SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
Baixar para ler offline
Estratégias de Internacionalização 
19 de setembro de 2014
As novas tendências do comércio internacional 
A urbanização das populações. Grandes metrópoles. 
Internacionalização das empresas portuguesas. 
A importância crescente do setor dos Serviços. 
A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
About Us 
Novas Tendências do Comércio Internacional 
Integração dos mercados. 
União Europeia, Nafta, Asean, Mercosur, TTIP, TPP, … 
Fragmentação da produção. 
Cadeias de abastecimento globais (global sourcing). 
Trabalho em rede. 
We are all connected. 
Collaboration is the new competition. 
Mundo multipolar. Novos mercados emergentes. 
Novas classes médias. Novos consumidores.
About Us 
Novas Tendências do Comércio Internacional 
Aumento exponencial da concorrência. 
A começar no mercado interno. 
Excesso de oferta. Falta de procura. 
Todos os países incentivam a exportação; procuram atrair 
investimento estrangeiro e atrair mais turistas 
Diminuição do ciclo de vida dos bens e serviços. 
Novas tecnologias. Inovação. Diferenciação. 
Aparecimento constante de novas propostas de valor. 
Crescente importância do setor dos Serviços. 
Apoio à expansão indústrial nos mercados emergentes. 
Diminuição das restrições legais ao comércio e investimento. 
Aparecimento de novas propostas de valor. 
Crescente urbanização das populações
As novas tendências do comércio internacional 
A urbanização das populações. Grandes metrópoles. 
Internacionalização das empresas portuguesas. 
A importância crescente do setor dos Serviços. 
A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
About Us 
Crescente urbanização das populações 
Desde 1950, a população das áreas metropolitanas multiplicou-se por 4 para 
3,6 mil milhões de habitantes. 
Estima-se que em 2035, este número de habitantes cresca para mais de 5 mil 
milhões de habitantes, ou seja, 60% da população mundial. 
Cerca de 65 milhões de pessoas/ano, migram para viver em cidades. 
Grandes metrópoles – mais oportunidades de negócio 
Em 2010, havia 457 áreas metropoitanas com mais de 1 milhão de pessoas. Há 
100 anos, havia apenas 16. 
Nas últimas décadas, surgiram 23 mega metrópoles, cada uma com mais de 10 
milhões de habitantes. 
As cidades são motores de desenvolvimento, de inovação tecnológica, de 
oportunidades de negócio, nomeadamente de mobilidade urbana e de 
estacionamento. 
As grandes cidades são os destinos prioritários das empresas portuguesas que 
se internacionalizam. 
300 áreas metropolitanas com 19% da população, representam 48% PIB mundial. 
70% destas áreas metropolitanas localizam-se na Ásia e na América Latina.
As novas tendências do comércio internacional 
A urbanização das populações. Grandes metrópoles. 
Internacionalização das empresas portuguesas. 
A importância crescente do setor dos Serviços. 
A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
Distribuição das Empresas Exportadoras 
113 
47% 
2012 
Fonte: INE Nº Empresas % da Exportação total 
Empresas que exportam 
mais de 50 milhões de 
euros/ano. 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 8
Distribuição das Empresas Exportadoras 
12% 
47% 
146 
113 
2012 
Nº Empresas % da Exportação total 
Fonte: INE 
Empresas que exportam 
entre 25 e 50 milhões de 
euros/ano. 
Empresas que exportam 
mais de 50 milhões de 
euros/ano. 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 9
Distribuição das Empresas Exportadoras 
35% 
12% 
47% 
3.571 
146 
