Exercícios - taxonomia

14.620 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
14.620
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
131
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Exercícios - taxonomia

  1. 1. Exercícios Extras - Taxonomia e Sistemática - FernandoQuestão 01 – UFSCARAlguns livros do ensino médio definem uma espécie biológica como um grupo de populações naturais cujosmembros podem cruzar naturalmente uns com os outros e produzir descendentes férteis, mas não podemcruzar com membros de outros grupos semelhantes. Considere as seguintes espécies:Siphonops paulensis: cobra-cega, anfíbio que vive em galerias cavadas na terra;Mycobacterium tuberculosis: bacilo de Koch, causador da tuberculose;Schistosoma mansoni: verme causador da esquistossomose, ou barriga dágua;Canoparmelia texana: líquen comumente encontrado sobre o tronco de algumas árvores em zonasurbanas.a) Dentre as espécies listadas, em duas delas teríamos dificuldades em aplicar a definição de espécie.Quais são elas?b) Para cada uma das espécies que você indicou, apresente as razões que dificultam a aplicação dadefinição biológica de espécie.Questão 02 – UFSCARA relação dos cães com a humanidade teve início há milhares de anos. Considera-se que os cães sãopossivelmente versões modificadas do lobo cinzento. Há cerca de 12.000 anos, os lobos passaram a utilizaros restos da alimentação humana, ao invés de caçar seu próprio alimento. Gradualmente, passaram a viverjunto com os humanos. Ao longo do tempo, mudanças genéticas acompanharam a domesticação do lobo.Hoje, existem diversas raças de cães que podem, potencialmente, intercruzar e produzir descendentesférteis. São, então, pertencentes à mesma espécie biológica, Canis familiaris.a) Com base no texto, caracterize o conceito biológico de espécie.b) O lobo cinzento é um organismo com reprodução sexuada. De que modo esse tipo de reproduçãocontribuiu para as mudanças genéticas que acompanharam a sua domesticação?Questão 03 – UNESPUm estudante de biologia anotou em uma tabela algumas características de quatro espécies vegetais: Espécie Característica 1 2 3 4 Possui vasos condutores de seiva? sim não sim sim Embrião fica retido no gametângio? sim sim sim sim Forma flores e frutos? não não sim não Forma sementes? sim não sim nãoA partir desses dados, pode-se dizer que na árvore filogenética que reconstitui a história evolutiva dessasespécies,a) as espécies 1 e 2 compartilham entre si um maior número de ancestrais comuns que aqueles compartilhados pelas espécies 1 e 3.b) a espécie 4 tem uma origem evolutiva mais recente que a espécie 3.c) a espécie 1 é mais aparentada à espécie 2 que à espécie 3.d) as espécies 1, 2 e 3 formam um grupo natural, ou monofilético.e) as espécies 2, 3 e 4 formam um grupo artificial, ou parafilético.
  2. 2. Questão 04 – FGVO sistema de classificação taxionômica ainda hoje utilizado foi elaborado por Carl von Linné 101 anos antesde Charles Darwin publicar A Origem das Espécies. Para Lineu, a invariabilidade das espécies é acondição da ordem na natureza. Para Darwin, nossas classificações deveriam se tornar, até onde forpossível adequá-las, genealogias. Já no início do atual século, o pesquisador norte-americano Kevin deQueiroz propôs que adotássemos um novo código de classificação, no qual se perderiam as categoriastaxionômicas mais amplas do sistema lineano (praticamente do gênero para cima) e que fosse norteadopelas relações de proximidade evolutiva entre os seres vivos.A partir do texto, pode-se dizer que:a) o sistema lineano de classificação não permite visualizar as relações de ancestralidade e descendência entre os seres vivos.b) mesmo após a publicação do livro de Darwin, o sistema lineano foi mantido por esclarecer acerca das relações evolutivas entre as espécies.c) para Darwin, a classificação taxionômica deveria ser readequada para que refletisse o grau de semelhança morfológica entre as espécies.d) para o pesquisador Kevin de Queiroz, as espécies não têm importância quando da construção de um sistema de classificação taxionômica.e) Lineu antecipou, em 101 anos, os conceitos evolutivos posteriormente postulados por Darwin, conceitosestes atualmente questionados por Kevin de Queiroz.Questão 05 – UFPELCarl von Linné (1707-1778), denominado Lineu, em Português, através de sua obra "Systema Naturae",propôs uma forma de denominar os seres vivos por intermédio do que chamou de "unidade básica declassificação" ou ESPÉCIE. Como exemplo, a ave conhecida popularmente como quero-quero éclassificada, segundo o modelo de Lineu, como Vanellus chilensis.De acordo com esses conceitos, analise as afirmativas a seguir.I. O nome específico de um organismo é sempre composto de duas palavras: a primeira designa o gênero ea segunda, a espécie.II. O nome específico do quero-quero é chilensis e o nome genérico é Vanellus.III. O nome específico do quero-quero é binominal, e Vanellus é seu epíteto específico.IV. O nome específico do quero-quero é binominal, e Chilensis, assim escrito, é seu epíteto específico.V. A espécie Vanellus chilensis inclui o gênero seguido de seu epíteto específico: chilensis.Estão corretas apenas as afirmativasa) II e III.b) IV e V.c) II e IV.d) I e III.e) II e V.
