O paradigma unidirecional
presente nos meios de massa e
na EAD tradicional
PEDAGOGIA DA TRANSMISSÃO
X
PEDAGOGIA DA CONTEMP...
PEDAGOGIA DA
TRANSMISSÃO
PEDAGOGIA DA
CONTEMPORANEIDADE
A Pedagogia da Transmissão parte da premissa
de que as ideias e co...
• O professor aprende junto com o aluno
• Ocorre uma interação maior para
aprender de um forma com que a
passagem de conhe...
Meios de comunicação de massa, da transmissão, pode
informar e levar os indivíduos a reflexão?
REALMENTE OS MEIOS DE COMUN...
A pedagogia da transmissão pode contribuir para um
cidadão ativo e consciente?
"A principal meta da educação é
criar homen...
A algum tempo atrás o conhecimento era para poucos e
possibilitava a todos serem os donos do poder. mas isso mudou...
Essa...
Âmbitos Escolares e suas mudanças para
adequação
• Muitos pensam que através da fala do professor e das
incessantes formul...
Não podemos conviver com
uma escola que ensina as
mesmas coisas de dezenas
de anos atrás e da mesma
maneira.
O professor como centro do
processo e o aluno como uma folha
em branco onde serão escritos e
gravados os mais importantes
...
SUPERANDO A POSTURA UNIDIRECIONAL
ASSUMINDO UMA POSTURA MULTIDIRECIONAL
CONSIDERAÇÕES FINAIS
• Anísio Teixeira já mostrava
que a preocupação de se ter
uma educação mais ampla
que insere e ajuda ...
PARA QUÊ A TECNOLOGIA SE
MANTÊM A METODOLOGIA?
ONDE FICAA ESCOLA NOVA NISSO TUDO?
Marco Silva em seu texto expressa com mu...
• Com isso, da mesma forma que os meios de comunicações alienam
aqueles que os têm, a EAD da mesma forma se não for usada
...
REFERÊNCIAS
• FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes
necessários à prática educativa . Rio de Janeiro: Paz e
Terra...
O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional
O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional
O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional
O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional

482 visualizações

Publicada em

O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional

Trabalho realizado para a AD1 de Educação á Distância.

Publicada em: Educação
6 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Gostei das questões levantadas, realmente precisamos parar e pensar sobre como os meios de comunicação em massa nos afetam! Parabéns!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Obrigada Magda, Simone e Helena! É mesmo como a Ingrid falou, aprendemos mais um pouco e estaremos sempre em busca de novos aprendizados e novos horizontes! Beijos!!!!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Olá meninas!
    Parabéns pelo trabalho, ficou muito bacana!
    Bons estudos!
    Magda Rangel
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Obrigada Simone e Helena! Foi de grande valia pois deu pra aprendermos mais um pouco sobre essa pedagogia que tanto era desconhecida.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Parabéns pelo trabalho.
    Simone
    Abraços
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
482
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
6
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional

  1. 1. O paradigma unidirecional presente nos meios de massa e na EAD tradicional PEDAGOGIA DA TRANSMISSÃO X PEDAGOGIA DA CONTEMPORANEIDADE
  2. 2. PEDAGOGIA DA TRANSMISSÃO PEDAGOGIA DA CONTEMPORANEIDADE A Pedagogia da Transmissão parte da premissa de que as ideias e conhecimentos são os pontos mais importantes da educação e, como conseqüência, a experiência fundamental que o aluno deve viver para alcançar seus objetivos é a de receber o que o professor ou o livro lhe oferecem. O aluno é considerado como uma “página em branco” onde novas idéias e conhecimentos serão imprimidos. Ainda que tradicionalmente a Pedagogia da Transmissão vem acompanhada pela exposição oral do professor, a verdade é que em muitos casos a moderna tecnologia educacional com seus complicados conjuntos podem não ser nada mais que um veículo sofisticado de mera transmissão.
  3. 3. • O professor aprende junto com o aluno • Ocorre uma interação maior para aprender de um forma com que a passagem de conhecimento seja o primordial • Inovar o que eram suscitas “decorebas” em práticas inovadoras de aprendizagens • A bidirecional da construção de conhecimentos, no informar e no refletir, troca de idéias
  4. 4. Meios de comunicação de massa, da transmissão, pode informar e levar os indivíduos a reflexão? REALMENTE OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DE MASSA VISA O FORMATO UNIDIRECIONAL, ONDE A MÍDIA É A RECEPTOR E O EMISSOR E A PRÁTICA DA INDIVIDUALIDADE E DA NÃO INTERAÇÃO É TIDA COMO PRIMORDIAL...
  5. 5. A pedagogia da transmissão pode contribuir para um cidadão ativo e consciente? "A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe." Jean Piaget
  6. 6. A algum tempo atrás o conhecimento era para poucos e possibilitava a todos serem os donos do poder. mas isso mudou... Essas mudanças contribuíram para uma sociedade formada por cidadãos mais consciente, ativos, críticos, questionadores, informados e participante da sociedade. Sabedores dos seus direitos e também dos seus deveres.
  7. 7. Âmbitos Escolares e suas mudanças para adequação • Muitos pensam que através da fala do professor e das incessantes formulas propostas pelo mesmo é que a aprendizagem é adquirida e não é bem assim. Isto requer, modificação radical em sua autoria em sala de aula presencial e on-line. O professor não é o único que tem o poder do conhecimento nas mãos, mas deve ser aquele que possibilite o envolvimento e a criação de todos no requisitos da aprendizagem. No âmbito educacional, um desafio é imposto aos educadores e profissionais envolvidos: fazer evoluir os conceitos e práticas que melhor permitirão ajustar as tecnologias ao processo ensino e aprendizagem, de modo que as mesmas sejam incorporadas à prática educacional, como o lápis, o caderno e o livro já foram.
  8. 8. Não podemos conviver com uma escola que ensina as mesmas coisas de dezenas de anos atrás e da mesma maneira.
  9. 9. O professor como centro do processo e o aluno como uma folha em branco onde serão escritos e gravados os mais importantes Conhecimentos acumulados pela humanidade. A pedagogia da transmissão tem que ser mudada.
  10. 10. SUPERANDO A POSTURA UNIDIRECIONAL ASSUMINDO UMA POSTURA MULTIDIRECIONAL
  11. 11. CONSIDERAÇÕES FINAIS • Anísio Teixeira já mostrava que a preocupação de se ter uma educação mais ampla que insere e ajuda os jovens a se desenvolver deveria ser o primordial, a tal da unidirecional só complica, e não ajuda no desenvolvimento e isso acaba por complicar todo o ensino e aprendizado.
  12. 12. PARA QUÊ A TECNOLOGIA SE MANTÊM A METODOLOGIA? ONDE FICAA ESCOLA NOVA NISSO TUDO? Marco Silva em seu texto expressa com muita propriedade que para alcançarmos o multidirecional e deixarmos o unidirecional para atrás, temos que rever o ambiente educacional, o renovar expressa grandes qualidades e efeitos no ensino aprendizado. Proporcionando autorias e compartilhamentos para a construção do conhecimento através da comunicação, ou seja a interação eleva mais conectividade e resulta em um trabalho de maior porte e qualidade.
  13. 13. • Com isso, da mesma forma que os meios de comunicações alienam aqueles que os têm, a EAD da mesma forma se não for usada corretamente acaba por atrapalhar, quando é colocado pelos professores como alvo e como primordial sem ao menos saberem utilizar de forma correta. Dessa forma, dão ênfase a pedagogia da transmissão mais ainda ao invés de dar uma contrapartida ainda maior para pedagogia da contemporaneidade que é o ideal para o crescimento da aprendizagem, mais acaba que o virtual e a EAD é apenas um transmissor de forma diferente e esse não é o primordial que se deve buscar. O que deve ser feito é que o ambiente se torne um espaço transmissor de dados sim mais que vá além, com colaboração, participação, interação e criatividade. Que adquiram seu conhecimento através da construção, que sejam construtores de idéias e não lineares a tudo que esta a sua volta, adquirir mais doar também. O professor não se posiciona como o detentor do monopólio do saber, mas como aquele que dispõe teias, cria possibilidades de envolvimento, oferece ocasião de engendramentos, de agenciamentos e estimula a intervenção dos aprendizes como co-autores da aprendizagem. (Anísio Teixeira)
  14. 14. REFERÊNCIAS • FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa . Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997b. • PIAGET, Jean e colaboradores. O Possível e O Necessário , vol. 1. Porto Alegre: Artes Médicas, 1985. • FREIRE, Paulo (1970). Pedagogia do Oprimido. 47ª Ed Rio de Janeiro: Paz e terra, 2008. • SILVA, Marco; Claro, Tatiana. A docência online e a pedagogia da transmissão. Boletim Técnico do Senac: a R. Educ. Prof., Rio de Janeiro, v.33, n.2, maio/agos. 2007. • http://educarparacrescer.abril.com.br/aprendizagem/anisio -teixeira-306977.shtml

×