SlideShare uma empresa Scribd logo
ANHANGUERA – 2016.1
REDES DE COMPUTADORES
AULA 02 – INTRODUÇÃO
Prof. Thomás da Costa
thomascosta@aedu.com
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
INTRODUÇÃO
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Redes de Computadores
Lembrando:
• Nosso mundo está conectado.
• Dependemos cada vez mais da Internet.
• Precisamos constantemente nos comunicar.
• A comunicação é a base de toda a humanidade.
• Empresas, órgão públicos e sites necessitam das redes.
• Hoje dificilmente as pessoas vão aos bancos ou enviam cartas paras as
pessoas.
• Em nossas vidas tudo está em rede. Tudo está na nuvem:
• Músicas: Spotify.
• Documentos: Google Docs, Office 365.
• Filmes: Netflix.
• Armazenamento: Dropbox, OneDrive.
• Hoje não conseguimos escapar de alguma rede de comunicação.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Redes de Computadores
Pós:
Quais são os benefícios de sempre estarmos conectados?
• Encontramos qualquer tipo de informação. Nunca mais precisamos utilizar
enciclopédias.
• Não precisamos ir aos bancos pagar contas ou transferir dinheiro.
• Podemos enviar mensagens através do celular, e-mail (que está ficando
obsoleto !!!) para pessoas que recebem imediatamente.
• Nossos arquivos sempre na mão em qualquer lugar. Não precisamos
transportar grandes dispositivos.
• Efetuamos nossas compras on-line e recebemos em casa.
• Em alguns órgão públicos, podemos fazer várias operações pela internet.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Redes de Computadores
Contra:
Já pensou nisso?
• Sem internet ou sem rede corporativa nossas atividades são totalmente
paralisadas.
• Não conseguimos trabalhar, estudar, pesquisar, ouvir músicas, ver filmes ou
jogar.
• Podemos perder informações caso algum serviço on-line deixe de existir.
• Nosso arquivos pessoais podem deixar de existir.
• Algum hacker pode invadir sua conta de e-mail, banco ou qualquer outro
serviço para roubar ou sequestrar suas informações.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
É um conjunto de hardware interligados por um meio de comunicação físico e
logico que possuem uma forma de enviar e trocar informações entre seus
elementos. Em uma rede podemos também compartilhar recursos e
processamento.
Redes de Computadores
O que é?:
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
Redes de Computadores
Possui as seguintes características:
• Confiável.
• Deve garantir a entrega e envio das informações.
• Possuir a capacidade de suportar seus usuários.
• Possuir baixa latência. Tempo necessário para um pacote ir da sua origem e
destino.
• Throughput (vazão) ou taxa de transferência o suficiente para suportar seus
clientes.
• Segurança.
INTRODUÇÃO
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
CONCEITOS
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
É uma rede de baixo custo e de fácil implementação. Neste modelo não existe
servidores, os computadores possuem comunicação entre si diretamente. Não
existe local central de autenticação e armazenamento, com isso as informações
estão descentralizadas.
Ponto-a-Ponto
O que é?:
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Ponto-a-Ponto
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
É um dos modelos mais utilizados no mundo computacional. Nesta estrutura
um ou mais servidores recebem informações de vários clientes efetuando a
troca de informações entre seus elementos.
Cliente/Servidor
O que é?:
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Cliente/Servidor
Servidor
Clientes
Rede
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Componentes
Detalhes:
• Mensagem: são informações enviadas de um dispositivo para outro.
Exemplo: texto, imagem, vídeo, áudio e etc.
• Emissor: é o responsável por enviar a informação para o seu destino.
Exemplo: computador, TV, Videogame
• Receptor: é o responsável por receber a informação. Exemplo: computador,
TV, Videogame
• Meio de transmissão: é o caminho físico onde as informações do receptor e
do emissor trafegam. Exemplo: cabo coaxial, cabo de fibra óptica e ondas de
rádio.
• Protocolo: é um conjunto de regras para efetuar a troca de informações
entre o receptor e o emissor. Neste processo, existe uma forma comum de
comunicação para que possa ocorrer o entendimento das informações.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Transmissão
Formas:
• Simplex: é unidirecional, somente um dispositivo pode receber e o outro
enviar. Exemplo: teclado, monitor, TV a cabo.
• Half-Duplex: é bidirecional, mas não podemos enviar e receber informações
ao mesmo tempo. Enquanto um envia o outro pode somente receber.
Exemplo: Walkie-talkies e rádios (Nextel).
• Full-Duplex: é bidirecional pode receber e enviar informações ao mesmo
