Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. )
nos solos aren...
Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. )
nos solos aren...
Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. )
nos solos aren...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Elsa projecto de pesquisa

390 visualizações

Publicada em

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
390
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Elsa projecto de pesquisa

  1. 1. Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. ) nos solos arenosos no Município de Inhambane Projecto de Pesquisa de Licenciatura em Ciências Agrarias Elsa ……. 1 I. Introducão 1.1.Generalidades A cultura de pimento (Capsicumannuum L.) merece destaque por ser uma olerícola que se adapta às diversas regiões do país, com destaque para a região Nordeste que possui condições adequadas, em termos de temperatura e humidade do ar para o cultivo dessa hortaliça (Queiroga etal., 2002; Filgueira, 2008). Dentre os vários amanhos culturais da cultura de pimento, o mulching é o factor que maislimita o rendimento da cultura de pimento. Segundo Jalota&Prihar (1998), citado por Oliveira & Souza, (2003), a prática da cobertura morta consiste em cobrir o solo com capim, palha, casca, papel, plástico e outros. É recomendada para praticamente todos os solos, todos os climas e todas as culturas, como sendo inúmeros os benefícios por ela trazidos (Borges & Souza, 1998). A cobertura morta na superfície do solo altera a relação solo-água, pois previne a evaporação reduzindo, assim, a taxa de evapotranspiração das culturas, e propicia aumento do intervalo entre irrigações, o que diminui a frequência do uso desta tecnologia. Deste modo, espera-se que, com o incremento do nível de cobertura do solo, haja economia significativa nos custos de operação do sistema de irrigação (Stone & Moreira, 2000). Barros &Hanks (1993) e Moreira & Stone (1995) observaram maior eficiência do uso da água com cobertura morta, em relação a outros sistemas de PREPARO do solo. A utilização da cobertura morta representa uma fonte substancial de matéria orgânica (Borges & Souza, 1998), estimulando a proliferação de microrganismos, melhorando a aeração e a estrutura do mesmo. Contudo, devido à decomposição acelerada, o volume de resíduos usualmente é insuficiente para a formação de uma cobertura contínua e efectiva (Oliveira & Souza, 2003). Dependendo de quanto à cobertura morta cobre a superfície do solo, pode-se praticamente eliminar as perdas de humidade por evaporação direta durante os estágios iniciais de crescimento da cultura, quando o dossel ainda não cobriu a superfície do solo (Kluthcouski, 1998). Cebula (1995), estudando a cobertura em plantas de pimentão, verificou que a incidência de luz na copa da planta quando teve a cobertura de plástico, dobrou a formação de frutos, qualidade de frutos, e quantidade de frutos na planta quando comparada com plantas sem cobertura. Rodrigues (2001), utilizando diferentes tipos de cobertura no solo para a cultura de pimentão, observou que as coberturas plásticas de cor preta e verde proporcionaram maior temperatura no solo, controle de plantas invasoras, maior desenvolvimento das plantas e maior produtividade.
  2. 2. Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. ) nos solos arenosos no Município de Inhambane Projecto de Pesquisa de Licenciatura em Ciências Agrarias Elsa ……. 2 Bragagnoloetal. (1990) afirma que a cobertura do solo reduz a perda de água por evaporação, além de diminuir as oscilações da temperatura do solo, dependendo da insolação e da humidade do solo. O seu emprego traz vantagens como alteração do regime térmico do solo, conservação da água do solo, redução da perda de nutrientes por lixiviação (Carter & Johnson,1988), além do controlo de plantas invasoras (Moura Neto,1993), além da melhoria das qualidades físicas e químicas do solo (Fialho etal., 1991). 1.2. Problema de estudo e justificação Em Moçambique, para um bom rendimento, o pimento requer uma boa práctica dos amanhos culturais de modo que haja condições óptimas na zona radicular, onde a planta obtém os nutrientes e a humidade que necessita para se desenvolver (Alves, 1989). Os produtores de pimento do Município de Inhambane enfrentam diversos problemas, em destaque para a maior infiltração da água dos seus solos, a evaporação dos solos, a formação de crostas. Em solos arenosos, para fazer face a este problema há necessidade de haver recomendações técnicas e científicas de cultivo de pimento para os produtores desta cultura em solos arenosos, com disponibilidade de restos vegetais não contaminados que possam usar como cobertura morta para maximizar o rendimento nas condições edafo-climáticas locais. Segundo Filgueira (2000), a cobertura morta pode reter muita água o que significa que em épocas de seca haverá mais água disponível para as plantas, durante um período mais longo, esta propriedade é particularmente importante para os solos arenosos, pois estes retêm pouca água. A cobertura morta além de proporcionar o controlo de determinados patógenos de solo, actua na conservação da humidade do solo, controlo de ervas daninhas, redução na lixiviação de nutrientes, prevenção da compactação e erosão do solo, afecta passivamente a microflora e microfauna antagonista, favorece o desenvolvimento da planta e reduz o uso de substâncias químicas, isso quando utilizado de maneira adequada (Housbecketal., 1996; Galindo etal., 1984; Jones etal., 1974). O presente trabalho visa avaliar o efeito da cobertura morta (mulching) no rendimento cultura de pimento, de forma a fornecer informações científicas aos produtores locais, para incrementar o seu rendimento por área, a partir dos seus recursos locais (mulching orgânico), nas condições edafo-climáticas locais.
  3. 3. Avaliação do impacto da cobertura morta (mulching) no rendimento da cultura de pimento (Capsicum annum L. ) nos solos arenosos no Município de Inhambane Projecto de Pesquisa de Licenciatura em Ciências Agrarias Elsa ……. 3 1.3. Objectivos 1.3.1. Objectivo geral: Avaliar o efeito da cobertura morta (mulching) e do espaçamento de plantio nos canteiros na cultura de Pimento. 1.3.2. Objectivos específicos  Descrever o efeito da cobertura morta nos canteiros na cultura de Pimento para, a altura de planta, e o rendimento.  Caracterizar o efeito dos diferentes níveis de espaçamentos de plantio nos canteiros na cultura de Pimento para, a altura de planta, e o rendimento.  Relacionar o efeito da cobertura morta à diferentes níveis de espaçamentos nos canteiros para a altura de planta, e o rendimento. 1.4. Hipóteses H0: A cobertura morta não influencia no rendimento da cultura de Pimento; H1:A cobertura morta influencia no rendimento da cultura de Pimento;

×