SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
Baixar para ler offline
LIGAÇÃO QUÍMICA
COMO OS ÁTOMOS COMBINAM-SE PARA FORMAR
MOLÉCULAS OU COMPOSTOS ?
PORQUE OS ÁTOMOS FORMAM LIGAÇÕES ?
SE MOLÉCULAS EXISTEM É PORQUE SÃO MAIS ESTÁVEIS
QUE OS ÁTOMOS ISOLADOS
PROCESSO ENERGÉTICO  MÍNIMO DE ENERGIA
LIGAÇÃO QUÍMICA OCORRE QUANDO O
COMPOSTO FINAL TEM
NÍVEL ENERGÉTICO MAIS BAIXO
QUE OS ÁTOMOS DE FORMA ISOLADA
GASES NOBRES 










cos
estávelãoconfiguraç
reativosnão
monoatômi



eletronsdeamentocompartilh
eletronsdedoação
elementos





recebem)ou(doamcasododepende
tivoseletronega
voseletroposi
TIPOS DE LIGAÇÃO
3 TIPOS DE LIGAÇÃO
 tivoeletronegativoeletroposi 
covalente  tivoeletronegativoeletronega 
metálica  tivoeletropositivoeletroposi 
iônica
COMBINAÇÃO DE 2 TIPOS ( 2 A 2)


O QUE É SER ELETROPOSITIVO
OU ELETRONEGATIVO?
POTENCIAL DE IONIZAÇÃO
TRANSFERÊNCIA TOTAL DE ELÉTRON (S)
DE UMA ESPÉCIE PARA A OUTRA
LIGAÇÃO IÔNICA
ELETROPOSITIVO + ELETRONEGATIVO ???
ÍON = ÁTOMO (ou conjunto) CARREGADO
espécie carregada (com carga)
CÁTION = ÍON POSITIVO
ÂNION = ÍON NEGATIVO
e os compostos iônicos tipo CaSO4?
L
I
G
A
Ç
Ã
O
I
Ô
N
I
C
A
Na (11) pot. ion. 5,139
Cl (17) pot. ion. 12,967
ENERGIA FORNECIDA
CsCl2
CaF2
CARACTERÍSTICAS
Alto ponto de fusão
São sólidos a temperatura ambiente
Não conduzem eletricidade
Alto ponto de ebulição
Substâncias duras, porém quebradiças:
Duros: Interações fortes
Quebradiços
Ao se tentar deslocar uma camada em relação a outra, íons de
mesma carga ficam juntos e repelem-se fortemente, levando a
ruptura do retículo
NaCl (Cloreto de sódio)
• Sal de cozinha
• Produção de NaOH
Usos
CaCO3 (Carbonato de cálcio) • Giz
TiO2 (dióxido de titânio) • Pigmentos de tintas e esmaltes
HgCl2 (Cloreto de mercúrio II) • Pesticida
KCl (Cloreto de potássio) • Fertilizantes
NaF ( Fluoreto de sódio) • Cremes dentais
Ligação Covalente
Compartilhamento de elétrons
Elétrons ficam em orbitais
Orbitais são descritos por funções de onda
Afunção de onda Y é uma função complexa que descreve completamente
o estado de uma partícula e não tem significado físico direto.
Probabilidade da partícula ser
encontrada numa região de
comprimento infinitesimal dx
em torno de x.
O conjugado complexo de um número complexo é obtido pela troca
de sinal da parte imaginária.
Função de onda
O seu módulo ao quadrado é a densidade de probabilidade, ou seja
Y = A eiq
Y* é o complexo conjugado de Y
Y* = A e-iq
Y Y* = A2 e+iqe-iq
1
dz
2
Ligquiaula1
Ligquiaula1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicas
Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicasCiencia dos Materiais- ligacoes quimicas
Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicasRui Romeu Fiapiola
 
Polaridade das moléculas e forças intermoleculares
Polaridade das moléculas e forças intermolecularesPolaridade das moléculas e forças intermoleculares
Polaridade das moléculas e forças intermolecularesBio Sem Limites
 
Exercicios ligação quimica
Exercicios ligação quimicaExercicios ligação quimica
Exercicios ligação quimicaAmanda Guimarães
 
