www.duratex.com.br
Divulgação de Resultados de 2003
Duratex S.A.

  Sociedade anônima, de capital aberto, negociada em bolsa de valores
(BOVESPA) desde 1951
  Total de ações ...
Desempenho das Ações Preferenciais


        Durante o ano de 2003, as ações da Duratex apresentaram uma
    valorização d...
Desempenho das Ações Preferenciais


                   Duratex PN X Índices de Ações (base 100)
                   Durate...
Áreas de Atuação




          Chapa de Fibra      Metais Sanitários
          Aglomerado          Louças Sanitárias
     ...
Canal de Distribuição
                                                      Construtoras
                                 ...
PAR - Consolidação dos Investimentos (US$ M)



                       121,1
                                             ...
PAR - Consolidação dos Investimentos

  MDF / HDF / SDF
   Fábrica: Botucatu/SP
   Total Investido: US$86M
   Capacidade P...
PAR - Consolidação dos Investimentos

  Aglomerado
   Fábrica: Itapetininga/SP
   Capacidade Produtiva: 500.000 m³/ano
   ...
PAR - Consolidação dos Investimentos

  Chapa de Fibra – Serra Cut-to-Size
   Fábrica: Jundiaí/SP
   Capacidade Produtiva:...
PAR - Consolidação dos Investimentos

  Linha de Revestimento em BP
  Fábrica: Itapetininga/SP
  Capacidade Produtiva: 12 ...
Posicionamento Estratégico

  Área Florestal
    Aquisições entre 2000 e 2003: 26.000 ha de terras
    Praticamente auto-s...
PAR - Consolidação dos Investimentos

  Metais Sanitários
  Fábrica: São Paulo/SP e Jundiaí/SP
  Aumento de Escala
  Autom...
PAR - Consolidação dos Investimentos

   Louças Sanitárias
    Fábrica: Jundiaí/SP e São Leopoldo/RS
    Aumento de Escala...
PAR – Evolutivo de Capacidades

                                     1995   1996    1997   1998    1999    2000    2001   ...
Posicionamento Estratégico

    Divisão Madeira - Diversidade de produtos
                   Chapa de                     ...
Posicionamento Estratégico

  Divisão Deca - Diversidade de produtos
   Número de itens fabricados em metais sanitários: 6...
Utilização & Capacidade Industrial Instalada - 2003



      Chapa de Fibra                             360 mil m3/ano
   ...
Movimento Estratégico
Desativação da Unidade Industrial de Gravataí/RS – Dez/02
      Capacidade: 140.000 m3/ano
      Não...
Exportações


                  2003
                  2003                                      2002
                    ...
Exportações

  Exportações de Móveis –

   Showroom (Jundiaí/SP):
      Área: 2.000m2
  Clientes ativos: Holanda, México e...
Exportações

  Exportações de Louças Sanitárias
   Exportações correntes para Europa e América Latina
   15 produtos já de...
Receita Líquida por Área de Negócio

                2003                                     2002

                 MDF  ...
Demostrativo de Resultado (R$ 1.000)

                                     2003          AV%       2002         AV%     AH...
Resumo Financeiro (R$ M)

                                  4T03    3T03    2T03    1T03    4T02
     Re ce ita Bruta     ...
Desempenho por Divisão (R$ M)



                   DIV ISÃO MADEIRA   DIV ISÃO DECA     CON SOLIDADO
                    ...
Endividamento & Cronograma de Amortização (R$ M)


  Dívida Total    452,2
                           158,9
      Moeda
  ...
Fluxo de Caixa Resumido (R$ 1.000)



                                             2003          2002

   LUCRO LÍQUIDO NO...
Divisão Madeira – Custos de Produção


                   Capas de Fibra   Aglomerado   MDF
Matérias-Primas         32%   ...
Divisão Deca – Custos de Produção



                          Louças    Metais
       Matérias-Primas     37%       53%
 ...
Desempenho

  Histórico de Expedição                                                  905,5
                              ...
Desempenho

