SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
OPERDÃO EM SAMZ
O ser pecador é uma realidade que não nega
o perdão de Deus. É bom compreender que a
graça de Deus é infinita e incomensurável.
Entender e aceitar o nossoser pecador perdoado
é uma graça divina, um presente. De fato no
caminho espiritual é indispensável sentir que nós
somos perdoados, isto é,
reconhecerhumildemente que “sou pecador”,
uma condição que impededarescusas ou
justificativas para se achar justo (atitude
farisaica).
Certamente, o pecado faz fracassar e destrói o plano de Deus. Às vezes,
conscientemente, colabora-se como mal. Porisso, de alguma
forma,definitivamente, devemos sentir o desejo da conversão diante de
tanto amor por parte Deus. Diante do perdão divino somos chamados a
emendarnossa vida, para que o crescimento espiritual esteja garantido.
Vejamos nos Escritos (Cartas, Sermões e Constituições) de Santo
Antônio Maria Zaccaria algumas referências a respeito do PERDÃO.
O Santo Reformador assim se expressa: “Para serem mais facilmente
ouvidos, peçam perdão por intermédio do Sangue de Cristo e pela
intercessão de todos os santos, lembrando, ainda o amor que Ele tem por
todo o gênero humano” (31005).Este trechoapresenta um Deus que
contempla constantemente a vida humana,oferecendo a sua misericórdia
sem limites. De fato, a vinda de Jesus (Filho do Pai) é a maior revelação de
amor pela humanidade. Porque de condição pecadora, o ser humano pode
cair no erro, mas isso não é o fim do mundo porque Deus lhe dá coração e
inteligência para crescer desdeoperdão.
SAMZ cita ao profeta Miquéias que apresenta
um programa de fé autentica: o sacrifício só tem
valor si é integrado numa vida totalmente
consagrada a Deus.“Ó homem, já foi explicado o
que Javé exige de você: praticar o direito, amar a
misericórdia, caminhar humildemente com seu
Deus (Mq 6:8)”(10211). Lembremos que, na pregação profética, a
verdadeira fé se resume na prática do direito e da justiça.
Pedir perdão a Deus e ao irmão atinge o passado, o presente e o futuro
da pessoa.Com essa prática cotidiana foge-se do narcisismo e de falsas
justificativas. É necessário mirar para o futuro e não ficar chorando pelo
passado (culpabilidade).
Santo Antônio pede a seus filhos trabalhar com honestidade e reta
intenção. Note-se que na vida espiritual o propósito de melhorar o
comportamento e a mentalidade deve ser radical,“Ensine-lhes que a
simples recitação dos pecados não lhes dá o perdão dos mesmos, mas que é
preciso, também, a vontade de não os cometer, junto com a intenção de
corrigir-se na medida da possibilidade”(31220). Um profundo exame de
consciência é o caminho que mexe com a vontade e a intenção de crescer
grau por de grau.
Para concluir. Em todo ato de reconciliação o
centro é Deus, enquanto nosso olhar está fixo no
seu perdão.Acreditamos que as feridas da vida
serão sanadas porque Deus não quer o
sofrimento de seus filhos. Ocombate contra o
pecado que desumaniza, certamente, é um gesto
de amadurecimento espiritual. Assim o Médico
das almas exigirá:“Ensine-lhes, ainda que se
confessem com pudor, envergonhando-se diante
de Deus e dentro de si mesmos, sem se
preocuparem com os sinais externos. Por isso,
avise-lhes que, desejando obter o perdão de tudo
evitem esconder alguns pecados por vergonha, sugerindo-lhes que quem
mostrar suas feridas mortais ao médico, escondendo uma só, por causa
daquela chaga apenas, morrerá” (31223).
Obter o perdão, para SAMZ,resulta em estar saudável espiritualmente,
alémde viver a experiência de Deus de modo gratificante elibertador, não
ameçador, porque Deus sempre vem para buscar o que estava perdido.
(Alguns passos para a leitura orante da Sagrada
Escritura.Poderão ser aproveitados, também, os textos bíblicos que
fazem referência ao perdão).
LEITURA ORANTE
“Saibam, meusirmãos, que a meditaçãoé a comida, é o alimento dos que
querem progredir. Por isso, se vocês não se nutrirem dela, certamente
sentirão faltar-lhes as forças.” (SAMZ).
LEITURA: O que fala o texto em si? Ler o texto como se fosse a primeira
vez. Quem fala? Para quem? Onde? Quando? Para quê? Qual imagem de
Deus aparece nos textos?
MEDITAÇÃO: Repetir alguma frase que chamou minha atenção ou que
me tocou profundamente. Com que personagens me identifico mais? O que
Jesus tem a me dizer hoje com este texto? Em que me encontro?
ORACÃO: O que o texto me leva a dizer a Deus? Responder, dirigir-lhe a
palavra, interceder, agradecer, pedir, na alegria, na tristeza?
COMTEMPLAÇÃO: Mergulhar, no silêncio, no mistério que o Senhor
me revela a partir do texto. Deixar que seja transfigurado por ele.
1. Oseias 2, 16.21 (Deus restaura a união) - Como estou vivendo
minha vida? Como estou vivendo com minha família e minha
comunidade? Como é minha relação com Deus? Quais são os
problemas mais fortes que tenho?
2. Romanos 8, 31-39 (Hino ao amor de Deus) - Que momentos
importantes da minha vida lembro? Creio que, então, me aconteceu
algo bom? Sinto que Deus sempre está presente?
3. Isaias 43, 1-7 (Não tenhas medo) - Me pergunto: tenho medo de
quais situações ou pessoas, etc.? Estou confiando em Deus nos
momentos difíceis? Agradeço pela sua presença?
4. João 8, 1-11 (A mulher adúltera) - Sinto o perdão de Deus na
minha vida? Sou capaz de perdoar aos outros?
5. João 4, 1-45 (O encontro da Samaritana com Jesus) - Peço a Deus
que tenha a mesma experiência da Samaritana. Leio o texto
lentamente e medito as palavras.
6. Mateus 9, 9-13 (Jesus chama Mateus) - Sou capaz de seguir Jesus
como Mateus? Deixo Jesus entrar no meu coração? Experimento a
misericórdia de Deus?
7. Repetir (o texto que mais gostei durante a semana) - Avaliar a
minha vida. Agradecer a Deus pelos dons. Pedir a graça que mais
preciso. Fazer um compromisso com Jesus.
OBS.: É IMPORTANTE ANOTAR NO CADERNO OS FRUTOS DA LEITURA ORANTE.
BIBLIOGRAFIA
- BÍBLIA, tradução ecuménica, TEB. São Paulo, 1994.
- ESCRITOS de Santo Antônio Maria Zaccaria, Belo Horizonte, 2010.
- INSTRUCCIÓN SOBRE EL EXAMEN DE CONCIENCIA, Adolfo
Chércoles, 2012.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarA decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarLuiz Santos
 