113 
2012 
Nº Empresas % da Exportação total 
Fonte: INE 
Empresas que exportam 
entre 1 e 25 milhões de 
euros/ano. 
Empresas que exportam 
entre 25 e 50 milhões de 
euros/ano. 
Empresas que exportam 
mais de 50 milhões de 
euros/ano. 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 10
Distribuição das Empresas Exportadoras 
6% 
35% 
12% 
47% 
18.141 
3.571 
146 
113 
2012 
Nº Empresas % da Exportação total 
Fonte: INE 
Empresas que 
exportam menos de 1 
milhão de euros/ano. 
Empresas que exportam 
entre 1 e 25 milhões de 
euros/ano. 
Empresas que exportam 
entre 25 e 50 milhões de 
euros/ano. 
Empresas que exportam 
mais de 50 milhões de 
euros/ano. 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 11
About Us 
Exportação 
Licenciamento 
Investimento Direto 
Estrangeiro 
Estratégias de 
Internacionalização
About Us 
Agentes Distribuidores 
Exportação 
Consórcios Tradings 
Licenciamento 
Investimento Direto 
Estrangeiro 
Estratégias de 
Internacionalização
About Us 
Agentes Distribuidores 
Exportação 
Consórcios Tradings 
Patentes Franchising 
Licenciamento 
Marcas Produtos 
Investimento Direto 
Estrangeiro 
Estratégias de 
Internacionalização
About Us 
Agentes Distribuidores 
Exportação 
Consórcios Tradings 
Patentes Franchising 
Licenciamento 
Marcas Produtos 
Aquisições Greenfield 
Investimento Direto 
Estrangeiro 
Joint Ventures 
Estratégias de 
Internacionalização
About Us 
Agentes Distribuidores 
Exportação 
Consórcios Tradings 
Patentes Franchising 
Licenciamento 
Marcas Produtos 
Aquisições Greenfield 
Investimento Direto 
Estrangeiro 
Joint Ventures 
Proximidade geográfica 
Proximidade cultural e 
linguística. 
Estratégias de 
Internacionalização 
Empresas que nascem 
com vocação global. 
(born global)
União Europeia 
Bens + Serviços 
69,0% 
América do 
Norte 
Bens + Serviços 
5,6% 
América Latina 
Bens + Serviços 
4,0% 
África 
Bens + Serviços 
10,0% 
Situação em 2013 
Ásia 
Médio Oriente 
Bens + Serviços 
11,4% 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 17
17,1 
Peso das Exportações de Bens e Serviços no PIB (%) 
18,3 18,8 19,2 19,2 20,0 19,9 20,3 
21,6 22,0 21,6 
23,4 24,2 24,0 
About Us 
21,7 
23,6 
25,6 
27,6 
29,6 29,3 
5,5 5,2 5,2 5,5 5,5 5,9 6,0 6,0 6,0 6,3 6,5 
7,5 8,3 8,4 8,1 8,5 9,2 9,6 10,4 10,6 
22,7 23,4 24,0 24,8 24,7 
25,9 25,8 26,4 
27,6 28,2 28,1 
30,9 
32,5 32,4 
29,8 
32,2 
34,9 
37,2 
40,0 39,9 
BENS SERV EXP TOT 
Preços Correntes 
Fonte: Banco de Portugal
About Us 
Exportações Portuguesas de Serviços 
Ano de 2013 
Fonte – Aicep 
Viagens e turismo 
Transportes 
Outros serviços fornecidos por 
empresas 
Serviços de construção 
Serviços de informação e de 
informática 
Serviços de comunicação 
Serviços de natureza pessoal, cultural 
e recreativa 
Operações governamentais 
Serviços financeiros 
Seguros 
Direitos de utilização
As novas tendências do comércio internacional 
A urbanização das populações. Grandes metrópoles. 
Internacionalização das empresas portuguesas. 
A importância crescente do setor dos Serviços. 
A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
About Us 
Internacionalização do setor dos Serviços 
1. Conseguir economias de escala. 
2. Acompanhar clientes no estrangeiro. 
3. Em resposta à estratégia da concorrência.
About Us 
Internacionalização do setor dos Serviços 
1. Conseguir economias de escala. 
2. Acompanhar clientes no estrangeiro. 
3. Em resposta à estratégia da concorrência. 
Aspectos determinantes 
1. Excelência, a qualidade e a flexibilidade do serviço. 
