Sabrina Machado
DEFINIÇÃO
• Indicadores Balanceados de Desempenho
• Robert Kaplan e David Norton
• Harvard Business Review
• 1992
• A PRIN...
POR QUE BSC?
• Gestão Empresarial
• Ferramentas não conseguiam abranger a
empresa como um todo
• Geravam desperdício de te...
METODOLOGIA
• 6 etapas
• Presença dos Líderes
ETAPA 1 – Sensibilização das pessoas
• Processo de mudança
• Organização co...
ETAPA 3 – Avaliação dos processos internos
• Críticos
• Alinhados com as metas
• Adaptação
ETAPA 4 – Definição de indica...
CARACTERÍSTICAS
Aprendizagem e Crescimento
Processos Internos
Pessoas (clientes)
Financeira
POR QUE APLICAR O BSC
• Vantagem proporcionada pelos seus indicadores de
desempenho
• Ajuda a apontar o diferencial compet...
BENEFÍCIOS
• Pessoas
• Produtividade individual e da equipe
• Conflitos interpessoais
• Motivação interna
• Atividades
• P...
ESTUDO DE CASO
• AT&T Canada
• Cenário em 1995:
• Dificuldades financeiras
• Funcionários desmotivados
• Alta propensão à ...
ESTUDO DE CASO
• Mobil Oil’ U.S.
• Cenário em 1993:
• Altamente centralizada
• Focada para a produção e resultado final
• ...
Vídeo:TheExplainer
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Balanced Scorecard

316 visualizações

Publicada em

Breve resumo da Metodologia Balanced Scorecard.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
316
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Balanced Scorecard

  1. 1. Sabrina Machado
  2. 2. DEFINIÇÃO • Indicadores Balanceados de Desempenho • Robert Kaplan e David Norton • Harvard Business Review • 1992 • A PRINCÍPIO: sistema de medição do desempenho empresarial • HOJE: Modelo de Gestão de Estratégia • Sistema de visão e crescimento • Desenvolvimento de um conjunto de indicadores • Baseado na estratégia da companhia
  3. 3. POR QUE BSC? • Gestão Empresarial • Ferramentas não conseguiam abranger a empresa como um todo • Geravam desperdício de tempo • Não forneciam avaliações objetivas • Estender a visão • Indicadores objetivos e subjetivos • Avaliações quanto à estrutura e cada uma de suas frações
  4. 4. METODOLOGIA • 6 etapas • Presença dos Líderes ETAPA 1 – Sensibilização das pessoas • Processo de mudança • Organização como um todo • O que será feito e qual comportamento adotar ETAPA 2 – Definição de metas • Planejamento estratégico • Onde quer chegar, cenário competitivo, pontos fracos e fortes • Caminho a seguir, processos e pessoas, entre outras
  5. 5. ETAPA 3 – Avaliação dos processos internos • Críticos • Alinhados com as metas • Adaptação ETAPA 4 – Definição de indicadores de desempenho • Identificar e quantificar pontos subjetivos • Nova filosofia de trabalho ETAPA 5 – Implementação • Agir, colocar a estratégia em ação ETAPA 6 – Controle/Acompanhamento • Se está funcionando, se as metas estão sendo atingidas atingidas • Quatro perspectivas do BSC
  6. 6. CARACTERÍSTICAS Aprendizagem e Crescimento Processos Internos Pessoas (clientes) Financeira
  7. 7. POR QUE APLICAR O BSC • Vantagem proporcionada pelos seus indicadores de desempenho • Ajuda a apontar o diferencial competitivo • Fornece meios e modos para aproveitar das oportunidades do ambiente • Obter feedback para aprofundar o conhecimento da estratégia e aperfeiçoá-la • Possibilita o alinhamento dos objetivos pessoais, departamentais e da organização como um todo • Permite que se tenha uma visão do futuro
  8. 8. BENEFÍCIOS • Pessoas • Produtividade individual e da equipe • Conflitos interpessoais • Motivação interna • Atividades • Pontos fortes e fracos • Controle de gestão • Desfocar na movimentação financeira • Cultura em medir resultados
  9. 9. ESTUDO DE CASO • AT&T Canada • Cenário em 1995: • Dificuldades financeiras • Funcionários desmotivados • Alta propensão à demissão • Conflitos com sindicatos • Cenário 3 anos após a implantação do BSC: • Prejuízos eliminados • Mudança na visão dos executivos • Funcionários cientes de seus papeis e influência
  10. 10. ESTUDO DE CASO • Mobil Oil’ U.S. • Cenário em 1993: • Altamente centralizada • Focada para a produção e resultado final • Cenário em 1995 após a implantação do BSC: • Empresa descentralizada • Foco no consumidor e nas relações
  11. 11. Vídeo:TheExplainer

×