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - JesusA Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - JesusAntonino Silva
 
155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grandezanzasilva
 
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicosTiago de Souza
 
Ebook as-bem-aventuranças
Ebook as-bem-aventurançasEbook as-bem-aventuranças
Ebook as-bem-aventurançasLuiza Dayana
 
A obra do espírito santo charles haddon spurgeon
A obra do espírito santo   charles haddon spurgeonA obra do espírito santo   charles haddon spurgeon
A obra do espírito santo charles haddon spurgeonDeusdete Soares
 
O valor da prece
O valor da preceO valor da prece
O valor da preceDalila Melo
 
Necessito quem o devolvas
Necessito quem o devolvasNecessito quem o devolvas
Necessito quem o devolvasAmadeu Wolff
 
Apostila 03 - prece (2)
Apostila   03 - prece (2)Apostila   03 - prece (2)
Apostila 03 - prece (2)Alice Lirio
 
A oração, nossa força
A oração, nossa forçaA oração, nossa força
A oração, nossa forçaCE BV
 
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicosTiago de Souza
 

Mais procurados (19)

A decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomarA decisão mais importante que você deve tomar
A decisão mais importante que você deve tomar
 
Palestra Prece
Palestra PrecePalestra Prece
Palestra Prece
 
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - JesusA Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
A Prece - Pai Nosso - Evangelização Espírita Infantil - Jesus
 
155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande155856 eu e_minha_boca_grande
155856 eu e_minha_boca_grande
 
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos
[Desintoxicação da Alma] Relacionamentos tóxicos
 
OS FREIOS DA ALMA
OS FREIOS DA ALMAOS FREIOS DA ALMA
OS FREIOS DA ALMA
 
Necessitoquemodevolvas
NecessitoquemodevolvasNecessitoquemodevolvas
Necessitoquemodevolvas
 