tempo. Exemplo: rede telefônica e internet.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Internet
História:
• Na década de 60 os famosos mainframes não se comunicavam.
• O Arpa do Departamento de Defesa dos EUA queria inventar uma forma dos
mainframes se comunicarem.
• Em 1967 surgiu a Arpanet onde computadores de fabricantes diferentes
podiam se comunicar. Para isso precisavam se conectar a um computador
denominado IMP (Processador de Mensagens de Interface). Parece um
servidor !!!
• Em 1969 existia quatro nós comunicando as principais faculdades norte-
americanas.
• Vint Cerf e Bob Kahn em 1972 começaram a escrever o TCP (Transmission
Control Protocol), protocolo de comunicações entre computadores.
• Foi criado o TCP/IP.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Internet
Provedores:
• ISP (Internet service provider ou Provedor de Acesso à Internet) são
empresa privadas que mantém e controla o acesso a internet para os
usuários.
• Existem os Provedores Internacionais que conectam países.
• As Nacionais e Regionais que controlam a distribuição entre determinadas
regiões.
• Os provedores Locais fornecem diretamente o serviço de internet para os
seus usuários.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Intranet
Conceitos:
• É uma rede privada utilizada normalmente dentro das corporações ou
empresas.
• Tem como objetivo compartilhar informações internas de uma determinada
área, setor ou da empresa.
• Neste modelo as informações não estão compartilhadas pela internet.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Extranet
Conceitos:
• Semelhante a uma Intranet, mas as informações são compartilhadas pela
internet.
• Muitas empresas utilizam esse modelo para fornecer ferramentas para seus
fornecedores e parceiros.
• Como é uma rede aberta que acessa informações internas, a segurança e a
privacidade são fundamentais.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Dispersão Geográfica:
• LAN: Local Area Network
• São redes locais para atender um determinado perímetro. Muitas vezes
são classificadas como redes corporativas ou pessoais.
• Compartilham recursos de redes, como servidor, impressoras.
• Podem possuir um servidor central para armazenamento de arquivos e
softwares.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Dispersão Geográfica:
• WAN: Wide Area Network
• Conectam redes em diferentes cidades ou países.
• Permite a transmissão de informações por longa distâncias e até
mesmo grandes áreas geográficas.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Dispersão Geográfica:
• MAN: Metropolitan Area Network
• São redes entre uma LAN e uma WAN tem uma área de cobertura entre
um distrito e uma cidade.
• Podemos citar a companhia telefônica que prover serviços de internet
para seus clientes.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Topologia em Malha:
• Todos os computadores estão interligados entre si, ponto a ponto.
• Caso um dos ponto tenha uma indisponibilidade, a rede toda não é afetada.
• Possui uma grande complexidade.
• Tem um preço maior para ser construída.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Topologia de Barramento:
• Um único barramento atua como um backbone.
• Existe terminadores para identificar o fim e o término da rede.
• Fácil instalação e manutenção.
• Existe um limite de terminais dentro dessa rede, pois o sinal enfraquece
durante a sua transmissão.
• Um curto ou algum problema em um ponto pode interromper a rede toda.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Topologia em Anel:
• Cada estação está ligada na entrada da estação seguinte.
• Caso ocorra algum problema em algum dos computadores a rede pode se
tornar instável.
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Classificação de Redes
Topologia em Estrela:
• Precisa de um elemento principal como repetidor.
• Estabilidade da rede depende do elemento principal.
• Caso exista uma falha em um ponto, a rede toda não é afetada.
• Comumente utilizada em redes locais (LAN).
REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa
INTRODUÇÃO
Resumo
• Redes de computadores interligam dispositivos entre si.
• Possuem meios de transmissão.
• Internet é uma rede utilizada mundialmente.
• Intranet é uma rede que compartilha informações de uma empresa.
• Extranet tem a mesma funcionalidade da Intranet provendo serviços para
fornecedores e clientes externos.
• As redes possuem classificações que identificam sua dispersão geográfica e
topologia.
Obrigado !!!
ANHANGUERA – 2016.1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula1 historia das redes
Aula1   historia das redesAula1   historia das redes
Aula1 historia das redes
Berenildo Felix JR
 