  3. 3. Questão 06 – UFRSConsidere os quatro táxons a seguir relacionados.1. Bufo dorbignyi2. Lystrophis dorbignyi3. Didelphis albiventris4. Didelphis marsupialisEm relação a eles, é correto afirmar quea) todos pertencem à mesma espécie.b) há, entre os quatro táxons, apenas duas espécies diferentes.c) os táxons 1 e 2 são de gêneros diferentes, mas da mesma espécie.d) os táxons 3 e 4 são de espécies diferentes, mas do mesmo gênero.e) os táxons 1 e 2 são da mesma subespécie.Questão 07 – UEPGEm 1735, o botânico sueco Lineu publicou o trabalho Systema naturae, no qual propôs a classificação dosseres vivos em grupos, hoje chamados táxons, que constituem uma hierarquia. As categorias taxonômicaspor ele propostas ainda são mantidas até os dias atuais, com algumas poucas modificações. Sobre seutrabalho e a taxonomia atual assinale o que for correto.01) A sequência correta para as categorias taxonômicas atualmente é: reino – classe – filo – ordem – gênero – família – espécie.02) O critério básico da classificação de Lineu, quando ainda não havia surgido a teoria da evolução biológica, era a semelhança anatômica entre os organismos, pois as espécies eram consideradas tipos padrões e imutáveis, conceito este chamado de fixismo.04) Em vez de serem "tipo" imutáveis, caracterizados apenas pela anatomia, as espécies são hoje classificadas segundo critérios fisiológicos, embriológicos, bioquímicos, genéticos e ecológicos, que podem revelar mais corretamente seus parentescos naturais e evolutivos.08) Atualmente foram acrescentados mais dois táxons às categorias taxonômicas propostas por Lineu: o filo e a família.16) Nesse sistema de classificação havia dois grandes grupos: reino vegetal e reino animal. Dentro de cadareino eram reunidas várias classes; numa classe, várias ordens; numa ordem, vários gêneros e num gênero,várias espécies.Questão 08 – UFRGSA árvore filogenética a seguir, que é baseada em dados moleculares, reúne num mesmo grupo os grandesfelinos. O nó 2 reúne as espécies que rugem; o nó 3, as que não têm essa capacidade.
