SlideShare uma empresa Scribd logo
BRASIL EM 1889-
20 ESTADOS
A REPÚBLICA CHEGOU
MILITARES
OLIGARQUIAS
CRISE ECONÔMICA
REVOLTAS
REPÚBLICA VELHAREPÚBLICA VELHA
PERIODIZAÇÃO:
República da Espada
1889 - 1894
República Oligárquica
1894 - 1930
PERIODIZAÇÃO:
República da Espada
1889 - 1894
República Oligárquica
1894 - 1930
ALIANÇA ENTRE MILITARES
E CAFEICULTORES
ALIANÇA ENTRE MILITARES
E CAFEICULTORES
Governo Provisório Deodoro da Fonseca:
Assembleia Constituinte
Autoritarismo
Separação da Igreja do Estado
Naturalização em massa
Guerra do Paraguai
dependência da Inglaterra
Crise econômica Lei Áurea – queda da produção
déficit comercial
Bancos internacionais inseguros
Rui Barbosa – Ministro da Fazenda
Encilhamento
Primeira Constituição Republicana – 1891
Eleições diretas e indiretas
Presidente Deodoro da Fonseca – 1891 –
8 meses
Divergências entre o executivo e Legislativo
Deodoro tentou um golpe
Organiza-se a resistência
23/11/1891 – Revolta da Armada - RJ
FLORIANO PEIXOTO – 1891-94
Soluções para crise econômica
Paternalismo e nacionalismo
Crise política
Revolução Federalista – RS – 1893/95
FLORIANO PEIXOTO – 1891-94
Soluções para crise econômica
Paternalismo e nacionalismo
Crise política
Revolução Federalista – RS – 1893/95
PL (Maragatos) X PRR ( pica-paus)
Federalistas X Positivistas
Floriano Peixoto
1893 – Segunda Revolta da Armada
Repressão aos marinheiros pelo Marechal de ferro
Fim de mandato
REPÚBLICA OLIGÁRQUICA
PRUDENTE DE MORAES-1894 – 1898 ( Paulista)
-Enfrentou crise econômica e a revolução Federalista no Sul.
- 1896 – superprodução de café – preços baixos
- intervenção estatal – empréstimos – dívida externa
-Revolta de Canudos
PRUDENTE DE MORAES-1894 – 1898 ( Paulista)
-Enfrentou crise econômica e a revolução Federalista no Sul.
- 1896 – superprodução de café – preços baixos
- intervenção estatal – empréstimos – dívida externa
-Revolta de Canudos
CARACTERÍSTICAS - AGRÁRIOEXPORTADOR E ARISTOCRÁTICA,
CORONELISMO - PATERNALISMO E CLIENTELISMO, COMPADRIO, FORÇA
PARAMILITAR (JAGUNÇOS) ,CONTROLE ELEITORAL ESTADUAL E FEDERAL
(CURRAIS ELEITORAIS E VOTO DE CABRESTO)
PACTOS OLIGÁRQUICOS: Política dos governadores
Política do café-com-leite
CARACTERÍSTICAS - AGRÁRIOEXPORTADOR E ARISTOCRÁTICA,
CORONELISMO - PATERNALISMO E CLIENTELISMO, COMPADRIO, FORÇA
PARAMILITAR (JAGUNÇOS) ,CONTROLE ELEITORAL ESTADUAL E FEDERAL
(CURRAIS ELEITORAIS E VOTO DE CABRESTO)
PACTOS OLIGÁRQUICOS: Política dos governadores
Política do café-com-leite
CAMPOS SALES – 1898/1902 (Paulista)
-Negociação da dívida externa na Inglaterra
- Novos empréstimos e mais dívida – Funding loan
-Consolidação da Política dos Governadores
- Saneamento financeiro e questões sociais gravíssimas
- paralisação industrial e bancária
CAMPOS SALES – 1898/1902 (Paulista)
-Negociação da dívida externa na Inglaterra
- Novos empréstimos e mais dívida – Funding loan
