Duratex - Resultados do 1º Trimestre de 2003

477 visualizações

Publicada em

Apresentação dos Resultados do 1º Trimestre de 2003

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
477
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Duratex - Resultados do 1º Trimestre de 2003

  1. 1. 1º Trimestre / 2003 www.duratex.com.br
  2. 2. Áreas de Atuação Chapa de Fibra Metais Sanitários Aglomerado Louças Sanitárias MDF Acessórios Piso Laminado Revestimento para teto e parede 1
  3. 3. Principais Concorrentes por Segmento de Atuação Chapa de Fibra Metais Sanitários Eucatex Docol Aglomerado Fabrimar Eucatex Louças Sanitárias Berneck Roca (Grupo ICL) Placas do Paraná Ideal Standard Satipel Elizabeth Tafisa Hervy MDF Icasa Masisa Placas do Paraná Tafisa Piso Laminado Eucatex Tafisa 2
  4. 4. Eventos Societários Cisão e Incorporação parcial da DCE Na AGO Extraordinária de 31 de março de 2003, foi autorizada uma reorganização societária com a incorporação das unidades industriais de Aglomerado e MDF pertencentes a Duratex Comercial Exportadora S. A. na Duratex S. A. Essa reorganização teve por objetivos a redução de custos e a eliminação de impostos em cascata Foram emitidas aproximadamente 3,6 milhões de ações da Duratex S.A., equivalentes a 0,03% do capital, em troca das ações da DCE, como compensação aos minoritários pela parte cindida 3
  5. 5. Posição Acionária de Preferencialistas em 30 de Abril 2002 2003 Inv. Inv. Estrange iro Estrange iro 28,4% Fdo. Pe nsão 19,7% Fdo. Pe nsão 23,3% 20,5% Outros Outros 22,7% 28,7% Itaúsa Itaúsa Te souraria Te souraria 23,1% 24,4% 3,9% 5,3% Quantidade de ações em circulação em abril: 2002: 12.179.130.021 ações, das quais 7.767.712.156 PN’s 2003: 11.782.716.987 ações, das quais 7.370.658.030 PN’s 4
  6. 6. Desempenho das Ações Preferenciais Durante o primeiro trimestre de 2003, as ações da Duratex apresentaram uma valorização de 3,8% e estiveram presentes em todos os pregões da Bovespa, cujo índice, praticamente não apresentou variação no período Qtde Açõe s Volume Ne gociado Vol. Mé dio por Ne gócios Ne gociadas (mil) (R$ mil) Pre gão (R$ mil) 1º Trime stre 03 675 614.400 31.947 525,7 1º Trimestre 02 418 315.400 14.623 244,3 2º Trimestre 02 469 396.100 19.838 316,0 3º Trimestre 02 543 756.600 30.051 458,0 4º Trimestre 02 739 806.100 35.442 547,0 1T02 - 1T03 Var. % 61,5% 94,8% 118,5% 115,1% 5
  7. 7. Desempenho das Ações Preferenciais Duratex PN X Índices de Ações Duratex PN X Índices de Ações Índice base 100: de 30/4/02 aa30/4/03 Índice base 100: de 30/4/02 30/4/03 140 18,2% 120 6,5% 100 3,6% 80 -4,0% 60 / 02 / 02 / 02 / 02 / 02 / 02 / 02 / 02 / 02 / 03 / 03 / 03 / 03 br ai un j ul go s et ut ov ez j an f ev ar br a m j a o n d m a DURA4 IBOV IBX FGV100 6
  8. 8. Destaque PAR Fábrica de MDF / HDF Localização: Botucatu/SP Total investido: R$240 M 1a. Chapa: 3/Fev/2003 Capacidade: 400.000 m3/ano 7
  9. 9. Investimento & EBITDA (R$ M) Investimento Jan-Mar 2003: R$54,8 M EBITDA Jan-Mar 2003: R$55,2 M 303,0 199,4 210,4 187,5 158 130,4 138,9 114,3 95 139,4 65,9 97,9 77,3 74,1 65,4 49,9 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 Investimentos EBITDA 8
