Tipos de leitor

1.039 visualizações

Publicada em

Material apresentado na capacitação SEAD

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.039
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tipos de leitor

  1. 1. Navegar no ciberespaçoO perfilcognitivodo leitorimersivoLucia Santaella
  2. 2. ReferênciasSANTAELLA, CHARTIER, Roger (1997). MANGUEL, AlbertoLucia. Navegar no A aventura do livro: do (1996). Uma históriaciberespaço: o perfil leitor ao navegador. São da leitura. São Paulo:cognitivo do leitor Paulo: Editora UNESP/ Companhia dasimersivo. São Paulo: Imprensa Oficial do Letras, 1997.Paullus, 2004. Estado, 1999.
  3. 3. Três tipos de leitorescontemplativo movente imersivo
  4. 4. O livro depapel vaidesaparecercomo opapiro?
  5. 5. Mais quemero objetoInstaurador de formas decultura como• Ciência moderna• Saber universitário
  6. 6. E os jornaise revistas?
  7. 7. O perfil cognitivodo leitor imersivoQue novo leitor está surgindo com ahipermídia e as redes e quais suas...• Disposições,• habilidades• competências de leitura
  8. 8. Dilatarconceitode leitura• Leitor de imagens• Leitor de formas híbridas de signos e processos de linguagem
  9. 9. Livros ilustradosGregório, o Grande, papa(590-604), miniaturaextraída deGrandes heures duduc de berryFrança, século XV
  10. 10. Jornais e revistaso ato de ler foiincorporando asrelações entre palavrae imagem, desenho,tamanho de fontee diagramaçãoInfografiaJornal ClarinArgentina/2004
  11. 11. Centrosurbanos epublicidade
  12. 12. Tipos de leitores• Leitor da imagem: desenho, gravura, pintura, fotografia
  13. 13. Tipos de leitores• Leitor da imagem: desenho, gravura, pintura, fotografia• Leitor do jornal e de revista
  14. 14. Tipos de leitores• Leitor da imagem: desenho, gravura, pintura, fotografia• Leitor do jornal e de revista• Leitor da cidade, dos signos, símbolos e sinais
  15. 15. Tipos de leitores• Leitor da imagem: desenho, gravura, pintura, fotografia• Leitor do jornal e de revista• Leitor da cidade, dos signos, símbolos e sinais• Leitor da imagem em movimento
  16. 16. Tipos de leitores• Leitor da imagem: desenho, gravura, pintura, fotografia• Leitor do jornal e de revista• Leitor da cidade, dos signos, símbolos e sinais• Leitor da imagem em movimento• Leitor das telas eletrônicas
  17. 17. Tomando por base os tipos de habilidades sensoriais, perceptivas e cognitivas envolvidas no ato de ler, os leitores foram agrupados em três tiposcontemplativo movente imersivo
  18. 18. Leitorcontemplativo,meditativo
  19. 19. Até o séc. XII, os mosteirosconservavam o monopólioda produção do livro.Escola de Segóvia (Espanha)interior de convento, séc. XVI.Madrid, Museu Lasaro Gaudino
  20. 20. “a leitura silenciosa criou apossibilidade de ler maisrapidamente e, portanto,de ler mais e de ler textosmais complexos”(Chariter, 1999)Ernest Meissonier,Le lisseur blanc, 1857.Paris, Museu d’Osay.
  21. 21. Texto impressoO livro impresso foi poderosoinstrumento para conferireficácia para:• Meditação individual• Difusão das idéias
  22. 22. O “triunfo dos brancos sobreos pretos”Os parágrafos tornam a ordemdos discursos mais legível eproduzem uma leitura quefragmenta o texto em unidades.A articulação visual da páginademonstra as conexõesdiscursivas do raciocínio.
  23. 23. O perfil cognitivo doleitor do livroressalta a práticadominante a partirdo séc. XVI, a leituraindividual, solitária,privada, silenciosa,de numerosos textosCarl SpitzwegLe rat de bibliothèque, cerca de 1850.Schweinfurt, coleção Georg Schaefer
  24. 24. O ato de ler“envolve não apenas a visão epercepção, mas inferência,julgamento, memória,reconhecimento, experiênciae prática”"ler é cumulativo e avança emprogressão geométrica:cada leitura nova baseia-seno que o leitor leu antes"Mangel, 1997
  25. 25. O perfil cognitivodo leitor do livroLeitor de objetos esignos duráveis,imóveis, localizáveis,manuseáveis.Ernest HildebrandtHumboldt dans as bibliotèque,1856.
  26. 26. O perfil cognitivo doleitor do livroLeitor que contempla,medita e não sofre coma urgência do tempo
  27. 27. Leitormovente,fragmentado
  28. 28. Leitor de imagensem movimentoque passam najanela do trem
  29. 29. Leitor de jornaise revistasque surgem devidoaos negócios dacidade e aoaumento do númerode pessoas
  30. 30. Leitor da Publicidadeda cidade repleta deimagens e mensagensvisuais
  31. 31. Leitor com excessode informaçãoprecisa de apoio para amemória• fotografia• cinema• TV• vídeo
  32. 32. Leitor da cidadeNeste contexto a vidacotidiana passou aser um espectrovisual, um desfile deaparências fugidias,um jogo de imagensque hipnotizam eseduzem
  33. 33. Leitor Movente• apressado• novos ritmos de atenção• percepção instável• intensidade desigual• leitor de linguagens híbridas
  34. 34. Cinema“Não é de surpreender que avanguarda modernista atraídapela intensidade das emoçõesda modernidade, [...] ao reconhecero poder do cinema para transmitirvelocidade, simultaneidade,superabundância visual e choquevisceral, tenha se apossado [...]do cinema como um emblema dadescontinuidade e velocidademodernas” (Singer, 2001)
  35. 35. Leitorimersivo,virtual
  36. 36. O leitor imersivo• tem liberdade de escolha e iniciativa na busca de rotas• tem uma imensidão de conteúdo disponível ao clique do mouse
  37. 37. O leitor imersivo• navega numa tela• programa leituras• roteiro multilinear, multisequencial, labiríntico

×