-Consolidação da Política dos Governadores
- Saneamento financeiro e questões sociais gravíssimas
- paralisação industrial e bancária
RODRIGUES ALVES – 1902/1906 (Paulista)
Progressista e modernizador
Capital estrangeiro
Embelezamento e saneamento da Capital – RJ
Eliminação de doenças endêmicas ( febre amarela, peste
bubônica e varíola): Dr. Oswaldo cruz
Revolta da Vacina
1903 – Tratado de Petrópolis – anexação do Acre
A ferrovia foi desativada parcialmente na
década de 1930 e totalmente em 1972, ano em
que foi inaugurada a Rodovia Transamazônica
(BR-230). Atualmente, de um total de 364
quilômetros de extensão, restam apenas 7
quilômetros ativos, que são utilizados para fins
turísticos
A ferrovia Madeira-
Mamoré, Ferrovia do
Diabo - morte de cerca de
seis mil trabalhadores , foi
encampada pelo
megaempresário
estadunidense Percival
Farquhar. Iniciou-se em
1907 durante o governo
de Affonso Penna e foi um
dos episódios mais
significativos da história da
ocupação da Amazônia,
tentativa de integrá-la ao
mercado mundial através
da comercialização da
borracha.
A ferrovia Madeira-
Mamoré, Ferrovia do
Diabo - morte de cerca de
seis mil trabalhadores , foi
encampada pelo
megaempresário
estadunidense Percival
Farquhar. Iniciou-se em
1907 durante o governo
de Affonso Penna e foi um
dos episódios mais
significativos da história da
ocupação da Amazônia,
tentativa de integrá-la ao
mercado mundial através
da comercialização da
borracha.
AFONSO PENA – 1906/1909 (mineiro)
-Consolidação da Política do café-com-leite
política de valorização do café
-Convênio de Taubaté governo compraria o excedente
empréstimos no exterior
-Alta inflacionária e aumento de dívidas
reorganização administrativa
-Reformas no exército compra de novos uniformes
armamentos e treinamentos
-Campanha eleitoral e a morte de Afonso Pena assume Nilo Peçanha (carioca)
Hermes da Fonseca (militar carioca)foi indicado para a
sucessão presidencial. Contou com o apoio do
presidente Nilo Peçanha e das representações estaduais
no Congresso Nacional, à exceção das bancadas de São
Paulo e Bahia, que apoiavam o nome do senador Rui
Barbosa e o paulista Albuquerque Lins como vice-
presidente, e deram início à campanha civilista.
Hermes da Fonseca (militar carioca)foi indicado para a
sucessão presidencial. Contou com o apoio do
presidente Nilo Peçanha e das representações estaduais
no Congresso Nacional, à exceção das bancadas de São
Paulo e Bahia, que apoiavam o nome do senador Rui
Barbosa e o paulista Albuquerque Lins como vice-
presidente, e deram início à campanha civilista.
Na eleição de 1 de março de 1910 Hermes da Fonseca vence Rui
Barbosa
Na eleição de 1 de março de 1910 Hermes da Fonseca vence Rui
Barbosa
ESCOLA E
FACULDADE
SANTA MARINA
ESCOLA E
FACULDADE
SANTA MARINA
PROFESSORA MARLENE - 2010
ESCOLA E
FACULDADE
SANTA MARINA
ESCOLA E
FACULDADE
SANTA MARINA
PROFESSORA MARLENE - 2010

