SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
“QUALIDADES DO
REFORMADOR
DOS COSTUMES
E OS SEUS
COLABORADORES
”
JUVENTUDE
ZACCARIANA DE
BRASILIA
PRIMEIRO
+ DISCRIÇÃO, você
saiba escolher a
oportunidade, o
lugar, o tempo e as
outras coisas que
são exigidas quando
se quer reformar
- nem por demais
precipitado, nem
demorado
SEGUNDO
+ É preciso que você tenha
um coração grande e
ânimo generoso
+ Abra, então, o seu
coração o mais que você
puder, nem tenha medo
+ Sabedoria
- ânimo fraco
- demônios invisíveis,
hipocrisias
- Ajudados por tais
autoridades, os tíbios
levantam batalhas cruéis
contra os fervorosos.
TERCEIRO
+ ser perseverante no
seu empreendimento
+ siga a sua viagem com
constância, que você
chegará ao fim
- desistir, estar vencido,
cansaço
- Os corações volúveis
desagradam muito a Deus,
porque foram gerados e
nasceram da infidelidade
QUARTO
+ É preciso que você
tenha uma
humildade muito
profunda
+ O verdadeiro
humilde é afável,
agradável a todos
+ O humilde é cheio
de compaixão e de
tolerância em relação
aos defeitos alheios
- insultos,
humilhações, desprezo
QUINTO
+ É preciso que você
ame muito a
Meditação e a
Oração
+ Luz, discernimento
+ Pessoa forte diante
de Deus
- cegueira, negligencia
SEXTO
+ seja pessoa de
grande e reta
intenção
+ trabalhar apenas para
a honra de Deus: seja
boa para a utilidade do
próximo; seja
consistente e firme
+ Deus dispõe de meios
- não viver como irmãos
- trabalhar em vão
SÉTIMO
+ avançar em coisas
mais perfeitas
+ procure aumentar
sempre aquilo que
você começou
- leis punitivas
- não progredir é
falhar
- tibieza
OITAVO
+ confie sempre na ajuda divina
e conheça (31822)
+ tendo avaliado muitas vezes
(31823)
+ contar com boa ajuda, os
fervorosos e discretos,
inteligentes, de boa bondade
(31825)
+ perfeição, louvor honra de Jesus
Cristo
- insulto, contrariedade, combate,
batalha,
- os tíbios com quem você mora
julgarão ser uma vergonha,
- não chamar pessoas com pouca
bondade
- tibieza, murmuração
Reformadores e seus colaboradores

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Verdadeiro Ensinamento 30abr2011
Verdadeiro Ensinamento  30abr2011Verdadeiro Ensinamento  30abr2011
Verdadeiro Ensinamento 30abr2011
 
Humildade
HumildadeHumildade
Humildade
 
Orgulho
OrgulhoOrgulho
Orgulho
 
Indulgencia - Apresentação
Indulgencia - ApresentaçãoIndulgencia - Apresentação
Indulgencia - Apresentação
 
Evangeliza - O dever
Evangeliza - O deverEvangeliza - O dever
Evangeliza - O dever
 
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadeCapítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
 
Conduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da CaridadeConduta Espírita na Prática da Caridade
Conduta Espírita na Prática da Caridade
 
Palestra beneficência
Palestra beneficênciaPalestra beneficência
Palestra beneficência
 
Palestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bemPalestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bem
 
Infortunios ocultos palestra
Infortunios ocultos palestraInfortunios ocultos palestra
Infortunios ocultos palestra
 
Palestra ESE13 que a mão esquerda...
Palestra ESE13 que a mão esquerda... Palestra ESE13 que a mão esquerda...
Palestra ESE13 que a mão esquerda...
 
Saibamos pensar
Saibamos pensarSaibamos pensar
Saibamos pensar
 
Desenvolver a caridade
Desenvolver a caridadeDesenvolver a caridade
Desenvolver a caridade
 
Proverbios 24
Proverbios 24Proverbios 24
Proverbios 24
 
Fora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvaçãoFora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvação
 
Prece de Caritas
Prece de CaritasPrece de Caritas
Prece de Caritas
 
ESE – estudo compaixão
ESE – estudo compaixãoESE – estudo compaixão
ESE – estudo compaixão
 
Caridade
Caridade  Caridade
Caridade
 
Livro dos Espiritos Questões 766 768 - lei de sociedade + Evangelho Segundo o...
Livro dos Espiritos Questões 766 768 - lei de sociedade + Evangelho Segundo o...Livro dos Espiritos Questões 766 768 - lei de sociedade + Evangelho Segundo o...
Livro dos Espiritos Questões 766 768 - lei de sociedade + Evangelho Segundo o...
 
Reflexões oportunas!
Reflexões oportunas!Reflexões oportunas!
Reflexões oportunas!
 

