SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
2° ano
                               GEOGRAFIA



geo-educacao.blogspot.com.br
• A internacionalização da economia e a
  interdependência econômica entre os países se
  acentuaram nos séculos XIX e XX, períodos marcados
  por intensas mudanças tecnológicas: as revoluções
  industriais.

• As descobertas e as inovações alteravam não só o
  mundo da produção, mas também a vida cotidiana e
  a paisagem.



                   geo-educacao.blogspot.com.br
A Primeira Revolução Industrial
• Foi um período de grandes inovações que ocorreu
  entre meados dos séculos XVIII e XIX.

• Esse período se caracteriza pela substituição do
  trabalho   artesanal   ou    manufatura      pela
  maquinofatura.

• Esta última caracteriza-se pela utilização de fontes de
  energia modernas para movimentar máquinas
  (carvão mineral), pela produção em larga escala e
  pela especialização do trabalho.
                     geo-educacao.blogspot.com.br
Nessa fase, ocorreram diversas mudanças sociais
  econômicas, além de transformações na paisagem.
• Econômicas – barateamento dos
  produtos           industrializados;
  organização da produção com
  divisão    das     tarefas     (cada
  trabalhador realizava apenas uma
  etapa do processo produtivo).

• Sociais – aumento da população;
  surgimento de uma nova classe
  social:      o      operariado ou
  proletariado; agravamento de
  problemas como o desemprego, a
  pobreza, a exploração do trabalho
  infantil, a violência, etc.
                      geo-educacao.blogspot.com.br
• Políticas – os novos interesses industriais
  começavam a fazer pressão para que os governos
  abandonassem a política mercantilista e adotassem
  o livre-comércio, que permitia à indústria importar
  insumos mais baratos e exportar mais; ao mesmo
  tempo, ocorreram as primeiras manifestações do
  proletariado por melhores condições de trabalho e
  maiores salários e os trabalhadores organizaram-se
  em associações que, posteriormente, deram origem
  aos sindicatos.


                    geo-educacao.blogspot.com.br
• Espaciais – construíram-se as ferrovias e surgiram novos
  povoamentos ao longo do seu traçado. O êxodo rural
  aumentou a concentração populacional, o número de
  cidades e os seus territórios; houve maior investimentos
  nas cidades, dotando-as de equipamentos, como
  iluminação pública, ruas e distribuição de água encanada.

• Em consequência, ocorreu o aumento de problemas
  urbanos como a proliferação de moradias precárias
  (cortiços e favelas).




                      geo-educacao.blogspot.com.br
A Segunda Revolução Industrial
• A partir de 1850, as novas mudanças no modo de
  produzir estenderam-se para outros países (Estados
  Unidos, Japão, França e Alemanha). As máquinas foram
  aperfeiçoadas e a produção tornou-se maior e mais
  veloz.

• A utilização da eletricidade e do petróleo como
  combustível trouxe novos progressos.

• No ciclo do petróleo, na primeira metade do século XX, a
  indústria automobilística tomou impulso. Carros, três
  elétricos, aviões possibilitaram transportes mais rápidos
  e eficientes.
                      geo-educacao.blogspot.com.br
Fordismo/Taylorismo
• O empresário Henry Ford propôs diversas
  inovações no processo produtivo com o
  objetivo de produzir mais em menor tempo.

• Introduziu nas fábricas a produção em série
  (produtos padronizados e em grande
  quantidade) e a divisão da produção (cada
  trabalhador realiza apenas uma tarefa               Henry Ford
  específica.

• Esse processo adotado por outras fábricas
  ficou conhecido como fordismo.
                       geo-educacao.blogspot.com.br
• A sistematização desse processo foi feita por
                    Frederik Taylor, que procurou intensificar
                    ainda mais o ritmo de trabalho nas fábricas.