2. Relacionamento pessoal. Proximidade cultural. 
3. Respeitar as diferenças culturais. 
The business of international business is Culture 
4. Reputação internacional. Rede de contactos.
As novas tendências do comércio internacional 
A urbanização das populações. Grandes metrópoles. 
Internacionalização das empresas portuguesas. 
A importância crescente do setor dos Serviços. 
A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
aicep Portugal Global é uma agência pública de natureza empresarial, cuja 
missão é: 
Atrair investimento estrangeiro para Portugal, acompanhando os investidores 
internacionais e nacionais em todos os seus contactos com a administração 
pública, facilitando todo o processo do investimento. 
Apoiar a expansão internacional dos negócios das empresas portuguesas, 
posicionando-nos como facilitadores dos negócios. 
Gestor de Cliente 
como contacto 
privilegiado na 
AICEP 
Apoio personalizado 
durante todo o 
processo de 
internacionalzação 
Uma Rede Externa 
reforçada com a 
integração nas 
Embaixadas de Portugal 
Lógica de 
proximidade 
às empresas 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 24
Apoio no Processo de Internacionalização 
Novos Exportadores Em Consolidação Investem no exterior 
Segmentos 
de Clientes 
Canais de 
Relacionamento Gestores de Cliente Lojas da Exportação Contact Center / Site 
Produtos / 
Serviços 
Oportunidades Negócio Capacitação Listas de Importadores Feiras Internacionais 
Informação / Mercados Contacto c/ Capital Risco Missões Empresariais Estudos Setorias 
Recursos 440 colaboradores Rede Externa em 46 cidades Os Apoios Comunitários 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 25
About Us 
Apoios Comunitários 2007-2014 
Projetos Individuais 
Tecnologias de Informação 
Nº de Projectos 
2.377 
309 
Investimento total Incentivo público 
€861.014.453 
€ 129.235.246 
€ 320.875.528 
€ 47.176.286 
Projetos Coletivos 220 € 427.000.000 € 210.000.000
About Us 
1 
Pre- 
Investment 
Investimento Direto 
2 
Incentives 
Negotiation 
3 
Settling In 
4 
After Care 
Single point of contact 
in all phases: pre-investment, 
incentives 
negotiation, settling in 
and after care
Our decision is a result of the recognition of the 
“ 
hospitality and the commitment of the Portuguese Government, of 
the multilingual skills of the local population as well as its 
professionalism and ability, and proven success in innovation 
areas.” 
Chris Dedicoat, Senior Vice-President for Europe, Cisco 
” 
One of our main strategic lines was always to 
shorten distances with the academic world and to bet in strong 
innovation, investigation and development in Portugal thus 
taking advantage of the Portuguese engineer’s excellence. 
João Picoto, Chairman of NSN Portugal 
“ 
” 
SERVIÇOS INDÚSTRIA
AICEP – Rede Externa 
Europa 
Dublin 
Londres 
Barcelona 
Madrid 
Haia 
Bruxelas 
Paris 
Estocolmo 
Copenhaga 
Berlim 
Helsínquia 
Varsóvia 
Moscovo 
Zurique 
Praga 
Viena 
Budapeste 
Bucareste 
Milão 
Ancara 
Atenas 
Porto 
Lisboa 
Centro de Negócios 
Escritório 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 29
AICEP – Rede Externa – Fora da Europa 
São Francisco 
Cidade do México 
Centro de Negócios 
Escritório 
Macau 
Toronto 
Nova Iorque 
Porto 
Lisboa 
Rabat 
Argel 
Luanda 
Praia 
São Paulo 
Pequim 
Nova Deli 
Maputo 
Tunes 
Tripoli 
Abu Dhabi 
Joanesburgo 
Xangai 
Kuala-Lumpur 
Singapura 
Caracas 
´Bogotá 
Santiago do Chile 
Tóquio 
Jacarta 
Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 30
www.portugalglobal.pt

