SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
-139610-267335COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS<br />FICHA DE TRABALHO<br />CIÊNCIAS NATURAIS - 8º Ano<br />1– Lê o seguinte texto e observa a figura: <br />1.1– Para a afirmação que se segue, assinala a opção correcta: <br />A - Os animais que têm o mesmo habitat são: <br />  X_ A e B;<br />  ___ B e C;<br />  ___ A e C. <br />1.2 – Os animais A e B têm o mesmo nicho ecológico? Justifica. <br />Não, porque tem actividades a diferentes horas do dia. A é um animal nocturno e o B é um animal diurno.<br /> 2 – Faz corresponder a cada número da coluna II uma das letras da coluna I. <br />COLUNA I <br />                                                                                                    <br />A – EcossistemaB – ComunidadeC – PopulaçãoD – Habitat<br />E - Biótopo <br />F - Biosfera <br />COLUNA II <br />C      1 – O conjunto dos sapos da espécie Buffus calamita que vivem numa lagoa. <br />D     2 – O esquilo vive nas árvores das florestas onde se alimenta. <br />B      3 – O conjunto de todos os seres vivos que vivem num buraco de um muro. <br />A      4 – O conjunto de todos os seres vivos de uma lagoa e o meio físico de que dependem. <br />F     5 –  conjunto de todos os seres vivos da Terra e das relações que mantêm entre si e os factores físico-químicos do ambiente. <br />C _ 6 – O conjunto de todas as rãs da espécie Rana esculenta que vivem nas margens de uma ribeira. <br />B     7 – O conjunto de todos os seres vivos que, actualmente, habitam uma ribeira. <br />A      8 – O conjunto de todos os seres vivos de uma mata e dos factores físico - químicos com os quais interagem. <br />A    9 – O conjunto de todos os seres vivos que vivem numa ribeira, nas suas margens e nos riachos que nela desaguam e os factores físico-químicos a que estão sujeitos. <br />C -10 – O conjunto de todas as lontras que vivem actualmente ao longo de uma ribeira. <br />3 - Considera as seguintes afirmações: <br />A - O ambiente dos organismos é formado pelos factores bióticos e abióticos. <br />B - O habitat de um ser vivo é o lugar onde vive esse ser vivo. <br />C -Uma população é um conjunto de seres vivos de espécies diferentes que vivem numa mesma área e no mesmo período de tempo, mantendo entre si uma certa interdependência. <br />D – Os vegetais e animais mutuamente relacionados que povoam uma mesma área constituem uma comunidade. <br />E – O nicho ecológico não é o lugar onde o ser vivo vive, mas sim o papel que ele desempenha no ecossistema, ou seja a sua “profissão”. <br />3.1 - Das opções que se seguem, assinala a que está correcta: <br />_____ Todas as afirmações estão certas. <br />X           Só estão certas as afirmações A, B, D, E. <br />_____ Apenas está certa a afirmação A. <br />_____ Só estão certas as afirmações A, B, C, D. <br />_____ Só estão certas as afirmações A, B, C, E. <br />4 – Completa a seguinte equação: <br />Ecossistema =COMUNIDADE + Biótopo <br />5 - Observa o gráfico seguinte que indica a acção das variações de temperatura na actividade de seres vivos de duas espécies diferentes. <br />5.1 – Qual a temperatura óptima da espécie A? <br />A TEMPERATURA ÓPTIMA DA ESPÉCIE A É 5ºC.<br />5.2 – Como classificas os seres da espécie A quanto à sua tolerância às variações de <br />temperatura? <br />ESTENOTÉRMICAS___________________________________________________<br />5.3 – Qual a espécie que apresenta maiores valores de amplitude térmica?