  Receita Líquida (R$ M)
                                                   989,6

                           ...
Desempenho

  EBITDA (R$ M) & Margem (%)
                             26,80%
                                             ...
Desempenho – Evolutivo Trimestral

  EBITDA (R$ M) & Margem (%)
                                30,9%           30,2%     ...
Remuneração do Acionista (R$ M)

  Pay-Out   28,4%   31,7%   34,6%   34,7%   148,2%   32,3%   45,3%   34,3%   40,2%


    ...
www.duratex.com.br
Divulgação de Resultados de 2003
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Duratex - Resultados do Ano de 2003

563 visualizações

Publicada em

Apresentação dos Resultados do Ano de 2003

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
563
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Duratex - Resultados do Ano de 2003

  1. 1. www.duratex.com.br Divulgação de Resultados de 2003
  2. 2. Duratex S.A. Sociedade anônima, de capital aberto, negociada em bolsa de valores (BOVESPA) desde 1951 Total de ações em circulação em 31/01/2004: 11.782.716.987 Ordinárias: 37% Preferenciais: 63% (tag-along de 80%) Outros Itaúsa 21,7% Tesouraria 85,5% 1,3% Itaúsa ON’s PN’s 24,4% Inv. Estrangeiro 28,7% Outros Fdo. Pensão 14,5% 23,9%
  3. 3. Desempenho das Ações Preferenciais Durante o ano de 2003, as ações da Duratex apresentaram uma valorização de 59,6% e estiveram presentes em todos os pregões da Bovespa. Qtde Açõe s Volume Ne gociado Vol. Mé dio por Ne gócios Ne gociadas (mil) (R$ mil) Pre gão (R$ mil) 1º Trimestre 02 418 315.400 14.623 244,3 2º Trimestre 02 469 396.100 19.838 316,0 3º Trimestre 02 543 756.600 30.051 458,0 4º Trimestre 02 739 806.100 35.442 547,0 2002 2.169 2.274.200 99.954 391,3 1º Trimestre 03 675 614.400 31.947 525,7 2º Trimestre 03 817 690.300 40.577 662,7 3º Trimestre 03 1.454 1.609.800 99.159 1.502,0 4º Trimestre 03 1.740 1.399.400 102.329 1.574,3 2003 4.686 4.313.900 274.012 1.066,2 Var. % (2003 - 2002) 116,0% 89,7% 174,1% 172,4%
  4. 4. Desempenho das Ações Preferenciais Duratex PN X Índices de Ações (base 100) Duratex PN X Índices de Ações (base 100) Período: 30/Jan/02 aa30/Jan/03 Período: 30/Jan/02 30/Jan/03 220 112,1 % 200 99,7 % 180 80,8 % 160 61,6 % 140 120 100 80 3 3 3 3 3 3 3 3 3 3 3 3 4 n -0 v-0 r-0 r-0 i-0 n-0 l-0 o-0 t-0 t-0 v-0 z-0 n-0 ja fe m a a b ma ju ju a g se o u no de ja DURATEX IBOVESPA IBX FGV 100
  5. 5. Áreas de Atuação Chapa de Fibra Metais Sanitários Aglomerado Louças Sanitárias MDF Acessórios Piso Laminado Revestimento para teto e parede
  6. 6. Canal de Distribuição Construtoras 4% Atacadistas 6% B2B + Te le mktg 6% De mais Re ve nda 4% 80% Re ve nda Construção 20% Civil 7% De mais 9% Móve is 64%
  7. 7. PAR - Consolidação dos Investimentos (US$ M) 121,1 113,2 94,5 75,9 63,9 59,7 59,3 54,4 36,0 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 Total investido de 1995 a dez/2003: ~ US$680M Em 2004: expectativa de investimento total: ~US$35M