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentaçao UNE Spain Brasil
Apresentaçao UNE Spain BrasilApresentaçao UNE Spain Brasil
Apresentaçao UNE Spain BrasilDavid Cánovas
 
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no Oje
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no OjeEntrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no Oje
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no OjeCleverti
 
Dossier Estratégico de Procura Mundial
Dossier Estratégico de Procura MundialDossier Estratégico de Procura Mundial
Dossier Estratégico de Procura MundialAEP | INTERNACIONAL
 
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...LCA promo
 
AFRICA CEO FORUM 2015 - Brochura
AFRICA CEO FORUM 2015 - BrochuraAFRICA CEO FORUM 2015 - Brochura
AFRICA CEO FORUM 2015 - BrochuraAFRICA CEO FORUM
 
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World Offices
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World OfficesNorth America Tower | (21) 4108-7777 | One World Offices
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World OfficesImóveis Mais Rio
 
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência ColetivaMiguel Toscano
 
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e Senegal
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e SenegalDiagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e Senegal
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e SenegalAEP | INTERNACIONAL
 
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13Luis Rasquilha
 
Países Nórdicos - Diagnóstico Flash
Países Nórdicos - Diagnóstico FlashPaíses Nórdicos - Diagnóstico Flash
Países Nórdicos - Diagnóstico FlashAEP | INTERNACIONAL
 

Mais procurados (15)

Apresentaçao UNE Spain Brasil
Apresentaçao UNE Spain BrasilApresentaçao UNE Spain Brasil
Apresentaçao UNE Spain Brasil
 
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no Oje
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no OjeEntrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no Oje
Entrevista a Carlos Coutinho Silva, CEO da cleverti, no Oje
 
Dossier Estratégico de Procura Mundial
Dossier Estratégico de Procura MundialDossier Estratégico de Procura Mundial
Dossier Estratégico de Procura Mundial
 
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...
Evandro Millet - Desenvolvimento do Pólo da Tecnologia da Informação e Comuni...
 
AFRICA CEO FORUM 2015 - Brochura
AFRICA CEO FORUM 2015 - BrochuraAFRICA CEO FORUM 2015 - Brochura
AFRICA CEO FORUM 2015 - Brochura
 
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World Offices
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World OfficesNorth America Tower | (21) 4108-7777 | One World Offices
North America Tower | (21) 4108-7777 | One World Offices
 
Revista Caixa Empresas | outubro 2015
Revista Caixa Empresas | outubro 2015Revista Caixa Empresas | outubro 2015
Revista Caixa Empresas | outubro 2015
 
Revista CGD 2015
Revista CGD 2015Revista CGD 2015
Revista CGD 2015
 
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva
19.03.2013.Viana do Castelo_Europa 2020 e a Eficiência Coletiva
 
Revista Caixa Empresas | jan 2015
Revista Caixa Empresas |  jan 2015Revista Caixa Empresas |  jan 2015
Revista Caixa Empresas | jan 2015
 
Projecto empresa
Projecto empresaProjecto empresa
Projecto empresa
 
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e Senegal
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e SenegalDiagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e Senegal
Diagnóstico de Mercado: Costa do Marfim, Gana e Senegal
 
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13
AYR Emergent Markets Entrevista Meios e Publicidade Jun13
 
Países Nórdicos - Diagnóstico Flash
Países Nórdicos - Diagnóstico FlashPaíses Nórdicos - Diagnóstico Flash
Países Nórdicos - Diagnóstico Flash
 
PPoint Motiv8
PPoint Motiv8PPoint Motiv8
PPoint Motiv8
 

Semelhante a Estratégias Internacionalização

Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodrigues
Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro RodriguesInternacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodrigues
Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodriguespedrogfhferreira
 
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...Município de Ponte de Lima
 
Incentivos financeiros 2014 2020
Incentivos financeiros 2014 2020Incentivos financeiros 2014 2020
Incentivos financeiros 2014 2020Rui Filipe Garcia
 
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional Marco Menezes
 
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia Marco Menezes
 
Competetividade das empresas
Competetividade das empresasCompetetividade das empresas
Competetividade das empresasNuno Sousa
 
