Triângulo retângulo

Num triângulo retângulo, os lados perpendiculares, aqueles que formam um ângulo de 90º, são
denominad...
Altura de um triângulo equilátero

O triângulo PQR é equilátero, vamos calcular sua altura com base na medida l dos lados....
x² = a² + b²
d² = x² + c²
substituindo, temos:




Diagonal do cubo (caso particular do paralelepípedo)

Consideremos o cu...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

TriâNgulo RetâNgulo 10092009

2.652 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Esportes
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.652
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
71
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TriâNgulo RetâNgulo 10092009

  1. 1. Triângulo retângulo Num triângulo retângulo, os lados perpendiculares, aqueles que formam um ângulo de 90º, são denominados catetos e o lado oposto ao ângulo de 90º recebe o nome de hipotenusa. O teorema de Pitágoras é aplicado ao triângulo retângulo e diz que: hipotenusa ao quadrado é igual à soma dos quadrados dos catetos, hip² = c² + c². Relações métricas no triângulo retângulo Observe os triângulos: Os triângulos AHB e AHC são semelhantes, então podemos estabelecer algumas relações métricas importantes: h² = mn b² = na c² = am bc = ah Aplicações do Teorema de Pitágoras Diagonal do quadrado Dado o quadrado de lado l, a diagonal D do quadrado será a hipotenusa de um triângulo retângulo com catetos l, com base nessa definição usaremos o teorema de Pitágoras para uma expressão que calcula a diagonal do quadrado em função da medida do lado.
  2. 2. Altura de um triângulo equilátero O triângulo PQR é equilátero, vamos calcular sua altura com base na medida l dos lados. Ao determinarmos a altura (h) do triângulo PQR, podemos observar um triângulo retângulo PHQ catetos: h e l/2 e hipotenusa h. Aplicando o teorema de Pitágoras temos: Diagonal do bloco retangular (paralelepípedo) Observe o bloco de arestas a, b e c, iremos calcular a diagonal (d), mas usaremos a diagonal x da base em nossos cálculos. Veja:
  3. 3. x² = a² + b² d² = x² + c² substituindo, temos: Diagonal do cubo (caso particular do paralelepípedo) Consideremos o cubo um caso particular de um bloco retangular, então: a=b=c=l Antonio Carlos Carneiro Barroso HTTP://ensinodematemtica.blogspot.com

×