SlideShare uma empresa Scribd logo
OS PROPÓSITOS DA
PROVIDÊNCIA NO
SOFRIMENTO DO CRENTE
I PEDRO 1.3-9
INTRODUÇÃO
• Há propósito para todas as coisas debaixo do sol.
Para que seus planos sejam cumpridos
devidamente, Deus põe sentido em todas as coisas
que faz. Não há acaso, mesmo no sofrimento dos
homens.
• A providência divina tem santos propósitos em
tudo o que faz.
• Nesta lição estudaremos os propósitos da
providência divina no sofrimento dos Cristãos.
I- LEVAR O CRENTE DE VOLTA AO
CAMINHO CORRETO
• Alguns sofrimentos vêm sobre os cristãos para acordá-los
de seus maus caminhos.
• Quando alguém é levado ao caminho correto, o
instrumento de Deus frequentemente não é um abraço
carinhoso, mas a vara da disciplina, que causa dor, mas
ainda assim é produto do seu santo amor.
• Portanto, se você está sendo objeto do amor disciplinador
de Deus, por causa de sua vida de pecado, agradeça-lhe
porque você é filho amado.
II-DESENVOLVER UMA CAPACIDADE DE
COMPAIXÃO PELOS OUTROS 2 Co 1.4,5
• A – DEUS NOS CAPACITA PARA CONFORTAR OS QUE
SOFREM – O sofrimento é uma excelente escola, na
qual os servos de Deus se formam e se tornam
preparados para fazer aquilo que o próprio Senhor
fez conosco.
• B –DEUS ENVIA CRISTO PARA QUE NOSSA
CONSOLAÇÃO TRANSBORDE POR MEIO DELE – Paulo
também aprendeu a glorificar o merecedor de todas
as graças que recebemos de Deus.
III-CONFIRMAR O VALOR DA FÉ 1 Pe
1.6,7
• A- O SOFRIMENTO É COMPARADO A AÇÃO DO FOGO
• B- A CONFIRMAÇÃO DA FÉ VEM PELO SOFRIMENTO
• C- A CONFIRMAÇÃO DA FÉ VEM POR UMA GAMA DE
SOFRIMENTOS
• D- O SOFRIMENTO PARA CONFIRMAÇÃO DA FÉ NÃO
É LONGO
IV-APERFEIÇOAR O CARÁTER DO
CRISTÃO Rm 5.3,4
•A – AFLIÇÕES PRODUZEM
PERSEVERANÇA
•B- A PERSEVERANÇA PRODUZ
EXPERIÊNCIA
•C- A EXPERIÊNCIA PRODUZ
ESPERANÇA
V-MANIFESTAR A GRAÇA DIVINA Fl
1.29,30
• É preciso destacar esse propósito, que não se
relaciona ao pecado do crente, mas, ao contrário, é
privilégio decorrente da graça de Deus.
• É uma identificação com Cristo que o crente deveria
desejar, não pelo sofrimento em si, que
continuaremos aborrecendo, mas pelo elevado valor
que isso possui.
VI-AJUDÁ-LOS A CRESCER NO
CONHECIMENTO DE DEUS Jó 42.5
• CONCLUSÃO
• “Esta é a vantagem primordial das aflições, ou seja, enquanto nos
tornam conscientes de nossa miséria, nos estimulam novamente
para suplicarmos o favor divino (Calvino).”
• APLICAÇÃO
• Todos os sofrimentos pelos quais você passa são um indício de que
Deus está trabalhando na sua vida. Nunca murmure por causa das
aflições. Lembre-se de que Deus tem propósito em tudo o que Ele
faz em sua vida e aprenda a ver nisso tudo a sua grande e
maravilhosa graça!
Os propósitos da providência no sofrimento do crente

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 1 - As bem-aventuranças
Lição 1 - As bem-aventurançasLição 1 - As bem-aventuranças
Lição 1 - As bem-aventuranças
Erberson Pinheiro
 
O pecado que rouba você de deus
O   pecado que   rouba você de deusO   pecado que   rouba você de deus
O pecado que rouba você de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Bem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monteBem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monte
Maxuel Alves
 
O que é tentação
O que é tentaçãoO que é tentação
O que é tentação
Wanderley da Silva
 