Pedro Rodrigues - Competir sem Fronteiras
Pedro Rodrigues - Competir sem FronteirasPedro Rodrigues - Competir sem Fronteiras
Pedro Rodrigues - Competir sem FronteirasJoão Tàtá dos Anjos
 
Apresentação Export Partners Consulting 2016
Apresentação Export Partners Consulting 2016Apresentação Export Partners Consulting 2016
Apresentação Export Partners Consulting 2016Daniel Coelho
 
Consultoria Atm
Consultoria AtmConsultoria Atm
Consultoria Atmsiqueiramt
 
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 20203 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020Miguel Toscano
 
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portugues
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portuguesInnovo usach ambito publico negocios privados v3 portugues
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portuguesINNOVO USACH
 
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019Jorge Antunes
 

Semelhante a Estratégias Internacionalização (20)

Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodrigues
Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro RodriguesInternacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodrigues
Internacionalização e o Papel da AICEP - Pedro Rodrigues
 
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...
A aicep Portugal Global | Sessão informativa 'Internacionalizar e as Empresas...
 
Exportaminas em Uberlândia - dez/10
Exportaminas em Uberlândia - dez/10Exportaminas em Uberlândia - dez/10
Exportaminas em Uberlândia - dez/10
 
Incentivos financeiros 2014 2020
Incentivos financeiros 2014 2020Incentivos financeiros 2014 2020
Incentivos financeiros 2014 2020
 
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional
Desafios para a Exportação e Promoção Comercial Internacional
 
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia
Terceira Reunião de Avaliação da Estratégia
 
Competetividade das empresas
Competetividade das empresasCompetetividade das empresas
Competetividade das empresas
 
ADSO DOSSIER PORTUGAL2020
ADSO DOSSIER PORTUGAL2020ADSO DOSSIER PORTUGAL2020
ADSO DOSSIER PORTUGAL2020
 
Exportaminas Wtc 24mar11
Exportaminas   Wtc 24mar11Exportaminas   Wtc 24mar11
Exportaminas Wtc 24mar11
 
Economia Global - Palestra em Campo Grande/MS
Economia Global - Palestra em Campo Grande/MSEconomia Global - Palestra em Campo Grande/MS
Economia Global - Palestra em Campo Grande/MS
 
Pedro Rodrigues - Competir sem Fronteiras
Pedro Rodrigues - Competir sem FronteirasPedro Rodrigues - Competir sem Fronteiras
Pedro Rodrigues - Competir sem Fronteiras
 
Tga internacionalização de empresas brasileiras.
Tga   internacionalização de empresas brasileiras.Tga   internacionalização de empresas brasileiras.
Tga internacionalização de empresas brasileiras.
 
Apresentação Export Partners Consulting 2016
Apresentação Export Partners Consulting 2016Apresentação Export Partners Consulting 2016
Apresentação Export Partners Consulting 2016
 
Juarez
JuarezJuarez
Juarez
 
Presentación Apex Brasil
Presentación Apex Brasil Presentación Apex Brasil
Presentación Apex Brasil
 
Consultoria Atm
Consultoria AtmConsultoria Atm
Consultoria Atm
 
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 20203 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020
3 17.01.2013.covilhã estrategia europa 2020
 
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portugues
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portuguesInnovo usach ambito publico negocios privados v3 portugues
Innovo usach ambito publico negocios privados v3 portugues
 
Exportaminas curta 19-05-2011
Exportaminas curta 19-05-2011Exportaminas curta 19-05-2011
Exportaminas curta 19-05-2011
 
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019
 

Mais de mobilidade2014 (13)