<br />ESPÉCIE B (EURITÉRMICA).______________________________________________<br /> <br />5.4 – Qual das espécies terá maior área de distribuição? Justifica a tua resposta. <br />A ESPÉCIE B, POIS SUPORTA MAIORES VARIAÇÕES DE TEMPERATURA, LOGO CONSEGUEM VIVER EM NUM MAIOR NUMEROS DE AMBIENTES.<br />6 – Na tabela estão registados os valores da temperatura média do corpo, da taxa respiratória e da taxa cardíaca dos ouriços-cacheiros activos e em hibernação. <br />ACTIVIDADEHIBERNAÇÃO         Taxa respiratória (número de inspirações e          expirações por minuto) 30/min.4/min.    Taxa cardíaca (número de batimentos por           minuto) 80/min.1 a 5/min.          Temperatura média do corpo 37ºC5ºC<br />  6.1 – O que acontece à temperatura do corpo do ouriço-cacheiro durante a hibernação? <br />DIMINUI DE 37ºC PARA 5ºC.<br />6.2– Compara as taxas respiratória e cardíaca do ouriço-cacheiro quando está activo com as registadas quando está a hibernar.<br />AS TAXAS RESPIRATORIAS E CARDIACAS DIMINUEM QUANDO O OURIÇO ESTÁ EM HIBERNAÇÃO.<br />6.3 – Durante os meses quentes o ouriço-cacheiro alimenta-se abundantemente para acumular reservas e uma espessa camada de gordura debaixo da pele. Indica as vantagens deste comportamento. <br />PARA AGUENTAR O BAIXO METABOLISMO DURANTE A HIBERNAÇÃO, RECORRENDO AOS TECIDOS DE RESERVA. _________________________________________________________________________<br /> <br />7 - Durante o Verão foram colocadas lebres num recinto fechado (e sem janelas), apenas <br />iluminado com luz eléctrica. A luz mantinha-se acesa um determinado número de horas, <br />igual à duração do dia no Outono. <br />Verificou-se que a pelagem das lebres foi embranquecendo, como se estivessem no Outono.<br /> <br />Observa atentamente os esquemas seguintes, os quais indicam a duração do dia e da noite (durante as 24 horas dum dia). <br />                          <br />ESQUEMA BESQUEMA  A <br />7.1 – Qual dos esquemas corresponde às condições a que foram submetidas as lebres no decorrer da experiência? <br />ESQUEMA B._______________________________________________________________________<br />7.2 - Qual é o factor abiótico que influencia a mudança de cor da pelagem das lebres? <br />A LUZ. _____________________________________________________________________________<br />7.3 – Como interpretas os resultados obtidos no fim da experiência? <br />ESTANDO A LEBRE SUJEITA A MENOS HORAS DE LUZ POR DIA (FOTOPERIODO MENOR) A COR DO SEU PELO ALTEROU-SE.<br />8 – O quadro seguinte apresenta as perdas de água para o ambiente de duas espécies animais: <br />PERDAS DE ÁGUAESPÉCIE AESPÉCIE BÁGUA PERDIDA POR TRANSPIRAÇÃO (mg)0,940,54ÁGUA NOS EXCREMENTOS (%)6845<br />8.1 – Qual destas espécies perde mais água para o ambiente? <br />ESPECIE A. <br />8.2 – Qual delas está mais adaptada a viver em regiões com pouca água? Justifica.<br />ESPECIE B POIS TRANSPIRA MENOS E PERDE MENOS AGUA PELOS EXCREMENTOS. OS SERES VIVOS QUE VIVEM EM REGIOES QUENTES TÊM DE ARMAZENAR ÁGUA E NÃO PERDE-LA.<br />                                                                                   BOM TRABALHO<br />                                                                                       Professora<br />                                                                                      Isabel Pinto<br />
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

