SlideShare uma empresa Scribd logo
CHUVAS ÁCIDAS
Trabalho realizado por:
Lúcia Almeida Nº15 9ºD
Escola E B 2 3 General Serpa Pinto
Professor:
Pedro Peixoto
O que são chuvas ácidas?
• São substancias tóxicas como o óxidos de
enxofre e o oxido de azoto, libertados pelas
actividades humanas(transportes, industria,
combustões domesticas, etc).
Principais causas das chuvas
ácidas
• Actividades Humanas( transportes, indústria,
combustões domésticas, etc.);
• Produção dos gases que provocam as chuvas
ácidas;
•
Regiões ou países mais afectados
• As regiões mais afectadas pelas chuvas ácidas
são a Europa e a América do Norte. Na
Alemanha, a Floresta Negra tem conhecido um
acelerado processo de degradação causado
pelas chuvas ácidas.
Regiões em Portugal mais
afectadas
• Em Portugal, os efeitos das chuvas ácidas são
visíveis em monumentos como a Porta Férrea da
Universidade de Coimbra, o Mosteiro da Batalha
e o Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.
Possíveis Soluções
Incentivar a utilização dos transportes coletivos,
que circulam nas estradas.
Utilizar metros (subterrâneos ou de superfície) em
substituição à frota de autocarros a diesel.
 Utilizar combustíveis limpos em veículos,
indústrias e caldeiras.
Consequências das chuvas ácidas
 Doenças Respiratórias;
 Destruição dos ecossistemas;
 Contaminar os solos agrícolas e destruir
culturas;
 Corroer os monumentos;
 Tornam as aguas dos rios e lagos mais ácidas;
 Desflorestação;
 Agricultura;
Chuvas ácidas - esquema
Transportes Industria Lixeiras Agricultura
Dióxido De Enxofre Dióxido De Azoto
Acido Sulfúrico Acido Nítrico
Chuvas Ácidas
Noticia
• Dois terços dos rios na costa leste dos Estados Unidos registram
níveis crescentes de alcalinidade, com o que suas águas se tornam
cada vez mais perigosas para a rega de plantios e a vida aquática,
informaram cientistas esta segunda-feira.
• A razão da mudança é o legado da chuva ácida, que corrói rochas e
pavimento, ricos em minerais alcalinos, disseram os cientistas na
revista "EnvironmentalScienceandTechnology".
• O estudo da Universidade de Maryland, examinou 97 rios do estado
de New Hampshire , à Flórida durante os últimos 25 a 60 anos, e
encontrou 'tendências significativas no aumento da alcalinidade em 62
dos 97 locais'.
• Estes rios são importantes porque abastecem com água potável
grandes cidades como Washington, Filadélfia, Baltimore, Atlanta e
outras metrópoles importantes.
• G1-mundo: 26/08/2013 19h19
Opinião pessoal
• Na minha opinião as chuvas ácidas podiam ser
mais evitadas se os humanos também
contribuíssem para tal( se poluíssem menos,
talvez contribuíssem para que reduzissem
também as chuvas acidas).
Chuvas ácidas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
Andreia Pereira
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
Kelly Gonzatto
 
Destruição da camada de ozono
Destruição da camada de ozonoDestruição da camada de ozono
Destruição da camada de ozono
Rita Pereira
 
A camada de ozono
A camada de ozonoA camada de ozono
A camada de ozono
fmaugusto
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
Mayjö .
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
Ricardo Pini Caramit
 
Smog e chuvas ácidas
Smog e chuvas ácidasSmog e chuvas ácidas
Smog e chuvas ácidas
Mayjö .
 
Desflorestação
DesflorestaçãoDesflorestação
Desflorestação
geografianaserpapinto
 
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adrianaCheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
8_c_clube
 
Obstáculos ao desenvolvimento
Obstáculos ao desenvolvimentoObstáculos ao desenvolvimento
Obstáculos ao desenvolvimento
Rosária Zamith
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
kyzinha
 
Desenvolvimento sustentavel rgtsd
Desenvolvimento sustentavel  rgtsdDesenvolvimento sustentavel  rgtsd
Desenvolvimento sustentavel rgtsd
Ilda Bicacro
 
Trabalho de ciencias poluição
Trabalho de ciencias poluiçãoTrabalho de ciencias poluição
Trabalho de ciencias poluição
Maria Duque
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
meninas9d
 
A mulher nos anos 20
A mulher  nos anos 20A mulher  nos anos 20
A mulher nos anos 20
Carla Teixeira
 