Nigel williams
Nigel williamsNigel williams
Nigel williams
 
Ricardo carvalho
Ricardo carvalhoRicardo carvalho
Ricardo carvalho
 
Jorge jakob
Jorge jakobJorge jakob
Jorge jakob
 
Nigel williams
Nigel williamsNigel williams
Nigel williams
 
Wilco van de vosse
Wilco van de vosseWilco van de vosse
Wilco van de vosse
 
Obadias djedje
Obadias djedjeObadias djedje
Obadias djedje
 
José antónio ferrão
José antónio ferrãoJosé antónio ferrão
José antónio ferrão
 
Ignasi jordi
Ignasi jordiIgnasi jordi
Ignasi jordi
 
Helder preza
Helder prezaHelder preza
Helder preza
 
Elisa nieto
Elisa nietoElisa nieto
Elisa nieto
 
Peter guest
Peter guestPeter guest
Peter guest
 
João caetano dias
João caetano diasJoão caetano dias
João caetano dias
 
Joao dias
Joao diasJoao dias
Joao dias
 

Estratégias Internacionalização

  • 1. Estratégias de Internacionalização 19 de setembro de 2014
  • 2. As novas tendências do comércio internacional A urbanização das populações. Grandes metrópoles. Internacionalização das empresas portuguesas. A importância crescente do setor dos Serviços. A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
  • 3. About Us Novas Tendências do Comércio Internacional Integração dos mercados. União Europeia, Nafta, Asean, Mercosur, TTIP, TPP, … Fragmentação da produção. Cadeias de abastecimento globais (global sourcing). Trabalho em rede. We are all connected. Collaboration is the new competition. Mundo multipolar. Novos mercados emergentes. Novas classes médias. Novos consumidores.
  • 4. About Us Novas Tendências do Comércio Internacional Aumento exponencial da concorrência. A começar no mercado interno. Excesso de oferta. Falta de procura. Todos os países incentivam a exportação; procuram atrair investimento estrangeiro e atrair mais turistas Diminuição do ciclo de vida dos bens e serviços. Novas tecnologias. Inovação. Diferenciação. Aparecimento constante de novas propostas de valor. Crescente importância do setor dos Serviços. Apoio à expansão indústrial nos mercados emergentes. Diminuição das restrições legais ao comércio e investimento. Aparecimento de novas propostas de valor. Crescente urbanização das populações
  • 5. As novas tendências do comércio internacional A urbanização das populações. Grandes metrópoles. Internacionalização das empresas portuguesas. A importância crescente do setor dos Serviços. A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
  • 6. About Us Crescente urbanização das populações Desde 1950, a população das áreas metropolitanas multiplicou-se por 4 para 3,6 mil milhões de habitantes. Estima-se que em 2035, este número de habitantes cresca para mais de 5 mil milhões de habitantes, ou seja, 60% da população mundial. Cerca de 65 milhões de pessoas/ano, migram para viver em cidades. Grandes metrópoles – mais oportunidades de negócio Em 2010, havia 457 áreas metropoitanas com mais de 1 milhão de pessoas. Há 100 anos, havia apenas 16. Nas últimas décadas, surgiram 23 mega metrópoles, cada uma com mais de 10 milhões de habitantes. As cidades são motores de desenvolvimento, de inovação tecnológica, de oportunidades de negócio, nomeadamente de mobilidade urbana e de estacionamento. As grandes cidades são os destinos prioritários das empresas portuguesas que se internacionalizam. 300 áreas metropolitanas com 19% da população, representam 48% PIB mundial. 70% destas áreas metropolitanas localizam-se na Ásia e na América Latina.
  • 7. As novas tendências do comércio internacional A urbanização das populações. Grandes metrópoles. Internacionalização das empresas portuguesas. A importância crescente do setor dos Serviços. A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
  • 8. Distribuição das Empresas Exportadoras 113 47% 2012 Fonte: INE Nº Empresas % da Exportação total Empresas que exportam mais de 50 milhões de euros/ano. Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 8
  • 9. Distribuição das Empresas Exportadoras 12% 47% 146 113 2012 Nº Empresas % da Exportação total Fonte: INE Empresas que exportam entre 25 e 50 milhões de euros/ano. Empresas que exportam mais de 50 milhões de euros/ano. Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 9