                  • A produção passou a ser planejada e
                    controlada nos escritórios, havendo,
Frederik Taylor     portanto, a separação do trabalho intelectual
                    do manual. Com essas modificações,
                    podemos falar em regime fordista/taylorista.




                             geo-educacao.blogspot.com.br
Tempos Modernos
Direção de Charles Chaplin. EUA, 1936.

Retrata a vida urbana nos Estados Unidos na década de 1930, logo
após a crise de 1929, quando a depressão levou grande parte da
população ao desemprego e à fome. O filme é uma crítica à vida da
sociedade industrial, à produção com base no sistema de linha de
montagem e ao tratamento desumano dispensado ao trabalhador,
tido como mais uma engrenagem de uma máquina maior.
                         geo-educacao.blogspot.com.br
• Para dominar os mercados, as empresas
  passaram a adotar inovações no
  processo produtivo e nas tecnologias de
  produção. Todos esses avanços
  tecnológicos tornaram possível produzir
  mais do que a demanda e iniciar uma
  era de consumo de massa desenfreado.

• O descarte em massa também se
  tornou uma realidade, com a
  substituição em ritmo constante e
  acelerado de determinados produtos
  por outros tecnologicamente mais
  modernos.

• Para aumentar as vendas, os
  empresários aderiram ainda à prática da
  obsolescência programada.
                          geo-educacao.blogspot.com.br
Reprodução do vídeo:

A história das coisas




     geo-educacao.blogspot.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Globalização da Economia
Globalização da EconomiaGlobalização da Economia
Globalização da Economia
 
Geopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais IGeopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais I
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
 
Tigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e JapãoTigres Asiáticos e Japão
Tigres Asiáticos e Japão
 
Conferências ambientais
Conferências ambientaisConferências ambientais
Conferências ambientais
 
Capitalismo e sua evolução
Capitalismo e sua evoluçãoCapitalismo e sua evolução
Capitalismo e sua evolução
 
Liberalismo econômico
Liberalismo econômicoLiberalismo econômico
Liberalismo econômico
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
IECJ - Cap. 7 - A urbanização brasileira
IECJ - Cap. 7 - A urbanização brasileiraIECJ - Cap. 7 - A urbanização brasileira
IECJ - Cap. 7 - A urbanização brasileira
 
Climas do brasil
Climas do brasilClimas do brasil
Climas do brasil
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 
Estado nação, território e poder
Estado nação, território e poderEstado nação, território e poder
Estado nação, território e poder
 
Conflitos fundiários
Conflitos fundiáriosConflitos fundiários
Conflitos fundiários
 
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
Taylorismo, Fordismo e Toyotismo
 
Demografia mundial
Demografia mundialDemografia mundial
Demografia mundial
 
Brasil territorio e fronteiras 7º ano
Brasil territorio e fronteiras   7º anoBrasil territorio e fronteiras   7º ano
Brasil territorio e fronteiras 7º ano
 
Globalização da Economia
Globalização da EconomiaGlobalização da Economia
Globalização da Economia
 
Cidades
CidadesCidades
Cidades
 
Capitalismo e socialismo
Capitalismo e socialismoCapitalismo e socialismo
Capitalismo e socialismo
 

Semelhante a O desenvolvimento tecnológico e o processo de globalização

Industrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.pptIndustrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.pptIgor da Silva
 
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.docA INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.docAlfredoFilho18
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014Fabio Salvari
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrialhistoriando
 
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)Atividades Diversas Cláudia
 
Revoluã§ã£o industrial
Revoluã§ã£o industrialRevoluã§ã£o industrial
Revoluã§ã£o industrialJornal Ovale
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundialArtur Lara
 
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt   capitalismo e a revolução industrialGeografia ppt   capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrialBeatriz EAloísio
 
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt   capitalismo e a revolução industrialGeografia ppt   capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrialAmadeu Neto
 
A revolução técnico científica
A revolução técnico científicaA revolução técnico científica
A revolução técnico científicaCharlles Moreira
 
Evolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrializaçãoEvolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrializaçãoJoão José Ferreira Tojal
 
Setores de produção
Setores de produçãoSetores de produção
Setores de produçãoItalo Alan
 

Semelhante a O desenvolvimento tecnológico e o processo de globalização (20)

Industrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.pptIndustrialização - Revoluções.ppt
Industrialização - Revoluções.ppt
 
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.docA INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Trabalho revolução industrial
Trabalho revolução industrialTrabalho revolução industrial
Trabalho revolução industrial
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 2014
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
 
Revoluã§ã£o industrial
Revoluã§ã£o industrialRevoluã§ã£o industrial
Revoluã§ã£o industrial
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
 
O movimento operário
O movimento operárioO movimento operário
O movimento operário
 
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt   capitalismo e a revolução industrialGeografia ppt   capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
 
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt   capitalismo e a revolução industrialGeografia ppt   capitalismo e a revolução industrial
Geografia ppt capitalismo e a revolução industrial
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 
A revolução técnico científica
A revolução técnico científicaA revolução técnico científica
A revolução técnico científica
 
Evolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrializaçãoEvolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrialização
 
Setores de produção
Setores de produçãoSetores de produção
Setores de produção
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 
A revolução industrial
A revolução industrialA revolução industrial
A revolução industrial
 

Mais de Renata Magalhães

Mais de Renata Magalhães (16)

Slides
Slides Slides
Slides
 
Introdução ao estudo dos seres vivos 2º ano
Introdução ao estudo dos seres vivos 2º anoIntrodução ao estudo dos seres vivos 2º ano
Introdução ao estudo dos seres vivos 2º ano
 
Ecologia 3º ano
Ecologia 3º anoEcologia 3º ano
Ecologia 3º ano
 
Musculação
MusculaçãoMusculação
Musculação
 
Musculação
MusculaçãoMusculação
Musculação
 
Educação Física e Lazer
Educação Física e Lazer Educação Física e Lazer
Educação Física e Lazer
 
O capitalismo informacional
O capitalismo informacionalO capitalismo informacional
O capitalismo informacional
 
CAPITALISMO INFORMACIONAL
CAPITALISMO INFORMACIONALCAPITALISMO INFORMACIONAL
CAPITALISMO INFORMACIONAL
 
Migrações
MigraçõesMigrações
Migrações
 
Sigs
SigsSigs
Sigs
 
Tecnologias modernas utilizadas pela cartografia
Tecnologias modernas utilizadas pela cartografiaTecnologias modernas utilizadas pela cartografia
Tecnologias modernas utilizadas pela cartografia
 
Teoria de tectônica de placas
Teoria de tectônica de placasTeoria de tectônica de placas
Teoria de tectônica de placas
 
A superfície da terra
A superfície da terraA superfície da terra
A superfície da terra
 
Conflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo IIIConflitos armados no mundo III
Conflitos armados no mundo III
 
Conflitos armados no mundo II
Conflitos armados no mundo IIConflitos armados no mundo II
Conflitos armados no mundo II
 
Conflitos armados no mundo I
Conflitos armados no mundo IConflitos armados no mundo I
Conflitos armados no mundo I
 