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fernando Collor e Itamar Franco
Fernando Collor e Itamar FrancoFernando Collor e Itamar Franco
Fernando Collor e Itamar Franco
Beatriz Miranda
 
Proclamação da República e Primeira República
Proclamação da República e Primeira RepúblicaProclamação da República e Primeira República
Proclamação da República e Primeira República
Amanda-Hanny
 
A república velha prudente e campos salles
A república velha   prudente e campos sallesA república velha   prudente e campos salles
A república velha prudente e campos salles
Nelia Salles Nantes
 
A Nova República - 1985 aos dias atuais
A Nova República - 1985 aos dias atuaisA Nova República - 1985 aos dias atuais
A Nova República - 1985 aos dias atuais
Adna Myrella
 
Slide pronto
Slide prontoSlide pronto
Slide pronto
Henrique Vieira
 
O governo Fernando Collor (1990-1992)
O governo Fernando Collor (1990-1992)O governo Fernando Collor (1990-1992)
O governo Fernando Collor (1990-1992)
Edenilson Morais
 
Proclamação da República
Proclamação da RepúblicaProclamação da República
Proclamação da República
Rosani Becker
 
A República Velha
A República VelhaA República Velha
A República Velha
Paulo Alexandre
 
Republica velha
Republica velhaRepublica velha
Republica velha
Allan Almeida de Araújo
 
Collor
CollorCollor
Governo rodrigues alves
Governo rodrigues alvesGoverno rodrigues alves
Governo rodrigues alves
Nelia Salles Nantes
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
carlosbidu
 
Nova República
Nova RepúblicaNova República
Nova República
Elaine Bogo Pavani
 
Segundo reinado
Segundo reinadoSegundo reinado
Segundo reinado
Fabiana Tonsis
 
Nova república
Nova repúblicaNova república
Nova república
harlissoncarvalho
 
Nova republica
Nova republicaNova republica
Nova republica
Privada
 
Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)
Rodrigo HistóriaGeografia
 
Slide(1) cópia
Slide(1)   cópiaSlide(1)   cópia
Slide(1) cópia
Dayala de Oliveira
 
A proclamação da república
A proclamação da repúblicaA proclamação da república
A proclamação da república
robson30
 
Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
Fabiana Tonsis
 

Mais procurados (20)

Fernando Collor e Itamar Franco
Fernando Collor e Itamar FrancoFernando Collor e Itamar Franco
Fernando Collor e Itamar Franco
 
Proclamação da República e Primeira República
Proclamação da República e Primeira RepúblicaProclamação da República e Primeira República
Proclamação da República e Primeira República
 
A república velha prudente e campos salles
A república velha   prudente e campos sallesA república velha   prudente e campos salles
A república velha prudente e campos salles
 
A Nova República - 1985 aos dias atuais
A Nova República - 1985 aos dias atuaisA Nova República - 1985 aos dias atuais
A Nova República - 1985 aos dias atuais
 
Slide pronto
Slide prontoSlide pronto
Slide pronto
 
O governo Fernando Collor (1990-1992)
O governo Fernando Collor (1990-1992)O governo Fernando Collor (1990-1992)
O governo Fernando Collor (1990-1992)
 
Proclamação da República
Proclamação da RepúblicaProclamação da República
Proclamação da República
 
A República Velha
A República VelhaA República Velha
A República Velha
 
Republica velha
Republica velhaRepublica velha
Republica velha
 
Collor
CollorCollor
Collor
 
Governo rodrigues alves
Governo rodrigues alvesGoverno rodrigues alves
Governo rodrigues alves
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
 
Nova República
Nova RepúblicaNova República
Nova República
 
Segundo reinado
Segundo reinadoSegundo reinado
Segundo reinado
 
Nova república
Nova repúblicaNova república
Nova república
 
Nova republica
Nova republicaNova republica
Nova republica
 
Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)Segundo reinado (1840 1889)
Segundo reinado (1840 1889)
 
Slide(1) cópia
Slide(1)   cópiaSlide(1)   cópia
Slide(1) cópia
 
A proclamação da república
A proclamação da repúblicaA proclamação da república
A proclamação da república
 
Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
 

Destaque

Thealche
ThealcheThealche
Thealche
LanLT2011
 
Lb scott road closure
Lb scott road closureLb scott road closure
Lb scott road closure
pearl studio
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
BriefCase
 
Kerntakenplan
Kerntakenplan   Kerntakenplan
Kerntakenplan
Erkennen en subsidiëren
 
Ramadan
RamadanRamadan
Stephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
Stephanie A Hoch's Resume 2015- HealthcareStephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
Stephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
Stephanie Hoch
 
Nguoithuake
NguoithuakeNguoithuake
Nguoithuake
LanLT2011
 
Diagrama de industrias (1)
Diagrama de industrias (1)Diagrama de industrias (1)
Diagrama de industrias (1)
Miguel Angel Beltran
 
Presentation 6
Presentation 6Presentation 6
Presentation 6
thomasmcd6
 
BPL Foundation Profile
BPL Foundation ProfileBPL Foundation Profile
BPL Foundation Profile
Bimo Prasetio
 
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoedOpleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
Onroerend Erfgoed
 
Fac simile domanda mobilità in deroga
Fac simile domanda mobilità in derogaFac simile domanda mobilità in deroga
Fac simile domanda mobilità in deroga
Fabio Bolo
 