  • 10. Distribuição das Empresas Exportadoras 35% 12% 47% 3.571 146 113 2012 Nº Empresas % da Exportação total Fonte: INE Empresas que exportam entre 1 e 25 milhões de euros/ano. Empresas que exportam entre 25 e 50 milhões de euros/ano. Empresas que exportam mais de 50 milhões de euros/ano. Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 10
  • 11. Distribuição das Empresas Exportadoras 6% 35% 12% 47% 18.141 3.571 146 113 2012 Nº Empresas % da Exportação total Fonte: INE Empresas que exportam menos de 1 milhão de euros/ano. Empresas que exportam entre 1 e 25 milhões de euros/ano. Empresas que exportam entre 25 e 50 milhões de euros/ano. Empresas que exportam mais de 50 milhões de euros/ano. Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 11
  • 12. About Us Exportação Licenciamento Investimento Direto Estrangeiro Estratégias de Internacionalização
  • 13. About Us Agentes Distribuidores Exportação Consórcios Tradings Licenciamento Investimento Direto Estrangeiro Estratégias de Internacionalização
  • 14. About Us Agentes Distribuidores Exportação Consórcios Tradings Patentes Franchising Licenciamento Marcas Produtos Investimento Direto Estrangeiro Estratégias de Internacionalização
  • 15. About Us Agentes Distribuidores Exportação Consórcios Tradings Patentes Franchising Licenciamento Marcas Produtos Aquisições Greenfield Investimento Direto Estrangeiro Joint Ventures Estratégias de Internacionalização
  • 16. About Us Agentes Distribuidores Exportação Consórcios Tradings Patentes Franchising Licenciamento Marcas Produtos Aquisições Greenfield Investimento Direto Estrangeiro Joint Ventures Proximidade geográfica Proximidade cultural e linguística. Estratégias de Internacionalização Empresas que nascem com vocação global. (born global)
  • 17. União Europeia Bens + Serviços 69,0% América do Norte Bens + Serviços 5,6% América Latina Bens + Serviços 4,0% África Bens + Serviços 10,0% Situação em 2013 Ásia Médio Oriente Bens + Serviços 11,4% Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 17
  • 18. 17,1 Peso das Exportações de Bens e Serviços no PIB (%) 18,3 18,8 19,2 19,2 20,0 19,9 20,3 21,6 22,0 21,6 23,4 24,2 24,0 About Us 21,7 23,6 25,6 27,6 29,6 29,3 5,5 5,2 5,2 5,5 5,5 5,9 6,0 6,0 6,0 6,3 6,5 7,5 8,3 8,4 8,1 8,5 9,2 9,6 10,4 10,6 22,7 23,4 24,0 24,8 24,7 25,9 25,8 26,4 27,6 28,2 28,1 30,9 32,5 32,4 29,8 32,2 34,9 37,2 40,0 39,9 BENS SERV EXP TOT Preços Correntes Fonte: Banco de Portugal
  • 19. About Us Exportações Portuguesas de Serviços Ano de 2013 Fonte – Aicep Viagens e turismo Transportes Outros serviços fornecidos por empresas Serviços de construção Serviços de informação e de informática Serviços de comunicação Serviços de natureza pessoal, cultural e recreativa Operações governamentais Serviços financeiros Seguros Direitos de utilização
  • 20. As novas tendências do comércio internacional A urbanização das populações. Grandes metrópoles. Internacionalização das empresas portuguesas. A importância crescente do setor dos Serviços. A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
  • 21. About Us Internacionalização do setor dos Serviços 1. Conseguir economias de escala. 2. Acompanhar clientes no estrangeiro. 3. Em resposta à estratégia da concorrência.
  • 22. About Us Internacionalização do setor dos Serviços 1. Conseguir economias de escala. 2. Acompanhar clientes no estrangeiro. 3. Em resposta à estratégia da concorrência. Aspectos determinantes 1. Excelência, a qualidade e a flexibilidade do serviço. 2. Relacionamento pessoal. Proximidade cultural. 3. Respeitar as diferenças culturais. The business of international business is Culture 4. Reputação internacional. Rede de contactos.
  • 23. As novas tendências do comércio internacional A urbanização das populações. Grandes metrópoles. Internacionalização das empresas portuguesas. A importância crescente do setor dos Serviços. A Aicep – Missão e o apoio às empresas. Rede externa.
  • 24. aicep Portugal Global é uma agência pública de natureza empresarial, cuja missão é: Atrair investimento estrangeiro para Portugal, acompanhando os investidores internacionais e nacionais em todos os seus contactos com a administração pública, facilitando todo o processo do investimento. Apoiar a expansão internacional dos negócios das empresas portuguesas, posicionando-nos como facilitadores dos negócios. Gestor de Cliente como contacto privilegiado na AICEP Apoio personalizado durante todo o processo de internacionalzação Uma Rede Externa reforçada com a integração nas Embaixadas de Portugal Lógica de proximidade às empresas Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 24
