D. Dinis

3.512 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.512
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
47
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

D. Dinis

  1. 1. D. Dinis <br />Trabalho realizado por:❤ Ana Grilo ❤<br />❤ Este trabalho baseia-se na Biografia de D. Dinis. ❤<br />
  2. 2. Índice<br />❤ D. Dinis [biografia]<br /> ❤ Cognomes<br />❤ Para aumentar o comércio…<br /> ❤ E para inovar Portugal…<br />❤ Dona Isabel de Aragão<br />❤ Fonte de Informação<br />
  3. 3. D. Dinis 1261-1325<br />D. Dinis nasceu em Santarém, filho de D. Afonso III e de D. Beatriz de Castela, em 1282 casou comIsabel de Aragão, mais conhecida por “Rainha Santa”, devido ao Milagre das Rosas.<br />D. Dinis subiu ao trono 3 anos antes de se casar. Este, tentou revitalizar a vida económica do reino, procurou reorganizar a administração interna, elaborando todo um conjunto de leis baseadas na realidade política, económica e social do país, combinadas sempre com uma forte actuação humana. <br />
  4. 4. Cognomes<br />D. Dinis foi o único rei com 2 cognomes, <br />“ O Poeta”, era um grande admirador das letras e da cultura, também viveu a maior parte da vida rodeado de “homens de letras” e Poetas que o influenciaram. <br />“ O Lavrador”, desenvolveu a agricultura, dando terras para cultivar a quem não as tinha (mas apenas se as trabalhassem) e por transformar zonas de pântanos em terras próprias para a agricultura, também mandou plantar o famoso pinhal de Leiria. Aliás, a verdade é que apenas substituiu os pinheiros mansos que já existiam por pinheiros bravos, de melhor crescimento e raízes mais fortes, assim preveniu a erosão.<br />
  5. 5. Para aumentar o comércio…<br />Para aumentar o comércio, D. Dinis promoveu as feiras francas, onde os comerciantes não pagavam determinados impostos. Por exemplo, não pagavam portagens, que já na altura eram caras, também ajudou a incentivar o comércio com outros países e protegeu a exportação para a Europa de produtos agrícolas, peixe e sal (que tinham muito), em troca de tecidos,as ordens religiosas militares passaram a depender do rei, e foram substituídas pela Ordem de Cristo, que depois seria muito importante nos Descobrimentos. <br />Na cultura também foi um dos reis que se distinguiu mais. Além de ser poeta, protegia os nossos escritores e fazia com que se guardassem todos os seus escritos no Estudo Geral de Lisboa.<br />
  6. 6. E para inovar Portugal…<br />D. Dinis era um rei muito inovador, embora muitos não concordaram com muitas das suas inovações, dando origem a guerras com o irmão, o rei de Castela, e mesmo com o seu filho mais velho. Para inovar Portugal D. Dinis criou a primeira universidade de Coimbra que foi durante muitos anos a única em Portugal! Foi a partir do seu reinado que todos os documentos passaram a ser escritos em português, pois eram todos escritos em latim.<br />
  7. 7. Fonte de informação<br />❤ <br />Manual de História e Geografia de Portugal<br />❤ http://www.junior.te.pt/servlets/Bairro?P=Portugal&ID=57<br />

×