Falsos Cristos - Falsos Profetas

6.812 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual

Falsos Cristos - Falsos Profetas

  1. 1. FALSOS CRISTOS E FALSOS PROFETAS
  2. 2. Recomendações no sermão da montanha Marcar o cuidado que se deveria ter com as ilusões e a sedução de impostores Jesus percebera o quanto as pessoas, cansadas, inseguras, sentindo-se fracas e frágeis, procuravam amparar-se em alguém. “Ao ver a multidão, teve compaixão dela, porque estava cansada e abatida como ovelhas sem pastor” (Mt 9, 36)  Jesus vira o risco que corriam de se deixar liderar por falsos profetas que poderiam ser um perigo para os trabalhadores da vinha
  3. 3.  O Evangelho segundo o Espiritismo - Capitulo XXI reforça esses riscos dedicando todo o capítulo para essa questão. Texto atual: denuncia riscos que corremos de nos expor a enganos e ilusões, a partir do que lemos, ouvimos e somos influenciados no dia-a-dia.  O capítulo é um alerta para tomarmos cuidado com nossa tendência a nos alimentarmos de ilusões.  Identificar os falsos profetas que podem atrapalhar nossa trajetória rumo à felicidade.
  4. 4.  As ilusões que criamos servem-nos, de certa forma, de defesas contra nossas realidades amargas. Embora possam, por um lado, nos poupar das dores momentaneamente, por outro, nos tornam prisioneiros da irrealidade. Para possuir uma mente sã, é preciso que tenhamos a capacidade de aceitação da realidade, jamais fugindo dela. É imprescindível discernir o que queremos forçar que seja realidade daquilo que verdadeiramente seja realidade HAMMED da obra “As dores da alma” Psicografia de Francisco do Espírito Santo Neto
  5. 5. Cuidado com os  Tende cuidado para que alguém nãoFalsos Profetas vos seduza; - porque muitos virão em meu nome, dizendo: "Eu sou o Cristo", e seduzirão a muitos.  ... porque abundará a iniqüidade, a caridade de muitos esfriará...  Então, se alguém vos disser: O Cristo está aqui, ou está ali, não acrediteis absolutamente; - porquanto falsos Cristos e falsos profetas se levantarão que farão grandes prodígios e coisas de espantar, ao ponto de seduzirem, se fosse possível, os próprios escolhidos. (Mateus 24, 4-5, 11-13, 23-24) (Marcos 13, 5-6; 21-22)
  6. 6.  Quem são os  O profeta é um profetas? intermediário entre o mundo espiritual e o mundo material, ou seja, um MÉDIUM.  Os profetas não eram senão, médiuns escolhidos por Deus para chamar atenção de reis e dirigentes que não estavam preocupados com as questões espirituais. Deus os enviava para alertá-los
  7. 7. PAPEL DO PROFETA Contestação Consolação Encorajamento Trazer o homem de volta ao caminho de Deus
  8. 8.  Os falsos cristos são aqueles que, embora divulguem a mensagem cristã, não se propõem conscientemente a vivenciá-la, usando-a para fins pessoais e visando a obtenção do poder. São todos aqueles que conscientes do que fazem e conhecedores da verdade negam o erro por orgulho,interesse, e até por maldade.  São egoístas, astuciosos, intolerantes e fanáticos Servem-se de todos os meios para prevalecer suas idéias, confundindo as almas simples e confiantes Esses “profetas” valem-se do nome de Deus e de Jesus para alcançar os seus objetivos.
  9. 9. Ilusão, Enganos e Desvios no Caminho da Verdade • Quando mantêm os povos na cegueira espiritual para conquistarem privilégios e proveitos materiais.Religião • Quando mantêm pobre a espiritualidade de seus seguidores. • Quando prega o materialismo.Ciencia • Quando nega Deus e a realidade espiritual
  10. 10. Ilusão, Enganos e Desvios no Caminho da Verdade • Quando promete coisas que não planeja cumprir • Quando sustenta candidaturas com base na mentira e naPOLITICA produção de ilusões. • Onde a mediunidade for comercializada ou trocada por presentes. CASAS • Onde espíritos tentam enganar fazendo-se passar porESPÍRITAS espíritos superiores.
  11. 11. Ilusão, Enganos e Desvios no Caminho da Verdade • Quando dão conselhos sobre tudo, até sobre o futuro. • Quando dirigem nossa busca de felicidade para coisasREVISTAS E materiais e para a indústria do consumo. JORNAIS • Armadilhas psíquicas em que nós mesmos caímos por não conhecermos devidamente o funcionamentoda psiquê humanaARMADILHAS INTERNAS • Máscaras sociais.