  10. 10. Utilização & Capacidade Industrial (1T2003) Chapas 360 mil m3/ano 91,2% 360 mil m3/ano Aglome rado Última fase AGI: 500 mil m3/ano 78,7% 500 mil m3/ano 140 mil m3 MDF/HDF: 400 mil m3 640 mil m3/ano MDF 99,5% 640 mil m3/ano pré-operacional 1,2 M Me tais 1,2 M 89,6% peças/mês peças/mês 270 mil Louças 270 mil 82,2% peças/mês peças/mês 9
  11. 11. Endividamento & Cronograma de Amortização (R$ M) 409,2 113,7 Moeda 85,3 Estrangeira 195,1 100% hedge 56,9 63,4 Moeda 89,9 Nacional 214,1 Dívida 2003 2004 2005 2006 2007 e alé m Cronograma de Amortização Favorável Dívida Líquida / PL: 27,2% 10
  12. 12. Exportações (US$ 1.000) 1T2002 1T2003 Americ a Americ a Sul/Central Es tados Sul/Central Es tados 12% Unidos 14% 52% Unidos 47% Europa Europa 25% Outros 23% Outros 11% 16% US$8,9 M +10 % +10 % US$9,8 M 11
  13. 13. Balanço Patrimonial (R$ 1.000) ATIVO 31/3/2003 AV % 31/03/2002 AV % CIRCULANTE 531.708 33% 496.121 35% Disponível / Aplicações 158.108 10% 150.458 11% Clientes 154.998 10% 178.358 13% Estoques 173.270 11% 142.533 10% Valores a Receber 9.800 1% 7.364 1% Créditos Tributários 20.322 1% 9.619 1% ICMS S/Imobil. - Lei Complementar 102/00 10.160 1% 2.605 0% Demais Créditos 5.050 0% 5.184 0% REALIZÁVEL A LONGO PRAZO 39.338 2% 27.327 2% Depósitos Vinculados 10.610 1% 10.289 1% Valores a Receber 7.699 0% 10.871 1% ICMS S/Imobil. - Lei Complementar 102/00 21.029 1% 6.167 0% PERMANENTE 1.046.115 65% 874.361 63% Investimentos 2.378 0% 6.711 0% Imobilizado 950.259 59% 786.579 56% Reservas Florestais 85.355 5% 74.595 5% Diferido 8.123 1% 6.476 0% TOTAL DO ATIVO 1.617.161 100% 1.397.809 100%
  14. 14. Balanço Patrimonial (R$ 1.000) PASSIVO 31/3/2003 AV% 31/03/2002 AV% CIRCULANTE 275.590 17% 198.061 14% Fornecedores 47.107 3% 39.743 3% Obrigações com Pessoal 32.213 2% 26.242 2% Contas a Pagar 41.314 3% 23.131 2% Impostos e Contribuições 13.768 1% 17.029 1% Instituições Financeiras 110.218 7% 65.923 5% Debêntures 3.506 0% - - Fundação Duratex 19.220 1% 18.168 1% Dividendos e Participações 8.244 1% 7.825 1% EXIGÍVEL A LONGO PRAZO 418.316 26% 318.894 23% Instituições Financeiras 244.982 15% 217.427 16% Debêntures 50.419 3% - - Provisões Fiscais 110.142 7% 76.095 5% Fundação Duratex 3.205 0% 16.942 1% Contas a Pagar 9.568 1% 8.430 1% PART. MINORITÁRIA 10.934 1% 10.786 1% PATRIMÔNIO LÍQUIDO 912.321 56% 870.068 62% Capital Social 256.392 0 231.335 0 Reservas de Capital 270.695 0 270.199 0 Reservas de Reavaliação 142.016 0 146.624 0 Reservas de Lucros 243.218 0 221.910 0 TOTAL DO PASSIVO 1.617.161 100% 1.397.809 100%
  15. 15. Formação da Receita Líquida 1T2002 1T2003 MDF MDF Flooring Flooring 13,8% 13,5% 7,3% 7,8% Aglome rado Aglome rado 14,2% 15,6% Me tais Me tais 25,6% 24,3% Chapas Chapas Louças 29,1% Louças 27,2% 10,6% 11,1% Divisão Madeira: 63,8% Divisão Madeira: 64,6% Divisão Deca: 36,2% Divisão Deca: 35,4% 12
  16. 16. Demonstração de Resultado (R$ 1.000) 1T2003 AV% 1T2002 AV% AH% RECEITA LÍQUIDA DE VENDAS 220.778 100% 179.114 100% 23% Custo dos Produtos (122.106) 55% (97.800) 55% Depreciação/Amort/Exaustão (14.801) (14.094) LUCRO BRUTO 83.871 38% 67.220 38% 25% Despesas com Vendas (29.940) (20.562) Despesas Gerais e Adm. (10.368) (8.828) Indenizações Trabalhistas (1.005) (4.663) Outros Resultados Operacionais (2.222) (1.613) LUCRO OP. ANTES DO RES. FINANCEIRO 40.336 18% 31.554 18% 28% Resultado Financeiro (6.771) (2.738) CPMF / IOF / PIS e Cofins (2.417) (1.800) Variação Cambial - Argentina 950 (12.316) LUCRO OPERACIONAL 32.098 15% 14.700 8% 118% Resultado não Operacional 405 2.931 LUCRO ANTES DO IR 32.503 15% 17.631 10% 84% IR e Contribuição Social (8.957) (3.500) Part. Estatutária (2.995) (1.798) Part. Minoritária (42) (250) LUCRO LÍQUIDO 20.509 9% 12.083 7% 70% 13