  8. 8. PAR - Consolidação dos Investimentos MDF / HDF / SDF Fábrica: Botucatu/SP Total Investido: US$86M Capacidade Produtiva: 400.000 m³/ano Aumento de Escala Liderança na fabricação do MDF e HDF Tecnologia diferenciada que permite a fabricação do SDF Localização Estratégica Volume Produzido Produção acumulada ano: 129.200 m³ Média mensal no 4T03: 18.200 m³
  9. 9. PAR - Consolidação dos Investimentos Aglomerado Fábrica: Itapetininga/SP Capacidade Produtiva: 500.000 m³/ano Aumento de Escala Tecnologia diferenciada que permite a fabricação de painéis com superfícies mais densas Painel de Melhor Acabamento
  10. 10. PAR - Consolidação dos Investimentos Chapa de Fibra – Serra Cut-to-Size Fábrica: Jundiaí/SP Capacidade Produtiva: 96.000 m³/ano Permite a fabricação de painéis de diversos tamanhos (produtos customizados) Projeto “Corte Certo”
  11. 11. PAR - Consolidação dos Investimentos Linha de Revestimento em BP Fábrica: Itapetininga/SP Capacidade Produtiva: 12 milhões m²/ano Enriquecimento do mix de venda
  12. 12. Posicionamento Estratégico Área Florestal Aquisições entre 2000 e 2003: 26.000 ha de terras Praticamente auto-suficiente no consumo de madeira Operação de exploração florestal auto-sustentável, totalmente mecanizada e certificada pela ISO 14.001 e Selo Verde Distância Média das florestas às fábricas: 50 km
  13. 13. PAR - Consolidação dos Investimentos Metais Sanitários Fábrica: São Paulo/SP e Jundiaí/SP Aumento de Escala Automação de Processos Produtivos Válvula Hydra – capacidade produtiva: 1,5 M válvulas/ano São Paulo Fundição – Equipamento Automatizado Jundiaí
  14. 14. PAR - Consolidação dos Investimentos Louças Sanitárias Fábrica: Jundiaí/SP e São Leopoldo/RS Aumento de Escala Substituição de fornos a óleo por fornos a gás Concentração da produção Jundiaí/SP São Leopoldo/RS Novo forno com capacidade de 960 mil peças/ano
  15. 15. PAR – Evolutivo de Capacidades 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 1 Chapa de Fibra 360 360 360 360 360 360 360 360 360 1 Aglome rado 320 320 320 320 320 320 340 360 500 1 MDF/HDF/SDF - - 180 180 180 200 220 240 640 2 Piso Laminado - - - 6.000 6.000 6.000 6.000 6.000 6.000 3 Me tais Sanitários 7.800 8.400 9.000 9.600 10.800 12.000 13.200 14.400 14.400 3 Louças Sanitárias 1.860 1.860 2.160 2.340 2.400 2.580 3.300 3.300 3.180 1 em 1.000 m3 2 em 1.000 m2 3 em 1.000 peças 2004: start-up de novo forno no 2º Semestre elevando a capacidade em 960 mil peças/ano para 4,2M peças/ano, ou + 30%
  16. 16. Posicionamento Estratégico Divisão Madeira - Diversidade de produtos Chapa de Piso Aglomerado MDF/HDF SDF Wall Paneling Fibra Laminado Cru Pintada Cru BP FF Cru BP FF Duratex Berneck Eucatex Masisa Pl. do Paraná Satipel Tafisa Chapa de Fibra Aglomerado & MDF Piso Laminado Wall Paneling
  17. 17. Posicionamento Estratégico Divisão Deca - Diversidade de produtos Número de itens fabricados em metais sanitários: 6.000 Número de itens fabricados em louças sanitárias: 260 Amplo mix de venda, abrangendo desde os segmentos de alto luxo até o econômico Ampla linha de produtos economizadores de água