Na mente ou no coração
Na mente ou no coraçãoNa mente ou no coração
Na mente ou no coração
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Sermão do Monte
Sermão do Monte Sermão do Monte
Sermão do Monte
Ponte de Luz ASEC
 
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
Natalino das Neves Neves
 
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
Ramon S da Costa
 
A felicidade segundo jesus os que choram slides
A felicidade segundo jesus   os que choram slidesA felicidade segundo jesus   os que choram slides
A felicidade segundo jesus os que choram slides
danielricardodacosta
 
Sermão do monte
Sermão do monteSermão do monte
Sermão do monte
Miriam Ribeiro
 
Efriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retornoEfriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retorno
MINISTERIO IPCA.
 
Pregação - Satisfação em Deus
Pregação - Satisfação em DeusPregação - Satisfação em Deus
Pregação - Satisfação em Deus
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
Do esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à quedaDo esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à queda
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de DeusCombate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
Michel Plattiny
 
Palestra 27 bem aventurados
Palestra 27 bem aventuradosPalestra 27 bem aventurados
Palestra 27 bem aventurados
Jose Ferreira Almeida Almeida
 
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósitoA Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
Paulo Dias Nogueira
 
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejasaula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
antonio vieira
 
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensõesLição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
Ailton da Silva
 
Apresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventurançasApresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventuranças
vineta
 
Recrutamento para o Exército do Deus Vivo
Recrutamento para o Exército do Deus VivoRecrutamento para o Exército do Deus Vivo
Recrutamento para o Exército do Deus Vivo
Cirino F Refosco
 

Mais procurados (20)

Lição 1 - As bem-aventuranças
Lição 1 - As bem-aventurançasLição 1 - As bem-aventuranças
Lição 1 - As bem-aventuranças
 
O pecado que rouba você de deus
O   pecado que   rouba você de deusO   pecado que   rouba você de deus
O pecado que rouba você de deus
 
Bem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monteBem aventurança sermão do monte
Bem aventurança sermão do monte
 
O que é tentação
O que é tentaçãoO que é tentação
O que é tentação
 
Na mente ou no coração
Na mente ou no coraçãoNa mente ou no coração
Na mente ou no coração
 
Sermão do Monte
Sermão do Monte Sermão do Monte
Sermão do Monte
 
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
2014 3 TRI LIÇÃO 10 - O PERIGO DA BUSCA PELA AUTOREALIZAÇÃO HUMANA
 
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
Jesus: a tentação ( Jesus and the desert temptation)
 
A felicidade segundo jesus os que choram slides
A felicidade segundo jesus   os que choram slidesA felicidade segundo jesus   os que choram slides
A felicidade segundo jesus os que choram slides
 
Sermão do monte
Sermão do monteSermão do monte
Sermão do monte
 
Efriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retornoEfriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retorno
 
Pregação - Satisfação em Deus
Pregação - Satisfação em DeusPregação - Satisfação em Deus
Pregação - Satisfação em Deus
 
Do esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à quedaDo esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à queda
 
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de DeusCombate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
Combate Espiritual,Armadura de Deus - Espada do Espírito, a palavra de Deus
 
Palestra 27 bem aventurados
Palestra 27 bem aventuradosPalestra 27 bem aventurados
Palestra 27 bem aventurados
 
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósitoA Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
A Palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito
 
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejasaula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
aula 10 mansidão torna o crente apto para evitar pelejas
 
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensõesLição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
Lição 6 - Paciênca: evitando as dissensões
 
Apresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventurançasApresentação das bem aventuranças
Apresentação das bem aventuranças
 
Recrutamento para o Exército do Deus Vivo
Recrutamento para o Exército do Deus VivoRecrutamento para o Exército do Deus Vivo
Recrutamento para o Exército do Deus Vivo
 

Destaque

Providência - Eliã Oliveira
Providência - Eliã OliveiraProvidência - Eliã Oliveira
Providência - Eliã Oliveira
Rafael Franco
 
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
Pr. Andre Luiz
 
Doutrina da igreja
Doutrina da igrejaDoutrina da igreja
Doutrina da igreja
ugleybson
 