  4. 4. Com relação a essa árvore filogenética, é correto afirmar quea) a Panthera Leo é mais aparentada com a pantera-nebulosa do que com o tigre.b) os felinos rugidores surgiram depois dos não-rugidores.c) as panteras-nebulosas representam o gênero Panthera, que não tem a capacidade de rugir.d) cada nó representa um evento de especiação por anagênese.e) o leão e o leopardo compartilham mais características entre si do que a onça e o leopardo.Questão 09 – UFRSOs cinco cladogramas das alternativas ilustram relações filogenéticas entre os táxons hipotéticos 1, 2, 3, 4 e5. Quatro desses cladogramas apresentam uma mesma hipótese filogenética. Assinale a alternativa quecontém o cladograma que apresenta hipótese filogenética diferente das demais.Questão 10 – UFRRJA seguir estão representadas três sequências de aminoácidos de proteínas retiradas de diferentes espécies(A, B e C).espécie A:MET - ARG - LEU - LEU - VAL - GLU - HIS - ARG - ALA - ARG - LEU - PHE - PRO - LEUespécie B:MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ARG - ARG - ALA - PHE - PRO - LEUespécie C:MET - ARG - LEU - ARG - VAL - GLU - HIS - ALA - ALA - ARG - ALA- PHE - PRO - LEUAdmitindo-se um ancestral comum para as três espécies, a árvore filogenética que melhor expressa oparentesco evolutivo entre as três é:
  5. 5. Questão 11 – UNICAMPDe acordo com o sistema binomial de nomenclatura estabelecido por Linnaeus, o nome científico Feliscatus aplica-se a todos os gatos domésticos como angorás, siameses, persas, abissínios e malhados. Ogato selvagem (Felis silvestris), o lince (Felis lynx) e o puma ou suçuarana (Felis concolor) são espéciesrelacionadas ao gato.a) A que gênero pertencem todos os animais mencionados?b) Por que todos os gatos domésticos são designados por um mesmo nome científico?c) Qual dos nomes a seguir designa corretamente a família a que pertencem esses animais. Felinaceae,Felidae, Felini, Felinus ou Felidaceae? Justifique.Questão 12 – UNESPAlunos de uma escola, em visita ao zoológico, deveriam escolher uma das espécies em exposição epesquisar sobre seus hábitos, alimentação, distribuição, etc. No setor dos macacos, um dos alunos ficouimpressionado com a beleza e agilidade dos macacos-pregos. No recinto desses animais havia uma placacom a identificação:Nome vulgar: Macaco-prego (em inglês Ring-tail Monkeys ou Weeping capuchins). Ordem Primates. FamíliaCebidae. Espécie Cebus apella. Esta foi a espécie escolhida por esse aluno. Chegando em casa, procurouinformações sobre a espécie em um site de busca e pesquisa na internet. O aluno deveria digitar até duaspalavras-chaves e iniciar a busca.a) Que palavras o aluno deve digitar para obter informações apenas sobre a espécie escolhida?b) Justifique sua sugestão.Questão 13 – UNESPDivulgou-se recentemente (Revista Pesquisa FAPESP n 0. 100, junho de 2004) a identificação de uma novaclasse dos Cnidaria, chamada de Staurozoa. A característica marcante das medusas adultas de uma dasduas ordens desta nova classe é que elas vivem agarradas a rochas ou algas através de uma estruturachamada pedúnculo. Antes da proposição de um sistema de classificação biológica por Lineu em 1758,alguns naturalistas consideravam os cnidários como plantas. A natureza animal destes organismos somentefoi reconhecida no século XIX, quando alguns naturalistas os classificaram juntamente com as esponjas.a) Esta mudança proposta recentemente de uma nova classe para os cnidários altera ou fere de algumaforma os critérios gerais de classificação biológica propostos por Lineu em 1758? Justifique sua resposta.b) Considerando que a classificação biológica tem levado em conta as características dos organismos, porque foi sugerida uma nova classe e não um novo filo de animais, no presente caso?Questão 14 – UFRJUm táxon é classificado como parafilético quando inclui alguns, mas não todos, descendentes de umancestral comum. Um táxon polifilético contém membros com mais de um ancestral, e um táxon monofiléticoinclui todos os descendentes de um único ancestral comum.Observe o diagrama a seguir:
  6. 6. No diagrama, o conjunto DEF é exemplo de uma dessas três classificações; BCD, de outra; e ABrepresenta um exemplo de um terceiro tipo. Identifique-as.Questão 15 – UERJTécnicas de hibridização ou de determinação da sequência de bases do DNA permitem estimar o grau deparentesco entre espécies de seres vivos. O resumo da árvore evolutiva, esquematizado a seguir,apresenta resultados de pesquisas realizadas com primatas utilizando essas técnicas:Dentre os primatas citados, relacione, na ordem crescente de semelhança ao genótipo do chipanzé, os quetiveram um ancestral que viveu há cerca de 10 milhões de anos. Indique, ainda, o percentual desemelhança.Gabaritos:Questão 01a) Mycobacterium tuberculosis e Canoparmelia texana.b) O Mycobacterium tuberculosis se reproduz por bipartição ou cissiparidade, processo assexuado. Nãorealiza cruzamento originando descendência fértil.A Canoparmelia texana não é exatamente uma espécie, mas sim uma associação de duas espécies, umfungo e uma alga que juntos formam o líquen.Questão 02a) Indivíduos que se reproduzem sexuadamente e produzem descendentes férteis.b) Na reprodução sexuada, ocorrem fenômenos que favorecem a ocorrência de variabilidade genética:segregação independente, permutação durante a meiose, e o encontro aleatório dos gametas. Além disso,eventuais mutações no material genético são propagadas na população por meio desse tipo de reprodução.