Tornado
TornadoTornado
Tornado
Bianca Meyer
 
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
picoalto
 
Loucos Anos 20
Loucos Anos 20Loucos Anos 20
Loucos Anos 20
Jorge Almeida
 
Trabalho sobre a poluição
Trabalho sobre a poluiçãoTrabalho sobre a poluição
Trabalho sobre a poluição
Be Carrazeda
 
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAISRISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
abarros
 

Mais procurados (20)

Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Destruição da camada de ozono
Destruição da camada de ozonoDestruição da camada de ozono
Destruição da camada de ozono
 
A camada de ozono
A camada de ozonoA camada de ozono
A camada de ozono
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
 
Smog e chuvas ácidas
Smog e chuvas ácidasSmog e chuvas ácidas
Smog e chuvas ácidas
 
Desflorestação
DesflorestaçãoDesflorestação
Desflorestação
 
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adrianaCheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
Cheias, inundações e secas prolongadas ana e adriana
 
Obstáculos ao desenvolvimento
Obstáculos ao desenvolvimentoObstáculos ao desenvolvimento
Obstáculos ao desenvolvimento
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
 
Desenvolvimento sustentavel rgtsd
Desenvolvimento sustentavel  rgtsdDesenvolvimento sustentavel  rgtsd
Desenvolvimento sustentavel rgtsd
 
Trabalho de ciencias poluição
Trabalho de ciencias poluiçãoTrabalho de ciencias poluição
Trabalho de ciencias poluição
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
 
A mulher nos anos 20
A mulher  nos anos 20A mulher  nos anos 20
A mulher nos anos 20
 
Tornado
TornadoTornado
Tornado
 
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
 
Loucos Anos 20
Loucos Anos 20Loucos Anos 20
Loucos Anos 20
 
Trabalho sobre a poluição
Trabalho sobre a poluiçãoTrabalho sobre a poluição
Trabalho sobre a poluição
 
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAISRISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
RISCOS E CATÁSTROFES NATURAIS
 

Destaque

Chade
ChadeChade
Clima temperado mediterrâneo
Clima temperado mediterrâneo Clima temperado mediterrâneo
Clima temperado mediterrâneo
geografianaserpapinto
 
Clima desértico quente
Clima desértico quenteClima desértico quente
Clima desértico quente
geografianaserpapinto
 
Clima frio subpolar
Clima frio subpolarClima frio subpolar
Clima frio subpolar
geografianaserpapinto
 
Desertificação
DesertificaçãoDesertificação
Desertificação
geografianaserpapinto
 
Sudão
SudãoSudão
Moçambique
MoçambiqueMoçambique
Microclima urbano
Microclima urbanoMicroclima urbano
Microclima urbano
geografianaserpapinto
 
Marés negras
Marés negrasMarés negras
Marés negras
geografianaserpapinto
 
Serra Leoa
Serra LeoaSerra Leoa
Guião da viagem Luciana e Sara
Guião da viagem   Luciana e SaraGuião da viagem   Luciana e Sara
Guião da viagem Luciana e Sara
geografianaserpapinto
 
Clima tropical seco
Clima tropical secoClima tropical seco
Clima tropical seco
geografianaserpapinto
 
Lesoto
LesotoLesoto
Poluição das águas
Poluição das águasPoluição das águas
Poluição das águas
geografianaserpapinto
 
Angola
AngolaAngola
Etiópia
EtiópiaEtiópia
Clima equatorial
Clima equatorialClima equatorial
Clima equatorial
geografianaserpapinto
 
Clima tropical húmido
Clima tropical húmidoClima tropical húmido
Clima tropical húmido
geografianaserpapinto
 
Guião do trabalho observatório do clima
Guião do trabalho observatório do climaGuião do trabalho observatório do clima
Guião do trabalho observatório do clima
geografianaserpapinto
 
Quénia
QuéniaQuénia

Destaque (20)

Chade
ChadeChade
Chade
 
Clima temperado mediterrâneo
Clima temperado mediterrâneo Clima temperado mediterrâneo
Clima temperado mediterrâneo
 
Clima desértico quente
Clima desértico quenteClima desértico quente
Clima desértico quente
 
Clima frio subpolar
Clima frio subpolarClima frio subpolar
Clima frio subpolar
 
Desertificação
DesertificaçãoDesertificação
Desertificação
 
Sudão
SudãoSudão
Sudão
 
Moçambique
MoçambiqueMoçambique
Moçambique
 
Microclima urbano
Microclima urbanoMicroclima urbano
Microclima urbano
 
Marés negras
Marés negrasMarés negras
Marés negras
 
Serra Leoa
Serra LeoaSerra Leoa
Serra Leoa
 
Guião da viagem Luciana e Sara
Guião da viagem   Luciana e SaraGuião da viagem   Luciana e Sara
Guião da viagem Luciana e Sara
 
