SlideShare uma empresa Scribd logo
A proclamação da
    república
No final da década de 1880, a monarquia
brasileira estava numa situação de crise,
pois representava uma forma de governo
que não correspondia mais às mudanças
sociais em processo. Fazia-se necessário a
implantação de uma nova forma de
governo, que fosse capaz de fazer o país
progredir e avançar nas questões políticas,
econômicas e sociais.
A crise do sistema monárquico
 brasileiro pode ser explicada
através de algumas questões:
• Interferência de D.Pedro II nos assuntos
  religiosos, provocando um descontentamento
  na Igreja Católica;
• os militares estavam descontentes com a
  proibição, imposta pela Monarquia, pela qual
  os oficiais do Exército não podiam se
  manifestar na imprensa sem uma prévia
  autorização do Ministro da Guerra;
• A classe média (funcionário públicos,
  profissionais liberais, jornalistas, estudantes,
  artistas, comerciantes) estava crescendo nos
  grandes centros urbanos e desejava mais
  liberdade e maior participação nos assuntos
  políticos do país.
• Falta de apoio dos proprietários rurais,
  principalmente dos cafeicultores do Oeste
  Paulista, que desejavam obter maior poder
  político, já que tinham grande poder
  econômico;
No dia 15 de novembro de 1889, o Marechal
 Deodoro da Fonseca, com o apoio dos
 republicanos, demitiu o Conselho de Ministros
 e seu presidente. Na noite deste mesmo dia, o
 marechal assinou o manifesto proclamando a
 República no Brasil e instalando um governo
 provisório.
Fonte:
http://www.suapesquisa.com/historiadobrasil/p
  roclamacaodarepublica.htm

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
Daniel Alves Bronstrup
 
Brasil colonial sociedade açucareira
Brasil colonial sociedade açucareiraBrasil colonial sociedade açucareira
Brasil colonial sociedade açucareira
Nívia Sales
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
Marcos Azevedo
 
República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)
Edenilson Morais
 
A proclamação da república no brasil
A proclamação da república no brasilA proclamação da república no brasil
A proclamação da república no brasil
Lucas Degiovani
 
Brasil república
Brasil repúblicaBrasil república
Brasil república
dmflores21
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
eiprofessor
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
eiprofessor
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
Priscila Azeredo
 
Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)
Edenilson Morais
 
República velha
República velhaRepública velha
República velha
Elaine Bogo Pavani
 
3º ano era vargas
3º ano   era vargas3º ano   era vargas
3º ano era vargas
Daniel Alves Bronstrup
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
Fabiana Tonsis
 
Redemocratização brasil
Redemocratização brasilRedemocratização brasil
Redemocratização brasil
Fabiana Tonsis
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
Fatima Freitas
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)
Marilia Pimentel
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
Fatima Freitas
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
Janaína Tavares
 
Revolução de 1930
Revolução de 1930Revolução de 1930
Revolução de 1930
Laércio Góes
 
Independência dos EUA
Independência dos EUAIndependência dos EUA
Independência dos EUA
Portal do Vestibulando
 

Mais procurados (20)

3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
3º ano - Ditadura Militar e Redemocratização
 
Brasil colonial sociedade açucareira
Brasil colonial sociedade açucareiraBrasil colonial sociedade açucareira
Brasil colonial sociedade açucareira
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
 
República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)República Populista (1946-1964)
República Populista (1946-1964)
 
A proclamação da república no brasil
A proclamação da república no brasilA proclamação da república no brasil
A proclamação da república no brasil
 
Brasil república
Brasil repúblicaBrasil república
Brasil república
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)Segundo Reinado (1840-1889)
Segundo Reinado (1840-1889)
 
República velha
República velhaRepública velha
República velha
 
3º ano era vargas
3º ano   era vargas3º ano   era vargas
3º ano era vargas
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
 
Redemocratização brasil
Redemocratização brasilRedemocratização brasil
Redemocratização brasil
 
Primeira guerra mundial
Primeira guerra mundialPrimeira guerra mundial
Primeira guerra mundial
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
 
Revolução de 1930
Revolução de 1930Revolução de 1930
Revolução de 1930
 
Independência dos EUA
Independência dos EUAIndependência dos EUA
Independência dos EUA
 

Semelhante a A proclamação da república

segundo reinado
segundo reinadosegundo reinado
segundo reinado
andre martins
 
HistóRia May 22
HistóRia May 22HistóRia May 22
HistóRia May 22
agccf
 
Brasil - Primeira república
Brasil - Primeira repúblicaBrasil - Primeira república
Aula 2 ano g
Aula 2 ano gAula 2 ano g
Aula 2 ano g
Andre strutz
 