Semelhante a Reformadores e seus colaboradores

Semelhante a Reformadores e seus colaboradores (7)

O homem de bem
O homem de bemO homem de bem
O homem de bem
 
MistéRios Ocultos Aos Doutos E Aos Prudentes
MistéRios Ocultos Aos Doutos E Aos PrudentesMistéRios Ocultos Aos Doutos E Aos Prudentes
MistéRios Ocultos Aos Doutos E Aos Prudentes
 
3.12 - Perfeição Moral.pptx
3.12 - Perfeição Moral.pptx3.12 - Perfeição Moral.pptx
3.12 - Perfeição Moral.pptx
 
273037063 palestra
273037063 palestra273037063 palestra
273037063 palestra
 
Estudos do evangelho 6
Estudos do evangelho 6Estudos do evangelho 6
Estudos do evangelho 6
 
A Vida Intelectual
A Vida IntelectualA Vida Intelectual
A Vida Intelectual
 
A Vida Intelectual
A Vida IntelectualA Vida Intelectual
A Vida Intelectual
 

Mais de Cristobal Avalos Rojas

O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)Cristobal Avalos Rojas
 
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)Cristobal Avalos Rojas
 
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Cristobal Avalos Rojas
 
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)Cristobal Avalos Rojas
 
Esame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaEsame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaCristobal Avalos Rojas
 
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v   esquema e desarrolloCapitulo iii, iv, v   esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrolloCristobal Avalos Rojas
 
A vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaA vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaCristobal Avalos Rojas
 

Mais de Cristobal Avalos Rojas (20)

The greek-new-testament-sbl-edition
The greek-new-testament-sbl-editionThe greek-new-testament-sbl-edition
The greek-new-testament-sbl-edition
 
Qualidades do reformador dos costumes
Qualidades do reformador dos costumesQualidades do reformador dos costumes
Qualidades do reformador dos costumes
 
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao)
 
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
O reino de deus na pregação de jesus (correcao) (1)
 
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
Manual para a_elaboracao_de_trabalhos_academicos_faal_terceira_edicao_27022015
 
Vida e exemplo de paulo
Vida e exemplo de pauloVida e exemplo de paulo
Vida e exemplo de paulo
 
Sobre o caso da prepotencia
Sobre o caso da prepotenciaSobre o caso da prepotencia
Sobre o caso da prepotencia
 
Samz revisão
Samz revisãoSamz revisão
Samz revisão
 
Plantilla libro-17x24
Plantilla libro-17x24Plantilla libro-17x24
Plantilla libro-17x24
 
Plantilla libro-14x21 (1)
Plantilla libro-14x21 (1)Plantilla libro-14x21 (1)
Plantilla libro-14x21 (1)
 
O perdão em samz (rvsdo)
O perdão em samz (rvsdo)O perdão em samz (rvsdo)
O perdão em samz (rvsdo)
 
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
O espírto prfétco na espritualdde (rvsdo)
 
Nume rsermões
Nume rsermõesNume rsermões
Nume rsermões
 
Nume rconstituições
Nume rconstituiçõesNume rconstituições
Nume rconstituições
 
Normas para artigos
Normas para artigosNormas para artigos
Normas para artigos
 
Esame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbiaEsame della conoscenza generale della bibbia
Esame della conoscenza generale della bibbia
 
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v   esquema e desarrolloCapitulo iii, iv, v   esquema e desarrollo
Capitulo iii, iv, v esquema e desarrollo
 
A vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccarianaA vocação na espiritualidade zaccariana
A vocação na espiritualidade zaccariana
 
A oração ns escrts de samz
A oração ns escrts de samzA oração ns escrts de samz
A oração ns escrts de samz
 
A oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samzA oração nos escritos de samz
A oração nos escritos de samz
 

Último

Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfceajajacu
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceRonisHolanda
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...DominiqueFaria2
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 

Último (20)

Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
A FORMAÇÃO DO SÍMBOLO NA CRIANÇA -- JEAN PIAGET -- 2013 -- 6ced7f10b1a00cd395...
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 

Reformadores e seus colaboradores

  • 1. “QUALIDADES DO REFORMADOR DOS COSTUMES E OS SEUS COLABORADORES ” JUVENTUDE ZACCARIANA DE BRASILIA
  • 2. PRIMEIRO + DISCRIÇÃO, você saiba escolher a oportunidade, o lugar, o tempo e as outras coisas que são exigidas quando se quer reformar - nem por demais precipitado, nem demorado
  • 3. SEGUNDO + É preciso que você tenha um coração grande e ânimo generoso + Abra, então, o seu coração o mais que você puder, nem tenha medo + Sabedoria - ânimo fraco - demônios invisíveis, hipocrisias - Ajudados por tais autoridades, os tíbios levantam batalhas cruéis contra os fervorosos.
  • 4. TERCEIRO + ser perseverante no seu empreendimento + siga a sua viagem com constância, que você chegará ao fim - desistir, estar vencido, cansaço - Os corações volúveis desagradam muito a Deus, porque foram gerados e nasceram da infidelidade
  • 5. QUARTO + É preciso que você tenha uma humildade muito profunda + O verdadeiro humilde é afável, agradável a todos + O humilde é cheio de compaixão e de tolerância em relação aos defeitos alheios - insultos, humilhações, desprezo
  • 6. QUINTO + É preciso que você ame muito a Meditação e a Oração + Luz, discernimento + Pessoa forte diante de Deus - cegueira, negligencia
  • 7. SEXTO + seja pessoa de grande e reta intenção + trabalhar apenas para a honra de Deus: seja boa para a utilidade do próximo; seja consistente e firme + Deus dispõe de meios - não viver como irmãos - trabalhar em vão
  • 8. SÉTIMO + avançar em coisas mais perfeitas + procure aumentar sempre aquilo que você começou - leis punitivas - não progredir é falhar - tibieza
  • 9. OITAVO + confie sempre na ajuda divina e conheça (31822) + tendo avaliado muitas vezes (31823) + contar com boa ajuda, os fervorosos e discretos, inteligentes, de boa bondade (31825) + perfeição, louvor honra de Jesus Cristo - insulto, contrariedade, combate, batalha, - os tíbios com quem você mora julgarão ser uma vergonha, - não chamar pessoas com pouca bondade - tibieza, murmuração