Introdução à Arquitetura de Computadores
Introdução à Arquitetura de ComputadoresIntrodução à Arquitetura de Computadores
Introdução à Arquitetura de Computadores
Mauro Pereira
 
Introdução ao desenvolvimento Web
Introdução ao desenvolvimento WebIntrodução ao desenvolvimento Web
Introdução ao desenvolvimento Web
Sérgio Souza Costa
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Elaine Cecília Gatto
 
Redes 1 introducao historico conceitos
Redes 1 introducao historico conceitosRedes 1 introducao historico conceitos
Redes 1 introducao historico conceitos
Mauro Pereira
 
Introdução à Engenharia de Software e UML
Introdução à Engenharia de Software e UMLIntrodução à Engenharia de Software e UML
Introdução à Engenharia de Software e UML
Natanael Simões
 
Modelo TCP/IP
Modelo TCP/IPModelo TCP/IP
Aula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadoresAula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadores
LucasMansueto
 
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de ComputadoresIntrodução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
Wellington Oliveira
 
Equipamentos de Rede
Equipamentos de RedeEquipamentos de Rede
Equipamentos de Rede
Ana Julia F Alves Ferreira
 
Gerência de redes e computadores
Gerência de redes e computadoresGerência de redes e computadores
Gerência de redes e computadores
Eduardo Junior
 
Aula 04 arquitetura de computadores
Aula 04   arquitetura de computadoresAula 04   arquitetura de computadores
Aula 04 arquitetura de computadores
Daniel Moura
 
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCPRedes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
Cleber Fonseca
 
Estrutura de Dados - Aula 01
Estrutura de Dados - Aula 01Estrutura de Dados - Aula 01
Estrutura de Dados - Aula 01
thomasdacosta
 
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativosAula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
CEULJI/ULBRA Centro Universitário Luterano de Ji-Paraná
 
Topologia de Redes
Topologia de RedesTopologia de Redes
Topologia de Redes
Breno Damasceno
 
Sistema de gerenciamento de banco de dados
Sistema de gerenciamento de banco de dadosSistema de gerenciamento de banco de dados
Sistema de gerenciamento de banco de dados
Juh Souza
 
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
Leinylson Fontinele
 
Protocolos de Redes
Protocolos de RedesProtocolos de Redes
Protocolos de Redes
Wellington Oliveira
 
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Leinylson Fontinele
 

Mais procurados (20)

Aula1 historia das redes
Aula1   historia das redesAula1   historia das redes
Aula1 historia das redes
 
Introdução à Arquitetura de Computadores
Introdução à Arquitetura de ComputadoresIntrodução à Arquitetura de Computadores
Introdução à Arquitetura de Computadores
 
Introdução ao desenvolvimento Web
Introdução ao desenvolvimento WebIntrodução ao desenvolvimento Web
Introdução ao desenvolvimento Web
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Redes 1 introducao historico conceitos
Redes 1 introducao historico conceitosRedes 1 introducao historico conceitos
Redes 1 introducao historico conceitos
 
Introdução à Engenharia de Software e UML
Introdução à Engenharia de Software e UMLIntrodução à Engenharia de Software e UML
Introdução à Engenharia de Software e UML
 
Modelo TCP/IP
Modelo TCP/IPModelo TCP/IP
Modelo TCP/IP
 
Aula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadoresAula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadores
 
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de ComputadoresIntrodução - Arquitetura e Organização de Computadores
Introdução - Arquitetura e Organização de Computadores
 