Clima tropical seco
Clima tropical secoClima tropical seco
Clima tropical seco
 
Lesoto
LesotoLesoto
Lesoto
 
Poluição das águas
Poluição das águasPoluição das águas
Poluição das águas
 
Angola
AngolaAngola
Angola
 
Etiópia
EtiópiaEtiópia
Etiópia
 
Clima equatorial
Clima equatorialClima equatorial
Clima equatorial
 
Clima tropical húmido
Clima tropical húmidoClima tropical húmido
Clima tropical húmido
 
Guião do trabalho observatório do clima
Guião do trabalho observatório do climaGuião do trabalho observatório do clima
Guião do trabalho observatório do clima
 
Quénia
QuéniaQuénia
Quénia
 

Semelhante a Chuvas ácidas

Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
IEDLP
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
IEDLP
 
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
AlunasEseimu
 
TRABALHO GEO
TRABALHO GEOTRABALHO GEO
TRABALHO GEO
João Victor Roas
 
A poluicao atmosferica
A poluicao atmosfericaA poluicao atmosferica
A poluicao atmosferica
fda
 
Tipos de Poluição
Tipos de PoluiçãoTipos de Poluição
Tipos de Poluição
StephanyChaiben
 
Tipos de Poluição
Tipos de PoluiçãoTipos de Poluição
Tipos de Poluição
StephanyChaiben
 
Desequilíbrio ambiental
Desequilíbrio ambientalDesequilíbrio ambiental
Desequilíbrio ambiental
Werner Mendoza Blanco
 
Poluicao do ar e chuvas acidas
Poluicao do ar e chuvas acidasPoluicao do ar e chuvas acidas
Poluicao do ar e chuvas acidas
ap3bmachado
 
Chuva ácida power point final
Chuva ácida power point finalChuva ácida power point final
Chuva ácida power point final
maria cecilia maciel
 
Siderurgia e meio-ambiente
Siderurgia e meio-ambienteSiderurgia e meio-ambiente
Siderurgia e meio-ambiente
Izaura Nogueira
 
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
Alexandre Alves
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
Alexandre Gangorra
 
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
matheusmell
 
Trabalho De Geografia é Esse
Trabalho De Geografia é EsseTrabalho De Geografia é Esse
Trabalho De Geografia é Esse
guestf69354
 
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) lAula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
Homero Alves de Lima
 
Ambiente
AmbienteAmbiente
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
joao_fontes
 
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
joaofontes
 
Efeito estufa
Efeito estufaEfeito estufa
Efeito estufa
Jackson de Barros
 

Semelhante a Chuvas ácidas (20)

Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
 
Alterações Climáticas
Alterações ClimáticasAlterações Climáticas
Alterações Climáticas
 
TRABALHO GEO
TRABALHO GEOTRABALHO GEO
TRABALHO GEO
 
A poluicao atmosferica
A poluicao atmosfericaA poluicao atmosferica
A poluicao atmosferica
 
Tipos de Poluição
Tipos de PoluiçãoTipos de Poluição
Tipos de Poluição
 
Tipos de Poluição
Tipos de PoluiçãoTipos de Poluição
Tipos de Poluição
 
Desequilíbrio ambiental
Desequilíbrio ambientalDesequilíbrio ambiental
Desequilíbrio ambiental
 
Poluicao do ar e chuvas acidas
Poluicao do ar e chuvas acidasPoluicao do ar e chuvas acidas
Poluicao do ar e chuvas acidas
 
Chuva ácida power point final
Chuva ácida power point finalChuva ácida power point final
Chuva ácida power point final
 
Siderurgia e meio-ambiente
Siderurgia e meio-ambienteSiderurgia e meio-ambiente
Siderurgia e meio-ambiente
 
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
 
Trabalho De Geografia é Esse
Trabalho De Geografia é EsseTrabalho De Geografia é Esse
Trabalho De Geografia é Esse
 
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) lAula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
Aula 05 auxiliar de mineração (mineração e meio ambiente) l
 
Ambiente
AmbienteAmbiente
Ambiente
 
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
 
A interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambienteA interferência do homem no meio ambiente
A interferência do homem no meio ambiente
 
Efeito estufa
Efeito estufaEfeito estufa
Efeito estufa
 

Mais de geografianaserpapinto

Clima frio polar
Clima frio polar   Clima frio polar
Clima frio polar
geografianaserpapinto
 
Clima frio de altitude
Clima frio de altitudeClima frio de altitude
Clima frio de altitude
geografianaserpapinto
 
Clima temperado continental
Clima temperado continentalClima temperado continental
Clima temperado continental
geografianaserpapinto
 
