Universidades integradas jacarepaguátrabalho

813 visualizações

Publicada em

TCC final de curso Educação e Turismo 2012

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
813
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Universidades integradas jacarepaguátrabalho

  1. 1. Faculdades Integradas de Jacarepaguá Pós-graduação Educação e Turismo.Trabalho de Conclusão de Curso Utilizando resíduos sólidos ( lâmpadas fluorescentes) como modelo de aprendizagem nos processos educacionais. 1
  2. 2. Novos modelos de aprendizagem• Áreas Envolvidas – Química, Física, Biologia, Pedagogia e Letras.• Resumo do Projeto• Conhecer os resíduos sólidos descartados por nosso Colégio, trabalhando nos processos para um melhor gerenciamento de seu descarte.• Utilizar os resíduos como modelo de aprendizagem através do princípio de reciclagem das lâmpadas fluorescentes.• Fazer a demonstração da separação de misturas com os resíduos gerados por essas lâmpadas no pátio como aula prática.• Discutir a destinação correta desses resíduos propiciando um comportamento dos alunos que leve a pesquisas tecnológicas. 2
  3. 3. Novos modelos de aprendizagem Concepções educacionaisObjetivos*Conhecer os resíduos produzidos pela Escola e trabalhar nosprocessos de reciclagem.*Capacitar o aluno a entender separação de misturas*Entender a toxidade do elemento químico mercúrio nas lâmpadas fluorescentesdescartadas aleatóriamente.*Visualizar a reciclagem de vidros e de metais pesados.*Recuperar o mercúrio presente nas lâmpadas, utilizando mais de98% do mesmo na fabricação de novas lâmpadas.Objetivos FuturosEstender o projeto aos demais colégios do bairro e daRede Estadual de Educação. 3
  4. 4. Novos modelos de aprendizagem• Justificativa do Projeto• É necessário haver a evolução das concepções ambientais em todos os processos de fabricação.• Ensinar a mudar esses processos é dever e responsabilidade dos educadores.• Sendo assim, através da construção do pensamento ambiental, nossos alunos poderão aprender e observar na prática a separação de resíduos sólidos como vidro , metais pesados, pó de fósforo e vapor de mercúrio altamente tóxico para o organismo humano e para o solo. 4
  5. 5. Novos modelos de aprendizagem• Publico Alvo- Alunos do Ensino Médio• Metodologia• Base Teórica - Mecanicista• Nosso projeto se relaciona a técnicas de controle, automatização e inovação tecnológica.• Relação epistemológica – Objeto Sujeito• Teorias Psicológicas –• Reflexiológica comportamental• Práticas Pedagógicas – Tradicional ( início) E O QUE MAIS?• Avaliação – Psicometria - Mensuração- testes - relatórios• Utilizar os conteúdos aprendidos em sala como separação de misturas, metais tóxicos e observar na prática o mecanismo de reciclagem das lâmpadas fluorescentes através do funcionamento da máquina “papa lâmpadas”. 5
  6. 6. Cronograma 2013Pesquisa sobre resíduos sólidos/gerenciamento de descartes da Escola. PatríciaLevantamento da quantidade delâmpadas fluorescentes utilizadas no Fevereiro MariaColégio. ValériaCálculo do orçamento para reciclagem.Estudo dos princípios de sustentabilidade(insumos-varejista-consumidor) Março MoniqueEconomia reversa – Ciclo fechado daeconomia.Relembrar processos de separação demistura e elementos químicos (tabelaperiódica dos elementos)Pesquisar a situação do Brasil nautilização e descarte de lâmpadas Abril PatríciafluorescentesContactar os representantes daempresa Naturalis Brasil – Maio Renato 6
  7. 7. Cronograma• Junho e Julho• Receber a empresa com o aparelho de reciclagem e fazer uma aula prática no pátio do Colégio. 7
  8. 8. Descarte de resíduos na Escola.Etapa 1Conhecer os resíduos sólidos descartados noCEAP JR*PAPEL*LIXO ORGÂNICO*PLÁSTICOS ( Copos descartáveis, garrafas, utensílios dematerial de limpeza )*INSUMOS ( toner, canetas ...)*Metal( das lâmpadas fluorescentes)*Vidro(lâmpada,vasilhames)*Lixo eletrônico( computadores, impressoras...) 8
  9. 9. Planta baixa do terceiro pavimento 9