FT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
FT1 - Estrutura Interna da Terra - RevisõesFT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
FT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
Gabriela Bruno
 
Ficha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestresFicha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestres
N C
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
Catir
 
Atividade diagnóstica 8º
Atividade diagnóstica 8ºAtividade diagnóstica 8º
Atividade diagnóstica 8º
flaviocosac
 
Ficha trabalho vulcanismo_00
Ficha trabalho vulcanismo_00Ficha trabalho vulcanismo_00
Ficha trabalho vulcanismo_00
Maria Santos
 
Paisagens Geografia 7ºano
Paisagens Geografia 7ºanoPaisagens Geografia 7ºano
Paisagens Geografia 7ºano
Bruno Marques
 
Tectónica de placas
Tectónica de placasTectónica de placas
Tectónica de placas
Ana Castro
 

Mais procurados (20)

Teste digestivo 9º b
Teste digestivo 9º bTeste digestivo 9º b
Teste digestivo 9º b
 
Ciclo da agua
Ciclo da aguaCiclo da agua
Ciclo da agua
 
FT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
FT1 - Estrutura Interna da Terra - RevisõesFT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
FT1 - Estrutura Interna da Terra - Revisões
 
Guião do filme - o impossível
Guião do filme - o impossívelGuião do filme - o impossível
Guião do filme - o impossível
 
Ficha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestresFicha formativa subsistemas terrestres
Ficha formativa subsistemas terrestres
 
Ficha de Ciências 7 ano
Ficha de Ciências 7 anoFicha de Ciências 7 ano
Ficha de Ciências 7 ano
 
1 a terra e os subsistemas terrestres
1   a terra e os subsistemas terrestres1   a terra e os subsistemas terrestres
1 a terra e os subsistemas terrestres
 
Deformaçoes
DeformaçoesDeformaçoes
Deformaçoes
 
Vulcanismo
VulcanismoVulcanismo
Vulcanismo
 
Gabarito: Avaliação de História: Períodos Paleolítico e Neolítico – 6º ano – ...
Gabarito: Avaliação de História: Períodos Paleolítico e Neolítico – 6º ano – ...Gabarito: Avaliação de História: Períodos Paleolítico e Neolítico – 6º ano – ...
Gabarito: Avaliação de História: Períodos Paleolítico e Neolítico – 6º ano – ...
 
Atividade diagnóstica 8º
Atividade diagnóstica 8ºAtividade diagnóstica 8º
Atividade diagnóstica 8º
 
Vulcoes(1)
Vulcoes(1)Vulcoes(1)
Vulcoes(1)
 
Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)Reforço de Ciências (Respostas)
Reforço de Ciências (Respostas)
 
Ficha trabalho vulcanismo_00
Ficha trabalho vulcanismo_00Ficha trabalho vulcanismo_00
Ficha trabalho vulcanismo_00
 
Vulcões
VulcõesVulcões
Vulcões
 
Revisao de geografia paisagem
Revisao de geografia paisagemRevisao de geografia paisagem
Revisao de geografia paisagem
 
Paisagens Geografia 7ºano
Paisagens Geografia 7ºanoPaisagens Geografia 7ºano
Paisagens Geografia 7ºano
 
Tectónica de placas
Tectónica de placasTectónica de placas
Tectónica de placas
 
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
 
Economia da região sul
Economia da região sulEconomia da região sul
Economia da região sul
 

Destaque

4 ecossistemas
4 ecossistemas4 ecossistemas
4 ecossistemas
Catir
 
A terra como um sistema
A terra como um sistemaA terra como um sistema
A terra como um sistema
hugo dias
 
Condições da terra que permitem a existência da vida
Condições da terra que permitem a existência da vidaCondições da terra que permitem a existência da vida
Condições da terra que permitem a existência da vida
cn2012
 
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
filomena morais
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Acima da Média
 
Ficha de Relatório - Fototropismo
Ficha de Relatório - FototropismoFicha de Relatório - Fototropismo
Ficha de Relatório - Fototropismo
Gabriela Bruno
 
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
MINEDU
 

Destaque (20)

Fluxo de energia
Fluxo de energiaFluxo de energia
Fluxo de energia
 
Factores Bióticos
Factores BióticosFactores Bióticos
Factores Bióticos
 
4 ecossistemas
4 ecossistemas4 ecossistemas
4 ecossistemas
 
Factores Abióticos - Temperatura
Factores Abióticos - TemperaturaFactores Abióticos - Temperatura
Factores Abióticos - Temperatura
 
