SlideShare uma empresa Scribd logo
Questão Palestina:
->Oriente Médio:
*entre Ásia, África e Europa;
*muito petróleo-> guerras -> 1991- Guerra do Golfo-> Bush pai e Bush filho;
2002- Afeganistão-> Bush filho e Obama;
2003- Guerra do Iraque-> Bush filho e Obama.
*escassez de água-> clima semi-árido;
*conflitos religiosos-> cristianismo, judaísmo e islamismo;
->História da Palestina:
*Hebreus-> século V A.C-> 12 tribos rivais->politeístas-> mitologia;
*Domesticação de cabritos->conseguem viver em regiões semi-áridas;
*migração para Egito-> rio Nilo-> húmus-> Abraão;
*escravizados-> Moisés-> migração para Palestina (êxodo);
*judeus-> banqueiros-> futuro do capitalismo-> século XX-> EUA e Inglaterra(colonizava
grande parte do Oriente Médio-> Palestina)-> países democráticos-> tolerantes;
*1917-> Inglaterra-> Declaração de Balfour-> realiza o incentivo da migração judaica para a
Palestina-> cria-se o movimento sionista-> pela criação do Estado judeu;
*crise de 1929-> especulação dos bancos-> judeus são culpados-> Hitler intensifica a culpa->
holocausto;
*migração para EUA;
*1947-> criação da ONU;
*1948-> Estado de Israel-> artificial-> povo judeu não luta pelo Estado-> palestinos x judeus->
islâmicos são expulsos:
-Reação palestina: Intifada-> um de seus efeitos foi o de tornar inevitável a resolução da
questão palestina. Assim, a proposta de criação de um Estado palestino autônomo não apenas
uniu todas as facções da OLP (Organização pela Libertação da Palestina), como também
conquistou quase total apoio internacional. Em 15 de novembro de 1988, o Conselho Nacional
Palestino proclamou a criação do Estado da Palestina e declarou sua aceitação à existência de
Israel. Além disso, declarou sua rejeição ao terrorismo como arma de luta política, dando um
passo fundamental no sentido do entendimento, que, entretanto, ainda está longe de ser
atingido. Os extremismos de ambos os lados, inclusive religiosos (os fundamentalistas
islâmicos ainda defendem a destruição de Israel, ao mesmo tempo que os fundamentalistas
judaicos consideram seu direito à região uma concessão feita por Deus ao “povo eleito”), o
precário equilíbrio político nos países da região, os interesses dos países desenvolvidos pelo
petróleo, todos esses elementos dificultam a paz definitiva na região e que o princípio da
autodeterminação do povo palestino seja plenamente respeitado.
A guerra no Líbano:
*Trata-se de um conflito (guerra civil) que funde questões religiosas e políticas e incorpora os
interesses externos dos países árabes da região, de Israel e de potências estrangeiras;
*O quadro é agravado pela diversidade dentro dos próprios grupos, com os muçulmanos
divididos em Xiitas e Sunitas, e os cristãos entre católicos romanos, protestantes, ortodoxos e
maronitas:
-o grupo xiita prefere uma interpretação mais rígida do Alcorão e não reconhece os
conselhos e exemplos provenientes de qualquer outro livro. De acordo com os xiitas, o
mundo islâmico deve ser politicamente controlado por membros diretos da família do
profeta Maomé. A justificativa apresentada para tal opção se baseia na crença de que
somente os descendentes da casa de Maomé teriam a sabedoria necessária para conduzir
os fiéis.
-os sunitas adotam a Suna – livro que conta a trajetória do profeta Maomé – como
referencial na resolução das questões não muito bem esclarecidas pelo Alcorão.
Seguindo tal livro sagrado, os sunitas somente reconhecem a ascensão dos líderes
religiosos que fossem diretamente escolhidos pela população islâmica. Ao todo, os
sunitas representam cerca de 80% da comunidade islâmica espalhada pelo mundo.
*Os choque entre esses grupos agravaram-se com a luta da população muçulmana por
maior representatividade política. Essa luta foi acentuada pela presença cada vez mais
intensa de guerrilheiros palestinos no sul do país. Contra isso, Israel invadiu o Líbano,
expulsando os guerrilheiros da OLP. Em contrapartida, a Síria já ocupara, desde 1976, a
cidade de Beirute.
A Revolução Iraniana:
->Final da 2ª Guerra-> Irã-> governada pelo ditador xá Reza Pahlevi, que instituiu um
regime extremamente repressivo, ao mesmo tempo que promovia uma modernização
marcada pela abertura do país ao capital norte-americano, tendo sua popularidade cada
vez mais reduzida, até que, a partir de 1977, começaram a eclodir manifestações
intensas pela sua queda-> xiitas eram principal expressão->a liderança da luta contra
Reza Pahlevi passou a ser exercida pelo aiatolá Khomeini-> em meio a crescentes
agitações da população, que chegou a enfrentar as tropas do exército, Reza foi obrigado
a fugir;
->Khomeini assumiu a liderança do país-> tinha como grande inimigo os Estados
Unidos-> o crescimento do fanatismo tornou o Irã um pólo de intensa rejeição aos
Estados Unidos, culminando com a invasão da embaixada norte-americana em Teerã,
com a captura de 64 reféns;
->Em 1981-> Saddam Hussein, com o apoio dos EUA, que nele viam a única
possibilidade de deter o avanço do fundamentalismo iraniano, declarou guerra ao Irã->
por trás dessa ação, Saddam tinha o desejo de isolar o Irã e consolidar sua posição como
líder do mundo árabe;
->A Guerra Irã-Iraque deixou um saldo de quase 1 milhão de mortos, porém deixava
também, um saldo ainda mias grave para a região-> fortalecido com o apoio dos EUA,
Saddam passou a implementar uma política cada vez mais agressiva, aproximando-se da
URSS e tornando-se um inimigo declarado do Ocidente.
As relações internacionais a partir da década de 1960 e o fim da Guerra Fria:
