RELAÇÕES BILATERALES ESPANHA BRASIL:
Comercio e Investimentos
Inés Menéndez de Luarca Bellido
Conselheira do Escritorio Ec...
A. Institucionais
B. Comerciais
2
C. De Investimento
A. Relações Institucionais
3
• Volumes elevados de Investimento desde 1998 → Intensificação das
Rel. Institucionais
• Viag...
A. Institucionais
B. Comerciais
4
C. De Investimento
B. Relações Comerciais
5
• Fluxos comerciais modestos com relação ao Investimento
● Diferente grau de desenvolvimento dos ...
Em 2009:
X Esp. a Brasil: 1.339 milhões de € (33,45% de LATAM)
• -18,39%
• Destino nº 21 das X esp. / 2º em LATAM
• Origem...
Produtos importados do Brasil Produtos exportados ao Brasil
19%
14%
13%4%
4%
3%
3%
30%
17%
17%
15%4%
3%
3%
2%
27%
B. Relaç...
B. Relações Comerciais
Evolução do comércio bilateral (1999-2009)
Evolução comércio bilateral Espanha-Brasil
3.000.000
3.5...
B. Relações Comerciais
Evolução do comércio bilateral (1999-2009)
Cobertura das exportações
100
120
9
Fonte: Ministerio de...
A. Institucionais
B. Comerciais
10
C. De Investimento
Evolução recente IED a Brasil – países de origem, 2009
C. Relações de Investimento
De ESPANHA a BRASIL
ALEMANIA
FRANCIA
JA...
C. Relações de Investimento
Do BRASIL a ESPANHA
• Incremento significativo nos
últimos anos.
Destacam duas operações:
2005...
OBRIGADA POR SUA ATENÇÃO
Inés Menéndez de Luarca Bellido
Conselheira Econômica e Comercial
saopaulo@comercio.mityc.es
13
s...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Seminário madri, centro de negócios do brasil e da europa – 27 10-2010 – apresentação de inés menéndez de luarca bellido

120 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
120
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário madri, centro de negócios do brasil e da europa – 27 10-2010 – apresentação de inés menéndez de luarca bellido

  1. 1. RELAÇÕES BILATERALES ESPANHA BRASIL: Comercio e Investimentos Inés Menéndez de Luarca Bellido Conselheira do Escritorio Econômico e Comercial da Espanha em São Paulo São Paulo, 27 de outubro de 2010
  2. 2. A. Institucionais B. Comerciais 2 C. De Investimento
  3. 3. A. Relações Institucionais 3 • Volumes elevados de Investimento desde 1998 → Intensificação das Rel. Institucionais • Viagens de autoridades Brasil- Espanha contínuos • Assinatura de Acordos: Plano de Associação Estratégica Espanha- Brasil (14-11-2003)
  4. 4. A. Institucionais B. Comerciais 4 C. De Investimento
  5. 5. B. Relações Comerciais 5 • Fluxos comerciais modestos com relação ao Investimento ● Diferente grau de desenvolvimento dos países → distintos produtos intercambiados - X Bras a Esp: produtos agrícolas e materias primas - X Esp a Brasil: produtos manufaturados e bens de capital
  6. 6. Em 2009: X Esp. a Brasil: 1.339 milhões de € (33,45% de LATAM) • -18,39% • Destino nº 21 das X esp. / 2º em LATAM • Origem nº 15 das M brasileiras • 1,53% Total das M bras. M Esp. do Brasil: 2.251 milhões de € B. Relações Comerciais 6 M Esp. do Brasil: 2.251 milhões de € • -28,05% • Origem nº 20 das M espanholas • Destino nº 16 das X brasileiras • 2,07% Total das M esp. Fonte: Ministerio de Industria, Turismo e Comercio da Espanha Valores recordes de importação e exportação em 2008
  7. 7. Produtos importados do Brasil Produtos exportados ao Brasil 19% 14% 13%4% 4% 3% 3% 30% 17% 17% 15%4% 3% 3% 2% 27% B. Relações Comerciais 7 13% 5%5% 4%15% 7% 5% 4% 12 – Sementes e frutas 10 - Cereais 72 – Fundição ferro e aço 26 – Minerais e cinzas 2 – Carnes e despojos 9 – Café, chá e especiarias 23 – Alimentos para animais 44 – Madeira, carvão vegetal 39 – Plásticos e manufaturas Resto 88 – Navegação aérea 84 - Reatores nucleares e caldeiras 87 – Veículos automóveis 85 – Máquinas e material elétrico 39 – Plásticos e manufaturas 28 – Químicos inorgânicos 27 – Combustiveis minerais 73 – Manufaturas de ferro 29 –Químicos orgânicos Resto Secretaria de Estado de Turismo e ComercioSecretaria de Estado de Turismo e Comercio
  8. 8. B. Relações Comerciais Evolução do comércio bilateral (1999-2009) Evolução comércio bilateral Espanha-Brasil 3.000.000 3.500.000 8 Fonte: Ministerio de Industria, Turismo y Comercio de España 0 500.000 1.000.000 1.500.000 2.000.000 2.500.000 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 Miles€ Exportações Importações
  9. 9. B. Relações Comerciais Evolução do comércio bilateral (1999-2009) Cobertura das exportações 100 120 9 Fonte: Ministerio de Industria, Turismo y Comercio de España 0 20 40 60 80 100 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
  10. 10. A. Institucionais B. Comerciais 10 C. De Investimento
  11. 11. Evolução recente IED a Brasil – países de origem, 2009 C. Relações de Investimento De ESPANHA a BRASIL ALEMANIA FRANCIA JAPÓN CANADÁ CHILE ISLAS CAIMÁN AUST RALIA (En millones de US$) 2,00 4,00 6,00 8,00 10,00 12,00 14,00 16,00 Millones de euros 11 Inversión bruta No ETVE Secretaría de Estado de Turismo y Comercio• Crescimento espetacular no final dos anos 90. • Espanha primeiro investidor em 1998 (22% do total) e 2000 (29%). • Principais setores: seguros, financeiro e construção. • Em 2009, 3º investidor no Brasil, segundo o Banco Central do Brasil (962 M. de €). 0 1000 2000 3000 4000 5000 6000 7000 PAISES BAJOS ESTADOS UNIDOS ESPAÑA0,00 1997 1999 2001 2003 2005 2007 2009 *Investimento bruto No ETVE. Fluxos acumulados Secretaria de Estado de Turismo e Comercio Banco Central do Brasil
  12. 12. C. Relações de Investimento Do BRASIL a ESPANHA • Incremento significativo nos últimos anos. Destacam duas operações: 2005: Compra de 80% de SIDENOR por GERDAU + SANTANDER 9,74 12,06 4,46 169,04 4,23 7,64 7,4840 60 80 100 120 140 160 180 Evolução recente 12 Fonte: DataInvex. MITyC. Dados de investimento bruto, de operações No ETVE Period o 2005 2006 2007 2008 2009 Mill. € 4,9 168,8 4,23 7,64 7,48 2006: Fusão empresa espanhola TAVEX com a brasileira SANTISTA TÊXTIL • Em 2009: 7,48 Milhões de € 2,85 9,74 2,16 4,46 1,6 4,9 4,23 7,64 7,48 0 20 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
  13. 13. OBRIGADA POR SUA ATENÇÃO Inés Menéndez de Luarca Bellido Conselheira Econômica e Comercial saopaulo@comercio.mityc.es 13 saopaulo@comercio.mityc.es www.icex.es www.oficinascomerciales.es

×