Aula 3ª recreação dimensão conceitual da recreação

733 visualizações

Publicada em

Recreação - 1 semestre - av1

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
733
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 3ª recreação dimensão conceitual da recreação

  1. 1. TEÓRIA E PRÁTICA DATEÓRIA E PRÁTICA DA RECREAÇÃO E LAZERRECREAÇÃO E LAZER Professora Patrícia Cavalcanti
  2. 2. RECREAÇÃO • DIMENSÃO CONCEITUAL  Analisar as transformações que vem passando a sociedade em relação aos hábitos de vida e relacioná-las com as necessidades atuais das práticas de atividades recreativas.  Avaliar as necessidades de mudanças no planejamento das atividades recreativas a serem desenvolvidas.  Compreender a amplitude das questões relativas a recreação e seu significado para o ser humano.
  3. 3. RECREAÇÃO • RECREAÇÃO E SEU SIGNIFICADO  Vem do latim ‘RECREARE’  Significa “criar novamente” no sentido positivo, ascendente e dinâmico (Ferreira 2003)  Significa satisfação e alegria naquilo que faz (Ferreira 2003)  SCHMIT apud FRIETZEN define a recreação como sendo o relaxamento do organismo e da mente.
  4. 4. RECREAÇÃO  É diversão, renovação, recuperação. É uma atividade livremente escolhida, exercida nas horas de lazer ativa ou passiva, individualmente ou em grupo.  Retrata uma atividade que é livre e espontânea e na qual o interesse se mantém por si só, sem nenhuma coação interna ou externa de forma obrigatória ou opressora, afora e prazer.
  5. 5. DEFINIÇÃO São atividades físicas ou mentais, às quais o indivíduo é levado pelo interesse em satisfazer necessidades físicas, intelectuais, morais, emocionais e sociais, cujo resultado é o prazer.
  6. 6. HISTÓRICO • Teve sua origem na pré-história, quando o homem primitivo se divertia festejando o início da temporada de caça, ou a habitação de uma nova caverna, já que as atividades se caracterizavam por festas de adoração, celebrações fúnebres, invocação de deuses, o vencimento de um obstáculo, com alegria, caracterizando assim um dos principais intuitos da recreação moderna.
  7. 7. HISTÓRICO • O movimento da recreação sistematizada iniciou-se na Alemanha em 1774 com a criação do Philantropinum por J. B. Basedow, professor das escolas nobres da Dinamarca. Lá as atividades intelectuais ficavam lado a lado às atividades físicas, como equitação, lutas, corridas e esgrima. • Froebel contribuiu criando os Jardins de Infância onde as crianças brincavam na terra. Nos EUA (Estados Unidos da América) o movimento iniciou-se em Boston, em 1885 com a criação de jardins de areia para as crianças se recrearem.
  8. 8. HISTÓRICO • Com o tempo, o espaço tornou-se pequeno visto que os irmãos mais velhos vinham também se recrearem nos jardins, criavam-se então os Playgrounds em prédios escolares, chamados também de pátios de recreio. • No Brasil, a criação de praças públicas iniciou-se em 1927, no Rio Grande do Sul com o professor Frederico Guilherme Gaelzer.
  9. 9. HISTÓRICO • Em 1972, foi criado o "Projeto RECOM" (Recreação - Educação -Comunicação), pelo prefeito Telmo Thompson Flores, com o Secretário Municipal de Educação e Cultura Prof.º Frederico Lamacchia Filho, juntamente com o professor Gaelzer. • Porto Alegre foi a pioneira desse tipo de projeto, realizou atividades recreativas e físicas promovendo o aproveitamento sadio das horas de lazer e a integração do homem com sua comunidade.
  10. 10. OBJETIVOS “Criar condições ótimas para o desenvolvimento integral das pessoas, promovendo a sua participação individual e coletivas em ações que melhorem a qualidade de vida a preservação da natureza e afirmação dos valores essências da humanidade.” (GRACIANO e SILVA, 2009) “Educar, pois a recreação permite criar e satisfazer o espírito estético do ser humano ricas possibilidades culturais, permite escapar do desagradável, utilizando excesso de energia ou diminuindo tensão emocional.” (GOUVEIA, 1963)
  11. 11. OBJETIVOS • FISÍCOS - Coordenação, Velocidade, Resistência, Força • INTELECTUAIS - Criatividade, Raciocínio, Observação, Atenção • SOCIAIS - Cooperação, Integração, Espírito de grupo, Relacionamento • EMOCIONAIS - Motivação, Equilíbrio, Afetividade, Satisfação • MORAIS - Honestidade, Disciplina, Respeito, Lealdade
  12. 12. REFLEXÃO “Nem todo passatempo é recreação, nem toda diversão é uma atividade recreativa” (Ferreira 2003)

×