*Em 1963-> John Kennedy foi assassinado em Dallas, no ano seguinte, em função dos
revezes de usa política externa, Kruschev foi derrubado do poder na URSS;
->Johnson assumiu o poder nos EUA e Brejnev na URSS;
->Johnson-> ampliou de forma intensa a intervenção armada dos EUA no Vietnã, além
de procurar conter a ameaça comunista, chegando a intervir militarmente na República
de Santo Domingo-> ao mesmo tempo, internamente, teve que lidar com o crescente
movimento de repulsa à participação na Guerra do Vietnã e com o crescimento do
movimento negro, liderado por Martin Luther King Jr.;
->O agravamento das tensões internas provocou o surgimento de grupos radicais como
os Panteras Negras-> negros muçulmanos que se opunham à política de Luther King
que, inspirado em Gandhi, defendia a não-violência como forma de conquistar direitos
sociais;
->Crescia, também, o movimento hippie->com tudo o que ele significou em termos de
contestação aos valores da sociedade americana e ao engajamento dos EUA na guerra;
->Na Tchecoslováquia, iniciou-se um movimento liberalizante, que teve na figura do
presidente Dubcek seu principal líder, defendendo o que ficou conhecido como
”socialismo de face humana”, o movimento, chamado de Primavera de Praga,
propunha uma liberalização do regime, maiores liberdade políticas e uma menor
dependência em relação aos ditames de Moscou;
->Porém, o reformismo tcheco ameaçava os interesses soviéticos (por causa das
rebeliões)-> em agosto de 1968-> tropas do Pacto de Varsóvia invadiram a
Tchecoslováquia-> prendendo os líderes do movimento, inclusive Dubcek, impondo
Husák-> população resiste, através da utilização do humor e não-violência-> “Circo de
Moscou em cartaz na cidade. Não alimente os animais!” ou “Acorda, Lênin, eles
enlouqueceram!”-> essa última frase mostra que, mesmo criticando Moscou, a
população fica a favor do socialismo de Lênin;
->Houve reação da população dos EUA-> maioria conservadora-> elegendo Nixon
(republicano de passado altamente conservador-> era auxiliar de MacCarthy-> criador
do macarthismo);
->Ao mesmo tempo, a economia da URSS começava a cair, fruto da ineficiência da
máquina burocrática que controlava o Estado e dos imensos investimentos na indústria
bélica-> com isso, era fundamental para a URSS reduzir a corrida armamentista, o que
motivou entendimentos entre as duas potências para a limitação de armas nucleares;
->Nixon busca uma aproximação com a China-> ONU, pressionada pelos EUA, aprova
a entrada da China->Nixon visitou Pequim, conferenciando com Mao Tsé-Tung-
>fortalecido com essa aproximação, visitou, também, Moscou-> assinando o tratado
Salt-> limitação de armas estratégicas;
->Porém, essa distenção na relação com as potências comunistas não significou um
abrandamento da política dos EUA na América Latina-> continuando a apoiar as
ditaduras-> além de apoiar o golpe militar no Chile, que depôs o presidente Allende e
levou ao poder o ditador Pinochet;
->Entretanto, em 1972, um jornal publicou denúncias que envolviam uma tentativa do
Partido Republicano de colocar escutas telefônicas na sede do Partido Democrata->
caso conhecido como Watergate-> mesmo reeleito, Nixon teve que contar com uma
crescente oposição e indignação da população, sendo obrigado a renunciar, assumindo o
poder Gerald Ford;
-> Durante esse período-> Nixon negocia a saída dos EUA da Guerra do Vietnã-> Ford,
enfrentando a perda de prestígio causada pela derrota na guerra e pelo escândalo
envolvendo seu partido, não conseguiu se reeleger, assumindo Carter-> fruto das
pressões sociais aliadas à indignação provocada pelo Watergate;
->Intensificou os acordos de limitação de armas nucleares com a URSS e no
afastamento norte-americano de regimes ditatoriais da América Latina-> política
representada como de defesa dos direitos humanos-> tendo efeitos desastrosos para os
interesses dos EUA nas regiões estratégicas do Irã e da Nicarágua;
->Ao mesmo tempo, começava a surgir na Polônia um movimento sindical, que deu
origem ao sindicato Solidariedade, tendo como principal líder Walesa (operário)->
tratava-se de um movimento reivindicatório, por melhores condições de vida e, ao
mesmo tempo, político, questionando o modelo de gestão soviética e requerendo maior
liberdade política (eleições);
->Mesmo assim, o governo soviético procurava tirar partido desse momento de
indefinição da política externa norte-americana, buscando ampliar sua influência->em
1980, os soviéticos invadiram o Afeganistão, visando apoiar um governo comunista na
região-> em represália, o governo Carter adotou sanções econômicas contra os
soviéticos, porém já era tarde para Carter reverter a sensação de que seu governo fora
responsável pelo enfraquecimento da posição internacional dos EUA-> Reagan assume
o poder;
->Reagan endurece as relações com URSS e pressiona o governo da Nicarágua;
->1985->Gorbatchev:
*Perestróika: reestruturação econômica (entrada de multinacionais);
*Glasnost:transparência política (processos eleitorais-> afasta burocracia->levou ao fim
da URSS e criação da CEI;
*Redução drástica dos poderes da KGB
->1989 e 1991-> Queda do muro de Berlim e fim do socialismo real;
->EUA-> Reagan consegue eleger seu vice->George Bush (pai)-> a euforia capitalista
foi marcada pelo triunfo do neoliberalismo que, ao lado da globalização, passou a ser o
grande tema do cenário internacional->Nova Ordem Internacional.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Guerra fria e globalização
Guerra fria e globalizaçãoGuerra fria e globalização
Guerra fria e globalização
Portal do Vestibulando
 
