Conceber diferentemente 
modelos de negócio sociais 
Lausanne, 23 de outubro 2014 
Claude Michaud
Tal uma pedra preciosa, 
a organização pode ser vista sob vários ángulos 
Responsabilidade societal 
Questões centrais 
Pr...
A missão: construida pelo “modelo de negócio” 
• O modelo de negócio da organização é 
sua missão acrecentada de outros 
e...
Os valores: o “combustível” da organização 
• Se o modelo de negócio é o “motor”... 
• Então a paixão, a emoção, as crença...
A visão: inseparável da missão 
• Missão e visão são duas facetas inseparáveis 
da organização 
• A visão é um futuro long...
A estratégia: o caminho a seguir e percorrer 
• A estratégia fixa objetivos a longo, 
médio e curto prazo, para levar a 
o...
A organização é un ser vivo 
• A organização está em relação com um 
grande número de atores e partes interessadas. 
• Ela...
Para completar o conjunto: a RSE 
• A responsabilidade societal das empresas é 
essencialmente uma questão de postura e 
a...
Como usar o canvas? 
Uma tempestade cerebral estruturada!
Por favor, me 
desenha um modelo 
de negócio... 
(O pequeno Príncipe)
…com un canvas
Contexto: o campo de jogo 
1 
• A zona geográfica 
• As restrições temporais 
• O contexto político ou legal 
• O contexto...
A missão é construida com o canvas do 
modelo de negócio 
Peter Drucker 
O enunciado da missão de uma 
organização deve se...
Problemas e oportunidades: o desafio 
2 
• As necessidades reais e relevantes 
• Os problemas, suas causas 
• As oportunid...
Usuários, clientes: o público alvo 
3 
• Os beneficiários diretos 
• Os simples usuários 
• Aqueles que pagam (clientes) 
...
Serviços: a proposição de valor 
4 
• Os serviços imateriais 
• Os bens materiais 
• Os serviços de informação 
• Os primá...
Uma única missão ou várias?
Alianças e parcerias: sozinho se chega mais rápido, 
mas juntos... 
5 
Onde? 
• Os parceiros 
• Os aliados 
• Os prescrito...
Sem esquecer-se do mercado... 
e da concorrência! 
5b 
• O que é o tamanho do "sector"? 
• Quais são suas características ...
Fazer, produzir…: pessoas, matéria, energia... 
6 
• Os recursos humanos e suas competências 
• As matérias-primas, os mat...
...e o modelo econômico! 
Processos 
Atividades 
Recursos chave 
Entradas e saídas 
financeiras 
Os 
valores
Canais: comunicação e distribuição 
7 
• A comunicação para os clientes 
• A distribuição dos serviços e bens 
• As relaçõ...
Indicadores: para medir o sucesso 
8 
• As fontes de informação 
• A medida dos resultados obtidos 
• A interpretação dos ...
Resumo 
Onde? 
Por que? 
Com quem? 
Porquê? 
Verificável? 
Quem? 
Os 
valores 
Com o que? O que? 
Em qual contexto a 
orga...
Recomendação: usem os canvas 
para favorecer a inteligência coletiva
Obrigado pela sua atenção 
Claude Michaud 
www.socialbusinessmodels.ch
Conceber diferentemente modelos de negócio sociais
Conceber diferentemente modelos de negócio sociais
Conceber diferentemente modelos de negócio sociais
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Conceber diferentemente modelos de negócio sociais

617 visualizações

Publicada em

Pronto! Foi pedido há bastante tempo e resolvemos fazer um primeiro passo... não é uma ficha técnica, mas uma apresentação.

Aproveitamos de uma apresentação feita no Impact Hub de Genebra, na Suiça, que mostrava o uso de canvas para representar as grandes facetas de uma organização e um detahamento do canvas de criação ou revisão do modelo de negócio, sua parte mais lógica e permanente.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
617
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • 18:15
  • 18:16
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • 18:45
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • 18:50
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • 19:05
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • Version au présent pour le diagnostic d’un modèle existant
  • 18:12
  • Conceber diferentemente modelos de negócio sociais

