Jogo do Desafio

3.112 visualizações

Publicada em

O “Jogo do Desafio” (Caminha e Caminha, 2012) é pautado no princípio básico da técnica “Economia de Fichas” e tem como objetivo envolver toda a família no desafio de melhorar seus comportamentos, visando alcançar metas terapêuticas.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.112
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
69
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • Jogo do Desafio

    1. 1. Jogo do DesafioO sistema computacional integrando técnicas terapêuticas. Marina Gusmão Caminha
    2. 2. ”TOKEN ECONOMY”Descrito pela primeira vez por Ayllon e Azrinem 1968 a partir da aplicação de conceitosoperantes e pesquisas aplicadas emambientes psiquiátricos.Esse procedimento tornou-seuma técnica muito útil notrabalho aplicado.
    3. 3. ECONOMIA DE FICHAS Um sistema dereforçamento no qual se administram fichas como reforço imediato, que são respaldadas posteriormente permitindo que se troquem por reforços mais valiosos. (Patterson, 1996)
    4. 4. ECONOMIA DE FICHAS O método de economia de fichas possibilita a formação de cadeias comportamentais e tem como um de seus objetivos, instalar e manter comportamentos desejáveis, além de poder modificar e até mesmo reduzir a emissão de muitas classes de comportamentos inadequados.
    5. 5. ECONOMIA DE FICHASO método geralmente é implantado através de reforçamento positivo e pode ser aplicado em grande escala.
    6. 6. REFORÇO Uma estratégia comportamental para aumentar os comportamentos desejáveis; Pode envolver dar algo positivo (ex:elogio).
    7. 7. REFORÇO Uma estratégia comportamental para aumentar os comportamentos desejáveis; Pode envolver retirar algo negativo (ex: tarefas domésticas).
    8. 8. REFORÇO Uma estratégia comportamental para aumentar os comportamentos desejáveis; A atenção é um dosreforçadores mais ignorados pelos pais.
    9. 9. ECONOMIA DE FICHAS Quando o sistema de motivação intrínseca da criança não funciona, é necessário um estímulo externo para que consiga realizar tarefas até que comece a sentir prazer em sentir-se capaz de realizar tais tarefas. (Rhode, L.A., Knapp, P., Lykowski, L., Carim, A., 2004)
    10. 10. ECONOMIA DE FICHAS A participação dos pais no desenvolvimento dessa técnica é fundamental, já que o objetivo é que seja empregada em casa, possibilitando ao terapeuta a diminuição dessas atividades no setting terapêutico. (Zambom, L. F., Oliveira, M. S., Wagner, M. F., 2006)
    11. 11. PROGRAMA DE TREINAMENTO DE PAIS Inúmeros programas utilizam a técnica da Economia de Fichas na sua parte inicial, visando aumentar comportamentos desejados. Alguns programas trabalham numa segunda fase o custo de respostas, buscando diminuir comportamentos indesejados.
    12. 12. JOGO DO DESAFIO Necessidade de criar ferramentas que “alcancem” a criança ou o adolescente na clínica.
    13. 13. JOGO DO DESAFIO Necessidade do uso de uma linguagem que “acesse” a criança ou o adolescente na clínica.
    14. 14. JOGO DO DESAFIO Necessidade de envolver familiaresnas tarefas na busca por resultados mais efetivos.
    15. 15. JOGO DO DESAFIO Público infantil interage precocemente com computadores, tablets, celulares e jogos eletrônicos, voltando sua atenção facilmente a esses estímulos.
    16. 16. JOGO DO DESAFIO O “Jogo do Desafio” (Caminha e Caminha, 2012) é pautado no princípio básico da técnica “Economia de Fichas” e tem como objetivo envolver toda a família no desafio de melhorar seus comportamentos, visando alcançar metas terapêuticas.
    17. 17. RECURSOS DO JOGO DO DESAFIO Cadastro dos pacientes Organização das sessões Inclusão de dados diagnósticos Acompanhamento sistemático dos passos seguidos pela família ao longo da semana, através de relatórios diários que o terapeuta recebe de cada paciente/ família atendida.
    18. 18. CADASTRO DO TERAPÊUTA
    19. 19. CADASTRO DO PACIENTE
    20. 20. ORGANIZAÇÃO DAS SESSÕES
    21. 21. LAYOUT LÚDICO
    22. 22. INCLUSÃO DOS FAMILIARES
    23. 23. PONTUAÇÃO
    24. 24. PREMIAÇÃO
    25. 25. TROCANDO DE FASE Como num “game”, a criança é estimulada a alcançar o maior número de pontuação, para assim “trocar de fase”, o que significa incluir ou trocar os desafios.
    26. 26. TESTES VERSÃO BETA Faça parte do grupo deprofissionais que estão testando a ferramenta.Click no endereço abaixo e solicite uma senha de acesso. atendimento@sinopsyseditora.com.br

    ×