Orientação

583 visualizações

Publicada em

Orientação: Como orientar-se no espaço e utilização de mapas

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
583
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Orientação

  1. 1. Orientação • Conhecer o espaço onde se vive e saber que caminho tomar para chegar a determinado lugar constitui um aspecto de importância vital para os seres humanos. • Um dos primeiros passos para nos orientar corretamente na superfície terrestre é dar nome aos lugares e às direções que serão utilizadas como referência. Polos Hemisférios Equador Montanhas Rios Norte Sul Leste Oeste Sudeste
  2. 2. Tradicionalmente, o norte é representado “acima” do sul. No Universo, porém, não há em cima nem embaixo, pois a Terra é arredondada e se encontra em constante movimento. Mapa-múndi Os dois mapas-múndi, portanto, estão corretos. Adaptado de: ATLANTE Storico De Agostini Novara: Instituto Geográfico De Agostini, 1997. Mapa-múndi
  3. 3. Devemos analisar um mapa como se estivéssemos em um avião, vendo a superfície terrestre lá embaixo. Assim como o avião pode mudar de rota, invertendo seu sentido de voo, nós também podemos inverter o mapa para vê-lo de outros ângulos. LUÍS MOURA/ARQUIVO DA EDITORA para cima para baixo para baixo para cima
  4. 4. WAYNE LINCH/ALL CANADA PHOTOS/CORBIS/LATINSTOCK Produzidas em um avião, as fotos registram os dois polos geográficos da Terra. A foto da esquerda mostra uma parte do Ártico, na qual se situa o polo norte; a da direita mostra parte da Antártida, região onde se localiza o polo sul. Nas duas regiões, assim como nas demais áreas da superfície terrestre, temos a sensação de que a Terra é plana, por causa da sua grande dimensão. Porém, podemos notar com clareza sua forma arredondada observando fotografias aéreas. ANDY ROUSE/CORBIS/LATINSTOCK
  5. 5. Orientação As direções indicam um rumo, que é sempre relativo e dependente de um ponto de referência. Direções cardeais Direções colaterais Direções subcolaterais Norte Oeste Leste Sul
  6. 6. Se tomarmos o nascer do Sol como ponto de referência e olharmos na direção do polo norte, atrás de nós estará o polo sul. À nossa direita, estará o leste, onde o Sol desponta todas as manhãs. À nossa esquerda, estará o oeste, onde o Sol desaparece nos fins de tarde. ESTÚDIO MIL/ARQUIVO DA EDITORA 7
  7. 7. Bússola Grau (º) Agulha imantada Direções cardeais Direções colaterais DMITRY RUKHLENKO/SHUTTERSTOCK/GLOW IMAGES 8
  8. 8. Como funciona a bússola? O núcleo da Terra é formado, principalmente, de ferro e níquel e funciona como um grande ímã. Do núcleo linhas de força Linhas imaginárias ao longo das quais se manifesta a ação de um campo elétrico ou magnético = extremo norte extremo sul polos magnéticos partem em direção constituindo 9
  9. 9. polo norte geográfico eixo magnético polo sul magnético polo sul geográfico polo norte magnético Linhas de força Bússola (alinhada com a linha de força) Disponível em: <www.umanovaera.com/terra_oce. Acesso em: 2 fev. 2012. 10
  10. 10. polo norte geográfico eixo magnético polo sul magnético polo sul geográfico polo norte magnético Norte geográfico Norte magnético Sul magnético Sul geográfico equivale equivale Disponível em: <www.umanovaera.com/terra_oce. Acesso em: 2 fev. 2012. 11
  11. 11. Região polar Adaptado de: SERRYN, Pierre; BLASSELLE, René. Atlas Bordas geographique et historique. Paris: Bordas, 1996. Diferença entre o polo geográfico e o polo magnético
  12. 12. Localizam com exatidão qualquer ponto na superfície terrestre através de linhas imaginárias traçadas sobre o globo. Mapa-múndi − Latitude e longitude Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. Coordenadas geográficas 13
  13. 13. Plano Cartesiano
  14. 14. Paralelos • Linhas paralelas ao equador que circundam a Terra. • Cada paralelo abrange os 360º do globo, ou seja, dá a volta completa na Planisfério com paralelos Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. Terra. • Principal paralelo: Equador.
  15. 15. Meridianos • Linhas semicirculares (180º) que ligam os polos. • Cada meridiano possui seu antimeridiano, isto é, um meridiano oposto, Planisfério com meridianos Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. localizado na metade oposta do planeta. • Principal meridiano: Greenwich.
  16. 16. Latitude • Relaciona-se com os paralelos. • Aumenta conforme se afasta do equador (0º). aumenta aumenta Variação dos paralelos define a latitude • Latitude máxima: polo norte (90º de latitude norte) polo sul (90º de latitude sul)
  17. 17. • Relaciona-se com os meridianos. • Aumenta conforme se afasta do meridiano central de Greenwich (0º). Variação dos meridianos define a longitude • Longitude máxima: 180º de longitude leste e oeste. aumenta aumenta Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. Longitude
  18. 18. Mapa-múndi − Latitude e longitude Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. Latitude e longitude
  19. 19. Sistema de posicionamento do inglês Global Positioning System Satélites artificiais emitem sinais de rádios receptor móvel de GPS processa os dados e calcula a posição Para localizar ruas e avenidas, é necessário ter um software instalado ao receptor de GPS G P S captados por global

×