Ecossistemas - fatores abióticos
Ecossistemas - fatores abióticosEcossistemas - fatores abióticos
Ecossistemas - fatores abióticos
 
A célula
A célulaA célula
A célula
 
Factores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - LuzFactores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - Luz
 
A terra como um sistema
A terra como um sistemaA terra como um sistema
A terra como um sistema
 
Condições da terra que permitem a existência da vida
Condições da terra que permitem a existência da vidaCondições da terra que permitem a existência da vida
Condições da terra que permitem a existência da vida
 
A célula
A célulaA célula
A célula
 
Factores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaFactores Abióticos - Água
Factores Abióticos - Água
 
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
26344289 ficha-de-avaliacao-de-cn-8º-ano-factores-abioticos-e-bioticos-fluxo-...
 
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º períodoResumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
Resumos de ciências 5º ano 1º teste 1º período
 
Sistema terra
Sistema terraSistema terra
Sistema terra
 
A célula - unidade básica da vida
A célula - unidade básica da vidaA célula - unidade básica da vida
A célula - unidade básica da vida
 
Fichas de avaliação 8º ano
Fichas de avaliação 8º anoFichas de avaliação 8º ano
Fichas de avaliação 8º ano
 
Ficha de Relatório - Fototropismo
Ficha de Relatório - FototropismoFicha de Relatório - Fototropismo
Ficha de Relatório - Fototropismo
 
Ciencias 8ºano - 3º teste
Ciencias   8ºano - 3º testeCiencias   8ºano - 3º teste
Ciencias 8ºano - 3º teste
 
Ficha - aparecimento da vida
Ficha - aparecimento da vidaFicha - aparecimento da vida
Ficha - aparecimento da vida
 
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
53436908 teste-diagnostico-de-ciencias-naturais-do-8º-ano
 

Semelhante a Ficha de trabalho 8º ano (correcção)

8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
silvia_lfr
 
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
Angela Boucinha
 
Ficha Nº 2 Factores Abioticos
Ficha Nº 2 Factores AbioticosFicha Nº 2 Factores Abioticos
Ficha Nº 2 Factores Abioticos
micaelamontezuma
 
Factores Abióticos - Exercícios
Factores Abióticos - ExercíciosFactores Abióticos - Exercícios
Factores Abióticos - Exercícios
Gabriela Bruno
 
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_2010201102 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
Teresa Monteiro
 
Biologia(grupo a)
Biologia(grupo a)Biologia(grupo a)
Biologia(grupo a)
cavip
 
Teste 8ºano cn 1
Teste 8ºano cn 1Teste 8ºano cn 1
Teste 8ºano cn 1
silvia_lfr
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marceloLista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
James Martins
 
Testes nº 1 - Versão a
Testes nº 1 - Versão aTestes nº 1 - Versão a
Testes nº 1 - Versão a
Mina Covas
 
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
Filomena Cordeiro
 

Semelhante a Ficha de trabalho 8º ano (correcção) (20)

Ficha de trabalho 8º ano blog
Ficha de trabalho 8º ano blogFicha de trabalho 8º ano blog
Ficha de trabalho 8º ano blog
 
8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
8ºano cn fichadetrabalho8anocorreco ecossistemas
 
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)1.1.1  ficha de trabalho    factores do ambiente (1)
1.1.1 ficha de trabalho factores do ambiente (1)
 
Ficha Nº 2 Factores Abioticos
Ficha Nº 2 Factores AbioticosFicha Nº 2 Factores Abioticos
Ficha Nº 2 Factores Abioticos
 
Factores Abióticos - Exercícios
Factores Abióticos - ExercíciosFactores Abióticos - Exercícios
Factores Abióticos - Exercícios
 
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_2010201102 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
02 factores abióticos_temperatura_luz_exercicios_tc_20102011
 
