Geopolítica

2.237 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.237
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Geopolítica

  1. 1. GEOPOLÍTICA (O ESPAÇO DA GEOGRAFIA) http://profalexandregangorra.blogspot.com.br/ 01 - (Uni-Rio/RJ/2005) Analise as afirmativas: ―- Se fracassarmos contra a pobreza e a fome, o que mais poderá nos unir?‖ (...) ―- A fome continua matando 24 mil pessoas por dia e 11 crianças por minuto‖ (...) ―- O sucesso de Doha [ rodada de negociação multilateral na Organização Mundial do Comércio - OMC ] representa a possibilidade de livrar da pobreza mais de 500 milhões de pessoas.‖ Luis Inácio Lula da Silva - Pronunciamento na 59a Assembléia Geral das Nações Unidas, Nova York, 2004. Os que apontam o comércio internacional como um dos responsáveis pela pobreza e a fome dos países mais pobres argumentam com a impossibilidade destes países de concorrer com as economias mais avançadas porque estas: I. concedem subsídios ao setor de produção de alimentos. II. protegem suas indústrias em relação a produtos similares importados. III. agregam valor e preço aos produtos de alta tecnologia. IV. estabelecem os preços das commodities, segundo seus interesses. As afirmativas corretas são: a) apenas I e II. b) apenas III e IV. c) apenas I, II e IV. d) apenas I, II e III. e) todas. 02 - (UEPB PB/2005) ―Os curdos são um povo de origem indo- européia [...] espalhados por diversos países [...]. O Curdistão foi incluído durante a Primeira Guerra Mundial nas negociações de partilha do Império Otomano [...] Dessa forma, os curdos se transformaram em joguetes das autoridades turcas, iranianas e iraquianas, sempre prontas ao entendimento quando se trata de subjugá-los ―. Michel Treignier – Guerra e Paz no Oriente Médio, 1996. O fragmento do texto nos confirma que: a) A problemática curda, como de tantos outros povos desterritorializados, deve-se à criação arbitrária de Estados cujas fronteiras não respeitaram as etnias existentes. b) A criação do Curdistão constituiu importante elo de ligação entre Turquia, Iraque e Irã, países historicamente rivais, mas que tinham como objetivo comum eliminarem os curdos dos seus territórios. c) Os curdos assimilaram as culturas dos países nos quais ficam divididos e com os quais passaram a se identificar. d) A anexação do Curdistão ao Império Otomano se constituiu num etnocídio, pois os curdos perderam sua identidade cultural. e) O Curdistão surgiu a partir da perda dos territórios turco, iraquiano e iraniano para o Império Otomano. 03 - (UEPB PB/2005) Com base no mapa e no seu conhecimento sobre a questão Palestina, analise as proposições: I. A formação das colônias judaicas em territórios palestinos foi o resultado do movimento sionista do século XIX, que difundia o ―retorno à Pátria‖ pelos judeus. II. A população de colonos israelenses nos territórios palestinos constitui um forte entrave na questão árabe-israelense. III. A proliferação de colônias judaicas nos ―territórios ocupados‖ pelos palestinos é o resultado de uma estratégia de Israel para manter sob controle estes territórios. IV. Parte significativa dos colonos israelenses que se deslocaram para as colônias agrícolas, o fez com o sentimento de reconquista da ―terra bíblica‖, o que dificulta qualquer acordo de paz. Estão corretas as proposições a) I, III e IV. b) I e IV. c) II e III. d) II, III e IV. e) II e IV. 04 - (UNIFAP AP/2005) ―Enquanto os Estados Unidos seguem em sua cruzada contra o terrorismo global, grupos civis alertam sobre o impacto ambiental do armamentismo e da guerra, que custa ao mundo