Guerra do Vietnã e Guerra da Coreia
Guerra do Vietnã e Guerra da CoreiaGuerra do Vietnã e Guerra da Coreia
Guerra do Vietnã e Guerra da Coreia
Camila Bertozi
 
Vietna X Estados Unidos
Vietna X Estados UnidosVietna X Estados Unidos
Vietna X Estados Unidos
Johannes Lustosa
 
Aulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
Aulão - 12 de Outubro - Prof MuriloAulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
Aulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
Murilo Cisalpino
 
Coreia do norte vs o mundo
Coreia do norte vs o mundoCoreia do norte vs o mundo
Coreia do norte vs o mundo
Jéssica Simões
 
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascistaViva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
Fernando Alcoforado
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
guest39d69919
 
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentosSenhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Eddieuepg
 
Cap 61 0 mundo do pós guerra
Cap 61 0 mundo do pós guerraCap 61 0 mundo do pós guerra
Cap 61 0 mundo do pós guerra
Auxiliadora
 
Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
Valéria Shoujofan
 
Guerra ao Terror
Guerra ao TerrorGuerra ao Terror
Guerra ao Terror
eiprofessor
 
Trabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George WashingtonTrabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George Washington
carolejuh
 
Estados Unidos sob guerra_fria
Estados Unidos sob guerra_friaEstados Unidos sob guerra_fria
Estados Unidos sob guerra_fria
Adriana Gomes Messias
 
Conflitos Convesti
Conflitos ConvestiConflitos Convesti
Conflitos Convesti
boscao
 
A guerra fria
A guerra friaA guerra fria
A guerra fria
Bruna Isabel
 
Guerra Fria I
Guerra Fria IGuerra Fria I
Guerra Fria I
Aulas de História
 
Guerra fria e a cultura
Guerra fria e a culturaGuerra fria e a cultura
Guerra fria e a cultura
Vagner Roberto
 
Geografia e Economia dos Estados Unidos
Geografia e Economia dos Estados UnidosGeografia e Economia dos Estados Unidos
Geografia e Economia dos Estados Unidos
Eder Liborio
 
A guerra fria final
A guerra fria   finalA guerra fria   final
A guerra fria final
historiando
 

Mais procurados (19)

Guerra fria e globalização
Guerra fria e globalizaçãoGuerra fria e globalização
Guerra fria e globalização
 