  10. 10. Novos modelos de aprendizagem• Etapa 1-Levantamento da quantidade de lâmpadas fluorescentes utilizadas nos espaços do colégio. Pátio – 1º andar 2º andar 1º andar Entre corredores Auditório – 13 Sala 7 - 6 Refeitório - 13 2 pontos Turismo - 2 Sala 6 - 6 Banheiro -4 Sala 19 - 6 Banheiro F – 2 Sala dos prof – 3 Sala 18 - 6 Banheiro M – 2 Direção -6 Sala 17 - 6 Corredor - 8 Almoxarifado - 1 Total - 33 Total 30 Total -27 Quantidade total 92? Informações cedidas pelo Sr, Cardoso ( eletricista 10
  11. 11. Novos modelos de aprendizagem• Orçamento• Todas com custo unitário de R$ 0,45• Lâmpadas fluorescentes acima de 1,21 Todas com custo unitário de R$ 0,63• Responsável• Secretaria Estadual de Educação do Rj 11
  12. 12. Novos modelos de aprendizagem• Etapa 2 – Logística reversa• Coleta e armazenamento seguros das lâmpadas descartadas durante todo o ano anterior à execução do projeto.• E preciso armazenar em local seco na própria caixa da embalagem original e respeitar os limites de estocagem indicados nas embalagens• A lâmpada deve ser protegida contra eventuais choques para não haver rupturas.• 12
  13. 13. Filme demonstrativo• Etapa 3• Contactar os representante da empresa Naturalis Brasil, empresa especializada na descontaminação de lâmpadas fluorescentes que disponibiliza a máquina “papa lâmpadas”.• Naturalis Brasil - Idea Cíclica Rio de Janeiro – RJ Rua do Ouvidor, 60 – S/809 CEP: 20040-030 Fone: (21) 2222-0645 E-mail 1: ideaciclica@papa-lampadas.com.br Site: www.ideaciclica.org.br• Operação Papa Lâmpadas in Company". 13
  14. 14. Utilização do papa-lâmpadasProposta de descarte especializadoO vidro e o alumínio, se depositam nofundo do tambor. O pó de fósforo, as micro-partículas devidro e o vapor de mercúrio ficam emsuspensão dentro desse tambor.Cada tambor tem capacidade para umamédia de 850 a 1200 lâmpadas trituradas. 14
  15. 15. Como é feita a reciclagem de lâmpadas fluorescentes . 15
  16. 16. Novos modelos de aprendizagem• Etapa 4-• Participação de alunos e professores no acompanhamento do processo de reciclagem.• Criar novas atitudes de comportamento.• Utilização dos produtos obtidos da separação• O mercúrio pode ser reempregado como matéria-prima para a indústria farmacêutica ou para a produção de termômetros.• O vidro, uma vez triturado, é inteiramente reaproveitado como material para revestimento de pisos cerâmicos ou para indústria vidraceira. 16
  17. 17. Novos modelos de aprendizagem• Sistema de Avaliação• Relatório das observações dos processos de separação• Elaboração de pesquisas com supervisão dos professores envolvidos.• Cálculo de lâmpadas gastas/ Elaboração de orçamento para reciclagem.• Redação sobre mudança de hábitos a partir do conhecimento adquirido.• Resultados Pretendidos• Conscientizar os alunos da importância das novas atitudes sócio-ambientais.• Aproveitar esse novo conhecimento para melhorar a sua qualidade de vida nas experiências diárias 17
  18. 18. Lei dos resíduos sólidos?• Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro• A Lei de Resíduos Sólidos estabelece a eliminação de lixões e disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos até 2014, prioriza os serviços de coleta seletiva, logística reversa e incentiva a criação de cooperativas de catadores de materiais recicláveis, além de dar responsabilidade para empresas e consumidores sobre o manejo dos resíduos e seu ciclo de vida. 14 de março de 2007 18
  19. 19. Novos modelos de aprendizagem• Referências Bibliográficas.• ABILUX. Apresentação da ABILUX. Disponível para download em• http://www.mma.gov.br/conama/pr http://www.naturalisbrasil.com.br/ ocesso.cfm? processo=02000.001522/2001-43 http://www.netresiduos.com/cir/rinds/lampadas.htm Manual Gerenciamento de Resíduos Sólidos Secretaria Especial de Desenvolvimento Urbano da Presidência da República ( SEDU) Raposo, Cláudio (Coord.). Caracterização Química dos Principais Constituintes de Lâmpadas de Mercúrio com vistas ao controle ambiental. Disponível para download em http://www.mma.gov.br/conama/processo.cfm processo=02000.001522/2001-43 19
  20. 20. Novos modelos de aprendizagem• Componentes do Grupo• Monique de Freitas Petrucci Conceição• Patrícia Oliveira• Renato Beltrame• Maria Valéria Oliveira• Ana Azize• Delcilane 20

×