Drug discovery
Drug discoveryDrug discovery
Drug discovery
Britto Samuel
 
Dercho penal peruano
Dercho penal peruanoDercho penal peruano
Dercho penal peruano
lmvr1994
 
My last vacations
My last vacations My last vacations
My last vacations
mogollonbrenda324
 
Trabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin PalaciosTrabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin Palacios
Kevin Palacios
 
Galaxy group Present Galaxy Vega housing
Galaxy group Present Galaxy Vega housingGalaxy group Present Galaxy Vega housing
Galaxy group Present Galaxy Vega housing
galaxygroup11
 
RE Market Cycle Research
RE Market Cycle ResearchRE Market Cycle Research
RE Market Cycle Research
Rob Moriarty
 
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CV
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CVAli Mohamed Ali -Dec 2015 CV
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CV
Ali Mohamed Ali
 

Destaque (10)

Providência - Eliã Oliveira
Providência - Eliã OliveiraProvidência - Eliã Oliveira
Providência - Eliã Oliveira
 
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
O Socorro de Deus Para Livrar o Seu Povo - Lição 11 - 4ºTrimestre 2016
 
Doutrina da igreja
Doutrina da igrejaDoutrina da igreja
Doutrina da igreja
 
Drug discovery
Drug discoveryDrug discovery
Drug discovery
 
Dercho penal peruano
Dercho penal peruanoDercho penal peruano
Dercho penal peruano
 
My last vacations
My last vacations My last vacations
My last vacations
 
Trabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin PalaciosTrabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin Palacios
 
Galaxy group Present Galaxy Vega housing
Galaxy group Present Galaxy Vega housingGalaxy group Present Galaxy Vega housing
Galaxy group Present Galaxy Vega housing
 
RE Market Cycle Research
RE Market Cycle ResearchRE Market Cycle Research
RE Market Cycle Research
 
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CV
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CVAli Mohamed Ali -Dec 2015 CV
Ali Mohamed Ali -Dec 2015 CV
 

Semelhante a Os propósitos da providência no sofrimento do crente

Lição 04 - A justificação pela fé.pptx
Lição 04 - A justificação pela fé.pptxLição 04 - A justificação pela fé.pptx
Lição 04 - A justificação pela fé.pptx
Joel Silva
 
Romanos 12
Romanos   12Romanos   12
Romanos 12
Joel Silva
 
Lição 6 - Bênçaos da justificação
Lição 6 - Bênçaos da justificaçãoLição 6 - Bênçaos da justificação
Lição 6 - Bênçaos da justificação
Natalino das Neves Neves
 
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptxebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
KARINEVONEYVIEIRABAR
 
As aflições do santo
As aflições do santoAs aflições do santo
As aflições do santo
Silvio Dutra
 
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
Joel Silva
 
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos JovensVivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
Francelia Carvalho Oliveira
 
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7 13122...
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7   13122...O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7   13122...
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7 13122...
Jorge Teixeira
 
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem CristãoEstudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Escola do Caráter
 
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Joel Silva
 
Propósito da provação.
Propósito da provação.Propósito da provação.
Propósito da provação.
Quenia Damata
 
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
AndrewGuimares1
 
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGRO aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
Gerson G. Ramos
 
Jormi - Jornal Missionário n° 84
Jormi -  Jornal Missionário n° 84Jormi -  Jornal Missionário n° 84
Jormi - Jornal Missionário n° 84
Almir Rodrigues
 
Para que confessar-se
Para que confessar-sePara que confessar-se
Para que confessar-se
Maria José Gonçalves
 
Tiago lição 02
Tiago lição 02Tiago lição 02
Tiago lição 02
SANDRO AMORA
 
Pregação-Vida na dependência de deus
Pregação-Vida na dependência de deusPregação-Vida na dependência de deus
Pregação-Vida na dependência de deus
Gustavo Pereira dos Santos
 
Lição 4 - Os benefícios da justificação
Lição 4 - Os benefícios da justificaçãoLição 4 - Os benefícios da justificação
Lição 4 - Os benefícios da justificação
Erberson Pinheiro
 
Lição 4 - os benefícios da justificação
Lição 4 - os benefícios da justificaçãoLição 4 - os benefícios da justificação
Lição 4 - os benefícios da justificação
Ailton da Silva
 