Guerra do Vietnã e Guerra da Coreia
Guerra do Vietnã e Guerra da CoreiaGuerra do Vietnã e Guerra da Coreia
Guerra do Vietnã e Guerra da Coreia
 
Vietna X Estados Unidos
Vietna X Estados UnidosVietna X Estados Unidos
Vietna X Estados Unidos
 
Aulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
Aulão - 12 de Outubro - Prof MuriloAulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
Aulão - 12 de Outubro - Prof Murilo
 
Coreia do norte vs o mundo
Coreia do norte vs o mundoCoreia do norte vs o mundo
Coreia do norte vs o mundo
 
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascistaViva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
Viva os 74 anos do fim da tirania nazifascista
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentosSenhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
Senhor das armas: geopolítica, conflitos mundiais e tráfico ilegal de armamentos
 
Cap 61 0 mundo do pós guerra
Cap 61 0 mundo do pós guerraCap 61 0 mundo do pós guerra
Cap 61 0 mundo do pós guerra
 
Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
 
Guerra ao Terror
Guerra ao TerrorGuerra ao Terror
Guerra ao Terror
 
Trabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George WashingtonTrabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George Washington
 
Estados Unidos sob guerra_fria
Estados Unidos sob guerra_friaEstados Unidos sob guerra_fria
Estados Unidos sob guerra_fria
 
Conflitos Convesti
Conflitos ConvestiConflitos Convesti
Conflitos Convesti
 
A guerra fria
A guerra friaA guerra fria
A guerra fria
 
Guerra Fria I
Guerra Fria IGuerra Fria I
Guerra Fria I
 
Guerra fria e a cultura
Guerra fria e a culturaGuerra fria e a cultura
Guerra fria e a cultura
 
Geografia e Economia dos Estados Unidos
Geografia e Economia dos Estados UnidosGeografia e Economia dos Estados Unidos
Geografia e Economia dos Estados Unidos
 
A guerra fria final
A guerra fria   finalA guerra fria   final
A guerra fria final
 

Destaque

Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.MaartenMeerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
pearl studio
 
Senato
SenatoSenato
Senato
Fabio Bolo
 
pm676[1].pdf
pm676[1].pdfpm676[1].pdf
CV-Riaz Arshad
CV-Riaz ArshadCV-Riaz Arshad
CV-Riaz Arshad
Raiz Arshad
 
Catálogo Casa D´Art
Catálogo Casa D´ArtCatálogo Casa D´Art
Catálogo Casa D´Art
Paulo Jorge
 
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof HanecaStudiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
Onroerend Erfgoed
 
Something to remember..
Something to remember..Something to remember..
Something to remember..
MyWonderStudio
 
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profundaManual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
Emilce Cuellart
 
Posteinteractive per spid
Posteinteractive per spidPosteinteractive per spid
Posteinteractive per spid
Fabio Bolo
 
Be a time saver
Be a time saverBe a time saver
Be a time saver
MyWonderStudio
 
Shine bright
Shine brightShine bright
Shine bright
MyWonderStudio
 
articolo alitalia
articolo alitaliaarticolo alitalia
articolo alitalia
Fabio Bolo
 
Coloring Book: Back to Life
Coloring Book: Back to LifeColoring Book: Back to Life
Coloring Book: Back to Life
MyWonderStudio
 
Back to Life Flannelgraph (Color)
Back to Life Flannelgraph (Color)Back to Life Flannelgraph (Color)
Back to Life Flannelgraph (Color)
MyWonderStudio
 
Coloring Book: He's Alive!
Coloring Book: He's Alive!Coloring Book: He's Alive!
Coloring Book: He's Alive!
MyWonderStudio
 
Generaciones de microprocesadores
Generaciones de microprocesadoresGeneraciones de microprocesadores
Generaciones de microprocesadores
Jajo Hernandez
 

Destaque (17)

Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.MaartenMeerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
Meerjaren Monumentenbeleidsplan St.Maarten
 
January54b1
January54b1January54b1
January54b1
 
Senato
SenatoSenato
Senato
 
pm676[1].pdf
pm676[1].pdfpm676[1].pdf
pm676[1].pdf
 
CV-Riaz Arshad
CV-Riaz ArshadCV-Riaz Arshad
CV-Riaz Arshad
 
Catálogo Casa D´Art
Catálogo Casa D´ArtCatálogo Casa D´Art
Catálogo Casa D´Art
 
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof HanecaStudiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
Studiedag Historische houtconstructies presentatie 1 lezing Kristof Haneca
 
Something to remember..
Something to remember..Something to remember..
Something to remember..
 
