóides e de figuras humanas atarracadas e infantis que criam uma fantasia barroca muito criativa. O exterior do convento é sóbrio seguindo a linha das demais casas franciscanas do Brasil. O interior tem talha do século XVIII, em estilo rococó, onde se conserva a tradição da talha barroca do norte de Portugal. O interior da igreja tem influência das igrejas baianas
  8. 8. Equipe Samuel André Jadcleyson Mota João Marcos Richarlysson Vieira Eronildes Farias

×