Pastora welma confadesp_2012
Pastora welma confadesp_2012Pastora welma confadesp_2012
Pastora welma confadesp_2012
cynthiapalmas
 

Semelhante a Os propósitos da providência no sofrimento do crente (20)

Lição 04 - A justificação pela fé.pptx
Lição 04 - A justificação pela fé.pptxLição 04 - A justificação pela fé.pptx
Lição 04 - A justificação pela fé.pptx
 
Romanos 12
Romanos   12Romanos   12
Romanos 12
 
Lição 6 - Bênçaos da justificação
Lição 6 - Bênçaos da justificaçãoLição 6 - Bênçaos da justificação
Lição 6 - Bênçaos da justificação
 
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptxebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
ebd-2o-trimestre-licao-9-2018-adulto.pptx
 
As aflições do santo
As aflições do santoAs aflições do santo
As aflições do santo
 
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
 
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos JovensVivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
Vivendo uma vida santa - A Igreja do Arrebatamento - Lições Bíblicas dos Jovens
 
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7 13122...
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7   13122...O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7   13122...
O esforço diligente para o desenvolvimento espiritual - 2 Pedro 1.5-7 13122...
 
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem CristãoEstudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
Estudo Sobre Caráter - O Caráter e o Perfil do Homem Cristão
 
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016Ebd   lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
Ebd lições séries 04 - 2ºtrimestre 2016
 
Propósito da provação.
Propósito da provação.Propósito da provação.
Propósito da provação.
 
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
10 Características da Igreja que Agrada a Deus continua.pptx
 
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGRO aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
O aperfeiçoamento da fé_242014_GGR
 
Jormi - Jornal Missionário n° 84
Jormi -  Jornal Missionário n° 84Jormi -  Jornal Missionário n° 84
Jormi - Jornal Missionário n° 84
 
Para que confessar-se
Para que confessar-sePara que confessar-se
Para que confessar-se
 
Tiago lição 02
Tiago lição 02Tiago lição 02
Tiago lição 02
 
Pregação-Vida na dependência de deus
Pregação-Vida na dependência de deusPregação-Vida na dependência de deus
Pregação-Vida na dependência de deus
 
Lição 4 - Os benefícios da justificação
Lição 4 - Os benefícios da justificaçãoLição 4 - Os benefícios da justificação
Lição 4 - Os benefícios da justificação
 
Lição 4 - os benefícios da justificação
Lição 4 - os benefícios da justificaçãoLição 4 - os benefícios da justificação
Lição 4 - os benefícios da justificação
 
Pastora welma confadesp_2012
Pastora welma confadesp_2012Pastora welma confadesp_2012
Pastora welma confadesp_2012
 

Mais de Eli Vieira

A mensagem da seca
A mensagem da secaA mensagem da seca
A mensagem da seca
Eli Vieira
 
Catecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminsterCatecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminster
Eli Vieira
 
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Eli Vieira
 
Credo dos apóstolos
Credo dos apóstolosCredo dos apóstolos
Credo dos apóstolos
Eli Vieira
 
O chamado à cidade
O chamado à cidadeO chamado à cidade
O chamado à cidade
Eli Vieira
 
Igreja centrada
Igreja  centradaIgreja  centrada
Igreja centrada
Eli Vieira
 
Leonard ravenhil
Leonard ravenhilLeonard ravenhil
Leonard ravenhil
Eli Vieira
 
Estudos na confissão de fé de westminster
Estudos na confissão de fé de westminsterEstudos na confissão de fé de westminster
Estudos na confissão de fé de westminster
Eli Vieira
 
A diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na famíliaA diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na família
Eli Vieira
 
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃOAS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
Eli Vieira
 
OS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUSOS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUS
Eli Vieira
 
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMOESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
Eli Vieira
 
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTOAPOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
Eli Vieira
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
Eli Vieira
 

Mais de Eli Vieira (14)

A mensagem da seca
A mensagem da secaA mensagem da seca
A mensagem da seca
 
Catecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminsterCatecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminster
 