  18. 18. Utilização & Capacidade Industrial Instalada - 2003 Chapa de Fibra 360 mil m3/ano 91,8% 360 mil m3/ano Aglome rado 500 mil m3/ano 63,2% 500 mil m3/ano MDF/HDF/SDF 55,6% 640 mil m3/ano 640 mil m3/ano Me tais 14,4 M 14,4 M Sanitários 80,0% peças/ano peças/ano Louças 3,2 M 3,2 M Sanitárias 86,1% peças/ano peças/ano
  19. 19. Movimento Estratégico Desativação da Unidade Industrial de Gravataí/RS – Dez/02 Capacidade: 140.000 m3/ano Não haverá perda de faturamento Objetivos: redução de custos em cerca de R$ 10M anuais; concentrar a produção próxima aos grandes centros consumidores; Desativação da Unidade Industrial de Cerâmica I de Jundiaí/SP – Set/03 Capacidade: 600.000 peças / ano Não haverá perda de faturamento Objetivos: redução de custos em cerca de R$ 4,0M anuais; obter ganhos de eficiência na concentração da fabricação de louças em apenas um site - Cerâmica II, também em Jundiaí/SP
  20. 20. Exportações 2003 2003 2002 2002 Es tados Europa Unidos Es tados 24% 59% Unidos 48% Europa 19% Americ a Sul/Central Americ a Outros 15% Outros Sul/Central 13% 9% 13% US$ 46,5 M + 12 % + 12 % US$ 41,5 M
  21. 21. Exportações Exportações de Móveis – Showroom (Jundiaí/SP): Área: 2.000m2 Clientes ativos: Holanda, México e África do Sul Linha de produtos atual: 400 ítens
  22. 22. Exportações Exportações de Louças Sanitárias Exportações correntes para Europa e América Latina 15 produtos já desenvolvidos para o mercado norte-americano Armazéns nos EUA para estoque intermediário Expectativa de embarque para Fev/2004: 2.500 peças Participação em feiras durante 2004 (Kitchen & Bath em Chicago) Inglaterra Portugal
  23. 23. Receita Líquida por Área de Negócio 2003 2002 MDF MDF Flooring Flooring 15% Aglome rado 10% Aglome rado 7% 7% 13% 12% Me tais 25% Me tais 23% Chapas Chapas 33% 35% Louças Louças 10% 10% Divisão Madeira: 67% Divisão Madeira: 65% Divisão Deca: 33% Divisão Deca: 35%
  24. 24. Demostrativo de Resultado (R$ 1.000) 2003 AV% 2002 AV% AH% RECEITA LÍQUIDA DE VENDAS 989.603 100% 866.884 100% 14% Custo dos Produtos (573.869) 58% (485.984) 56% Depreciação/Amort/Exaustão (55.661) 6% (56.062) 6% LUCRO BRUTO 360.073 36% 324.838 37% 11% Despesas com Vendas (142.383) 14% (109.000) 13% Despesas Gerais e Adm. (44.446) 4% (43.283) 5% Outros Resultados Operacionais (7.363) (19.651) LUCRO OPERAC. ANTES RES. FINANC. 165.881 17% 152.904 18% 8% Resultado Financeiro (51.553) (18.651) CPMF / IOF / PIS e Cofins (11.729) (10.687) LUCRO OPERACIONAL 102.599 10% 123.566 14% -17% Resultado não Operacional (38) 2.862 LUCRO ANTES DO IR 102.561 10% 126.428 15% -19% IR e Contribuição Social (29.285) (42.965) Part. Estatutária (9.061) (11.128) Part. Minoritária (198) (677) LUCRO LÍQUIDO 64.017 6% 71.658 8% -11%