O desenvolvimento tecnológico e o processo de globalização

  • 1. 2° ano GEOGRAFIA geo-educacao.blogspot.com.br
  • 2. • A internacionalização da economia e a interdependência econômica entre os países se acentuaram nos séculos XIX e XX, períodos marcados por intensas mudanças tecnológicas: as revoluções industriais. • As descobertas e as inovações alteravam não só o mundo da produção, mas também a vida cotidiana e a paisagem. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 3. A Primeira Revolução Industrial • Foi um período de grandes inovações que ocorreu entre meados dos séculos XVIII e XIX. • Esse período se caracteriza pela substituição do trabalho artesanal ou manufatura pela maquinofatura. • Esta última caracteriza-se pela utilização de fontes de energia modernas para movimentar máquinas (carvão mineral), pela produção em larga escala e pela especialização do trabalho. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 4. Nessa fase, ocorreram diversas mudanças sociais econômicas, além de transformações na paisagem. • Econômicas – barateamento dos produtos industrializados; organização da produção com divisão das tarefas (cada trabalhador realizava apenas uma etapa do processo produtivo). • Sociais – aumento da população; surgimento de uma nova classe social: o operariado ou proletariado; agravamento de problemas como o desemprego, a pobreza, a exploração do trabalho infantil, a violência, etc. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 5. • Políticas – os novos interesses industriais começavam a fazer pressão para que os governos abandonassem a política mercantilista e adotassem o livre-comércio, que permitia à indústria importar insumos mais baratos e exportar mais; ao mesmo tempo, ocorreram as primeiras manifestações do proletariado por melhores condições de trabalho e maiores salários e os trabalhadores organizaram-se em associações que, posteriormente, deram origem aos sindicatos. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 6. • Espaciais – construíram-se as ferrovias e surgiram novos povoamentos ao longo do seu traçado. O êxodo rural aumentou a concentração populacional, o número de cidades e os seus territórios; houve maior investimentos nas cidades, dotando-as de equipamentos, como iluminação pública, ruas e distribuição de água encanada. • Em consequência, ocorreu o aumento de problemas urbanos como a proliferação de moradias precárias (cortiços e favelas). geo-educacao.blogspot.com.br
  • 7. A Segunda Revolução Industrial • A partir de 1850, as novas mudanças no modo de produzir estenderam-se para outros países (Estados Unidos, Japão, França e Alemanha). As máquinas foram aperfeiçoadas e a produção tornou-se maior e mais veloz. • A utilização da eletricidade e do petróleo como combustível trouxe novos progressos. • No ciclo do petróleo, na primeira metade do século XX, a indústria automobilística tomou impulso. Carros, três elétricos, aviões possibilitaram transportes mais rápidos e eficientes. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 8. Fordismo/Taylorismo • O empresário Henry Ford propôs diversas inovações no processo produtivo com o objetivo de produzir mais em menor tempo. • Introduziu nas fábricas a produção em série (produtos padronizados e em grande quantidade) e a divisão da produção (cada trabalhador realiza apenas uma tarefa Henry Ford específica. • Esse processo adotado por outras fábricas ficou conhecido como fordismo. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 9. • A sistematização desse processo foi feita por Frederik Taylor, que procurou intensificar ainda mais o ritmo de trabalho nas fábricas. • A produção passou a ser planejada e controlada nos escritórios, havendo, Frederik Taylor portanto, a separação do trabalho intelectual do manual. Com essas modificações, podemos falar em regime fordista/taylorista. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 10. Tempos Modernos Direção de Charles Chaplin. EUA, 1936. Retrata a vida urbana nos Estados Unidos na década de 1930, logo após a crise de 1929, quando a depressão levou grande parte da população ao desemprego e à fome. O filme é uma crítica à vida da sociedade industrial, à produção com base no sistema de linha de montagem e ao tratamento desumano dispensado ao trabalhador, tido como mais uma engrenagem de uma máquina maior. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 11. • Para dominar os mercados, as empresas passaram a adotar inovações no processo produtivo e nas tecnologias de produção. Todos esses avanços tecnológicos tornaram possível produzir mais do que a demanda e iniciar uma era de consumo de massa desenfreado. • O descarte em massa também se tornou uma realidade, com a substituição em ritmo constante e acelerado de determinados produtos por outros tecnologicamente mais modernos. • Para aumentar as vendas, os empresários aderiram ainda à prática da obsolescência programada. geo-educacao.blogspot.com.br
  • 12. Reprodução do vídeo: A história das coisas geo-educacao.blogspot.com.br