Clima temperado marítimo
Clima temperado marítimoClima temperado marítimo
Clima temperado marítimo
geografianaserpapinto
 
Geenpeace
GeenpeaceGeenpeace
Quercus
QuercusQuercus
Eutrofização
EutrofizaçãoEutrofização
Eutrofização
geografianaserpapinto
 
Trabalho sobre o relevo
Trabalho sobre o relevoTrabalho sobre o relevo
Trabalho sobre o relevo
geografianaserpapinto
 
Somália
SomáliaSomália
República Democrática do Congo
República Democrática do CongoRepública Democrática do Congo
República Democrática do Congo
geografianaserpapinto
 

Mais de geografianaserpapinto (10)

Clima frio polar
Clima frio polar   Clima frio polar
Clima frio polar
 
Clima frio de altitude
Clima frio de altitudeClima frio de altitude
Clima frio de altitude
 
Clima temperado continental
Clima temperado continentalClima temperado continental
Clima temperado continental
 
Clima temperado marítimo
Clima temperado marítimoClima temperado marítimo
Clima temperado marítimo
 
Geenpeace
GeenpeaceGeenpeace
Geenpeace
 
Quercus
QuercusQuercus
Quercus
 
Eutrofização
EutrofizaçãoEutrofização
Eutrofização
 
Trabalho sobre o relevo
Trabalho sobre o relevoTrabalho sobre o relevo
Trabalho sobre o relevo
 
Somália
SomáliaSomália
Somália
 
República Democrática do Congo
República Democrática do CongoRepública Democrática do Congo
República Democrática do Congo
 

Último

Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 

Último (20)

Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 

Chuvas ácidas

  • 1. CHUVAS ÁCIDAS Trabalho realizado por: Lúcia Almeida Nº15 9ºD Escola E B 2 3 General Serpa Pinto Professor: Pedro Peixoto
  • 2. O que são chuvas ácidas? • São substancias tóxicas como o óxidos de enxofre e o oxido de azoto, libertados pelas actividades humanas(transportes, industria, combustões domesticas, etc).
  • 3. Principais causas das chuvas ácidas • Actividades Humanas( transportes, indústria, combustões domésticas, etc.); • Produção dos gases que provocam as chuvas ácidas; •
  • 4. Regiões ou países mais afectados • As regiões mais afectadas pelas chuvas ácidas são a Europa e a América do Norte. Na Alemanha, a Floresta Negra tem conhecido um acelerado processo de degradação causado pelas chuvas ácidas.
  • 5. Regiões em Portugal mais afectadas • Em Portugal, os efeitos das chuvas ácidas são visíveis em monumentos como a Porta Férrea da Universidade de Coimbra, o Mosteiro da Batalha e o Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.
  • 6. Possíveis Soluções Incentivar a utilização dos transportes coletivos, que circulam nas estradas. Utilizar metros (subterrâneos ou de superfície) em substituição à frota de autocarros a diesel.  Utilizar combustíveis limpos em veículos, indústrias e caldeiras.
  • 7. Consequências das chuvas ácidas  Doenças Respiratórias;  Destruição dos ecossistemas;  Contaminar os solos agrícolas e destruir culturas;  Corroer os monumentos;  Tornam as aguas dos rios e lagos mais ácidas;  Desflorestação;  Agricultura;
  • 8. Chuvas ácidas - esquema Transportes Industria Lixeiras Agricultura Dióxido De Enxofre Dióxido De Azoto Acido Sulfúrico Acido Nítrico Chuvas Ácidas
  • 9. Noticia • Dois terços dos rios na costa leste dos Estados Unidos registram níveis crescentes de alcalinidade, com o que suas águas se tornam cada vez mais perigosas para a rega de plantios e a vida aquática, informaram cientistas esta segunda-feira. • A razão da mudança é o legado da chuva ácida, que corrói rochas e pavimento, ricos em minerais alcalinos, disseram os cientistas na revista "EnvironmentalScienceandTechnology". • O estudo da Universidade de Maryland, examinou 97 rios do estado de New Hampshire , à Flórida durante os últimos 25 a 60 anos, e encontrou 'tendências significativas no aumento da alcalinidade em 62 dos 97 locais'. • Estes rios são importantes porque abastecem com água potável grandes cidades como Washington, Filadélfia, Baltimore, Atlanta e outras metrópoles importantes. • G1-mundo: 26/08/2013 19h19
  • 10. Opinião pessoal • Na minha opinião as chuvas ácidas podiam ser mais evitadas se os humanos também contribuíssem para tal( se poluíssem menos, talvez contribuíssem para que reduzissem também as chuvas acidas).