7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas
crisbassanimedeiros
 
Coloring Book: Fish! And More Fish!
Coloring Book: Fish! And More Fish!Coloring Book: Fish! And More Fish!
Coloring Book: Fish! And More Fish!
MyWonderStudio
 
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
MyWonderStudio
 
Tiny Bible Treasures: He's Alive!
Tiny Bible Treasures: He's Alive!Tiny Bible Treasures: He's Alive!
Tiny Bible Treasures: He's Alive!
MyWonderStudio
 
Plantas
PlantasPlantas
Plantas
betantunes
 
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostertdigitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
Erfgoed 2.0
 
Efectos de las obligaciones
Efectos de las obligacionesEfectos de las obligaciones
Efectos de las obligaciones
Rosario Canales
 

Destaque (20)

Thealche
ThealcheThealche
Thealche
 
Lb scott road closure
Lb scott road closureLb scott road closure
Lb scott road closure
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
 
Kerntakenplan
Kerntakenplan   Kerntakenplan
Kerntakenplan
 
TESIdastampa
TESIdastampaTESIdastampa
TESIdastampa
 
Ramadan
RamadanRamadan
Ramadan
 
Stephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
Stephanie A Hoch's Resume 2015- HealthcareStephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
Stephanie A Hoch's Resume 2015- Healthcare
 
Nguoithuake
NguoithuakeNguoithuake
Nguoithuake
 
Diagrama de industrias (1)
Diagrama de industrias (1)Diagrama de industrias (1)
Diagrama de industrias (1)
 
Presentation 6
Presentation 6Presentation 6
Presentation 6
 
BPL Foundation Profile
BPL Foundation ProfileBPL Foundation Profile
BPL Foundation Profile
 
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoedOpleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
Opleiding voor gemeentelijke verbalisanten onroerend erfgoed
 
Fac simile domanda mobilità in deroga
Fac simile domanda mobilità in derogaFac simile domanda mobilità in deroga
Fac simile domanda mobilità in deroga
 
7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas7 ano classificação das plantas
7 ano classificação das plantas
 
Coloring Book: Fish! And More Fish!
Coloring Book: Fish! And More Fish!Coloring Book: Fish! And More Fish!
Coloring Book: Fish! And More Fish!
 
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
Flannelgraph: Fish! And More Fish! (Black and White)
 
Tiny Bible Treasures: He's Alive!
Tiny Bible Treasures: He's Alive!Tiny Bible Treasures: He's Alive!
Tiny Bible Treasures: He's Alive!
 
Plantas
PlantasPlantas
Plantas
 
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostertdigitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
digitaal herinneren in de stad - Kelly Mostert
 
Efectos de las obligaciones
Efectos de las obligacionesEfectos de las obligaciones
Efectos de las obligaciones
 

Semelhante a República brasileira

10 república velha ii
10 república velha ii10 república velha ii
10 república velha ii
José Augusto Fiorin
 
Republica Brasileira
Republica BrasileiraRepublica Brasileira
Republica Brasileira
guesta48e0f
 
Republica Velha Ed
Republica Velha EdRepublica Velha Ed
Republica Velha Ed
edsonfgodoy
 
Brasil república PPT. Aula de história comleta
Brasil república PPT. Aula de história comletaBrasil república PPT. Aula de história comleta
Brasil república PPT. Aula de história comleta
CntiaSilva43
 
Republica Velha Brasil
Republica Velha BrasilRepublica Velha Brasil
Republica Velha Brasil
Gustavo Lopes de Faria
 
Primeira republica
Primeira republicaPrimeira republica
Primeira republica
Bruno E Geyse Ornelas
 
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptxPatrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
HitaloSantos7
 
A República Velha (1889-1930)
A República Velha (1889-1930)A República Velha (1889-1930)
A República Velha (1889-1930)
Isaquel Silva
 
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.pptSLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
JULIOCARVALHO47
 
republica brasileira - 2019
republica brasileira - 2019republica brasileira - 2019
republica brasileira - 2019
Zeze Silva
 
Brasil república
Brasil repúblicaBrasil república
Brasil república
dmflores21
 
2015 República Velha Extensivo
2015 República Velha Extensivo2015 República Velha Extensivo
2015 República Velha Extensivo
MARIANO C7S
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Secretaria de educação do estado e do municipio.
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Secretaria de educação do estado e do municipio.
 