A Prece
A PreceA Prece
A Prece
 
Ebook as-bem-aventuranças
Ebook as-bem-aventurançasEbook as-bem-aventuranças
Ebook as-bem-aventuranças
 
Buscai e achareis 1 a 5
Buscai e achareis 1 a  5Buscai e achareis 1 a  5
Buscai e achareis 1 a 5
 
A obra do espírito santo charles haddon spurgeon
A obra do espírito santo   charles haddon spurgeonA obra do espírito santo   charles haddon spurgeon
A obra do espírito santo charles haddon spurgeon
 
O valor da prece
O valor da preceO valor da prece
O valor da prece
 
Necessito quem o devolvas
Necessito quem o devolvasNecessito quem o devolvas
Necessito quem o devolvas
 
Apostila 03 - prece (2)
Apostila   03 - prece (2)Apostila   03 - prece (2)
Apostila 03 - prece (2)
 
O poder da Prece
O poder da PreceO poder da Prece
O poder da Prece
 
Pedi e Obtereis 2016
Pedi e Obtereis 2016Pedi e Obtereis 2016
Pedi e Obtereis 2016
 
A oração, nossa força
A oração, nossa forçaA oração, nossa força
A oração, nossa força
 
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos
[Desintoxicando a Alma] Pensamentos toxicos
 
Arautos da verdade
Arautos da verdadeArautos da verdade
Arautos da verdade
 

Destaque

O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)Cristobal Avalos Rojas
 
Tabla tetradas lunas sangre
Tabla tetradas lunas sangreTabla tetradas lunas sangre
Tabla tetradas lunas sangreYeshiva Torah
 
Jl2 escatologia - parte1
Jl2 escatologia  - parte1Jl2 escatologia  - parte1
Jl2 escatologia - parte1Yeshiva Torah
 
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)Cristobal Avalos Rojas
 
P&r que pasara con las naciones?
P&r  que pasara con las naciones?P&r  que pasara con las naciones?
P&r que pasara con las naciones?Yeshiva Torah
 
Hebreo bíblico i alefato 2011
Hebreo bíblico i   alefato 2011Hebreo bíblico i   alefato 2011
Hebreo bíblico i alefato 2011David Asmat
 
Los sabios y entendidos
Los sabios y entendidosLos sabios y entendidos
Los sabios y entendidosYeshiva Torah
 
Hebreo basico
Hebreo basicoHebreo basico
Hebreo basicoElohim Li
 
Ivrit lekulam hebreo para todos
Ivrit lekulam   hebreo para todosIvrit lekulam   hebreo para todos
Ivrit lekulam hebreo para todosYeshiva Torah
 
Tablas de vocabulario_hebreo
Tablas de vocabulario_hebreoTablas de vocabulario_hebreo
Tablas de vocabulario_hebreoLUISA BLANES
 
Curso de hebreo escrito
Curso de hebreo escritoCurso de hebreo escrito
Curso de hebreo escritoKorban Mind
 
Sidur birkat israel primera parte
Sidur birkat israel primera parteSidur birkat israel primera parte
Sidur birkat israel primera parteCarlos Cuti
 
Sidur birkat israel segunda parte
Sidur birkat israel segunda parteSidur birkat israel segunda parte
Sidur birkat israel segunda parteCarlos Cuti
 
Sidur bircat shelomo libro de rezos
Sidur bircat shelomo   libro de rezosSidur bircat shelomo   libro de rezos
Sidur bircat shelomo libro de rezosJavier Tafur
 

Destaque (20)

O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
 
Tabla tetradas lunas sangre
Tabla tetradas lunas sangreTabla tetradas lunas sangre
Tabla tetradas lunas sangre
 
Jl2 escatologia - parte1
Jl2 escatologia  - parte1Jl2 escatologia  - parte1
Jl2 escatologia - parte1
 
The greek-new-testament-sbl-edition
The greek-new-testament-sbl-editionThe greek-new-testament-sbl-edition
The greek-new-testament-sbl-edition
 
Plantilla libro-14x21 (1)
Plantilla libro-14x21 (1)Plantilla libro-14x21 (1)
Plantilla libro-14x21 (1)
 
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
 
P&r que pasara con las naciones?
P&r  que pasara con las naciones?P&r  que pasara con las naciones?
P&r que pasara con las naciones?
 
