ARTE EGÍPCIA
Professora Vivian Trombini
Só conhecemos profundamente a cultura egípcia em
decorrência da estruturação de sua escrita.
Os egípcios eram norteados pe...
Arte voltada para a morte: túmulos,
estatuetas e vasos deixados junto aos
mortos.
Construções mortuárias.
•Religião;
•Conservação e solidez;
•Perpetuidade;
•Regularidade geométrica;
•Apropriação de elementos da natureza;
•Enigma...
ARQUITETURA - AS PIRÂMIDES
 A porta dianteira
da pirâmide
aponta para a
estrela polar, com
o propósito de
que a influênci...
ARQUITETURA – TEMPLOS
CARNAC E LUXOR
ARQUITETURA - COLUNAS
ARQUITETURA - TÚMULOS
 pirâmide• – túmulo real, destinado ao faraó;
 mastaba• – túmulo para a nobreza e os sacerdotes;
...
lei da frontalidade: tronco e olhos – observador
cabeça e pés - perfil
Não há
preocupação
com a
proporção
inexistência da...
ESCULTURA - USCIBIATIS
Ordem de tamanho: o rei, a mulher do
rei, o sacerdote, os soldados e o povo.
Femininas: ocre
Masculinas: vermelho
Vasos canopos
ESCRITA - PICTÓRICA
 hieróglifos – considerados uma escrita sagrada;
 hierática – uma escrita mais simples, utilizada pe...
EXERCÍCIOEXERCÍCIOS
Sobre a arte no Egito Antigo, assinale o que for correto.
01) No Egito Antigo, praticava-se uma arte b...
04) Muito do que se conhece da arquitetura egípcia pode ser
considerado, desde a sua denominação, de “arquitetura
monument...
A ARTE NO EGITO - AULA 3
A ARTE NO EGITO - AULA 3
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A ARTE NO EGITO - AULA 3

1.326 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.326
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
34
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A ARTE NO EGITO - AULA 3

  1. 1. ARTE EGÍPCIA Professora Vivian Trombini
  2. 2. Só conhecemos profundamente a cultura egípcia em decorrência da estruturação de sua escrita. Os egípcios eram norteados pela religiosidade, pela crença em deuses e por acreditarem na vida após a morte, considerando esta mais importante do que a vida terrena.
  3. 3. Arte voltada para a morte: túmulos, estatuetas e vasos deixados junto aos mortos. Construções mortuárias.
  4. 4. •Religião; •Conservação e solidez; •Perpetuidade; •Regularidade geométrica; •Apropriação de elementos da natureza; •Enigmabilidade e inacessibilidade. CARACTERÍSTICAS DA ARTE EGÍPCIA
  5. 5. ARQUITETURA - AS PIRÂMIDES  A porta dianteira da pirâmide aponta para a estrela polar, com o propósito de que a influência de sua força se concentrasse sobre a múmia.  Pirâmide de Djoser >>
  6. 6. ARQUITETURA – TEMPLOS CARNAC E LUXOR
  7. 7. ARQUITETURA - COLUNAS
  8. 8. ARQUITETURA - TÚMULOS  pirâmide• – túmulo real, destinado ao faraó;  mastaba• – túmulo para a nobreza e os sacerdotes;  hipogeu• – túmulo destinado às pessoas comuns do povo.
  9. 9. lei da frontalidade: tronco e olhos – observador cabeça e pés - perfil Não há preocupação com a proporção inexistência das três dimensões; desconhecimento da profundidade; pintura “chapada”, aplicando-se uma cor de cada vez, sem matizes de claro-escuro, consequentemente sem sinal de volume; PINTURA
  10. 10. ESCULTURA - USCIBIATIS
  11. 11. Ordem de tamanho: o rei, a mulher do rei, o sacerdote, os soldados e o povo. Femininas: ocre Masculinas: vermelho
  12. 12. Vasos canopos
  13. 13. ESCRITA - PICTÓRICA  hieróglifos – considerados uma escrita sagrada;  hierática – uma escrita mais simples, utilizada pela nobreza e pelos sacerdotes;  demótica – uma escrita popular.
  14. 14. EXERCÍCIOEXERCÍCIOS Sobre a arte no Egito Antigo, assinale o que for correto. 01) No Egito Antigo, praticava-se uma arte baseada em convenções. Tal civilização nunca conheceu um período em que a representação pudesse ser considerada realista. A arte do Antigo Egito esteve fundamentalmente a serviço da religião e da realeza. Essa arte obedeceu a cânones precisos ao longo dos seus três mil anos de existência, desvalorizando a inovação por quase 3 mil anos. Uma das convenções mais importantes a seguir era a Lei da frontalidade (a figura humana tinha o tronco representado de frente, enquanto cabeça, pernas, pés e olhos de perfil). Contudo, no período de Amarna, que corresponde às inovações religiosas de Akhenaton, os artistas rompem com as antigas convenções e aproximam-se de uma arte que almeja o realismo. 02) A construção das pirâmides esteve predominante baseada no trabalho escravo. A construção das pirâmides era realizada por trabalhadores fixos, temporários e/ou assalariados.
  15. 15. 04) Muito do que se conhece da arquitetura egípcia pode ser considerado, desde a sua denominação, de “arquitetura monumental”. A arte egípcia preocupou-se em expressar a riqueza e o poder dos governantes, destacando-se a arquitetura monumental, a decoração de templos e túmulos com relevos, pinturas e estátuas, a confecção de vasos de pedra e a ourivesaria. 08) Os egípcios desconheciam o adobe, que foi um material de construção usado com frequência na Mesopotâmia. Os materiais básicos utilizados nas construções pelos egípcios foram o adobe – pequeno bloco semelhante ao tijolo, preparado com argila crua, secada ao sol –, usado nas construções urbanas, e a pedra com que se edificavam tumbas e templos. 16) Um dos principais sistemas construtivos empregados pelos construtores egípcios foi o sistema arquitravado. O sistema de construção dos egípcios era o arquitravado: grandes lajes de pedra, que constituíam a arquitrave, dispunham-se horizontalmente sobre os elementos de sustentação, pilares ou colunas. Em sua forma básica, esses traços arquitetônicos mantiveram-se até a decadência da civilização egípcia.

×