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
 
Credo dos apóstolos
Credo dos apóstolosCredo dos apóstolos
Credo dos apóstolos
 
O chamado à cidade
O chamado à cidadeO chamado à cidade
O chamado à cidade
 
Igreja centrada
Igreja  centradaIgreja  centrada
Igreja centrada
 
Leonard ravenhil
Leonard ravenhilLeonard ravenhil
Leonard ravenhil
 
Estudos na confissão de fé de westminster
Estudos na confissão de fé de westminsterEstudos na confissão de fé de westminster
Estudos na confissão de fé de westminster
 
A diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na famíliaA diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na família
 
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃOAS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
 
OS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUSOS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUS
 
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMOESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
 
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTOAPOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
 

Último

Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 

Último (16)

Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 

Os propósitos da providência no sofrimento do crente

  • 1. OS PROPÓSITOS DA PROVIDÊNCIA NO SOFRIMENTO DO CRENTE I PEDRO 1.3-9
  • 2. INTRODUÇÃO • Há propósito para todas as coisas debaixo do sol. Para que seus planos sejam cumpridos devidamente, Deus põe sentido em todas as coisas que faz. Não há acaso, mesmo no sofrimento dos homens. • A providência divina tem santos propósitos em tudo o que faz. • Nesta lição estudaremos os propósitos da providência divina no sofrimento dos Cristãos.
  • 3. I- LEVAR O CRENTE DE VOLTA AO CAMINHO CORRETO • Alguns sofrimentos vêm sobre os cristãos para acordá-los de seus maus caminhos. • Quando alguém é levado ao caminho correto, o instrumento de Deus frequentemente não é um abraço carinhoso, mas a vara da disciplina, que causa dor, mas ainda assim é produto do seu santo amor. • Portanto, se você está sendo objeto do amor disciplinador de Deus, por causa de sua vida de pecado, agradeça-lhe porque você é filho amado.
  • 4. II-DESENVOLVER UMA CAPACIDADE DE COMPAIXÃO PELOS OUTROS 2 Co 1.4,5 • A – DEUS NOS CAPACITA PARA CONFORTAR OS QUE SOFREM – O sofrimento é uma excelente escola, na qual os servos de Deus se formam e se tornam preparados para fazer aquilo que o próprio Senhor fez conosco. • B –DEUS ENVIA CRISTO PARA QUE NOSSA CONSOLAÇÃO TRANSBORDE POR MEIO DELE – Paulo também aprendeu a glorificar o merecedor de todas as graças que recebemos de Deus.
  • 5. III-CONFIRMAR O VALOR DA FÉ 1 Pe 1.6,7 • A- O SOFRIMENTO É COMPARADO A AÇÃO DO FOGO • B- A CONFIRMAÇÃO DA FÉ VEM PELO SOFRIMENTO • C- A CONFIRMAÇÃO DA FÉ VEM POR UMA GAMA DE SOFRIMENTOS • D- O SOFRIMENTO PARA CONFIRMAÇÃO DA FÉ NÃO É LONGO
  • 6. IV-APERFEIÇOAR O CARÁTER DO CRISTÃO Rm 5.3,4 •A – AFLIÇÕES PRODUZEM PERSEVERANÇA •B- A PERSEVERANÇA PRODUZ EXPERIÊNCIA •C- A EXPERIÊNCIA PRODUZ ESPERANÇA
  • 7. V-MANIFESTAR A GRAÇA DIVINA Fl 1.29,30 • É preciso destacar esse propósito, que não se relaciona ao pecado do crente, mas, ao contrário, é privilégio decorrente da graça de Deus. • É uma identificação com Cristo que o crente deveria desejar, não pelo sofrimento em si, que continuaremos aborrecendo, mas pelo elevado valor que isso possui.
  • 8. VI-AJUDÁ-LOS A CRESCER NO CONHECIMENTO DE DEUS Jó 42.5 • CONCLUSÃO • “Esta é a vantagem primordial das aflições, ou seja, enquanto nos tornam conscientes de nossa miséria, nos estimulam novamente para suplicarmos o favor divino (Calvino).” • APLICAÇÃO • Todos os sofrimentos pelos quais você passa são um indício de que Deus está trabalhando na sua vida. Nunca murmure por causa das aflições. Lembre-se de que Deus tem propósito em tudo o que Ele faz em sua vida e aprenda a ver nisso tudo a sua grande e maravilhosa graça!