  • 25. Apoio no Processo de Internacionalização Novos Exportadores Em Consolidação Investem no exterior Segmentos de Clientes Canais de Relacionamento Gestores de Cliente Lojas da Exportação Contact Center / Site Produtos / Serviços Oportunidades Negócio Capacitação Listas de Importadores Feiras Internacionais Informação / Mercados Contacto c/ Capital Risco Missões Empresariais Estudos Setorias Recursos 440 colaboradores Rede Externa em 46 cidades Os Apoios Comunitários Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 25
  • 26. About Us Apoios Comunitários 2007-2014 Projetos Individuais Tecnologias de Informação Nº de Projectos 2.377 309 Investimento total Incentivo público €861.014.453 € 129.235.246 € 320.875.528 € 47.176.286 Projetos Coletivos 220 € 427.000.000 € 210.000.000
  • 27. About Us 1 Pre- Investment Investimento Direto 2 Incentives Negotiation 3 Settling In 4 After Care Single point of contact in all phases: pre-investment, incentives negotiation, settling in and after care
  • 28. Our decision is a result of the recognition of the “ hospitality and the commitment of the Portuguese Government, of the multilingual skills of the local population as well as its professionalism and ability, and proven success in innovation areas.” Chris Dedicoat, Senior Vice-President for Europe, Cisco ” One of our main strategic lines was always to shorten distances with the academic world and to bet in strong innovation, investigation and development in Portugal thus taking advantage of the Portuguese engineer’s excellence. João Picoto, Chairman of NSN Portugal “ ” SERVIÇOS INDÚSTRIA
  • 29. AICEP – Rede Externa Europa Dublin Londres Barcelona Madrid Haia Bruxelas Paris Estocolmo Copenhaga Berlim Helsínquia Varsóvia Moscovo Zurique Praga Viena Budapeste Bucareste Milão Ancara Atenas Porto Lisboa Centro de Negócios Escritório Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 29
  • 30. AICEP – Rede Externa – Fora da Europa São Francisco Cidade do México Centro de Negócios Escritório Macau Toronto Nova Iorque Porto Lisboa Rabat Argel Luanda Praia São Paulo Pequim Nova Deli Maputo Tunes Tripoli Abu Dhabi Joanesburgo Xangai Kuala-Lumpur Singapura Caracas ´Bogotá Santiago do Chile Tóquio Jacarta Programa de Desenvolvimento em Gestão e Liderança de PME Lider Estratégias de Internacionalização Miguel Athayde Marques / José Vital Morgado 30

Notas do Editor

  1. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  2. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  3. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  4. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  5. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  6. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  7. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  8. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  9. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  10. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  11. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  12. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  13. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  14. AICEP is a Government business entity,  focused in encouraging the best foreign companies to invest in Portugal and contribute to the success of Portuguese companies abroad in their internationalization processes or export activities. When it comes to foeign investors, those are the 4 main steps of our support since you decision to invest until ssettling-in and aftercare. Pre-investment: RFI, tailor-made information for the customer; Incentives negotiation: we provide a simulation of the incentives package that better suits your project; Settlin-in: Licensing procedures, zoning, environment, we also support you in choosing the best location, either office or industrial. After care: a key account manager is appointed and it will be your contact person from that moment on.
  15. We use to say that our best ambassadors are the foreign investors established in the country. If you are considering Portugal, we strongly invite you to talk to them and witness their experience.