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdfrepblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
Lídia Pereira Silva Souza
 
flashcards-para-o-enem.pdf
flashcards-para-o-enem.pdfflashcards-para-o-enem.pdf
flashcards-para-o-enem.pdf
FabricioSantana31
 
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdfprimeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
Sandro Nandolpho
 
Primeira República
Primeira RepúblicaPrimeira República
Primeira República
isameucci
 
A crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
A crise no império e o surgimento da república brasileira.pptA crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
A crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
CyrusDraks
 
A república do café (1)
A república do café (1)A república do café (1)
A república do café (1)
profdu
 

Semelhante a República brasileira (20)

10 república velha ii
10 república velha ii10 república velha ii
10 república velha ii
 
Republica Brasileira
Republica BrasileiraRepublica Brasileira
Republica Brasileira
 
Republica Velha Ed
Republica Velha EdRepublica Velha Ed
Republica Velha Ed
 
Brasil república PPT. Aula de história comleta
Brasil república PPT. Aula de história comletaBrasil república PPT. Aula de história comleta
Brasil república PPT. Aula de história comleta
 
Republica Velha Brasil
Republica Velha BrasilRepublica Velha Brasil
Republica Velha Brasil
 
Primeira republica
Primeira republicaPrimeira republica
Primeira republica
 
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptxPatrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
Patrimonialismo, autoridade pessoal e tradição sagrada.pptx
 
A República Velha (1889-1930)
A República Velha (1889-1930)A República Velha (1889-1930)
A República Velha (1889-1930)
 
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.pptSLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
SLIDES_A REPÚBLICA VELHA.ppt
 
republica brasileira - 2019
republica brasileira - 2019republica brasileira - 2019
republica brasileira - 2019
 
Brasil república
Brasil repúblicaBrasil república
Brasil república
 
2015 República Velha Extensivo
2015 República Velha Extensivo2015 República Velha Extensivo
2015 República Velha Extensivo
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
 
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01Repblicavelha 120820191628-phpapp01
Repblicavelha 120820191628-phpapp01
 
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdfrepblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
repblicavelha-120820191628-phpapp01.pdf
 
flashcards-para-o-enem.pdf
flashcards-para-o-enem.pdfflashcards-para-o-enem.pdf
flashcards-para-o-enem.pdf
 
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdfprimeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
primeirarepublicacompleto-160518140115.pdf
 
Primeira República
Primeira RepúblicaPrimeira República
Primeira República
 
A crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
A crise no império e o surgimento da república brasileira.pptA crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
A crise no império e o surgimento da república brasileira.ppt
 
A república do café (1)
A república do café (1)A república do café (1)
A república do café (1)
 

Mais de BriefCase

Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
BriefCase
 
Biomas
Biomas Biomas
Biomas
BriefCase
 
White Fang Jack London
White Fang  Jack LondonWhite Fang  Jack London
White Fang Jack London
BriefCase
 
Nazismo na Alemanha 2010
Nazismo na Alemanha   2010Nazismo na Alemanha   2010
Nazismo na Alemanha 2010
BriefCase
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
BriefCase
 
Resumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema NervosoResumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema Nervoso
BriefCase
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
BriefCase
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
BriefCase
 
Funções quimica organica
Funções quimica organicaFunções quimica organica
Funções quimica organica
BriefCase
 
Enzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos geraisEnzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos gerais
BriefCase
 
Resumão Dom Casmurro
Resumão Dom CasmurroResumão Dom Casmurro
Resumão Dom Casmurro
BriefCase
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
BriefCase
 
Egito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e GréciaEgito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e Grécia
BriefCase
 
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesaBaixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
BriefCase
 
As reformas religiosas
As reformas religiosasAs reformas religiosas
As reformas religiosas
BriefCase
 
A Idade Média
A Idade MédiaA Idade Média
A Idade Média
BriefCase
 
A economia mineradora
A economia mineradoraA economia mineradora
A economia mineradora
BriefCase
 
A Baixa Idade Média
A Baixa Idade MédiaA Baixa Idade Média
A Baixa Idade Média
BriefCase
 
Aspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesaAspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesa
BriefCase
 