Ligação covalente e geometria molecular
Ligação covalente e geometria molecularLigação covalente e geometria molecular
Ligação covalente e geometria molecularAntónio Gonçalves
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicaspaolazeroum
 
Química Geral 2016/1 Aula 02
Química Geral 2016/1 Aula 02Química Geral 2016/1 Aula 02
Química Geral 2016/1 Aula 02Ednilsom Orestes
 
Apresentação ligação iônica e retículos cristalinos
Apresentação   ligação iônica e retículos cristalinosApresentação   ligação iônica e retículos cristalinos
Apresentação ligação iônica e retículos cristalinosjsfinorg17
 
Química Geral 2016/1 Aula 06
Química Geral 2016/1 Aula 06Química Geral 2016/1 Aula 06
Química Geral 2016/1 Aula 06Ednilsom Orestes
 
Semicondutores do tipo p e tipo n
Semicondutores do tipo p e tipo nSemicondutores do tipo p e tipo n
Semicondutores do tipo p e tipo nTumblr
 
Ligacao quimica (introdução)
Ligacao quimica (introdução)Ligacao quimica (introdução)
Ligacao quimica (introdução)cmdantasba
 

Mais procurados (20)

Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicas
Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicasCiencia dos Materiais- ligacoes quimicas
Ciencia dos Materiais- ligacoes quimicas
 
Polaridade das moléculas e forças intermoleculares
Polaridade das moléculas e forças intermolecularesPolaridade das moléculas e forças intermoleculares
Polaridade das moléculas e forças intermoleculares
 
Exercicios ligação quimica
Exercicios ligação quimicaExercicios ligação quimica
Exercicios ligação quimica
 
Ligação covalente e geometria molecular
Ligação covalente e geometria molecularLigação covalente e geometria molecular
Ligação covalente e geometria molecular
 
Ligação iônica
Ligação iônicaLigação iônica
Ligação iônica
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicas
 
Ligações químicas 2013 objetivo
Ligações químicas 2013   objetivoLigações químicas 2013   objetivo
Ligações químicas 2013 objetivo
 
Propriedades das ligações
Propriedades das ligaçõesPropriedades das ligações
Propriedades das ligações
 
Química Geral 2016/1 Aula 02
Química Geral 2016/1 Aula 02Química Geral 2016/1 Aula 02
Química Geral 2016/1 Aula 02
 
Apresentação ligação iônica e retículos cristalinos
Apresentação   ligação iônica e retículos cristalinosApresentação   ligação iônica e retículos cristalinos
Apresentação ligação iônica e retículos cristalinos
 
Química Geral Aula 10
Química Geral Aula 10Química Geral Aula 10
Química Geral Aula 10
 
Ligaã§ãµes metã¡licas
Ligaã§ãµes metã¡licasLigaã§ãµes metã¡licas
Ligaã§ãµes metã¡licas
 
Semicondutores
SemicondutoresSemicondutores
Semicondutores
 
Ligacoes quimicas
Ligacoes quimicasLigacoes quimicas
Ligacoes quimicas
 
Química Geral 2016/1 Aula 06
Química Geral 2016/1 Aula 06Química Geral 2016/1 Aula 06
Química Geral 2016/1 Aula 06
 
apostila Semicondutores
apostila Semicondutoresapostila Semicondutores
apostila Semicondutores
 
Semicondutores do tipo p e tipo n
Semicondutores do tipo p e tipo nSemicondutores do tipo p e tipo n
Semicondutores do tipo p e tipo n
 
Aulas 08 e 09 pilhas - 2º ano
Aulas 08 e 09   pilhas - 2º anoAulas 08 e 09   pilhas - 2º ano
Aulas 08 e 09 pilhas - 2º ano
 
Semicondutores
SemicondutoresSemicondutores
Semicondutores
 
Ligacao quimica (introdução)
Ligacao quimica (introdução)Ligacao quimica (introdução)
Ligacao quimica (introdução)
 

Destaque

Estrutura atômica 2014 II
Estrutura atômica 2014 IIEstrutura atômica 2014 II
Estrutura atômica 2014 IIiqscquimica
 
Avaliação do blog
Avaliação do blogAvaliação do blog
Avaliação do blogiqscquimica
 