  7. 7. Questão 03 – EResolução: As espécies da tabela pertencem aos seguintes grupos vegetais: 1- gimnospermas, 2 –briófitas, 3 – angiospermas e 4 – pteridófitas. Briófitas, angiospermas e pteridófitas formam um grupoartificial ou parafilético, pois esses vegetais não formam um grupo taxonômico válido já que eles não têmum ancestral único em comum, não possuindo, portanto, significado evolutivo. Para serem consideradosmonofiléticos, as pteridófitas também deveriam fazer parte de tal grupo, pois possibilitariam a presença deuma ancestral comum ao grupo.Questão 04 – AResolução: O sistema de classificação lineano não permite visualizar as relações de ancestralidade edescendência entre os seres vivos. Lineu formulou seu sistema de classificação 101 anos antes dapublicação de “A Origem das Espécies” de Charles Darwin. Isso nos faz pensar que Lineu deveria acreditarna invariabilidade das espécies, e que, por isso, não levou em consideração o grau de parentesco evolutivoentre as espécies.Questão 05 – EResolução:I (Falsa): O primeiro nome científico denomina o gênero e o segundo apenas o epíteto específico.III (Falsa): Vanellus se refere ao gênero e não ao epípeto.IV (Falsa): Por ser um epíteto, chilensis deve ser escrita com letra minúscula.Questão 06 – DResolução: Os táxons 3 e 4 apresentam o mesmo gênero (Didelphis), mas são de espécies diferentes jáque os epítetos que possuem não são os mesmos.Questão 07 – 02 + 04 + 08 + 16 = 30Resolução: A afirmação 01 é a única incorreta. A sequência correta para as categorias taxonômicasatualmente é: reino – filo – classe – ordem – família – gênero – espécie.Questão 08 – EResolução: O ancestral comum entre o leão e o leopardo é mais recente que o ancentral comum entre aonça e o leopardo, o que sinaliza para o maior grau de parentesco entre os primeiros.Questão 09 – BResolução: O cladograma B sugere que as espécies 4 e 5 sejam mais distantes evolutivamente da espécie3 do que sugere os outros cladogramas.
  8. 8. Questão 10 – DResolução: A espécie A é a que mais se difere das outras duas por possuir menos aminoácios em comumcom elas. No entando, a diferença entre A e C é menor do que entre A e B, por isso A aparece primeiro naescala evolutiva e B, por último.Questão 11a) Gênero Felis.b) Todos os gatos domésticos têm o mesmo nome científico porque pertencem à mesma espécie.c) A família a que pertencem os animais citados chama-se FELIDAE. A terminação latina - IDAE édesignativo de família em animais.Questão 12a) O aluno deve digitar “Cebus apella”, o nome científico da espécie.b) A utilização de qualquer outra categoria taxionômica incluiria informações sobre outras espécies, alémdaquela escolhida.Questão 13a) Não, pois celenterados e poríferos continuam pertencendo ao Reino Animal.b) Os animais citados possuem cavidade digestiva e cnidoblastos, portanto, devem continuar no mesmo filo.Questão 14DEF é monofilético. BCD é polifilético. AB é parafilético.Questão 151º) Gorila: 97,7%2º) Homem: 98,6%

×