As revoluções inglesas do século XVII
As revoluções inglesas do século XVIIAs revoluções inglesas do século XVII
As revoluções inglesas do século XVII
BriefCase
 

Mais de BriefCase (20)

Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
 
Biomas
Biomas Biomas
Biomas
 
White Fang Jack London
White Fang  Jack LondonWhite Fang  Jack London
White Fang Jack London
 
Nazismo na Alemanha 2010
Nazismo na Alemanha   2010Nazismo na Alemanha   2010
Nazismo na Alemanha 2010
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Resumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema NervosoResumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema Nervoso
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
 
Funções quimica organica
Funções quimica organicaFunções quimica organica
Funções quimica organica
 
Enzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos geraisEnzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos gerais
 
Resumão Dom Casmurro
Resumão Dom CasmurroResumão Dom Casmurro
Resumão Dom Casmurro
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
 
Egito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e GréciaEgito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e Grécia
 
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesaBaixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
 
As reformas religiosas
As reformas religiosasAs reformas religiosas
As reformas religiosas
 
A Idade Média
A Idade MédiaA Idade Média
A Idade Média
 
A economia mineradora
A economia mineradoraA economia mineradora
A economia mineradora
 
A Baixa Idade Média
A Baixa Idade MédiaA Baixa Idade Média
A Baixa Idade Média
 
Aspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesaAspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesa
 
As revoluções inglesas do século XVII
As revoluções inglesas do século XVIIAs revoluções inglesas do século XVII
As revoluções inglesas do século XVII
 