Formação do estado republicano revolução de 30 e primeira guerra mundial
Formação do estado republicano   revolução de 30 e primeira guerra mundialFormação do estado republicano   revolução de 30 e primeira guerra mundial
Formação do estado republicano revolução de 30 e primeira guerra mundial
Nilberte
 
Seminário História - Regência.pdf
Seminário História - Regência.pdfSeminário História - Regência.pdf
Seminário História - Regência.pdf
Eduardo194822
 
Segundo Reinado
Segundo ReinadoSegundo Reinado
Segundo Reinado
Edilene Ruth Pereira
 
Governo de Deodoro e Floriano.pptx
Governo de Deodoro e Floriano.pptxGoverno de Deodoro e Floriano.pptx
Governo de Deodoro e Floriano.pptx
GermanoEsteves1
 
O Segundo Reinado - D. Pedro II
O Segundo Reinado - D. Pedro IIO Segundo Reinado - D. Pedro II
O Segundo Reinado - D. Pedro II
Edilene Ruth Pereira
 
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Documento.docx
Documento.docxDocumento.docx
Documento.docx
Gabriel1211
 
Resumo o segundo reinado
Resumo   o segundo reinadoResumo   o segundo reinado
Resumo o segundo reinado
Nelia Salles Nantes
 
Resumo o segundo reinado
Resumo   o segundo reinadoResumo   o segundo reinado
Resumo o segundo reinado
Nelia Salles Nantes
 
A crise no impér io e o 15 de novembro
A crise no impér io e o 15 de novembroA crise no impér io e o 15 de novembro
A crise no impér io e o 15 de novembro
Nilton Silva Jardim Junior
 
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
Fernando Alcoforado
 
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptxContexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
ItaloEmanoeldaCostaP
 
15 de novembro
15 de novembro15 de novembro
15 de novembro
Jorge Marcos Oliveira
 
O pri meiro reinado
O pri meiro reinadoO pri meiro reinado
O pri meiro reinado
historiando
 
O brasil na primeira republica
O brasil na primeira republicaO brasil na primeira republica
O brasil na primeira republica
cectrabalho
 
Celso blog material nono ano
Celso blog material nono anoCelso blog material nono ano
Celso blog material nono ano
DiedNuenf
 

Semelhante a A proclamação da república (20)

segundo reinado
segundo reinadosegundo reinado
segundo reinado
 
HistóRia May 22
HistóRia May 22HistóRia May 22
HistóRia May 22
 
Brasil - Primeira república
Brasil - Primeira repúblicaBrasil - Primeira república
Brasil - Primeira república
 
Aula 2 ano g
Aula 2 ano gAula 2 ano g
Aula 2 ano g
 
Formação do estado republicano revolução de 30 e primeira guerra mundial
Formação do estado republicano   revolução de 30 e primeira guerra mundialFormação do estado republicano   revolução de 30 e primeira guerra mundial
Formação do estado republicano revolução de 30 e primeira guerra mundial
 
Seminário História - Regência.pdf
Seminário História - Regência.pdfSeminário História - Regência.pdf
Seminário História - Regência.pdf
 
Segundo Reinado
Segundo ReinadoSegundo Reinado
Segundo Reinado
 
Governo de Deodoro e Floriano.pptx
Governo de Deodoro e Floriano.pptxGoverno de Deodoro e Floriano.pptx
Governo de Deodoro e Floriano.pptx
 
O Segundo Reinado - D. Pedro II
O Segundo Reinado - D. Pedro IIO Segundo Reinado - D. Pedro II
O Segundo Reinado - D. Pedro II
 
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
 
Documento.docx
Documento.docxDocumento.docx
Documento.docx
 
Resumo o segundo reinado
Resumo   o segundo reinadoResumo   o segundo reinado
Resumo o segundo reinado
 
Resumo o segundo reinado
Resumo   o segundo reinadoResumo   o segundo reinado
Resumo o segundo reinado
 
A crise no impér io e o 15 de novembro
A crise no impér io e o 15 de novembroA crise no impér io e o 15 de novembro
A crise no impér io e o 15 de novembro
 
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
Acordos pelo alto, golpes de estado e carência de revoluções barraram o progr...
 