  25. 25. Resumo Financeiro (R$ M) 4T03 3T03 2T03 1T03 4T02 Re ce ita Bruta 352,7 334,9 286,5 280,5 313,0 Re ce ita Líquida 279,2 264,4 225,3 220,8 248,2 CPV se m De pre ciação 164,1 152,3 135,4 122,1 143,3 Marge m Bruta s/ De pre c. 41,2% 42,4% 39,9% 44,7% 42,3% De pre ciação 14,1 13,3 13,5 14,8 14,3 Lucro Bruto 101,0 98,8 76,4 83,9 90,6 Marge m Bruta 36,2% 37,4% 33,9% 38,0% 36,5% Re sultado Ope racional 50,3 47,3 28,0 40,3 45,5 EBITDA 65,2 61,3 43,0 55,1 60,5 Marge m EBITDA 23,3% 23,2% 19,1% 25,0% 24,4% Lucro Líquido 22,5 13,4 7,6 20,5 19,8 ROE (anualizado) 9,9% 5,9% 3,4% 9,3% 8,7%
  26. 26. Desempenho por Divisão (R$ M) DIV ISÃO MADEIRA DIV ISÃO DECA CON SOLIDADO (R$M) AV % (R$M) AV % (R$M) AV % Rec eita Líquida 656,1 100% 333,5 100% 989,6 100% CPV (375,8) 57% (198,0) 59% (573,9) 58% Deprec iaç ão (36,7) 6% (18,9) 6% (55,7) 6% Luc ro Bruto 243,6 37% 116,5 35% 360,1 36% EBITDA 2003 167,1 25% 57,6 17% 224,7 23% EBITDA 2002 170,9 30% 39,6 13% 210,4 24%
  27. 27. Endividamento & Cronograma de Amortização (R$ M) Dívida Total 452,2 158,9 Moeda Estrangeira 156,0 100% hedge 106,1 63,1 Moeda Nacional 296,2 89,1 34,8 Dívida 2004 2005 2006 2007 2008 & Alé m Dívida Líquida / PL = 37,1 %
  28. 28. Fluxo de Caixa Resumido (R$ 1.000) 2003 2002 LUCRO LÍQUIDO NO PERÍODO 64.017 71.658 Depreciação/Amort/Exaustão 58.781 57.525 Juros/Variação Cambial por Competência 37.412 2.732 Provisão/Baixa de Ativos 24.601 28.506 SUB-TOTAL 184.811 160.421 Investimento em Capital de Giro (69.072) (1.100) GERAÇÃO OPERACIONAL DE CAIXA 115.739 159.321
  29. 29. Divisão Madeira – Custos de Produção Capas de Fibra Aglomerado MDF Matérias-Primas 32% 57% 61% Mão de Obra 25% 12% 12% Madeira 19% 14% 9% Depreciação 4% 7% 9% Energia Elétrica 11% 5% 7% Combustíveis 9% 5% 2% Total 100% 100% 100%
  30. 30. Divisão Deca – Custos de Produção Louças Metais Matérias-Primas 37% 53% Mão de Obra 40% 35% Energia Elétrica 3% 4% Depreciação 10% 7% Combustíveis 10% 1% Total 100% 100%
  31. 31. Desempenho Histórico de Expedição 905,5 881,2 812,1 823,6 749,6 689,4 ( em mil m3 ) CAGR: 5,6% 1998 1999 2000 2001 2002 2003 14,5 13,6 13,3 11,8 12,3 10,3 ( em milhões de peças ) CAGR: 3,6% 1998 1999 2000 2001 2002 2003
  32. 32. Desempenho Receita Líquida (R$ M) 989,6 866,9 785,3 744,6 654,1 539,7 1998 1999 2000 2001 2002 2003 CAGR: 12,9% CAGR: 12,9%
  33. 33. Desempenho EBITDA (R$ M) & Margem (%) 26,80% 24,40% 24,20% 23,90% 21,90% 22,70% 224,6 199,4 210,4 187,5 158,3 118,2 1998 1999 2000 2001 2002 2003 CAGR: 13,70% CAGR: 13,70%
  34. 34. Desempenho – Evolutivo Trimestral EBITDA (R$ M) & Margem (%) 30,9% 30,2% 30,0% 28,9% 26,8% 24,7% 25,4% 22,0% 48,1 46,7 46,8 43,9 42,7 35,4 35,5 32,3 1T02 2T02 3T02 4T02 1T03 2T03 3T03 4T03 20,1% 18,90% 15,8% 15,9% 15,8% 15,2% 13,8% 13,6% 17,5 16,7 13,7 12,4 10,7 11,3 10,7 10,2 1T02 2T02 3T02 4T02 1T03 2T03 3T03 4T03
  35. 35. Remuneração do Acionista (R$ M) Pay-Out 28,4% 31,7% 34,6% 34,7% 148,2% 32,3% 45,3% 34,3% 40,2% 25,7 24,6 23,6 21,5 14,7 15,0 15,1 11,2 8,7 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003
  36. 36. www.duratex.com.br Divulgação de Resultados de 2003

×