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profundaManual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
Manual de terapia neuromuscular. masoterapia profunda
 
Posteinteractive per spid
Posteinteractive per spidPosteinteractive per spid
Posteinteractive per spid
 
Be a time saver
Be a time saverBe a time saver
Be a time saver
 
Shine bright
Shine brightShine bright
Shine bright
 
articolo alitalia
articolo alitaliaarticolo alitalia
articolo alitalia
 
Coloring Book: Back to Life
Coloring Book: Back to LifeColoring Book: Back to Life
Coloring Book: Back to Life
 
Back to Life Flannelgraph (Color)
Back to Life Flannelgraph (Color)Back to Life Flannelgraph (Color)
Back to Life Flannelgraph (Color)
 
Coloring Book: He's Alive!
Coloring Book: He's Alive!Coloring Book: He's Alive!
Coloring Book: He's Alive!
 
Generaciones de microprocesadores
Generaciones de microprocesadoresGeneraciones de microprocesadores
Generaciones de microprocesadores
 

Semelhante a Questão Palestina

conflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXIconflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXI
Lilian Siqueira
 
História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.
Carson Souza
 
Movimentos políticos na década 50
Movimentos políticos na década 50Movimentos políticos na década 50
Movimentos políticos na década 50
dinicmax
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
Carlos Glufke
 
Aula 25 o mundo contemporâneo
Aula 25   o mundo contemporâneoAula 25   o mundo contemporâneo
Aula 25 o mundo contemporâneo
Jonatas Carlos
 
A guerra fria prof rodrigo
A guerra fria  prof rodrigoA guerra fria  prof rodrigo
A guerra fria prof rodrigo
Nelia Salles Nantes
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
carlosbidu
 
Fenícios e Persas
Fenícios e PersasFenícios e Persas
Fenícios e Persas
7 de Setembro
 
O fim da união soviética
O fim da união soviéticaO fim da união soviética
O fim da união soviética
Lenylson Carvalho
 
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptxAulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
JacksonFrigotto
 
Avaliação 3 asía - oriente médio (1)
Avaliação 3   asía - oriente médio (1)Avaliação 3   asía - oriente médio (1)
Avaliação 3 asía - oriente médio (1)
Domsilos De Arruda Silva
 
Hist doc 9.3
Hist doc 9.3Hist doc 9.3
Hist doc 9.3
bleckmouth
 
Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
marise brandao
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
Wendel Sousa
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
Gabriela Matias
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
Luiza Meneses
 
A Despedida De Fidel
A Despedida De  FidelA Despedida De  Fidel
A Despedida De Fidel
guestc79f8f
 
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Nívia Sales
 
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasilMais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
Fernando Alcoforado
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
anotheruntitled
 

Semelhante a Questão Palestina (20)

conflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXIconflitos NO SECULO XXI
conflitos NO SECULO XXI
 
História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.
 
Movimentos políticos na década 50
Movimentos políticos na década 50Movimentos políticos na década 50
Movimentos políticos na década 50
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
 
Aula 25 o mundo contemporâneo
Aula 25   o mundo contemporâneoAula 25   o mundo contemporâneo
Aula 25 o mundo contemporâneo
 
A guerra fria prof rodrigo
A guerra fria  prof rodrigoA guerra fria  prof rodrigo
A guerra fria prof rodrigo
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
 
Fenícios e Persas
Fenícios e PersasFenícios e Persas
Fenícios e Persas
 
O fim da união soviética
O fim da união soviéticaO fim da união soviética
O fim da união soviética
 
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptxAulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
Aulas 3 e 4- Revoluções Socialistas China e Cuba.pptx
 
Avaliação 3 asía - oriente médio (1)
Avaliação 3   asía - oriente médio (1)Avaliação 3   asía - oriente médio (1)
Avaliação 3 asía - oriente médio (1)
 
Hist doc 9.3
Hist doc 9.3Hist doc 9.3
Hist doc 9.3
 
Guerra do Vietnã
Guerra do VietnãGuerra do Vietnã
Guerra do Vietnã
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
 
Oriente médio
Oriente médioOriente médio
Oriente médio
 
A Despedida De Fidel
A Despedida De  FidelA Despedida De  Fidel
A Despedida De Fidel
 
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
 
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasilMais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
Mais reflexões sobre o golpe de estado de 1964 no brasil
 
Revolução cubana
Revolução cubanaRevolução cubana
Revolução cubana
 

Mais de BriefCase

Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
BriefCase
 
Biomas
Biomas Biomas
Biomas
BriefCase
 
White Fang Jack London
White Fang  Jack LondonWhite Fang  Jack London
White Fang Jack London
BriefCase
 
República brasileira
República brasileiraRepública brasileira
República brasileira
BriefCase
 
Nazismo na Alemanha 2010
Nazismo na Alemanha   2010Nazismo na Alemanha   2010
Nazismo na Alemanha 2010
BriefCase
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
BriefCase
 
Resumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema NervosoResumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema Nervoso
BriefCase
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
BriefCase
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
BriefCase
 
Funções quimica organica
Funções quimica organicaFunções quimica organica
Funções quimica organica
BriefCase
 
Enzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos geraisEnzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos gerais
BriefCase
 
Resumão Dom Casmurro
Resumão Dom CasmurroResumão Dom Casmurro
Resumão Dom Casmurro
BriefCase
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
BriefCase
 
Egito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e GréciaEgito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e Grécia
BriefCase
 
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesaBaixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
BriefCase
 
As reformas religiosas
As reformas religiosasAs reformas religiosas
As reformas religiosas
BriefCase
 
A Idade Média
A Idade MédiaA Idade Média
A Idade Média
BriefCase
 
A economia mineradora
A economia mineradoraA economia mineradora
A economia mineradora
BriefCase
 
A Baixa Idade Média
A Baixa Idade MédiaA Baixa Idade Média
A Baixa Idade Média
BriefCase
 
Aspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesaAspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesa
BriefCase
 

Mais de BriefCase (20)

Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
 
Biomas
Biomas Biomas
Biomas
 
White Fang Jack London
White Fang  Jack LondonWhite Fang  Jack London
White Fang Jack London
 
República brasileira
República brasileiraRepública brasileira
República brasileira
 
Nazismo na Alemanha 2010
Nazismo na Alemanha   2010Nazismo na Alemanha   2010
Nazismo na Alemanha 2010
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Resumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema NervosoResumo Sistema Nervoso
Resumo Sistema Nervoso
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
 
Grandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais ExercíciosGrandes grupos-vegetais Exercícios
Grandes grupos-vegetais Exercícios
 
Funções quimica organica
Funções quimica organicaFunções quimica organica
Funções quimica organica
 
Enzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos geraisEnzimas aspectos gerais
Enzimas aspectos gerais
 
Resumão Dom Casmurro
Resumão Dom CasmurroResumão Dom Casmurro
Resumão Dom Casmurro
 
República Oligárquica
República OligárquicaRepública Oligárquica
República Oligárquica
 
Egito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e GréciaEgito, Palestina e Grécia
Egito, Palestina e Grécia
 
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesaBaixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
Baixa Idade Média, Idade Moderna e Colônia portuguesa
 
As reformas religiosas
As reformas religiosasAs reformas religiosas
As reformas religiosas
 
A Idade Média
A Idade MédiaA Idade Média
A Idade Média
 
A economia mineradora
A economia mineradoraA economia mineradora
A economia mineradora
 
A Baixa Idade Média
A Baixa Idade MédiaA Baixa Idade Média
A Baixa Idade Média
 
Aspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesaAspectos políticos da colônia portuguesa
Aspectos políticos da colônia portuguesa
 