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptxContexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
Contexto-historico-do-Brasil-no-seculo-XIX.pptx
 
15 de novembro
15 de novembro15 de novembro
15 de novembro
 
O pri meiro reinado
O pri meiro reinadoO pri meiro reinado
O pri meiro reinado
 
O brasil na primeira republica
O brasil na primeira republicaO brasil na primeira republica
O brasil na primeira republica
 
Celso blog material nono ano
Celso blog material nono anoCelso blog material nono ano
Celso blog material nono ano
 

Mais de robson30

Introdução ao estudo da história
Introdução ao estudo da históriaIntrodução ao estudo da história
Introdução ao estudo da história
robson30
 
A escravidão no Brasil colonial
A escravidão no Brasil colonialA escravidão no Brasil colonial
A escravidão no Brasil colonial
robson30
 
Expansão marítima europeia
Expansão marítima europeiaExpansão marítima europeia
Expansão marítima europeia
robson30
 
Exercicios para o 7º ano
Exercicios para o 7º anoExercicios para o 7º ano
Exercicios para o 7º ano
robson30
 
Regiões do brasil
Regiões do brasilRegiões do brasil
Regiões do brasil
robson30
 
A história e fonte histórica
A história e fonte históricaA história e fonte histórica
A história e fonte histórica
robson30
 
Oque é um lms
Oque é um lmsOque é um lms
Oque é um lms
robson30
 
O moodle e o sócio-interacionismo
O moodle e o sócio-interacionismoO moodle e o sócio-interacionismo
O moodle e o sócio-interacionismo
robson30
 
Apresentacao tarefa semana_5_e_6
Apresentacao tarefa semana_5_e_6Apresentacao tarefa semana_5_e_6
Apresentacao tarefa semana_5_e_6
robson30
 
Moodle e o sócio-interacionismo
Moodle e o sócio-interacionismoMoodle e o sócio-interacionismo
Moodle e o sócio-interacionismo
robson30
 

Mais de robson30 (10)

Introdução ao estudo da história
Introdução ao estudo da históriaIntrodução ao estudo da história
Introdução ao estudo da história
 
A escravidão no Brasil colonial
A escravidão no Brasil colonialA escravidão no Brasil colonial
A escravidão no Brasil colonial
 
Expansão marítima europeia
Expansão marítima europeiaExpansão marítima europeia
Expansão marítima europeia
 
Exercicios para o 7º ano
Exercicios para o 7º anoExercicios para o 7º ano
Exercicios para o 7º ano
 
Regiões do brasil
Regiões do brasilRegiões do brasil
Regiões do brasil
 
A história e fonte histórica
A história e fonte históricaA história e fonte histórica
A história e fonte histórica
 
Oque é um lms
Oque é um lmsOque é um lms
Oque é um lms
 
O moodle e o sócio-interacionismo
O moodle e o sócio-interacionismoO moodle e o sócio-interacionismo
O moodle e o sócio-interacionismo
 
Apresentacao tarefa semana_5_e_6
Apresentacao tarefa semana_5_e_6Apresentacao tarefa semana_5_e_6
Apresentacao tarefa semana_5_e_6
 
Moodle e o sócio-interacionismo
Moodle e o sócio-interacionismoMoodle e o sócio-interacionismo
Moodle e o sócio-interacionismo
 

Último

A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 

Último (20)

A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 

A proclamação da república

  • 1. A proclamação da república
  • 2. No final da década de 1880, a monarquia brasileira estava numa situação de crise, pois representava uma forma de governo que não correspondia mais às mudanças sociais em processo. Fazia-se necessário a implantação de uma nova forma de governo, que fosse capaz de fazer o país progredir e avançar nas questões políticas, econômicas e sociais.
  • 3.
  • 4. A crise do sistema monárquico brasileiro pode ser explicada através de algumas questões:
  • 5. • Interferência de D.Pedro II nos assuntos religiosos, provocando um descontentamento na Igreja Católica;
  • 6.
  • 7. • os militares estavam descontentes com a proibição, imposta pela Monarquia, pela qual os oficiais do Exército não podiam se manifestar na imprensa sem uma prévia autorização do Ministro da Guerra;
  • 8. • A classe média (funcionário públicos, profissionais liberais, jornalistas, estudantes, artistas, comerciantes) estava crescendo nos grandes centros urbanos e desejava mais liberdade e maior participação nos assuntos políticos do país.
  • 9. • Falta de apoio dos proprietários rurais, principalmente dos cafeicultores do Oeste Paulista, que desejavam obter maior poder político, já que tinham grande poder econômico;
  • 10.
  • 11. No dia 15 de novembro de 1889, o Marechal Deodoro da Fonseca, com o apoio dos republicanos, demitiu o Conselho de Ministros e seu presidente. Na noite deste mesmo dia, o marechal assinou o manifesto proclamando a República no Brasil e instalando um governo provisório.
  • 12.
  • 13.