  12. 12.  Quando transferimos para o mundo externo a responsabilidades que nos competem, adjetivando as pessoas com nossas próprias características não percebidas; Quando nos atribuímos qualidades superlativas pertencentes a pessoas as quais admiramos; Quando ampliamos uma qualidade ou defeito de alguém para outras pessoas que com ele convivem;  Quando nos distanciamos dos problemas por fuga ou medo de enfrentá-los;  Quando adotamos um comportamento diametralmente oposto ao que não sabemos aceitar e entender em nós ou nos outros.
  13. 13.  23.492.  “Não creais em qualquer espírito; experimentai se os espíritos são de Deus, porquanto muitos falsos 2 profetas se têm levantado3 3 no mundo” (I Epístola de João 4, 1) 9 4
  14. 14. Como distinguir o profeta verdadeiro de um profeta falso? Pelos seus frutos. “Toda árvore boa produz bons frutos; porém a árvore má produz frutos maus” (Mateus 7, 17) Pelo caráter da pessoa. Pela finalidade do que é revelado.. Pela importância da revelação.
  15. 15.  Forçoso distinguir sempre EMMANUEL o exterior do conteúdo. da obra “Livro da Esperança”Psicografia de Francisco Cândido  Exterior, atende à informação e ao Xavier revestimento.  Conteúdo, porém, é substância e vida.  Exterior, em muitas ocasiões, afeta unicamente os olhos.  Conteúdo alcança a reflexão.  A casa impressiona pelo feitio.  O interior, contudo, é que lhe decide o aproveitamento. Exterior consegue enganar.   Um frasco, indicando medicamento é capaz de trazer corrosivo. Uma bolsa aparentemente inofensiva pode encerrar uma bomba.  Conteúdo, entretanto, fala por si. A essência disso ou daquilo é ou não é.
  16. 16.  Por que os falsos profetas insistem em fazer seu mercado?”, é mais útil perguntar: “O que nos impulsiona a sermos seus clientes?”  Que tipo de profeta buscamos?
  17. 17.  Somos vítimas de falsos profetas porque seu discurso vai ao encontro dos nossos desejos. Talvez Jesus tenha achado importante nos alertar quanto aos falsos profetas porque por trás deles, dando-lhes suporte, encontra-se a principal de nossas fraquezas: nossos desejos.  Os falsos profetas são apenas depositários dos desejos que nos afastam do caminho.
  18. 18. DESEJOS A ilusão da posse material proporciona a felicidade.O poder e a fama garantem o amor. A força bruta protege da agressão.A prática sexual sem limitestraz uma gratificação integral.
  19. 19. Quase sempre desenvolvemos essas ilusões na infância comnossos pais, professores, outros parentes, como sendo reais ensinamentos, quando,em verdade, não passamde crenças distorcidas de indivíduos que tinham dinheiro e sexo como divindades supremas.Mesmo quando crescidos emaduros, sentimos medo de abandoná-las.
  20. 20.  Enquanto não aprofunda o sentido da realidade, a fim de identificar-lhe os conteúdos, todos os espaços mentais e emocionais permanecem propícios aos anseios da ilusão. JOANNA DE ÂNGELIS da obra “Amor, imbatível amor”Psicografia de Divaldo Pereira Franco
  21. 21.  Iludir-se a respeito da realidade é a marca que define a ignorância, causa potente de sofrimento. A aceitação corajosa do sofrimento e do fracasso nos protege do engano das suposições e das crenças ilusórias.
  22. 22. O CRISTO VERDADEIRO  Nos convida a interiorizar e repensar a nossa historia  tendes ouvido ... mas eu vos digo...” ou seja, há uma renovação no ensinamento.  Libertar o homem de suas pobrezas psiquicas  ... eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância. Jo 10: 10  Revolução interior  Jo 7 : 38 –...“quem crer em mim , do seu interior fluirão rios de água viva. "
  23. 23.  Reorganização do processo da construção das relações humanas  Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem. Mateus 5:44 Oferta de vida plena  Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.  Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração;e encontrareis descanso para as vossas almas. Mateus 11: 28e 29
  24. 24.  Que seus dias sejam sempre repletos de paz e iliminados com a certeza que teremos o mestre amigo Jesus a nos conduzir Tenham um Domingo Maravilhoso. KSSF – Clea Alves Obrigada
  25. 25.  Kardec, Allan – Evangelho Segundo o Espiritismo Simontti ,Richard da obra “uma razão para viver Almeida, Joao Ferreira – Biblia Novaes,Adenauer- Psicologia do Evangelho

×