Hebreo bíblico i alefato 2011
Hebreo bíblico i   alefato 2011Hebreo bíblico i   alefato 2011
Hebreo bíblico i alefato 2011
 
Los sabios y entendidos
Los sabios y entendidosLos sabios y entendidos
Los sabios y entendidos
 
Introduccion Al Hebreo
Introduccion Al HebreoIntroduccion Al Hebreo
Introduccion Al Hebreo
 
Hebreo basico
Hebreo basicoHebreo basico
Hebreo basico
 
Ivrit lekulam hebreo para todos
Ivrit lekulam   hebreo para todosIvrit lekulam   hebreo para todos
Ivrit lekulam hebreo para todos
 
Tablas de vocabulario_hebreo
Tablas de vocabulario_hebreoTablas de vocabulario_hebreo
Tablas de vocabulario_hebreo
 
El idioma del cielo
El idioma del cieloEl idioma del cielo
El idioma del cielo
 
Curso de hebreo escrito
Curso de hebreo escritoCurso de hebreo escrito
Curso de hebreo escrito
 
Sidur birkat israel primera parte
Sidur birkat israel primera parteSidur birkat israel primera parte
Sidur birkat israel primera parte
 
Sidur Diario
Sidur DiarioSidur Diario
Sidur Diario
 
El alma y la muerte
El alma y la muerteEl alma y la muerte
El alma y la muerte
 
Sidur birkat israel segunda parte
Sidur birkat israel segunda parteSidur birkat israel segunda parte
Sidur birkat israel segunda parte
 
Sidur bircat shelomo libro de rezos
Sidur bircat shelomo   libro de rezosSidur bircat shelomo   libro de rezos
Sidur bircat shelomo libro de rezos
 

Semelhante a Perdão e crescimento

Semelhante a Perdão e crescimento (20)

Os ensinos de cristo 2
Os ensinos de cristo 2Os ensinos de cristo 2
Os ensinos de cristo 2
 
A oração ns escrts de samz
A oração ns escrts de samzA oração ns escrts de samz
A oração ns escrts de samz
 
A oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samzA oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samz
 
Praticando os cinco tipos de oração
Praticando os cinco tipos de oraçãoPraticando os cinco tipos de oração
Praticando os cinco tipos de oração
 
4 grau de oração capitulo 17 a 22
4 grau de oração   capitulo 17 a 224 grau de oração   capitulo 17 a 22
4 grau de oração capitulo 17 a 22
 
O Poder da Oração - Autores diversos
O Poder da Oração - Autores diversosO Poder da Oração - Autores diversos
O Poder da Oração - Autores diversos
 
Auxílio da Bíblia no Combate à Depressão
Auxílio da Bíblia no Combate à DepressãoAuxílio da Bíblia no Combate à Depressão
Auxílio da Bíblia no Combate à Depressão
 
Voz da Paróquia - Julho 2012
Voz da Paróquia - Julho 2012Voz da Paróquia - Julho 2012
Voz da Paróquia - Julho 2012
 
Amigos de deus(00001)
Amigos de deus(00001)Amigos de deus(00001)
Amigos de deus(00001)
 
Vida cheia do esirito santo.pub
Vida cheia do esirito santo.pubVida cheia do esirito santo.pub
Vida cheia do esirito santo.pub
 
A oração de confissão 1
A oração de confissão 1A oração de confissão 1
A oração de confissão 1
 
Amigos de deus
Amigos de deusAmigos de deus
Amigos de deus
 
3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf3-Crescimento Espiritual.pdf
3-Crescimento Espiritual.pdf
 
Grandesoracoes pg
Grandesoracoes pgGrandesoracoes pg
Grandesoracoes pg
 
4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais
 
O poder da oração
O poder da oraçãoO poder da oração
O poder da oração
 
A oração para um mundo melhor
A oração para um mundo melhorA oração para um mundo melhor
A oração para um mundo melhor
 
ORAR PELO BRASIL
ORAR PELO BRASIL ORAR PELO BRASIL
ORAR PELO BRASIL
 
Daniel
DanielDaniel
Daniel
 
Oração
OraçãoOração
Oração
 

Mais de Cristobal Avalos Rojas

Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Cristobal Avalos Rojas
 
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)Cristobal Avalos Rojas
 
Esame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaEsame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaCristobal Avalos Rojas
 