Equipamentos de Rede
Equipamentos de RedeEquipamentos de Rede
Equipamentos de Rede
 
Gerência de redes e computadores
Gerência de redes e computadoresGerência de redes e computadores
Gerência de redes e computadores
 
Aula 04 arquitetura de computadores
Aula 04   arquitetura de computadoresAula 04   arquitetura de computadores
Aula 04 arquitetura de computadores
 
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCPRedes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
Redes de computadores 2 - Aula 6 - DNS, DHCP
 
Estrutura de Dados - Aula 01
Estrutura de Dados - Aula 01Estrutura de Dados - Aula 01
Estrutura de Dados - Aula 01
 
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativosAula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
Aula 10 Software - sistema operacional e aplicativos
 
Topologia de Redes
Topologia de RedesTopologia de Redes
Topologia de Redes
 
Sistema de gerenciamento de banco de dados
Sistema de gerenciamento de banco de dadosSistema de gerenciamento de banco de dados
Sistema de gerenciamento de banco de dados
 
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
Sistemas Operacionais - Aula 07 (Thread e Processos)
 
Protocolos de Redes
Protocolos de RedesProtocolos de Redes
Protocolos de Redes
 
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
Sistemas Operacionais - Aula 02 (Visão geral de sistemas operacionais)
 

Destaque

Redes de Computadores - Aula 03
Redes de Computadores - Aula 03Redes de Computadores - Aula 03
Redes de Computadores - Aula 03
thomasdacosta
 
Redes de Computadores - Aula 04
Redes de Computadores - Aula 04Redes de Computadores - Aula 04
Redes de Computadores - Aula 04
thomasdacosta
 
Redes de Computadores - Exercícios 03
Redes de Computadores - Exercícios 03Redes de Computadores - Exercícios 03
Redes de Computadores - Exercícios 03
thomasdacosta
 
Redes de Computadores - Exercícios 05
Redes de Computadores - Exercícios 05Redes de Computadores - Exercícios 05
Redes de Computadores - Exercícios 05
thomasdacosta
 
Redes de Computadores - Exercícios 06
Redes de Computadores - Exercícios 06Redes de Computadores - Exercícios 06
Redes de Computadores - Exercícios 06
thomasdacosta
 
Equipamentos de redes de computadores
Equipamentos de redes de computadoresEquipamentos de redes de computadores
Equipamentos de redes de computadores
Vinicius de Melo
 
Redes de Computadores - Aula 05
Redes de Computadores - Aula 05Redes de Computadores - Aula 05
Redes de Computadores - Aula 05
thomasdacosta
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
thomasdacosta
 
Algoritmos de redes
Algoritmos de redesAlgoritmos de redes
Algoritmos de redes
Mário Salumbongo Pereira
 
Material introd. redes de computadores
Material   introd. redes de computadoresMaterial   introd. redes de computadores
Material introd. redes de computadores
negasousa
 
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
José Ripardo
 
100&life Sample Report
100&life Sample Report100&life Sample Report
100&life Sample Report
XcodeLifeSciences
 
Redes de Computadores - Exercícios 04
Redes de Computadores - Exercícios 04Redes de Computadores - Exercícios 04
Redes de Computadores - Exercícios 04
thomasdacosta
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
thomasdacosta
 
Conceitos software, hardware, sistema operativo
Conceitos software, hardware, sistema operativoConceitos software, hardware, sistema operativo
Conceitos software, hardware, sistema operativo
Filipa Ferreira
 
Estruturas de rede
Estruturas de redeEstruturas de rede
Estruturas de rede
cadudragon
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
thomasdacosta
 
Internet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranetInternet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranet
Pricila Yessayan
 
Software hardware
Software hardware Software hardware
Software hardware
Leslie H
 
Estrutura Fisica De Redes Parte I
Estrutura Fisica De Redes  Parte IEstrutura Fisica De Redes  Parte I
Estrutura Fisica De Redes Parte I
Sergio Gomes Ferreira
 

Destaque (20)

Redes de Computadores - Aula 03
Redes de Computadores - Aula 03Redes de Computadores - Aula 03
Redes de Computadores - Aula 03
 
