Ecossistemas 
Terrestres e 
Aquáticos
1. Ecossistemas 
Terrestres: 
Biomas do Brasil
Bioma é formado por todos os seres vivos de uma determinada 
região, cuja vegetação tem bastante similaridade e continuid...
1.1. Floresta Amazônica (ou Amazônia) 
É considerada a maior floresta tropical do mundo com uma rica 
biodiversidade. Est...
 Compreendendo cerca de 
42% do território 
nacional, a Floresta 
Amazônica é considerada 
a maior floresta tropical 
do ...
1.2. Caatinga 
 Presente na região do sertão 
nordestino (clima semiárido), 
caracteriza-se por uma 
vegetação de arbusto...
 A vegetação é adaptada às condições de aridez (xerófila) 
 Os animais da região são o sapo-cururu, asa-branca, cutia, 
...
1.3. Cerrado 
 Podemos encontrar a vegetação de cerrado, principalmente, na 
região centro-oeste do Brasil, ou seja, nos ...
Características: 
 Presença marcante de árvores de galhos tortuosos e de pequeno 
porte; 
 As raízes destes arbustos são...
1.4. A Mata Atlântica 
 É uma formação vegetal que está presente em grande parte da 
região litorânea brasileira. 
 Ocup...
As principais características são: 
 Presença de árvores de médio e grande porte, formando uma 
floresta fechada e densa;...
1.5. Campos – Pampas 
 Os Campos caracterizam-se pela presença de uma vegetação 
rasteira (gramíneas) e pequenos arbustos...
1.6. Pantanal 
 Um dos ecossistemas mais ricos do Brasil, o Pantanal, estende-se 
pelos territórios do Mato-Grosso (regiã...
 Podemos encontrar, 
principalmente, as seguintes 
espécies: jacarés, capivaras, 
peixes (dourado, pintado, 
curimbatá, p...
 O Pantanal possui uma extensa variedade de árvores, plantas, 
ervas e outros tipos de vegetação. 
 Nesta região, podemo...
2. Ecossistemas 
Aquáticos
2.1. Os Oceanos 
Os oceanos 
cobrem cerca de 70% da 
superfície da Terra, 
constituindo o maior 
ambiente natural do 
plan...
Nesta apresentação, veremos os oceanos em quatro 
aspectos diferentes, que são: 
 Profundidade 
 Distância da costa 
 C...
Entre 1000 e 4000 m de 
profundidade. Águas com 
escuridão total ; águas com 
grande pressão e baixa 
temperaturas. Ocorre...
 São lagos, poças e 
lagoas. 
 Contém “águas 
paradas”, na verdade de 
baixa correnteza. 
 Há dois tipos de lagos: 
Lag...
Lago Eutrófico 
 É um tipo de lago mais comum em áreas de clima temperado. 
 No verão, as águas superficiais ficam mais ...
 É um tipo de lago com menor número de seres vivos, quando 
comparados ao lagos eutróficos. 
 São mais comuns em áreas d...
Ecossistemas Lóticos 
 São rios, córregos e 
riachos. 
 Contém águas correntes 
(alta correnteza d’água.) 
O Encontro da...
Fontes 
 Livros: 
Bio – Volume 3 – Sequência Clássica – Sônia 
Lopes e Sergio Rosso 
 Sites: 
SuaPesquisa.com 
Brasilesc...
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos

2.905 visualizações

Publicada em

Conceito de Bioma; Apresentação, definição, características dos Biomas Brasileiros: Amazônia, Caatinga, Cerrado, Mata Atlântica, Pampa e Pantanal; Conceito de Oceano; Nesta apresentação, veremos os oceanos em quatro aspectos diferentes, que são: Profundidade, Distância da costa, Comunidades, Fatores Abióticos; diferença entre Ecossistemas Lênticos e Ecossistemas Lóticos; e apresentação das fontes de pesquisa.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.905
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
174
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos

  1. 1. Ecossistemas Terrestres e Aquáticos
  2. 2. 1. Ecossistemas Terrestres: Biomas do Brasil
  3. 3. Bioma é formado por todos os seres vivos de uma determinada região, cuja vegetação tem bastante similaridade e continuidade, com um clima mais ou menos uniforme, tendo uma história comum em sua formação. Devido à sua grande extensão territorial, o Brasil apresenta um dos mais complexos quadros de paisagens e sistemas ecológicos do planeta. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), podemos dividir o país em seis principais biomas: Amazônia, Caatinga, Cerrado, Mata Atlântica, Pampa e Pantanal.
  4. 4. 1.1. Floresta Amazônica (ou Amazônia) É considerada a maior floresta tropical do mundo com uma rica biodiversidade. Está presente na região norte (Amazonas, Roraima, Acre, Rondônia, Amapá, Maranhão e Tocantins). É o habitat de milhares de espécies vegetais e animais. Caracteriza-se pela presença de árvores de grande porte, situadas bem próximas umas das outras (floresta fechada). Como o clima na região é quente e úmido, as árvores possuem folhas grandes e largas.
  5. 5.  Compreendendo cerca de 42% do território nacional, a Floresta Amazônica é considerada a maior floresta tropical do mundo.  Está presente nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, além de outros países sul-americanos. Esse é o bioma que possui a maior biodiversidade do planeta. Entre as espécies animais estão: jabuti, paca, anta, jacaré, sucuri, macacos, entre outros.
  6. 6. 1.2. Caatinga  Presente na região do sertão nordestino (clima semiárido), caracteriza-se por uma vegetação de arbustos de porte médio, secos e com galhos retorcidos.  Há também a presença de ervas e cactos.  Único bioma exclusivamente brasileiro, grande parte do seu patrimônio biológico não pode ser encontrado em nenhum outro lugar do planeta. Com cerca de 800.000 km², cerca de 10% do território nacional, a caatinga engloba inteiramente os estados do Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia (região Nordeste do Brasil) e parte do norte de Minas Gerais (região Sudeste do Brasil).
  7. 7.  A vegetação é adaptada às condições de aridez (xerófila)  Os animais da região são o sapo-cururu, asa-branca, cutia, gambá, preá, veado-catingueiro e tatu-peba.  Muito fragilizada, cerca de 70% da caatinga já se encontra alterada pelo homem e somente 0,28% de sua área encontra-se protegida em unidades de conservação.
  8. 8. 1.3. Cerrado  Podemos encontrar a vegetação de cerrado, principalmente, na região centro-oeste do Brasil, ou seja, nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins. Está presente também nas seguintes regiões: oeste de Minas Gerais e sul do Maranhão e Piauí.  Infelizmente, em função do avanço da agricultura nesta região, principalmente de soja, o cerrado vem diminuindo de tamanho com o passar dos anos. O crescimento da pecuária de corte também tem colaborado para a diminuição deste tipo de vegetação. Ambientalistas afirmam que, nos últimos 50 anos, a vegetação do cerrado diminuiu para a metade do tamanho original.
  9. 9. Características:  Presença marcante de árvores de galhos tortuosos e de pequeno porte;  As raízes destes arbustos são profundas (propriedade para a busca de água em regiões profundas do solo, em épocas de seca);  As cascas destas árvores são duras e grossas;  As folhas são cobertas de pêlos;  O cerrado é uma vegetação típica de locais com as estações climáticas bem definidas (uma época bem chuvosa e outra seca) e regiões de solo de composição arenosa.  As principais espécies de animais encontradas no Cerrado são: anta, cervo, onça-pintada, cachorro-vinagre, lobo-guará, lontra, tamanduá-bandeira, gambá, ariranha, gato-palheiro, veado-mateiro, cachorro-do-mato, macaco-prego, quati, queixada, porco-espinho, capivara, tapiti e preá.
  10. 10. 1.4. A Mata Atlântica  É uma formação vegetal que está presente em grande parte da região litorânea brasileira.  Ocupa, atualmente, uma extensão de aproximadamente 100 mil quilômetros quadrados.  É uma das mais importantes florestas tropicais do mundo, apresentando uma rica biodiversidade. A Mata Atlântica encontra-se, infelizmente, em processo de extinção. Atualmente, a especulação imobiliária, o corte ilegal de árvores a poluição ambiental são os principais fatores responsáveis pela extinção desta mata.
  11. 11. As principais características são:  Presença de árvores de médio e grande porte, formando uma floresta fechada e densa;  Rica biodiversidade, com presença de diversas espécies animais e vegetais;  As árvores de grande porte formam um microclima na mata, gerando sombra e umidade  Fauna rica com presença de diversas espécies de mamíferos, anfíbios, aves, insetos, peixes e répteis.  Na região da Serra do Mar, forma-se na Mata Atlântica uma constante neblina. Exemplos de vegetação da Mata Atlântica:  Palmeiras e Figueiras  Bromélias, begônias, orquídeas, cipós e briófitas  Pau-brasil, jacarandá, peroba, jequitibá-rosa, cedro