  2. 2. US$ 900 bilhões por ano. Embora o prejuízo ambiental seja uma conseqüência freqüente da guerra, nunca deveria ser um objetivo deliberado, a exemplo dos combates no Afeganistão‖. Adaptado de http://www.tierramerica.net/2002/0915/particulo.s html Sobre os danos ambientais dos combates no Afeganistão, é correto afirmar: I A guerra contra os Talebãns provocou infiltrações de substâncias químicas no solo, destruição de habitats naturais e de terras agrícolas devido à colocação de minas terrestres e bombardeios. II. Os combates constantes a partir da invasão soviética, em 1979, em um país ocupado em 75% por montanhas, afetaram 1% da biodiversidade e da cobertura vegetal do Afeganistão. III. Os bombardeios norte-americanos, desde 7 de outubro de 2001, têm cota específica de responsabilidade, sobre a destruição de grandes e pequenas represas e reservatórios de água no Sul do país. IV. Como se trata de um país industrializado, as bombas despejadas sobre as fábricas químicas e refinarias de petróleo, durante as guerras, liberavam uma torrente de toxinas letais no ambiente, particularmente no ar e na água. Estão corretas apenas as assertivas: a) I, II e IV b) I e III c) II e III d) II e IV e) I, II, III e IV 05 - (UFPel RS/2005) Sem a aprovação da ONU e sob a reprovação da maior parte da comunidade internacional, forças norte-americanas (dos EUA) e britânicas atacaram o Iraque, em 20 de março de 2003. Levando em conta o texto e seus conhecimentos, é INCORRETO afirmar que: a) a população iraquiana é, em sua maioria, árabe e segue a religião islâmica; apesar disso, aceitou a presença das tropas ocidentais, após o anúncio do final da guerra pelo governo dos EUA. b) os EUA, ao atacarem o Iraque — país situado no Oriente Médio, no vale dos rios Tigre e Eufrates — usaram como argumento a alegação de que o governo de Sadam Hussein detinha armas de destruição em massa, proibidas pela ONU. c) o Iraque, localizado no Oriente Médio, na Península Arábica, possui ricas reservas de petróleo, o que tem sido apontado como um dos motivos da ocupação desse país pelas tropas da coalizão. d) os EUA, apesar de terem realizado a ocupação do Iraque — país islâmico, localizado na antiga Mesopotâmia —, têm, entre os seus principais aliados, outros países também islâmicos, como a Arábia Saudita e o Kwait. e) as forças de segurança iraquianas ficaram sob controle de um novo governo que tem tido dificuldades de garantir a ordem e fazer diminuir os atentados terroristas que ameaçam a estabilidade da nação e minam a economia. 06 - (Unifesp SP/2005) Nos Jogos Olímpicos de Atenas de 2004, um judoca iraniano se recusou a lutar com um atleta israelense, apesar de ser um dos favoritos à medalha de ouro. Com essa atitude, ele reafirmou a) o Alcorão, que proíbe o contato físico com seguidores de outra religião. b) o fair-play, princípio olímpico definido pelo Barão de Coubertin. c) a política externa iraniana, que é contra a manutenção do estado de Israel. d) o espírito olímpico, que proíbe guerra entre países durante os jogos. e) a decisão do Conselho de Segurança da ONU, que aprovou um embargo à Israel. 07 - (UFPE PE/2005) Os acordos de paz entre israelitas e palestinos encontram geralmente sérios entraves para serem concretizados. Dentre esses entraves, citam-se: 1. o terrorismo. 2. os refugiados. 3. as colônias israelenses nos territórios ocupados. 4. as pressões exercidas pelos cristãos ortodoxos da Palestina. 5. as pressões dos sindicatos direitistas de Israel. Estão corretas: a) 1 e 2 apenas b) 1, 2 e 3 apenas c) 1, 3 e 5 apenas d) 3 e 4 apenas e) 1, 2, 3, 4 e 5 08 - (Unimontes SP/2005) O Oriente Médio é uma região considerada como um dos principais focos de tensão mundial. Pode-se afirmar que é um verdadeiro ―barril de pólvora‖.CITE 2 (dois) fatores que expliquem a importância geopolítica dessa região.