Estrutura atômica 2014 2_aula1
Estrutura atômica 2014 2_aula1Estrutura atômica 2014 2_aula1
Estrutura atômica 2014 2_aula1iqscquimica
 
Cálculos em Química
Cálculos em QuímicaCálculos em Química
Cálculos em Químicaiqscquimica
 
Aula1 Equilibrio Químico
Aula1 Equilibrio QuímicoAula1 Equilibrio Químico
Aula1 Equilibrio Químicoiqscquimica
 
Modelo Pré-Relatório
Modelo Pré-RelatórioModelo Pré-Relatório
Modelo Pré-Relatórioiqscquimica
 

Destaque (9)

Estrutura atômica 2014 II
Estrutura atômica 2014 IIEstrutura atômica 2014 II
Estrutura atômica 2014 II
 
Avaliação do blog
Avaliação do blogAvaliação do blog
Avaliação do blog
 
Estrutura atômica 2014 2_aula1
Estrutura atômica 2014 2_aula1Estrutura atômica 2014 2_aula1
Estrutura atômica 2014 2_aula1
 
Cálculos em Química
Cálculos em QuímicaCálculos em Química
Cálculos em Química
 
Estrutura part2
Estrutura part2Estrutura part2
Estrutura part2
 
Aula2
Aula2Aula2
Aula2
 
Aula1 Equilibrio Químico
Aula1 Equilibrio QuímicoAula1 Equilibrio Químico
Aula1 Equilibrio Químico
 
Quimica para 8°
Quimica para 8°Quimica para 8°
Quimica para 8°
 
Modelo Pré-Relatório
Modelo Pré-RelatórioModelo Pré-Relatório
Modelo Pré-Relatório
 

Semelhante a Ligquiaula1

Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.ppt
Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.pptAula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.ppt
Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.pptGustavoPlaster1
 
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptAula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptRicardoBrunoFelix
 
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.MariajulianaAraujode1
 
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptAula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptGluciaCoutinho3
 
1 diodos_transistores word
1  diodos_transistores word1  diodos_transistores word
1 diodos_transistores wordCarla Lee
 
Ligacoes quimicas geometria
Ligacoes quimicas   geometriaLigacoes quimicas   geometria
Ligacoes quimicas geometriaRafael Milan
 
Apostila de-eletrônica-básica1
Apostila de-eletrônica-básica1Apostila de-eletrônica-básica1
Apostila de-eletrônica-básica1Leandro Henrique
 
Apostila de eletronica basica
Apostila de eletronica basicaApostila de eletronica basica
Apostila de eletronica basicaandydurdem
 
Apostila de Eletronica Basica
Apostila de Eletronica BasicaApostila de Eletronica Basica
Apostila de Eletronica BasicaYanka-Isabelle
 
Apostila de eletronica_basica
Apostila de eletronica_basicaApostila de eletronica_basica
Apostila de eletronica_basicaRui Raposo
 
Eletroquímica Para Jovens do Ensino Médio
Eletroquímica Para Jovens do Ensino MédioEletroquímica Para Jovens do Ensino Médio
Eletroquímica Para Jovens do Ensino MédioRene Lins
 
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemploSimone Belorte de Andrade
 

Semelhante a Ligquiaula1 (20)

Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.ppt
Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.pptAula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.ppt
Aula 5_ Revisão tabela e ligações iônicas.ppt
 
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptAula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
 
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.
aula 3 ligações químicas. aula sobre a estrutura das ligações.
 
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.pptAula_3_Ligações Químicas.ppt
Aula_3_Ligações Químicas.ppt
 
Aula_3_Ligações Químicas.pdf
Aula_3_Ligações Químicas.pdfAula_3_Ligações Químicas.pdf
Aula_3_Ligações Químicas.pdf
 
Aula+escrita+eletrólise
Aula+escrita+eletróliseAula+escrita+eletrólise
Aula+escrita+eletrólise
 
1 diodos_transistores word
1  diodos_transistores word1  diodos_transistores word
1 diodos_transistores word
 
Eletroquímica
EletroquímicaEletroquímica
Eletroquímica
 
Ligações Químicas.ppt
Ligações Químicas.pptLigações Químicas.ppt
Ligações Químicas.ppt
 
Ligacoes quimicas geometria
Ligacoes quimicas   geometriaLigacoes quimicas   geometria
Ligacoes quimicas geometria
 