  17. 17. Fluxo de Caixa (R$ 1.000) 1T2003 1T2002 LUCRO LÍQUIDO NO PERÍODO 20.509 12.083 Depreciação/Amort/Exaustão 14.801 14.094 Juros/Variação Cambial por Competência (2.533) 6.901 Provisão/Baixa de Ativos 4.703 4.396 SUB-TOTAL 37.480 37.474 Investimento em Capital de Giro (4.007) 5.947 GERAÇÃO OPERACIONAL DE CAIXA 33.473 43.421 14
  18. 18. Evolutivo Trimestral (R$ M) 1T03 1T02 2T02 3T02 4T02 Re ce ita Líquida 220,8 179,1 203,2 236,4 248,2 CPV 122,1 98,4 114,1 130,1 143,4 Marge m Bruta s/ De pre ciação 44,7% 45,1% 43,8% 45,0% 42,2% De pre ciação 14,8 13,5 13,7 14,6 14,3 Lucro Bruto 83,9 67,2 75,4 91,6 90,6 Marge m Bruta 38,0% 37,5% 37,1% 38,7% 36,5% Re sultado Ope racional 40,3 31,6 33,1 42,7 45,5 EBITDA 55,1 45,6 46,3 58,0 60,5 Marge m EBITDA 25,0% 25,5% 22,8% 24,5% 24,4% Lucro Líquido 20,5 12,1 15,0 24,8 19,8 ROE (anualizado) 9,3% 5,7% 7,0% 11,5% 9,0% 15
  19. 19. Divisão Madeira – Composição do Custo Capas de Fibra Aglomerado MDF Matérias-Primas 31% 58% 63% Mão de Obra 23% 13% 12% Madeira 20% 11% 9% Depreciação 5% 8% 8% Energia Elétrica 11% 4% 6% Combustíveis 10% 6% 2% Total 100% 100% 100% Combustível 100% 80% Energia Elétrica 60% Depreciação 40% Madeira 20% Mão de Obra 0% Matéria Prima e Outros Mat. Chapas Aglomerado MDF 16
  20. 20. Divisão Deca – Composição do Custo Louças Metais Matérias-Primas 39% 55% Mão de Obra 37% 34% Energia Elétrica 3% 4% Depreciação 10% 7% Combustíveis 11% 0% Total 100% 100% 100% 80% Combustível 60% Energia Elétrica 40% Depreciação 20% Mão de Obra 0% Matéria Prima e Outros Mat. Louças Metais 17
  21. 21. Resultado por Divisão DIVISÃO MADEIRA DIVISÃO DECA CONSOLIDADO CON SOLIDADO CON SOLIDADO (R$M) AV % (R$M) AV % (R$M) AV % Rec eita Líquida 142,6 100% 78,2 100% 220,8 100% CPV (74,2) 52% (48,7) 62% (122,9) 56% Deprec iaç ão (9,1) 6% (4,9) 6% (14,0) 6% Luc ro Bruto 59,3 42% 24,6 31% 83,9 38% EBITDA 1T2003 42,7 30% 12,4 16% 55,1 25% EBITDA 1T2002 35,4 31% 10,2 16% 45,6 25% 18
  22. 22. Desempenho Histórico de Expedição 881,2 812,1 823,6 749,6 628,4 683,8 629,4 582,2 ( em mil m3 ) 182,7 195,2 197,4 191,0 167,4 1999 2000 2001 2002 2003 14,2 14,5 13,1 13,5 10,9 11,3 10,1 10,3 ( em milhões de peças ) 3,0 3,2 3,3 3,2 3,4 1999 2000 2001 2002 2003 19
  23. 23. Desempenho Receita Líquida (R$M) 220,8 185,4 179,1 169,3 145,7 1T99 1T00 1T01 1T02 1T03 CAGR: 10,9 % CAGR: 10,9 % 20
  24. 24. Desempenho Receita Líquida por Colaborador (R$1.000) 36,6 32,1 30,4 28,6 25,9 1T99 1T00 1T01 1T02 1T03 CAGR: 9,0 % CAGR: 9,0 % 21
  25. 25. Desempenho EBITDA (R$M) & Margem (%) 27,3% 55,1 26,8% 46,3 46,9 45,6 39,0 25,2% 25,0% 25,3% 1T99 1T00 1T01 1T02 1T03 CAGR EBITDA: 9,0 % CAGR EBITDA: 9,0 % 22
  26. 26. Desempenho EBITDA por Colaborador (R$ 1.000) 9,2 8,1 7,7 7,8 6,8 1T99 1T00 1T01 1T02 1T03 CAGR: 7,8 % CAGR: 7,8 % 23
  27. 27. Desempenho Lucro Líquido (R$M) 19,1 20,5 12,2 12,1 1T99 1T00 1T01 1T02 1T03 (18,9) Impactado pela Desvalorização Cambial 24
  28. 28. 1º Trimestre / 2003 www.duratex.com.br

×