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v   esquema e desarrolloCapitulo iii, iv, v   esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrolloCristobal Avalos Rojas
 
A vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaA vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaCristobal Avalos Rojas
 
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-book
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-bookHebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-book
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-bookCristobal Avalos Rojas
 
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumesCristobal Avalos Rojas
 
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-materialCristobal Avalos Rojas
 

Mais de Cristobal Avalos Rojas (19)

Qualidades do reformador dos costumes
Qualidades do reformador dos costumesQualidades do reformador dos costumes
Qualidades do reformador dos costumes
 
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
 
Vida e exemplo de paulo
Vida e exemplo de pauloVida e exemplo de paulo
Vida e exemplo de paulo
 
Sobre o caso da prepotencia
Sobre o caso da prepotenciaSobre o caso da prepotencia
Sobre o caso da prepotencia
 
Samz revisão
Samz revisãoSamz revisão
Samz revisão
 
Plantilla libro-17x24
Plantilla libro-17x24Plantilla libro-17x24
Plantilla libro-17x24
 
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
 
Nume rsermões
Nume rsermõesNume rsermões
Nume rsermões
 
Nume rconstituições
Nume rconstituiçõesNume rconstituições
Nume rconstituições
 
Normas para artigos
Normas para artigosNormas para artigos
Normas para artigos
 
Esame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaEsame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbia
 
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v   esquema e desarrolloCapitulo iii, iv, v   esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
 
A vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaA vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccariana
 
273037063 palestra
273037063 palestra273037063 palestra
273037063 palestra
 
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-book
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-bookHebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-book
Hebreo interlinear 2a edicao_12_06_2011_e-book
 
Bibliografia do pib
Bibliografia do pibBibliografia do pib
Bibliografia do pib
 
A oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samzA oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samz
 
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes
273508047 qualidades-do-reformador-dos-costumes
 
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material
160151244 lambdin-hebrew-answer-key-beginning-material
 

Último

O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 

Último (20)