    1. 1. Conceber diferentemente modelos de negócio sociais Lausanne, 23 de outubro 2014 Claude Michaud
    2. 2. Tal uma pedra preciosa, a organização pode ser vista sob vários ángulos Responsabilidade societal Questões centrais Princípios de ação Valores Relações Governança Missão Visão Estratégia Modelo de negócios
    3. 3. A missão: construida pelo “modelo de negócio” • O modelo de negócio da organização é sua missão acrecentada de outros elementos tais como: – O contexto – Os recursos – A comunicação – Os fornecedores – As finanças – Os parceiros – Etc… • E a lógica da organização, o seu “motor”
    4. 4. Os valores: o “combustível” da organização • Se o modelo de negócio é o “motor”... • Então a paixão, a emoção, as crenças e os valores compartilhados são o “combustível” • São os valores e os princípios de ação que formam juntos o eixo de coerência do conjunto Valores
    5. 5. A visão: inseparável da missão • Missão e visão são duas facetas inseparáveis da organização • A visão é um futuro longe que ela imagina em estreita relação com os seus sonhos et o seu “saber-ser” • A estratégia é o interface entre a missão, o modelo de negócios e a visão Valores
    6. 6. A estratégia: o caminho a seguir e percorrer • A estratégia fixa objetivos a longo, médio e curto prazo, para levar a organização sobre a ponte que liga o seu presente à sua visão do futuro. «Não existe vento favorável para aquele que não sabe onde va» Sénèque
    7. 7. A organização é un ser vivo • A organização está em relação com um grande número de atores e partes interessadas. • Elas podem ser internas, externas ou próximas de suas fronteiras com o contexto. Valeurs … Valores • Estes partes interessadas influenciam as decisões da organização, diretamente ou indiretamente e com mais ou menos força. • Se fala então de relações de governança.
    8. 8. Para completar o conjunto: a RSE • A responsabilidade societal das empresas é essencialmente uma questão de postura e atitude por parte das organizações. • A RSE requer, por parte da organização, que ela tome consciência do seu impacto global sobre o seu meio ambiente social e natural, bem como da influência recebida em volta. Valores Valores Valores
    9. 9. Como usar o canvas? Uma tempestade cerebral estruturada!
    10. 10. Por favor, me desenha um modelo de negócio... (O pequeno Príncipe)
    11. 11. …com un canvas
    12. 12. Contexto: o campo de jogo 1 • A zona geográfica • As restrições temporais • O contexto político ou legal • O contexto social • O contexto technológico • As restrições ambientais Onde?
    13. 13. A missão é construida com o canvas do modelo de negócio Peter Drucker O enunciado da missão de uma organização deve ser curto, claro e preciso o suficiente para caber na frente de um t-shirt
    14. 14. Problemas e oportunidades: o desafio 2 • As necessidades reais e relevantes • Os problemas, suas causas • As oportunidades inexploradas • Os grandes objetivos do modelo (impacto) Porquê?
    15. 15. Usuários, clientes: o público alvo 3 • Os beneficiários diretos • Os simples usuários • Aqueles que pagam (clientes) • Os beneficiários indiretos • Seções indiretas da sociedade Para cada usuário, beneficiário ou cliente deve existir pelo menos uma necessidade! Quem?
    16. 16. Serviços: a proposição de valor 4 • Os serviços imateriais • Os bens materiais • Os serviços de informação • Os primários e os secundários • Gerados sob pedido ou em fluxo permanente O que? Os serviços devem satisfazer as necessidades!
    17. 17. Uma única missão ou várias?
    18. 18. Alianças e parcerias: sozinho se chega mais rápido, mas juntos... 5 Onde? • Os parceiros • Os aliados • Os prescritores (relés) • Os formadores de opinião • Os financiadores • Os fornecedores ... Com quem?
    19. 19. Sem esquecer-se do mercado... e da concorrência! 5b • O que é o tamanho do "sector"? • Quais são suas características • Quais são os seus principais fatores de sucesso? • Quem são os nossos concorrentes? • Perante os clientes? • Perante os beneficiários? • Perante os tomadores de decisão? • Perante os orgãos de financiamento? … Onde? Com quem?
    20. 20. Fazer, produzir…: pessoas, matéria, energia... 6 • Os recursos humanos e suas competências • As matérias-primas, os materiais de consumo • Os processos de produção • Aa atividades de apoio e administrativas • Os equipamentos, as ferramentas, o software • As instalações, a infra-estrutura • Os recursos financeiros ... Com o que?
    21. 21. ...e o modelo econômico! Processos Atividades Recursos chave Entradas e saídas financeiras Os valores
    22. 22. Canais: comunicação e distribuição 7 • A comunicação para os clientes • A distribuição dos serviços e bens • As relações com os usuãrios • O serviço pós-distribuição • … Por que?
    23. 23. Indicadores: para medir o sucesso 8 • As fontes de informação • A medida dos resultados obtidos • A interpretação dos resultados • A avaliação do impacto produzido • … Verificável?
    24. 24. Resumo Onde? Por que? Com quem? Porquê? Verificável? Quem? Os valores Com o que? O que? Em qual contexto a organização (ou o projeto) está imersa? A quais necessidades, problemas ou oportunidades a organização vai responder? Quem são os usuários, clientes ou beneficiários da organização que tém estas necessidades? Como as prestações da organização serão comunicadas e distribuidas? Com quais prestações, produtos ou serviços a organização vai responder às necessidades? Quais atores podem ser parceiros, aliados ou prescritores da organização? Como verificar se a organização responde adequadamente às necessidades? Com quais pessoas e recursos a organização pode produzir as prestações?
    25. 25. Recomendação: usem os canvas para favorecer a inteligência coletiva
    26. 26. Obrigado pela sua atenção Claude Michaud www.socialbusinessmodels.ch

    ×