Questão Palestina

  • 1. Questão Palestina: ->Oriente Médio: *entre Ásia, África e Europa; *muito petróleo-> guerras -> 1991- Guerra do Golfo-> Bush pai e Bush filho; 2002- Afeganistão-> Bush filho e Obama; 2003- Guerra do Iraque-> Bush filho e Obama. *escassez de água-> clima semi-árido; *conflitos religiosos-> cristianismo, judaísmo e islamismo; ->História da Palestina: *Hebreus-> século V A.C-> 12 tribos rivais->politeístas-> mitologia; *Domesticação de cabritos->conseguem viver em regiões semi-áridas; *migração para Egito-> rio Nilo-> húmus-> Abraão; *escravizados-> Moisés-> migração para Palestina (êxodo); *judeus-> banqueiros-> futuro do capitalismo-> século XX-> EUA e Inglaterra(colonizava grande parte do Oriente Médio-> Palestina)-> países democráticos-> tolerantes; *1917-> Inglaterra-> Declaração de Balfour-> realiza o incentivo da migração judaica para a Palestina-> cria-se o movimento sionista-> pela criação do Estado judeu; *crise de 1929-> especulação dos bancos-> judeus são culpados-> Hitler intensifica a culpa-> holocausto; *migração para EUA; *1947-> criação da ONU; *1948-> Estado de Israel-> artificial-> povo judeu não luta pelo Estado-> palestinos x judeus-> islâmicos são expulsos: -Reação palestina: Intifada-> um de seus efeitos foi o de tornar inevitável a resolução da questão palestina. Assim, a proposta de criação de um Estado palestino autônomo não apenas uniu todas as facções da OLP (Organização pela Libertação da Palestina), como também conquistou quase total apoio internacional. Em 15 de novembro de 1988, o Conselho Nacional Palestino proclamou a criação do Estado da Palestina e declarou sua aceitação à existência de Israel. Além disso, declarou sua rejeição ao terrorismo como arma de luta política, dando um passo fundamental no sentido do entendimento, que, entretanto, ainda está longe de ser atingido. Os extremismos de ambos os lados, inclusive religiosos (os fundamentalistas islâmicos ainda defendem a destruição de Israel, ao mesmo tempo que os fundamentalistas judaicos consideram seu direito à região uma concessão feita por Deus ao “povo eleito”), o precário equilíbrio político nos países da região, os interesses dos países desenvolvidos pelo petróleo, todos esses elementos dificultam a paz definitiva na região e que o princípio da autodeterminação do povo palestino seja plenamente respeitado. A guerra no Líbano: *Trata-se de um conflito (guerra civil) que funde questões religiosas e políticas e incorpora os interesses externos dos países árabes da região, de Israel e de potências estrangeiras; *O quadro é agravado pela diversidade dentro dos próprios grupos, com os muçulmanos divididos em Xiitas e Sunitas, e os cristãos entre católicos romanos, protestantes, ortodoxos e maronitas:
  • 2. -o grupo xiita prefere uma interpretação mais rígida do Alcorão e não reconhece os conselhos e exemplos provenientes de qualquer outro livro. De acordo com os xiitas, o mundo islâmico deve ser politicamente controlado por membros diretos da família do profeta Maomé. A justificativa apresentada para tal opção se baseia na crença de que somente os descendentes da casa de Maomé teriam a sabedoria necessária para conduzir os fiéis. -os sunitas adotam a Suna – livro que conta a trajetória do profeta Maomé – como referencial na resolução das questões não muito bem esclarecidas pelo Alcorão. Seguindo tal livro sagrado, os sunitas somente reconhecem a ascensão dos líderes religiosos que fossem diretamente escolhidos pela população islâmica. Ao todo, os sunitas representam cerca de 80% da comunidade islâmica espalhada pelo mundo. *Os choque entre esses grupos agravaram-se com a luta da população muçulmana por maior representatividade política. Essa luta foi acentuada pela presença cada vez mais intensa de guerrilheiros palestinos no sul do país. Contra isso, Israel invadiu o Líbano, expulsando os guerrilheiros da OLP. Em contrapartida, a Síria já ocupara, desde 1976, a cidade de Beirute. A Revolução Iraniana: ->Final da 2ª Guerra-> Irã-> governada pelo ditador xá Reza Pahlevi, que instituiu um regime extremamente repressivo, ao mesmo tempo que promovia uma modernização marcada pela abertura do país ao capital norte-americano, tendo sua popularidade cada vez mais reduzida, até que, a partir de 1977, começaram a eclodir manifestações intensas pela sua queda-> xiitas eram principal expressão->a liderança da luta contra Reza Pahlevi passou a ser exercida pelo aiatolá Khomeini-> em meio a crescentes agitações da população, que chegou a enfrentar as tropas do exército, Reza foi obrigado a fugir; ->Khomeini assumiu a liderança do país-> tinha como grande inimigo os Estados Unidos-> o crescimento do fanatismo tornou o Irã um pólo de intensa rejeição aos Estados Unidos, culminando com a invasão da embaixada norte-americana em Teerã, com a captura de 64 reféns; ->Em 1981-> Saddam Hussein, com o apoio dos EUA, que nele viam a única possibilidade de deter o avanço do fundamentalismo iraniano, declarou guerra ao Irã-> por trás dessa ação, Saddam tinha o desejo de isolar o Irã e consolidar sua posição como líder do mundo árabe; ->A Guerra Irã-Iraque deixou um saldo de quase 1 milhão de mortos, porém deixava também, um saldo ainda mias grave para a região-> fortalecido com o apoio dos EUA, Saddam passou a implementar uma política cada vez mais agressiva, aproximando-se da URSS e tornando-se um inimigo declarado do Ocidente. As relações internacionais a partir da década de 1960 e o fim da Guerra Fria: *Em 1963-> John Kennedy foi assassinado em Dallas, no ano seguinte, em função dos revezes de usa política externa, Kruschev foi derrubado do poder na URSS; ->Johnson assumiu o poder nos EUA e Brejnev na URSS;
