Formaodasmonarquiasnacionais

484 visualizações

Publicada em

Formação das Monarquias Nacionais

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
484
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
250
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Formaodasmonarquiasnacionais

  1. 1. As feiras e as cidades formaram-se devido ao desenvolvimento das atividades comerciais. Dificuldades para os comerciantes: - comércio praticado dentro de um horário estipulado e mediante o pagamento de taxas - pagar pelo uso da ponte ou pernoite - entregar uma parte de seu ganho ao senhor feudal comercializado na área - aceitar os padrões de pesos e medida estabelecido pelo senhor do feudo
  2. 2. Cada feudo tinha suas regras, medidas e pesos. Problemas de segurança como assaltos e roubos (barões salteadores) obrigavam os comerciantes a fazerem seguro das mercadorias Cidades que não conseguiram a Carta de Franquia, pagavam mais taxas Qual seria a solução para os burgueses? Menos impostos e padronização de pesos e medidas Como conseguiriam? Tirando o poder dos senhores feudais
  3. 3. Os reis visavam recuperar o poder que havia sido fragmentado com a construção dos feudos e a concentração do poder nas mãos dos senhores feudais. A classe burguesa apoiou a centralização com interesse na unificação dos padrões monetários, pesos e medidas. Uniram esforços para transformar a realidade em que viviam
  4. 4. Dos burgueses os reis recebiam apoio político e financiamento para o exército. Qual era preocupação dos reis no processo de centralização do poder?  - estabelecer com clareza as fronteiras se seus países mesmo que fosse preciso fazer guerras para ampliá- las.
  5. 5. Absolutismo: poder absoluto concentrado nas mãos dos reis. Delimitação Territorial. Unificação de padrões monetários. Criação de um Exército Nacional. Sistema unificado de cobrança de impostos.
  6. 6. Guerra dos Cem Anos (1337-1453): a maior guerra europeia medieval entre os nobres dos territórios ingleses e franceses. Objetivos: Unificação dos territórios e livre acesso à região de Flandres. A guerra possibilitou a construção de uma identidade nacional entre os ingleses e principalmente entre os franceses. O grande vencedor do conflito foram os reis, que se impuseram definitivamente sobre os senhores feudais arruinados pela guerra.
  7. 7. Antes que o rei concentrasse o poder nas mãos, houve um intenso processo de lutas e resistências por parte de nobres e da Igreja. Por que? Não queriam perder o poder e a submissão destes grupos dependiam de acordos Enfim, a centralização de poder foi um fator que colaborou com o enfraquecimento do poder da nobreza e da Igreja.
  8. 8. Antes que o rei concentrasse o poder nas mãos, houve um intenso processo de lutas e resistências por parte de nobres e da Igreja. Por que? Não queriam perder o poder e a submissão destes grupos dependiam de acordos Enfim, a centralização de poder foi um fator que colaborou com o enfraquecimento do poder da nobreza e da Igreja.

×