  3. 3. 09 - (Mackenzie SP/Janeiro/2004) A globalização não é um acontecimento recente. Ela se iniciou já no final do século XV e no século XVI, com a expansão marítimo-comercial européia, conseqüentemente com a própria evolução do sistema capitalista, e continuou nos séculos seguintes. O que diferencia aquela globalização ou mundialização da atual é a velocidade e a abrangência de seu processo, muito maior hoje. Melhem Adas – Panorama Geográfico do Brasil Assinale a alternativa que demonstra essa abrangência. a) Os Estados passam a ter um poder maior para proteger suas economias e promover o bem estar social de suas populações. b) Cria-se uma Nova Divisão Internacional do Trabalho, dentro das próprias empresas transnacionais, desconcentrando as funções produtivas no processo empresarial. c) A questão ambiental perde sua importância nas discussões internacionais, diante da elevada consciência ecológica que repercute rapidamente em todas nações. d) Verifica-se um grande movimento migratório do hemisfério sul para o norte, estimulado pela carência de mão de obra qualificada em áreas que sediam as matrizes das transnacionais. e) Regulamentam-se os mercados de trabalho e de bens e serviços, uniformizando, dessa forma, todo o sistema produtivo mundial. 10 - (UFC CE/1ª Fase/2004) A disputa pela hegemonia econômica e ideológica, entre as potências mundiais, gerou a formação de organizações político-econômicas capazes de assegurar um melhor entendimento e segurança entre aliados e/ou o rompimento total ou parcial das barreiras alfandegárias entre países. Sobre estas organizações, é possível afirmar, de forma correta, que: a) a CEE (Comunidade Econômica Européia) reúne todos os países da Europa que utilizam uma única moeda, o euro, e que eliminaram as fronteiras políticas e econômicas entre si. b) o Mercosul (Mercado Comum do Sul) estabeleceu uma zona de livre comércio entre todos os países latinos, aumentando a sua capacidade de competição econômica no mundo. c) o NAFTA (Acordo Norte–americano de Livre Comércio) reúne Canadá, Estados Unidos e México, constituindo um grande e rico mercado de mais de 400 milhões de pessoas. d) o COMECON (Conselho para Assistência Econômica Mútua), a mais nova associação européia, reúne os países da antiga União Soviética e da Europa Setentrional. e) a ALCA (Área de Livre Comércio das Américas), criada em 1990, reúne todos os países do Cone Sul sob a hegemonia política e econômica dos Estados Unidos. 11 - (UEL/PR/Janeiro/2004) A União Européia (UE) é um bloco regional que, como os demais, visa a ampliar trocas comerciais entre seus países membros e outras partes do mundo. No entanto, esse bloco possui especificidades. Assinale a alternativa que indica apenas as características da União Européia. a) Garantia do estabelecimento de relações econômicas e culturais privilegiadas entre os países-membros. Atuação conjunta no mercado internacional. b) Subsídios e financiamento ao setor primário. Instituição de barreiras comerciais tarifárias e não-tarifárias com ênfase ao setor agropecuário. c) Zona de livre comércio com ampla liberdade de circulação de mercadorias e capitais em seu interior. Tarifa externa comum (TEC) aplicada aos países externos ao bloco. d) União aduaneira com eliminação das taxas alfandegárias incidentes sobre a troca de mercadorias internas ao bloco. Livre circulação de mão-de-obra. e) União monetária, com implantação de moeda unificada. Estrutura administrativa específica em âmbito parlamentar, político e financeiro. 12 - (UFC CE/1ª Fase/2004) O desenvolvimento da ciência, da tecnologia e da economia estabeleceu, em relação aos espaços geográficos nacionais e internacionais, grandes paradoxos. Sobre esses paradoxos e suas conseqüências, é possível afirmar, de modo correto, que: a) apesar do aumento crescente da rapidez e segurança dos transportes para longas distâncias, é decrescente o desenvolvimento no turismo nacional e internacional, em decorrência da instabilidade política e econômica mundial. b) a realidade virtual, ― vivida‖ através de instrumentos eletrônicos e construída a partir de valores idealizados, contrapõe-se a paisagens reais, às vezes degradadas e inseguras, isolando os homens em locais fechados e desativando os locais de encontros e de eventos de massa nas cidades. c) a descoberta de vacinas e medicamentos para prevenção e cura de doenças infecciosas e degenerativas beneficiou os países ricos que os desenvolveram, enquanto os países pobres permaneceram à margem dos benefícios gerados pelos modernos avanços da medicina preventiva e curativa.