Ficha 1 cn5
Ficha 1 cn5Ficha 1 cn5
Ficha 1 cn5
 
Aendt8 teste1
Aendt8 teste1Aendt8 teste1
Aendt8 teste1
 
Ficha de estudo
Ficha de estudoFicha de estudo
Ficha de estudo
 
Biologia(grupo a)
Biologia(grupo a)Biologia(grupo a)
Biologia(grupo a)
 
6ano atividade 01
6ano atividade 016ano atividade 01
6ano atividade 01
 
T2 nee
T2  neeT2  nee
T2 nee
 
Aendt8 teste2
Aendt8 teste2Aendt8 teste2
Aendt8 teste2
 
Teste 8ºano cn 1 (1)
Teste 8ºano cn 1 (1)Teste 8ºano cn 1 (1)
Teste 8ºano cn 1 (1)
 
Teste 8ºano cn 1
Teste 8ºano cn 1Teste 8ºano cn 1
Teste 8ºano cn 1
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marceloLista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
 
Testes nº 1 - Versão a
Testes nº 1 - Versão aTestes nº 1 - Versão a
Testes nº 1 - Versão a
 
4302 m4 ft01.jogo_sustterra
4302 m4 ft01.jogo_sustterra4302 m4 ft01.jogo_sustterra
4302 m4 ft01.jogo_sustterra
 
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
Santillana cn8 230_520_teste_avaliacao1
 
BPC2-B03-Portal-M18.pdf
BPC2-B03-Portal-M18.pdfBPC2-B03-Portal-M18.pdf
BPC2-B03-Portal-M18.pdf
 

Mais de isabelalexandrapinto

Mais de isabelalexandrapinto (20)

Esqueleto humano (powerpoint).edit
Esqueleto humano (powerpoint).editEsqueleto humano (powerpoint).edit
Esqueleto humano (powerpoint).edit
 
Esqueleto humano (powerpoint).edit
Esqueleto humano (powerpoint).editEsqueleto humano (powerpoint).edit
Esqueleto humano (powerpoint).edit
 
Sistema reprodutor
Sistema reprodutorSistema reprodutor
Sistema reprodutor
 
Morfofisiologia do sistema reprodutor 9º ano 2011 - 2012
Morfofisiologia do  sistema reprodutor   9º ano 2011 - 2012Morfofisiologia do  sistema reprodutor   9º ano 2011 - 2012
Morfofisiologia do sistema reprodutor 9º ano 2011 - 2012
 
Sistema excretor
Sistema excretorSistema excretor
Sistema excretor
 
Sistema neuro hormonal (aulas)
Sistema neuro   hormonal (aulas)Sistema neuro   hormonal (aulas)
Sistema neuro hormonal (aulas)
 
Sistema respiratorio powerpoint
Sistema respiratorio powerpointSistema respiratorio powerpoint
Sistema respiratorio powerpoint
 
Sistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpointSistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpoint
 
Sistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpointSistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpoint
 
Sistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpointSistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpoint
 
Sistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpointSistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpoint
 
Sistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpointSistema circulatorio powerpoint
Sistema circulatorio powerpoint
 
Notas teste sumativo 8º J
Notas teste sumativo   8º JNotas teste sumativo   8º J
Notas teste sumativo 8º J
 
Notas teste sumativo 8º J
Notas teste sumativo   8º JNotas teste sumativo   8º J
Notas teste sumativo 8º J
 
Fluxo de energia e circulação de matéria nos ecossistemas
Fluxo de energia e circulação de matéria nos ecossistemasFluxo de energia e circulação de matéria nos ecossistemas
Fluxo de energia e circulação de matéria nos ecossistemas
 
Membrana celular e transporte membranares (biologia humana)
 Membrana celular e transporte membranares (biologia humana) Membrana celular e transporte membranares (biologia humana)
Membrana celular e transporte membranares (biologia humana)
 
Enzimas (powerpoint)
Enzimas (powerpoint)Enzimas (powerpoint)
Enzimas (powerpoint)
 