O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 

Perdão e crescimento

  • 1. OPERDÃO EM SAMZ O ser pecador é uma realidade que não nega o perdão de Deus. É bom compreender que a graça de Deus é infinita e incomensurável. Entender e aceitar o nossoser pecador perdoado é uma graça divina, um presente. De fato no caminho espiritual é indispensável sentir que nós somos perdoados, isto é, reconhecerhumildemente que “sou pecador”, uma condição que impededarescusas ou justificativas para se achar justo (atitude farisaica). Certamente, o pecado faz fracassar e destrói o plano de Deus. Às vezes, conscientemente, colabora-se como mal. Porisso, de alguma forma,definitivamente, devemos sentir o desejo da conversão diante de tanto amor por parte Deus. Diante do perdão divino somos chamados a emendarnossa vida, para que o crescimento espiritual esteja garantido. Vejamos nos Escritos (Cartas, Sermões e Constituições) de Santo Antônio Maria Zaccaria algumas referências a respeito do PERDÃO. O Santo Reformador assim se expressa: “Para serem mais facilmente ouvidos, peçam perdão por intermédio do Sangue de Cristo e pela intercessão de todos os santos, lembrando, ainda o amor que Ele tem por todo o gênero humano” (31005).Este trechoapresenta um Deus que contempla constantemente a vida humana,oferecendo a sua misericórdia sem limites. De fato, a vinda de Jesus (Filho do Pai) é a maior revelação de amor pela humanidade. Porque de condição pecadora, o ser humano pode cair no erro, mas isso não é o fim do mundo porque Deus lhe dá coração e inteligência para crescer desdeoperdão. SAMZ cita ao profeta Miquéias que apresenta um programa de fé autentica: o sacrifício só tem valor si é integrado numa vida totalmente consagrada a Deus.“Ó homem, já foi explicado o que Javé exige de você: praticar o direito, amar a misericórdia, caminhar humildemente com seu
  • 2. Deus (Mq 6:8)”(10211). Lembremos que, na pregação profética, a verdadeira fé se resume na prática do direito e da justiça. Pedir perdão a Deus e ao irmão atinge o passado, o presente e o futuro da pessoa.Com essa prática cotidiana foge-se do narcisismo e de falsas justificativas. É necessário mirar para o futuro e não ficar chorando pelo passado (culpabilidade). Santo Antônio pede a seus filhos trabalhar com honestidade e reta intenção. Note-se que na vida espiritual o propósito de melhorar o comportamento e a mentalidade deve ser radical,“Ensine-lhes que a simples recitação dos pecados não lhes dá o perdão dos mesmos, mas que é preciso, também, a vontade de não os cometer, junto com a intenção de corrigir-se na medida da possibilidade”(31220). Um profundo exame de consciência é o caminho que mexe com a vontade e a intenção de crescer grau por de grau. Para concluir. Em todo ato de reconciliação o centro é Deus, enquanto nosso olhar está fixo no seu perdão.Acreditamos que as feridas da vida serão sanadas porque Deus não quer o sofrimento de seus filhos. Ocombate contra o pecado que desumaniza, certamente, é um gesto de amadurecimento espiritual. Assim o Médico das almas exigirá:“Ensine-lhes, ainda que se confessem com pudor, envergonhando-se diante de Deus e dentro de si mesmos, sem se preocuparem com os sinais externos. Por isso, avise-lhes que, desejando obter o perdão de tudo evitem esconder alguns pecados por vergonha, sugerindo-lhes que quem mostrar suas feridas mortais ao médico, escondendo uma só, por causa daquela chaga apenas, morrerá” (31223). Obter o perdão, para SAMZ,resulta em estar saudável espiritualmente, alémde viver a experiência de Deus de modo gratificante elibertador, não ameçador, porque Deus sempre vem para buscar o que estava perdido. (Alguns passos para a leitura orante da Sagrada Escritura.Poderão ser aproveitados, também, os textos bíblicos que fazem referência ao perdão).
  • 3. LEITURA ORANTE “Saibam, meusirmãos, que a meditaçãoé a comida, é o alimento dos que querem progredir. Por isso, se vocês não se nutrirem dela, certamente sentirão faltar-lhes as forças.” (SAMZ). LEITURA: O que fala o texto em si? Ler o texto como se fosse a primeira vez. Quem fala? Para quem? Onde? Quando? Para quê? Qual imagem de Deus aparece nos textos? MEDITAÇÃO: Repetir alguma frase que chamou minha atenção ou que me tocou profundamente. Com que personagens me identifico mais? O que Jesus tem a me dizer hoje com este texto? Em que me encontro? ORACÃO: O que o texto me leva a dizer a Deus? Responder, dirigir-lhe a palavra, interceder, agradecer, pedir, na alegria, na tristeza? COMTEMPLAÇÃO: Mergulhar, no silêncio, no mistério que o Senhor me revela a partir do texto. Deixar que seja transfigurado por ele. 1. Oseias 2, 16.21 (Deus restaura a união) - Como estou vivendo minha vida? Como estou vivendo com minha família e minha comunidade? Como é minha relação com Deus? Quais são os problemas mais fortes que tenho? 2. Romanos 8, 31-39 (Hino ao amor de Deus) - Que momentos importantes da minha vida lembro? Creio que, então, me aconteceu algo bom? Sinto que Deus sempre está presente? 3. Isaias 43, 1-7 (Não tenhas medo) - Me pergunto: tenho medo de quais situações ou pessoas, etc.? Estou confiando em Deus nos momentos difíceis? Agradeço pela sua presença? 4. João 8, 1-11 (A mulher adúltera) - Sinto o perdão de Deus na minha vida? Sou capaz de perdoar aos outros? 5. João 4, 1-45 (O encontro da Samaritana com Jesus) - Peço a Deus que tenha a mesma experiência da Samaritana. Leio o texto lentamente e medito as palavras. 6. Mateus 9, 9-13 (Jesus chama Mateus) - Sou capaz de seguir Jesus como Mateus? Deixo Jesus entrar no meu coração? Experimento a misericórdia de Deus? 7. Repetir (o texto que mais gostei durante a semana) - Avaliar a minha vida. Agradecer a Deus pelos dons. Pedir a graça que mais preciso. Fazer um compromisso com Jesus.
  • 4. OBS.: É IMPORTANTE ANOTAR NO CADERNO OS FRUTOS DA LEITURA ORANTE. BIBLIOGRAFIA - BÍBLIA, tradução ecuménica, TEB. São Paulo, 1994. - ESCRITOS de Santo Antônio Maria Zaccaria, Belo Horizonte, 2010. - INSTRUCCIÓN SOBRE EL EXAMEN DE CONCIENCIA, Adolfo Chércoles, 2012.