Apostila de-eletrônica-básica1
Apostila de-eletrônica-básica1Apostila de-eletrônica-básica1
Apostila de-eletrônica-básica1
 
Apostila de eletronica basica
Apostila de eletronica basicaApostila de eletronica basica
Apostila de eletronica basica
 
Apostila de Eletronica Basica
Apostila de Eletronica BasicaApostila de Eletronica Basica
Apostila de Eletronica Basica
 
Apostila de eletronica_basica
Apostila de eletronica_basicaApostila de eletronica_basica
Apostila de eletronica_basica
 
Eletroquímica Para Jovens do Ensino Médio
Eletroquímica Para Jovens do Ensino MédioEletroquímica Para Jovens do Ensino Médio
Eletroquímica Para Jovens do Ensino Médio
 
Ligacao quimica
Ligacao quimicaLigacao quimica
Ligacao quimica
 
Eletroquímica
EletroquímicaEletroquímica
Eletroquímica
 
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo
3o ano-ensino-medio-ligacoes-quimicas exemplo
 
Bio ação 02
Bio ação 02 Bio ação 02
Bio ação 02
 
Pr tica 9
Pr tica 9Pr tica 9
Pr tica 9
 

Mais de iqscquimica

Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2iqscquimica
 
Lista de exercícios equilíbrio químico
Lista de exercícios   equilíbrio químicoLista de exercícios   equilíbrio químico
Lista de exercícios equilíbrio químicoiqscquimica
 
Equilíbrio químico parte i blog
Equilíbrio químico parte i  blogEquilíbrio químico parte i  blog
Equilíbrio químico parte i blogiqscquimica
 
Equilíbrio parte1
Equilíbrio parte1Equilíbrio parte1
Equilíbrio parte1iqscquimica
 
Auladeteoriadebandas
AuladeteoriadebandasAuladeteoriadebandas
Auladeteoriadebandasiqscquimica
 
Aula2 ligacaoquim
Aula2 ligacaoquimAula2 ligacaoquim
Aula2 ligacaoquimiqscquimica
 
Estrutura atômica parte2
Estrutura atômica parte2Estrutura atômica parte2
Estrutura atômica parte2iqscquimica
 
Estrutura atômica parte1
Estrutura atômica parte1Estrutura atômica parte1
Estrutura atômica parte1iqscquimica
 
Aulas de Equilíbrio químico - Parte II
Aulas de Equilíbrio químico - Parte IIAulas de Equilíbrio químico - Parte II
Aulas de Equilíbrio químico - Parte IIiqscquimica
 
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte I
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte IAulas de Equilíbrio Químico - Parte I
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte Iiqscquimica
 
Lista de Exercícios Estrutura Atômica
Lista de Exercícios Estrutura AtômicaLista de Exercícios Estrutura Atômica
Lista de Exercícios Estrutura Atômicaiqscquimica
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometriaiqscquimica
 

Mais de iqscquimica (18)

Estrutura2
Estrutura2Estrutura2
Estrutura2
 
Estrutura2
Estrutura2Estrutura2
Estrutura2
 
Horarios sqm
Horarios sqmHorarios sqm
Horarios sqm
 
Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2Equilíbrio parte2
Equilíbrio parte2
 
Lista de exercícios equilíbrio químico
Lista de exercícios   equilíbrio químicoLista de exercícios   equilíbrio químico
Lista de exercícios equilíbrio químico
 
Equilíbrio químico parte i blog
Equilíbrio químico parte i  blogEquilíbrio químico parte i  blog
Equilíbrio químico parte i blog
 
Equilíbrio parte1
Equilíbrio parte1Equilíbrio parte1
Equilíbrio parte1
 
Auladeteoriadebandas
AuladeteoriadebandasAuladeteoriadebandas
Auladeteoriadebandas
 
Aula3 ligquim
Aula3 ligquimAula3 ligquim
Aula3 ligquim
 
Aula2 ligacaoquim
Aula2 ligacaoquimAula2 ligacaoquim
Aula2 ligacaoquim
 
Estrutura atômica parte2
Estrutura atômica parte2Estrutura atômica parte2
Estrutura atômica parte2
 
Estrutura atômica parte1
Estrutura atômica parte1Estrutura atômica parte1
Estrutura atômica parte1
 