ácidos nucleicos desporto B
ácidos nucleicos desporto Bácidos nucleicos desporto B
ácidos nucleicos desporto B
 
áCidos nucleicos desporto b
áCidos nucleicos desporto báCidos nucleicos desporto b
áCidos nucleicos desporto b
 
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
Ficha de trabalho 8º ano (correcção)
 

Último

Último (8)

ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 

Ficha de trabalho 8º ano (correcção)

  • 1. -139610-267335COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS<br />FICHA DE TRABALHO<br />CIÊNCIAS NATURAIS - 8º Ano<br />1– Lê o seguinte texto e observa a figura: <br />1.1– Para a afirmação que se segue, assinala a opção correcta: <br />A - Os animais que têm o mesmo habitat são: <br /> X_ A e B;<br /> ___ B e C;<br /> ___ A e C. <br />1.2 – Os animais A e B têm o mesmo nicho ecológico? Justifica. <br />Não, porque tem actividades a diferentes horas do dia. A é um animal nocturno e o B é um animal diurno.<br /> 2 – Faz corresponder a cada número da coluna II uma das letras da coluna I. <br />COLUNA I <br /> <br />A – EcossistemaB – ComunidadeC – PopulaçãoD – Habitat<br />E - Biótopo <br />F - Biosfera <br />COLUNA II <br />C 1 – O conjunto dos sapos da espécie Buffus calamita que vivem numa lagoa. <br />D 2 – O esquilo vive nas árvores das florestas onde se alimenta. <br />B 3 – O conjunto de todos os seres vivos que vivem num buraco de um muro. <br />A 4 – O conjunto de todos os seres vivos de uma lagoa e o meio físico de que dependem. <br />F 5 – conjunto de todos os seres vivos da Terra e das relações que mantêm entre si e os factores físico-químicos do ambiente. <br />C _ 6 – O conjunto de todas as rãs da espécie Rana esculenta que vivem nas margens de uma ribeira. <br />B 7 – O conjunto de todos os seres vivos que, actualmente, habitam uma ribeira. <br />A 8 – O conjunto de todos os seres vivos de uma mata e dos factores físico - químicos com os quais interagem. <br />A 9 – O conjunto de todos os seres vivos que vivem numa ribeira, nas suas margens e nos riachos que nela desaguam e os factores físico-químicos a que estão sujeitos. <br />C -10 – O conjunto de todas as lontras que vivem actualmente ao longo de uma ribeira. <br />3 - Considera as seguintes afirmações: <br />A - O ambiente dos organismos é formado pelos factores bióticos e abióticos. <br />B - O habitat de um ser vivo é o lugar onde vive esse ser vivo. <br />C -Uma população é um conjunto de seres vivos de espécies diferentes que vivem numa mesma área e no mesmo período de tempo, mantendo entre si uma certa interdependência. <br />D – Os vegetais e animais mutuamente relacionados que povoam uma mesma área constituem uma comunidade. <br />E – O nicho ecológico não é o lugar onde o ser vivo vive, mas sim o papel que ele desempenha no ecossistema, ou seja a sua “profissão”. <br />3.1 - Das opções que se seguem, assinala a que está correcta: <br />_____ Todas as afirmações estão certas. <br />X Só estão certas as afirmações A, B, D, E. <br />_____ Apenas está certa a afirmação A. <br />_____ Só estão certas as afirmações A, B, C, D. <br />_____ Só estão certas as afirmações A, B, C, E. <br />4 – Completa a seguinte equação: <br />Ecossistema =COMUNIDADE + Biótopo <br />5 - Observa o gráfico seguinte que indica a acção das variações de temperatura na actividade de seres vivos de duas espécies diferentes. <br />5.1 – Qual a temperatura óptima da espécie A? <br />A TEMPERATURA ÓPTIMA DA ESPÉCIE A É 5ºC.