República brasileira

  • 1. BRASIL EM 1889- 20 ESTADOS A REPÚBLICA CHEGOU MILITARES OLIGARQUIAS CRISE ECONÔMICA REVOLTAS
  • 2. REPÚBLICA VELHAREPÚBLICA VELHA PERIODIZAÇÃO: República da Espada 1889 - 1894 República Oligárquica 1894 - 1930 PERIODIZAÇÃO: República da Espada 1889 - 1894 República Oligárquica 1894 - 1930 ALIANÇA ENTRE MILITARES E CAFEICULTORES ALIANÇA ENTRE MILITARES E CAFEICULTORES Governo Provisório Deodoro da Fonseca: Assembleia Constituinte Autoritarismo Separação da Igreja do Estado Naturalização em massa Guerra do Paraguai dependência da Inglaterra Crise econômica Lei Áurea – queda da produção déficit comercial Bancos internacionais inseguros Rui Barbosa – Ministro da Fazenda Encilhamento Primeira Constituição Republicana – 1891 Eleições diretas e indiretas Presidente Deodoro da Fonseca – 1891 – 8 meses Divergências entre o executivo e Legislativo Deodoro tentou um golpe Organiza-se a resistência 23/11/1891 – Revolta da Armada - RJ FLORIANO PEIXOTO – 1891-94 Soluções para crise econômica Paternalismo e nacionalismo Crise política Revolução Federalista – RS – 1893/95 FLORIANO PEIXOTO – 1891-94 Soluções para crise econômica Paternalismo e nacionalismo Crise política Revolução Federalista – RS – 1893/95 PL (Maragatos) X PRR ( pica-paus) Federalistas X Positivistas Floriano Peixoto 1893 – Segunda Revolta da Armada Repressão aos marinheiros pelo Marechal de ferro Fim de mandato
  • 3. REPÚBLICA OLIGÁRQUICA PRUDENTE DE MORAES-1894 – 1898 ( Paulista) -Enfrentou crise econômica e a revolução Federalista no Sul. - 1896 – superprodução de café – preços baixos - intervenção estatal – empréstimos – dívida externa -Revolta de Canudos PRUDENTE DE MORAES-1894 – 1898 ( Paulista) -Enfrentou crise econômica e a revolução Federalista no Sul. - 1896 – superprodução de café – preços baixos - intervenção estatal – empréstimos – dívida externa -Revolta de Canudos CARACTERÍSTICAS - AGRÁRIOEXPORTADOR E ARISTOCRÁTICA, CORONELISMO - PATERNALISMO E CLIENTELISMO, COMPADRIO, FORÇA PARAMILITAR (JAGUNÇOS) ,CONTROLE ELEITORAL ESTADUAL E FEDERAL (CURRAIS ELEITORAIS E VOTO DE CABRESTO) PACTOS OLIGÁRQUICOS: Política dos governadores Política do café-com-leite CARACTERÍSTICAS - AGRÁRIOEXPORTADOR E ARISTOCRÁTICA, CORONELISMO - PATERNALISMO E CLIENTELISMO, COMPADRIO, FORÇA PARAMILITAR (JAGUNÇOS) ,CONTROLE ELEITORAL ESTADUAL E FEDERAL (CURRAIS ELEITORAIS E VOTO DE CABRESTO) PACTOS OLIGÁRQUICOS: Política dos governadores Política do café-com-leite CAMPOS SALES – 1898/1902 (Paulista) -Negociação da dívida externa na Inglaterra - Novos empréstimos e mais dívida – Funding loan -Consolidação da Política dos Governadores - Saneamento financeiro e questões sociais gravíssimas - paralisação industrial e bancária CAMPOS SALES – 1898/1902 (Paulista) -Negociação da dívida externa na Inglaterra - Novos empréstimos e mais dívida – Funding loan -Consolidação da Política dos Governadores - Saneamento financeiro e questões sociais gravíssimas - paralisação industrial e bancária
  • 4. RODRIGUES ALVES – 1902/1906 (Paulista) Progressista e modernizador Capital estrangeiro Embelezamento e saneamento da Capital – RJ Eliminação de doenças endêmicas ( febre amarela, peste bubônica e varíola): Dr. Oswaldo cruz Revolta da Vacina 1903 – Tratado de Petrópolis – anexação do Acre A ferrovia foi desativada parcialmente na década de 1930 e totalmente em 1972, ano em que foi inaugurada a Rodovia Transamazônica (BR-230). Atualmente, de um total de 364 quilômetros de extensão, restam apenas 7 quilômetros ativos, que são utilizados para fins turísticos A ferrovia Madeira- Mamoré, Ferrovia do Diabo - morte de cerca de seis mil trabalhadores , foi encampada pelo megaempresário estadunidense Percival Farquhar. Iniciou-se em 1907 durante o governo de Affonso Penna e foi um dos episódios mais significativos da história da ocupação da Amazônia, tentativa de integrá-la ao mercado mundial através da comercialização da borracha. A ferrovia Madeira- Mamoré, Ferrovia do Diabo - morte de cerca de seis mil trabalhadores , foi encampada pelo megaempresário estadunidense Percival Farquhar. Iniciou-se em 1907 durante o governo de Affonso Penna e foi um dos episódios mais significativos da história da ocupação da Amazônia, tentativa de integrá-la ao mercado mundial através da comercialização da borracha.
  • 5. AFONSO PENA – 1906/1909 (mineiro) -Consolidação da Política do café-com-leite política de valorização do café -Convênio de Taubaté governo compraria o excedente empréstimos no exterior -Alta inflacionária e aumento de dívidas reorganização administrativa -Reformas no exército compra de novos uniformes armamentos e treinamentos -Campanha eleitoral e a morte de Afonso Pena assume Nilo Peçanha (carioca) Hermes da Fonseca (militar carioca)foi indicado para a sucessão presidencial. Contou com o apoio do presidente Nilo Peçanha e das representações estaduais no Congresso Nacional, à exceção das bancadas de São Paulo e Bahia, que apoiavam o nome do senador Rui Barbosa e o paulista Albuquerque Lins como vice- presidente, e deram início à campanha civilista. Hermes da Fonseca (militar carioca)foi indicado para a sucessão presidencial. Contou com o apoio do presidente Nilo Peçanha e das representações estaduais no Congresso Nacional, à exceção das bancadas de São Paulo e Bahia, que apoiavam o nome do senador Rui Barbosa e o paulista Albuquerque Lins como vice- presidente, e deram início à campanha civilista. Na eleição de 1 de março de 1910 Hermes da Fonseca vence Rui Barbosa Na eleição de 1 de março de 1910 Hermes da Fonseca vence Rui Barbosa
  • 6. ESCOLA E FACULDADE SANTA MARINA ESCOLA E FACULDADE SANTA MARINA PROFESSORA MARLENE - 2010
  • 7. ESCOLA E FACULDADE SANTA MARINA ESCOLA E FACULDADE SANTA MARINA PROFESSORA MARLENE - 2010