  4. 4. d) a intensa exploração dos recursos naturais, possibilitada pela ciência e pelo uso de tecnologia de ponta, acelerou o desenvolvimento econômico de algumas regiões do planeta, enquanto os seus efeitos poluentes e predatórios repercutiram sobre toda a Terra. e) apesar do intenso processo de globalização da economia mundial, os países desenvolvidos e os países subdesenvolvidos constituem realidades independentes entre si, repetindo-se este modelo de isolamento cultural e de comunicação entre lugares de diferentes níveis de desenvolvimento dentro de um mesmo estado ou país. 13 - (UECE/CE/2ªFase/Janeiro/2004) Leia atentamente as seguintes afirmativas: I. Com a globalização, acirra-se a criação de mercados comuns entre grupos de nações, que alguns autores chamam de megablocos ou blocos regionais. II. Os blocos comerciais constituem, na realidade, uma das etapas da interdependência crescente de todos os países e povos do mundo. III. A Alca (Área de Livre Comércio das Américas) é o mais novo e promissor bloco regional. Criada na década de 1990, não enfrentou nenhum problema para sua constituição. IV. Dentre os principais megablocos ou grandes mercados internacionais destacam-se a União Européia (EU) e o Nafta. V. O Nafta inclui os Estados Unidos, o Canadá e México. Trata-se do Acordo de Livre Comércio da América do Norte, assinado por esses três países no início da década de 1990. VI. Na América do Sul constitui-se o Mercado Comum do Sul (Mercosul), formado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai. Assinale a alternativa verdadeira. a) I e II são certas e III, IV, V e VI são erradas b) I, II e III são certas e IV, V, VI são erradas c) I, II, IV, V e VI são certas e III é errada d) I, II e IV são certas e III, V e VI são erradas 14 - (Mackenzie SP/Janeiro/2004) Alguns analistas políticos afirmam que a ALCA (Área de Livre Comércio das Américas), tal como proposta pelos E.U.A., seria uma atualização da Doutrina Monroe, implantada no continente americano no século XIX. Portanto, em sua essência, ela seria ambígua e nociva para os países emergentes, em virtude de apresentar-se: a) imperialista e participativa. b) concorrencial e competitiva. c) plurilateral e representativa. d) unilateral e monopolista. e) protecionista e imperialista. 15 - (Mackenzie SP/Janeiro/2004) Um dos lados mais perversos do capitalismo globalizado, que atinge duramente as nações emergentes distantes da estabilidade econômica, é observado: a) na volatilidade com que o capital se desloca, em busca de melhores taxas de remuneração, em Bolsas de Valores e Bolsas de Mercadorias e Futuros de todo o mundo. b) na ingerência de dólares em suas economias internas, com a finalidade de fortalecer suas moedas nacionais. c) nos investimentos em atividades financeiras, com o intuito de financiar apenas projetos estatais produtivos, em detrimento de projetos privados de infraestrutura. d) no fluxo de seus capitais, que se direcionam apenas para as Bolsas de Valores dos E.U.A. e de países europeus, impossibilitando investimentos internos. e) na redução das taxas de juros internos, que atrai os investidores que buscam melhor remuneração para o capital especulativo. 16 - (UFG GO/1ª Fase/2004) Com o fim da União Soviética, no início da década de 1990, surge uma nova ordem mundial que se caracteriza pela: a) ampliação do Estado do bem-estar social. b) intensificação dos poderes da OTAN e do Pacto de Varsóvia. c) formação de blocos econômicos regionais. d) intervenção do Estado na economia e estatização de empresas. e) oposição política e econômica entre os blocos do Leste e do Oeste. 17 - (UECE/CE/2ªFase/Janeiro/2004) Assinale a alternativa FALSA. a) A globalização é o mais avançado estágio na interdependência de todos os povos e economias da superfície terrestre. b) A globalização representa um momento em que as economias nacionais estão se enfraquecendo diante da maior importância do mercado global. c) Um dos aspectos mais importantes da globalização é a expansão das empresas multinacionais. d) A globalização está associada a uma desaceleração do tempo. Tudo muda muito mais lentamente e os deslocamentos também se tornaram muito lentos. 18 - (FMTM MG/Janeiro/2004) Este bloco comercial regional da América Latina, nascido em 1969, trocou de nome e renovou-se
  5. 5. na década de 1990, procurando atrair investimentos transnacionais e uma maior integração comercial, econômica e política entre os países membros. As suas negociações em torno de um mercado comum, no entanto, perdem força por causa do projeto de ampliação de outro bloco latino-americano e também em virtude da pressão dos Estados Unidos para implementação da ALCA. O bloco regional é: a) a Comunidade Andina. b) o Mercosul. c) o Caricom. d) a Aladi. e) o MCCA. 19 - (UEG GO/Julho/2004) A técnica, a informação e a ciência são vetores do processo de globalização na atual fase do capitalismo, em que a estruturação de um novo espaço geográfico inclui características como as relacionadas abaixo, EXCETO: a) Lenta difusão do meio técnico-cientifico- informacional em todas as regiões do globo. b) Fábricas robotizadas, bolsas de valores eletrônicas e serviços inteligentes de proteção. c) Modernas redes de telecomunicações, cabos de fibra ótica, telefonia celular. d) Grande infra-estrutura de transportes, aeroportos, rodovias, sistema portuário. e) Agropecuária baseada na biotecnologia, com produção de transgênicos e clonagem de animais. 