Teoria de tectônica de placas

6.330 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.330
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
762
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Teoria de tectônica de placas

  1. 1. E. E. M. MARIA NEUSA ARAÚJO MOURA 1° ANO GEOGRAFIAProf.ª Renata RodriguesEmail: rena7hynh@hotmail.comgeo-educacao.blogspot.com.br geo-educacao.blogspot.com.br
  2. 2.  O fundo dos oceanos – os quais cobrem 75% da superfície terrestre apresenta planícies, profundas fossas e cordilheiras submersas conhecidas como dorsais submarinas (cujos picos mais altos podem formar ilhas). O conhecimento do assoalho marinho (fundo do oceano) só se tornou possível mediante a utilização do som para detectar essas formas submarinas de relevo. geo-educacao.blogspot.com.br
  3. 3.  De acordo com a teoria da tectônica de placas, a litosfera é constituída de uma série de placas que se movem, umas em relação às outras, sobre uma camada parcialmente fundida da parte superior do manto terrestre, a astenosfera. Essas placas podem se separar, se chocar ou deslizar ao longo de outras. geo-educacao.blogspot.com.br
  4. 4. 1 - Falhas TransformantesSão as criadas por duas placas que deslizamuma ao lado da outra. O atrito entre elasguarda muita tensão, que pode causarterremotos. Um exemplo dessa falha é a deSan Andreas, que corta a costa da Califórniae o litoral oeste do México.2 - Placas convergentes 1Essas são as placas que vão uma de encontroà outra. A placa mais densa mergulha parabaixo da menos densa. É o caso do choqueentre uma placa oceânica e (mais densa) eoutra, continental. Quando essas placas secomprimem, elas acabam dando origem acadeias montanhosas. Os Andes, porexemplo, nasceram do choque entre duasdessas placas, a oceânica de Nazca e acontinental Sul-Americana. As regiões ondeesse tipo de choque ocorre são suscetíveis aterremotos. geo-educacao.blogspot.com.br
  5. 5. 3 Placas divergentes Diferente das demais, as placas convergentes são as únicas que se afastam. Pela falha aberta na crosta pode escapar magma, dando origem a ilhas vulcânicas. O oceano Atlântico é cortado por uma falha desse tipo, que está afastando a América do Sul da África. 4 Placas convergentes 2 Quando as placas têm a mesma densidade, elas fazem o movimento das placas convergentes 2, ou seja, chocam-se e se comprimem. O Himalaia, por exemplo, é resultado do choque entre as placas Euro-Asiática e Indiana.geo-educacao.blogspot.com.br
  6. 6. geo-educacao.blogspot.com.br
  7. 7.  Nos oceanos, a separação das placas provoca fendas na crosta oceânica (chamadas rifts) e a formação de cadeias montanhosas submersas (as chamadas dorsais). Rochas derretidas são empurradas para a superfície e se solidificam, podendo provocar a expansão do assoalho marinho (formação de um novo piso) ou formar cadeias oceânicas. Quando uma placa de move em direção a outra pode ser forçada a mergulhar sob essa outra, fenômeno conhecido como subducção. Esse processo pode dar origem a fossas, ilhas vulcânicas e intensas atividades sísmicas. geo-educacao.blogspot.com.br
  8. 8. geo-educacao.blogspot.com.br
  9. 9.  O magma superaquecido ascende, por convecção térmica, das zonas mais profundas e rompe a camada superficial em determinados pontos do manto terrestre. São os chamados hot spots (ou pontos quentes), onde há intenso vulcanismo. A atividade vulcânica pode acarretar a formação de ilhas, nos oceanos, ou de montanhas, nos continentes. Como exemplos, temos as ilhas de Açores, a Islândia, o Havaí, Galápagos e Fernando de Noronha. geo-educacao.blogspot.com.br
  10. 10. geo-educacao.blogspot.com.br Fernando de Noronha, PE.
  11. 11. geo-educacao.blogspot.com.br
  12. 12. geo-educacao.blogspot.com.br
  13. 13. Por que acontecem erupções vulcânicas e terremotos? Os limites entre as placas tectônicas coincidem com áreas de instabilidade, onde é frequente a presença de dorsais submarinas, de abismos subterrâneos, de vulcões e terremotos. Fica fácil entender que nas linhas de falhas nas placas existem pontos fracos por onde o magma sobe à superfície, dando origem a vulcões. Quando duas placas se movem em sentidos opostos ou geram muito atrito entre si, podem ocorrer terremotos, além da deformação das bordas, modificando o relevo do superfície. geo-educacao.blogspot.com.br
  14. 14. Próxima aula, dia 24/09/2012:A composição e o ciclo das rochas geo-educacao.blogspot.com.br

×