Transportes Aquáticos - marítimo

1.235 visualizações

Publicada em

Trabalho sobre os transportes realizado pelas alunas Cláudia Dias e Marta Azevedo do 9ºD do Agrupamento de Escolas de Cinfães, no âmbito da disciplina de Geografia.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.235
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
285
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Transportes Aquáticos - marítimo

  1. 1. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE CINFÃES Trabalho realizado por: Cláudia Dias, nº6 Marta Azevedo, nº18
  2. 2.  Introdução………………………………………………………….3  Tipos de Transportes em Portugal……………………..…….....8  Vantagens………………………………………………………….9  Desvantagens…………………………………………………....10  Curiosidades…………………………………………………......11  Canal do Panamá………………………………………………..12  Bibliografia……………..…………………………………………13
  3. 3.  Este trabalho tem o intuito de falar a cerca dos transportes marítimos .  Neste trabalho insere-se uma série de assuntos entre os quais são as vantagens, as desvantagens do uso deste transporte, algumas curiosidades, como evoluíram os transportes e a importância do uso deles em Portugal.
  4. 4.  O Transporte marítimo é realizado por meio de embarcações por mares abertos e tem como principal objetivo transportar mercadorias e passageiros.
  5. 5.  O transporte marítimo é essencial para trocas comerciais entre países, em Portugal cerca de 80% do comércio internacional é feito por esta via, sendo vantajoso no tráfego de mercadorias pesadas e volumosas, a longas distâncias e com preços relativamente económicos.
  6. 6.  Têm sofrido grandes inovações tecnológicas, que se traduziram no aumento da velocidade, comodidade, dimensão e capacidade dos navios e de uma maior especialização, o que permitiu diminuir os custos de transporte a grandes distâncias.
  7. 7.  O transporte marítimo pode englobar todo o tipo de cargas desde químicos, combustíveis, alimentos, areias, cereais, minérios a automóveis. Alguns são transportados em contentores pois facilitam a arrumação dentro dos navios, sendo mais seguro e eficiente.
  8. 8. Rebocador Petroleiro Cruzeiro Navio porta-contentores
  9. 9.  Maior capacidade de carga;  Carrega qualquer tipo de carga;  Custos Reduzidos.
  10. 10.  Necessidade de transbordo nos portos;  Distância dos centros de produção;  Maior exigência de embalagens;  Menor flexibilidade nos serviços aliados a frequentes congestionamentos nos portos;  Necessitam de elevados investimentos na construção de infra-estruturas portuárias;  São muito lentos;  Poluição das águas, em casos de acidentes.
  11. 11. • O navio Maersk que pertence á classe Triple E, lançado em 2013, é o maior navio cargueiro e porta-contentores do mundo, com capacidade de carregar 18 270 contentores. https://www.youtube.com/watch?v=BfvGv9ol8xY
  12. 12.  Canal do Panamá é um canal de navios com 77,1 km de extensão, localizado no Panamá e serve para ligar o Oceano Atlântico ao Oceano Pacífico através do Mar do Caribe. O canal atravessa o istmo do Panamá e é uma travessia chave para o comércio marítimo internacional. Há bloqueios e eclusas nas extremidades da travessia para levantar os navios até o Lago Gatún, um lago artificial criado para reduzir o trabalho necessário para a escavação do canal. Este está localizado a 26 metros acima do nível do mar. https://www.youtube.com/watch?v=uj4jpZKeBto https://www.youtube.com/watch?v=u5WmSA7 cxlw
  13. 13.  http://www2.transportes.gov.br/bit/05-mar/mar.html  http://www.prof2000.pt/users/elisabethm/pagina11/inicial.htm  http://prezi.com/m45rhsjbybd7/as-vantagens-e-as-desvantagens- de-diferentes-modos-e-meios-de-transporte/  http://pt.wikipedia.org/wiki/Transporte_mar%C3%ADtimo  http://gigantesdomundo.blogspot.pt/2011/05/o-maior-navio-cargueiro- do-mundo.html  http://pt.wikipedia.org/wiki/Canal_do_Panam%C3%A1
  14. 14.  Cláudia Dias, nº6  Marta Azevedo, nº18

×