Aulas de Equilíbrio químico - Parte II
Aulas de Equilíbrio químico - Parte IIAulas de Equilíbrio químico - Parte II
Aulas de Equilíbrio químico - Parte II
 
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte I
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte IAulas de Equilíbrio Químico - Parte I
Aulas de Equilíbrio Químico - Parte I
 
Lista de Exercícios Estrutura Atômica
Lista de Exercícios Estrutura AtômicaLista de Exercícios Estrutura Atômica
Lista de Exercícios Estrutura Atômica
 
Exercícios Estequiometria
Exercícios EstequiometriaExercícios Estequiometria
Exercícios Estequiometria
 
Ea02 alunos
Ea02 alunosEa02 alunos
Ea02 alunos
 
Ea01 alunos
Ea01 alunosEa01 alunos
Ea01 alunos
 

Ligquiaula1

  • 1. LIGAÇÃO QUÍMICA COMO OS ÁTOMOS COMBINAM-SE PARA FORMAR MOLÉCULAS OU COMPOSTOS ? PORQUE OS ÁTOMOS FORMAM LIGAÇÕES ? SE MOLÉCULAS EXISTEM É PORQUE SÃO MAIS ESTÁVEIS QUE OS ÁTOMOS ISOLADOS PROCESSO ENERGÉTICO  MÍNIMO DE ENERGIA
  • 2. LIGAÇÃO QUÍMICA OCORRE QUANDO O COMPOSTO FINAL TEM NÍVEL ENERGÉTICO MAIS BAIXO QUE OS ÁTOMOS DE FORMA ISOLADA GASES NOBRES            cos estávelãoconfiguraç reativosnão monoatômi
  • 4. 3 TIPOS DE LIGAÇÃO  tivoeletronegativoeletroposi  covalente  tivoeletronegativoeletronega  metálica  tivoeletropositivoeletroposi  iônica COMBINAÇÃO DE 2 TIPOS ( 2 A 2)  
  • 5. O QUE É SER ELETROPOSITIVO OU ELETRONEGATIVO? POTENCIAL DE IONIZAÇÃO
  • 6.
  • 7. TRANSFERÊNCIA TOTAL DE ELÉTRON (S) DE UMA ESPÉCIE PARA A OUTRA LIGAÇÃO IÔNICA ELETROPOSITIVO + ELETRONEGATIVO ??? ÍON = ÁTOMO (ou conjunto) CARREGADO espécie carregada (com carga) CÁTION = ÍON POSITIVO ÂNION = ÍON NEGATIVO e os compostos iônicos tipo CaSO4?
  • 9. Na (11) pot. ion. 5,139 Cl (17) pot. ion. 12,967 ENERGIA FORNECIDA
  • 10.
  • 12. CARACTERÍSTICAS Alto ponto de fusão São sólidos a temperatura ambiente Não conduzem eletricidade Alto ponto de ebulição Substâncias duras, porém quebradiças: Duros: Interações fortes Quebradiços Ao se tentar deslocar uma camada em relação a outra, íons de mesma carga ficam juntos e repelem-se fortemente, levando a ruptura do retículo
  • 13. NaCl (Cloreto de sódio) • Sal de cozinha • Produção de NaOH Usos CaCO3 (Carbonato de cálcio) • Giz TiO2 (dióxido de titânio) • Pigmentos de tintas e esmaltes HgCl2 (Cloreto de mercúrio II) • Pesticida KCl (Cloreto de potássio) • Fertilizantes NaF ( Fluoreto de sódio) • Cremes dentais
  • 14. Ligação Covalente Compartilhamento de elétrons Elétrons ficam em orbitais Orbitais são descritos por funções de onda
  • 15. Afunção de onda Y é uma função complexa que descreve completamente o estado de uma partícula e não tem significado físico direto. Probabilidade da partícula ser encontrada numa região de comprimento infinitesimal dx em torno de x. O conjugado complexo de um número complexo é obtido pela troca de sinal da parte imaginária. Função de onda O seu módulo ao quadrado é a densidade de probabilidade, ou seja Y = A eiq Y* é o complexo conjugado de Y Y* = A e-iq Y Y* = A2 e+iqe-iq 1
  • 16. dz 2