  • 3. ->Johnson-> ampliou de forma intensa a intervenção armada dos EUA no Vietnã, além de procurar conter a ameaça comunista, chegando a intervir militarmente na República de Santo Domingo-> ao mesmo tempo, internamente, teve que lidar com o crescente movimento de repulsa à participação na Guerra do Vietnã e com o crescimento do movimento negro, liderado por Martin Luther King Jr.; ->O agravamento das tensões internas provocou o surgimento de grupos radicais como os Panteras Negras-> negros muçulmanos que se opunham à política de Luther King que, inspirado em Gandhi, defendia a não-violência como forma de conquistar direitos sociais; ->Crescia, também, o movimento hippie->com tudo o que ele significou em termos de contestação aos valores da sociedade americana e ao engajamento dos EUA na guerra; ->Na Tchecoslováquia, iniciou-se um movimento liberalizante, que teve na figura do presidente Dubcek seu principal líder, defendendo o que ficou conhecido como ”socialismo de face humana”, o movimento, chamado de Primavera de Praga, propunha uma liberalização do regime, maiores liberdade políticas e uma menor dependência em relação aos ditames de Moscou; ->Porém, o reformismo tcheco ameaçava os interesses soviéticos (por causa das rebeliões)-> em agosto de 1968-> tropas do Pacto de Varsóvia invadiram a Tchecoslováquia-> prendendo os líderes do movimento, inclusive Dubcek, impondo Husák-> população resiste, através da utilização do humor e não-violência-> “Circo de Moscou em cartaz na cidade. Não alimente os animais!” ou “Acorda, Lênin, eles enlouqueceram!”-> essa última frase mostra que, mesmo criticando Moscou, a população fica a favor do socialismo de Lênin; ->Houve reação da população dos EUA-> maioria conservadora-> elegendo Nixon (republicano de passado altamente conservador-> era auxiliar de MacCarthy-> criador do macarthismo); ->Ao mesmo tempo, a economia da URSS começava a cair, fruto da ineficiência da máquina burocrática que controlava o Estado e dos imensos investimentos na indústria bélica-> com isso, era fundamental para a URSS reduzir a corrida armamentista, o que motivou entendimentos entre as duas potências para a limitação de armas nucleares; ->Nixon busca uma aproximação com a China-> ONU, pressionada pelos EUA, aprova a entrada da China->Nixon visitou Pequim, conferenciando com Mao Tsé-Tung- >fortalecido com essa aproximação, visitou, também, Moscou-> assinando o tratado Salt-> limitação de armas estratégicas; ->Porém, essa distenção na relação com as potências comunistas não significou um abrandamento da política dos EUA na América Latina-> continuando a apoiar as ditaduras-> além de apoiar o golpe militar no Chile, que depôs o presidente Allende e levou ao poder o ditador Pinochet; ->Entretanto, em 1972, um jornal publicou denúncias que envolviam uma tentativa do Partido Republicano de colocar escutas telefônicas na sede do Partido Democrata-> caso conhecido como Watergate-> mesmo reeleito, Nixon teve que contar com uma crescente oposição e indignação da população, sendo obrigado a renunciar, assumindo o poder Gerald Ford;
  • 4. -> Durante esse período-> Nixon negocia a saída dos EUA da Guerra do Vietnã-> Ford, enfrentando a perda de prestígio causada pela derrota na guerra e pelo escândalo envolvendo seu partido, não conseguiu se reeleger, assumindo Carter-> fruto das pressões sociais aliadas à indignação provocada pelo Watergate; ->Intensificou os acordos de limitação de armas nucleares com a URSS e no afastamento norte-americano de regimes ditatoriais da América Latina-> política representada como de defesa dos direitos humanos-> tendo efeitos desastrosos para os interesses dos EUA nas regiões estratégicas do Irã e da Nicarágua; ->Ao mesmo tempo, começava a surgir na Polônia um movimento sindical, que deu origem ao sindicato Solidariedade, tendo como principal líder Walesa (operário)-> tratava-se de um movimento reivindicatório, por melhores condições de vida e, ao mesmo tempo, político, questionando o modelo de gestão soviética e requerendo maior liberdade política (eleições); ->Mesmo assim, o governo soviético procurava tirar partido desse momento de indefinição da política externa norte-americana, buscando ampliar sua influência->em 1980, os soviéticos invadiram o Afeganistão, visando apoiar um governo comunista na região-> em represália, o governo Carter adotou sanções econômicas contra os soviéticos, porém já era tarde para Carter reverter a sensação de que seu governo fora responsável pelo enfraquecimento da posição internacional dos EUA-> Reagan assume o poder; ->Reagan endurece as relações com URSS e pressiona o governo da Nicarágua; ->1985->Gorbatchev: *Perestróika: reestruturação econômica (entrada de multinacionais); *Glasnost:transparência política (processos eleitorais-> afasta burocracia->levou ao fim da URSS e criação da CEI; *Redução drástica dos poderes da KGB ->1989 e 1991-> Queda do muro de Berlim e fim do socialismo real; ->EUA-> Reagan consegue eleger seu vice->George Bush (pai)-> a euforia capitalista foi marcada pelo triunfo do neoliberalismo que, ao lado da globalização, passou a ser o grande tema do cenário internacional->Nova Ordem Internacional.