<br />5.2 – Como classificas os seres da espécie A quanto à sua tolerância às variações de <br />temperatura? <br />ESTENOTÉRMICAS___________________________________________________<br />5.3 – Qual a espécie que apresenta maiores valores de amplitude térmica?<br />ESPÉCIE B (EURITÉRMICA).______________________________________________<br /> <br />5.4 – Qual das espécies terá maior área de distribuição? Justifica a tua resposta. <br />A ESPÉCIE B, POIS SUPORTA MAIORES VARIAÇÕES DE TEMPERATURA, LOGO CONSEGUEM VIVER EM NUM MAIOR NUMEROS DE AMBIENTES.<br />6 – Na tabela estão registados os valores da temperatura média do corpo, da taxa respiratória e da taxa cardíaca dos ouriços-cacheiros activos e em hibernação. <br />ACTIVIDADEHIBERNAÇÃO Taxa respiratória (número de inspirações e expirações por minuto) 30/min.4/min. Taxa cardíaca (número de batimentos por minuto) 80/min.1 a 5/min. Temperatura média do corpo 37ºC5ºC<br /> 6.1 – O que acontece à temperatura do corpo do ouriço-cacheiro durante a hibernação? <br />DIMINUI DE 37ºC PARA 5ºC.<br />6.2– Compara as taxas respiratória e cardíaca do ouriço-cacheiro quando está activo com as registadas quando está a hibernar.<br />AS TAXAS RESPIRATORIAS E CARDIACAS DIMINUEM QUANDO O OURIÇO ESTÁ EM HIBERNAÇÃO.<br />6.3 – Durante os meses quentes o ouriço-cacheiro alimenta-se abundantemente para acumular reservas e uma espessa camada de gordura debaixo da pele. Indica as vantagens deste comportamento. <br />PARA AGUENTAR O BAIXO METABOLISMO DURANTE A HIBERNAÇÃO, RECORRENDO AOS TECIDOS DE RESERVA. _________________________________________________________________________<br /> <br />7 - Durante o Verão foram colocadas lebres num recinto fechado (e sem janelas), apenas <br />iluminado com luz eléctrica. A luz mantinha-se acesa um determinado número de horas, <br />igual à duração do dia no Outono. <br />Verificou-se que a pelagem das lebres foi embranquecendo, como se estivessem no Outono.<br /> <br />Observa atentamente os esquemas seguintes, os quais indicam a duração do dia e da noite (durante as 24 horas dum dia). <br /> <br />ESQUEMA BESQUEMA A <br />7.1 – Qual dos esquemas corresponde às condições a que foram submetidas as lebres no decorrer da experiência? <br />ESQUEMA B._______________________________________________________________________<br />7.2 - Qual é o factor abiótico que influencia a mudança de cor da pelagem das lebres? <br />A LUZ. _____________________________________________________________________________<br />7.3 – Como interpretas os resultados obtidos no fim da experiência? <br />ESTANDO A LEBRE SUJEITA A MENOS HORAS DE LUZ POR DIA (FOTOPERIODO MENOR) A COR DO SEU PELO ALTEROU-SE.<br />8 – O quadro seguinte apresenta as perdas de água para o ambiente de duas espécies animais: <br />PERDAS DE ÁGUAESPÉCIE AESPÉCIE BÁGUA PERDIDA POR TRANSPIRAÇÃO (mg)0,940,54ÁGUA NOS EXCREMENTOS (%)6845<br />8.1 – Qual destas espécies perde mais água para o ambiente? <br />ESPECIE A. <br />8.2 – Qual delas está mais adaptada a viver em regiões com pouca água? Justifica.<br />ESPECIE B POIS TRANSPIRA MENOS E PERDE MENOS AGUA PELOS EXCREMENTOS. OS SERES VIVOS QUE VIVEM EM REGIOES QUENTES TÊM DE ARMAZENAR ÁGUA E NÃO PERDE-LA.<br /> BOM TRABALHO<br /> Professora<br /> Isabel Pinto<br />