  12. 12. 1.5. Campos – Pampas  Os Campos caracterizam-se pela presença de uma vegetação rasteira (gramíneas) e pequenos arbustos distantes uns dos outros.  Podemos encontrar esta formação vegetal em várias regiões do Brasil (sul do Mato Grosso do Sul, nordeste do Paraná, sul de Minas Gerais e norte do Maranhão), porém é no sul do Rio Grande do Sul, região conhecida como Pampas Gaúchos, que encontramos em maior extensão. Características principais dos Campos: Vegetação formada por gramíneas e arbustos e árvores de pequeno porte. Não dependem de grande quantidade de chuvas. Sua extensão atingem os territórios da Argentina e Paraguai.
  13. 13. 1.6. Pantanal  Um dos ecossistemas mais ricos do Brasil, o Pantanal, estende-se pelos territórios do Mato-Grosso (região sul), Mato-Grosso do Sul (noroeste), Paraguai (norte) e Bolívia (leste).  Ao todo são aproximadamente 228 mil quilômetros quadrados.  Em função de sua importância e diversidade ecológica, o Pantanal é considerado pela UNESCO como um Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera.
  14. 14.  Podemos encontrar, principalmente, as seguintes espécies: jacarés, capivaras, peixes (dourado, pintado, curimbatá, pacu), ariranhas, onça-pintada, macaco-prego,veado-campeiro, lobo-guará, bicho-preguiça, tamanduá, lagartos, cágados, jabutis, cobras (jibóia e sucuri) e pássaros (tucanos, jaburus, garças, papagaios, araras, gaviões). O ecossistema é muito diversificado, abrigando uma grande quantidade de animais, que vivem em perfeito equilíbrio ecológico.
  15. 15.  O Pantanal possui uma extensa variedade de árvores, plantas, ervas e outros tipos de vegetação.  Nesta região, podemos encontrar espécies da Amazônia, do Cerrado e do Chaco Boliviano. Nas planícies (região que alaga na época das cheias) encontramos uma vegetação de gramíneas. Nas regiões intermediárias, desenvolvem-se pequenos arbustos e vegetação rasteira. Já nas regiões mais altas, podemos encontrar árvores de grande porte. As principais árvores do Pantanal são: aroeira, ipê, figueira, palmeira e angico.
  16. 16. 2. Ecossistemas Aquáticos
  17. 17. 2.1. Os Oceanos Os oceanos cobrem cerca de 70% da superfície da Terra, constituindo o maior ambiente natural do planeta. Sua profundidade média fica em torno de 4000 metros; a máxima é cerca de 11000 metros nas fossas Marianas, no mar das Filipinas. Animação exibe todos os oceanos do planeta. Um corpo de água contínuo que cerca a Terra. O oceano global é dividido em áreas principais. Cinco divisões oceânicas são contadas: Pacífico, Atlântico, Índico, Ártico, e Antártico.
  18. 18. Nesta apresentação, veremos os oceanos em quatro aspectos diferentes, que são:  Profundidade  Distância da costa  Comunidades  Fatores Abióticos
  19. 19. Entre 1000 e 4000 m de profundidade. Águas com escuridão total ; águas com grande pressão e baixa temperaturas. Ocorrem organismos dotados de bioluminescências (produzir luz através de processos bioquímicos), embora haja bem menos animais. São De fossas 200 a 1000 oceânicas m de com profundidades profundidade. acima Quanto de à 6000 m. pouco luminosidade, se conhece alguns dessa autores área, mas foram dividem-registradas na em áreas pressões disfótica hidrostáticas (pouca luz ; da até ordem 300 m) de e afótica 600 atm, (escura; muita abaixo escuridão, de 300 frio m). e À presença medida que de algumas se aprofunda, espécies as altamente águas ficam adaptadas mais calmas a essas e frias condições. (até estabilizar). Entre A luz 4000 penetra e 6000 nessa m de zona até profundidade. uns 200 m (zona Escuridão fótica), total, além tremenda disso, há pressão maior concentração hidrostática (mais O2, de CO2 300 e atm); minerais. águas Tais paradas e frias condições (abaixo favorecem de 5°C) e presença a de seres fotossíntese adaptados e o a crescimento viver sob grandes pressões, de algas sendo (base que nas alguns cadeias tem bioluminescência. alimentares)
  20. 20.  São lagos, poças e lagoas.  Contém “águas paradas”, na verdade de baixa correnteza.  Há dois tipos de lagos: Lago Eutrófico e Lago Oligotrófico. Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte. Ecossistemas Lênticos
  21. 21. Lago Eutrófico  É um tipo de lago mais comum em áreas de clima temperado.  No verão, as águas superficiais ficam mais quentes e menos densas (não há convecção).  No outono e início do inverso, as águas superficiais perdem calor, ficam mais frias e densas em relação às camadas inferiores.  Com isso, as águas superficiais descem levando O2 para os seres do fundo; ao mesmo tempo, as águas do fundo (mais quentes) sobem levando nutrientes para os seres das camadas superiores.  A circulação da água nessa época favorece a vida no lago.
  22. 22.  É um tipo de lago com menor número de seres vivos, quando comparados ao lagos eutróficos.  São mais comuns em áreas de clima tropical.  Como há poucas variações de temperatura nessas regiões, as águas superficiais tendem a possuir temperaturas maiores que nas águas do fundo.  Não há circulação de nutrientes, gases e calor.  Na superfície há mais O2, favorecendo a vida de organismos aeróbicos.  Nas profundezas há menos O2 e prevalência de seres anaeróbicos. Lago Oligotrófico
  23. 23. Ecossistemas Lóticos  São rios, córregos e riachos.  Contém águas correntes (alta correnteza d’água.) O Encontro das Águas na confluência dos rios Solimões e Negro, perto de Manaus.
  24. 24. Fontes  Livros: Bio – Volume 3 – Sequência Clássica – Sônia Lopes e Sergio Rosso  Sites: SuaPesquisa.com Brasilescola.com guiadoestudante.abril.com.br www.planetabio.com OBRIGADA!

×