20 - (UESPI/PI/2004) O processo de globalização abrange o espaço geográfico de forma muito desigual, ou seja, atinge com mais intensidade alguns países em detrimento de outros. Sobre esse assunto, analise as afirmativas apresentadas a seguir. 1. Na chamada periferia do capitalismo, os países que mais interessam aos agentes que comandam a globalização são os emergentes. 2. Diversos elementos da globalização materializam-se nas paisagens culturais dos lugares onde as pessoas vivem. 3. Os países que comandam o processo de globalização apresentam alta produtividade e são grandes mercados consumidores. 4. A doutrina econômica que rege, na atualidade, o processo de globalização é o neoliberalismo, que foi esboçada inicialmente por Marx e Engels, na Alemanha. 5. O processo de globalização é um fenômeno que foi determinado pelo colapso do socialismo na Europa, e não se associa, obrigatoriamente, à expansão do capitalismo. Estão corretas: a) 1 e 5 apenas b) 3 e 4 apenas c) 1, 2 e 3 apenas d) 2, 3 e 5 apenas e) 1, 2, 3 e 4. 21 - (UFSCar SP/2004) Leia o texto. Durante milênios, a história do homem faz-se a partir de momentos divergentes, como uma soma de aconteceres dispersos, disparatados, desconexos. Já a história do homem de nossa geração é aquela em que os momentos convergiram, o acontecer de cada lugar podendo ser imediatamente comunicado a qualquer outro, graças ao domínio do tempo e do espaço à escala planetária. A instantaneidade da informação globalizada aproxima os lugares, torna possível uma tomada de conhecimento imediata [...] e cria entre lugares e acontecimentos uma relação unitária à escala do mundo. (Santos, Milton. A natureza do espaço.) A interpretação desse texto permite-nos afirmar que a) a sociedade atual, conectada pelas tecnologias de informação, produz um mundo igualitário, já que os lugares estão unidos por relações globais. b) o avanço da tecnologia informacional, ao alterar a escala do tempo e do espaço, anulou a existência e o papel dos lugares. c) na sociedade atual cada momento e cada lugar compreendem eventos que são interdependentes, incluídos em um sistema global de informações. d) a instantaneidade das informações não possibilita a ocorrência de eventos em lugares e momentos específicos. e) a existência de relações unitárias globais oferece oportunidades a todos os lugares e possibilita maior autonomia a eles. 22 - (Unifor CE/Janeiro/2004) Considere as seguintes afirmações: I. Até recentemente, todos os atuais países subdesenvolvidos foram colônias de potências européias. II. Atualmente, as diferenças socioeconômicas existentes entre os países são resultado da evolução do sistema capitalista. III. A dependência financeira e tecnológica representa um dos maiores obstáculos ao desenvolvimento dos países pobres. IV. As condições climáticas desfavoráveis, como tropicalidade ou aridez, são fatores que explicam o subdesenvolvimento. Podem ser utilizadas para caracterizar os países subdesenvolvidos SOMENTE: a) I e II b) I e III c) I e IV d) II e III
  6. 6. e) III e IV 23 - (UFAC/AC/2004) Sobre o atual processo de globalização, afirma- se que: I. Houve um enorme desenvolvimento nos meios de transporte e de comunicações, nas viagens e no turismo internacionais e nas trocas comerciais entre os países. II. Com a crise do mundo socialista no final da década de 1980, a globalização se expandiu ainda mais. III. As economias nacionais estão mais fechadas para o exterior que no passado. Relativamente às afirmações, pode-se dizer que: a) apenas I está correta. b) apenas I e II estão corretas. c) apenas I e III estão corretas. d) apenas II e III estão corretas. e) todas estão corretas. 24 - (UECE/CE/1ªFase/Julho/2004) Assinale a alternativa verdadeira: a) com a globalização, permanecem os mesmos pólos de poder antigos, não se manifestam tensões entre os estados- nações preexistentes, bem como entre os que se formam com a desagregação da Iugoslávia, Tchecoslováquia e União Soviética; b) com a globalização não há redefinição da divisão do trabalho, permanecendo inalterada a distribuição das empresas, corporações e conglomerados por todo o mundo; c) em lugar da concentração da indústria, centros financeiros, organizações de comércio, agências de publicidade e mídia impressa e eletrônica nos países dominantes, verifica-se a redistribuição dessas e outras atividades por diferentes países e continentes; d) com o avanço da globalização, o fordismo, como padrão de organização do trabalho e produção continua reinando soberano. 25 - (UFG GO/2ª Fase/2004) A economia global recriou a relação entre países, modificando a forma de circulação de pessoas e de capitais. Apresente duas características de circulação relativas a: a) pessoas; b) capitais.

×