Redes de Computadores - Aula 04
Redes de Computadores - Aula 04Redes de Computadores - Aula 04
Redes de Computadores - Aula 04
 
Redes de Computadores - Exercícios 03
Redes de Computadores - Exercícios 03Redes de Computadores - Exercícios 03
Redes de Computadores - Exercícios 03
 
Redes de Computadores - Exercícios 05
Redes de Computadores - Exercícios 05Redes de Computadores - Exercícios 05
Redes de Computadores - Exercícios 05
 
Redes de Computadores - Exercícios 06
Redes de Computadores - Exercícios 06Redes de Computadores - Exercícios 06
Redes de Computadores - Exercícios 06
 
Equipamentos de redes de computadores
Equipamentos de redes de computadoresEquipamentos de redes de computadores
Equipamentos de redes de computadores
 
Redes de Computadores - Aula 05
Redes de Computadores - Aula 05Redes de Computadores - Aula 05
Redes de Computadores - Aula 05
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 03
 
Algoritmos de redes
Algoritmos de redesAlgoritmos de redes
Algoritmos de redes
 
Material introd. redes de computadores
Material   introd. redes de computadoresMaterial   introd. redes de computadores
Material introd. redes de computadores
 
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
Pl 7663 2010 que institui várias medidas para o combate às drogas, como a int...
 
100&life Sample Report
100&life Sample Report100&life Sample Report
100&life Sample Report
 
Redes de Computadores - Exercícios 04
Redes de Computadores - Exercícios 04Redes de Computadores - Exercícios 04
Redes de Computadores - Exercícios 04
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 01
 
Conceitos software, hardware, sistema operativo
Conceitos software, hardware, sistema operativoConceitos software, hardware, sistema operativo
Conceitos software, hardware, sistema operativo
 
Estruturas de rede
Estruturas de redeEstruturas de rede
Estruturas de rede
 
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
Programação de Sistemas Distribuídos - Aula 02
 
Internet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranetInternet, intranet, extranet
Internet, intranet, extranet
 
Software hardware
Software hardware Software hardware
Software hardware
 
Estrutura Fisica De Redes Parte I
Estrutura Fisica De Redes  Parte IEstrutura Fisica De Redes  Parte I
Estrutura Fisica De Redes Parte I
 

Semelhante a Redes de Computadores - Aula 02

Criação de uma rede
Criação de uma redeCriação de uma rede
Criação de uma rede
Patrícia Morais
 
Informática redes internet (datagrama etc)
Informática   redes internet (datagrama etc)Informática   redes internet (datagrama etc)
Informática redes internet (datagrama etc)
Zito Bongo
 
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
João Freire Abramowicz
 
Apostila redes prof_diegofiori_vfinal
Apostila redes prof_diegofiori_vfinalApostila redes prof_diegofiori_vfinal
Apostila redes prof_diegofiori_vfinal
Odilon Junior
 
Introdução a Redes de computadores
Introdução a Redes de computadoresIntrodução a Redes de computadores
Introdução a Redes de computadores
Alison Rodrigues
 
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia  sem fioCapítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia  sem fio
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio
Everton Souza
 
Informática Aplicada - Rede de computadores
Informática Aplicada - Rede de computadoresInformática Aplicada - Rede de computadores
Informática Aplicada - Rede de computadores
Anderson Pontes
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Fabiano Santos
 
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGAImplemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
BrnWltrDaTrnn
 
Aula 4 redes de computadores
Aula 4   redes de computadoresAula 4   redes de computadores
Aula 4 redes de computadores
Lourenco Angelo Manjate
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
Luand Gadelha
 
Introd fund
Introd fundIntrod fund
Introd fund
Luis Cuma
 
Redes - Introdução
Redes - IntroduçãoRedes - Introdução
Redes - Introdução
Luiz Arthur
 
REDES DE COMPUTADORES.pptx
REDES DE COMPUTADORES.pptxREDES DE COMPUTADORES.pptx
REDES DE COMPUTADORES.pptx
JonasVimbane
 
Comunicação de Dados - Modulo 5
 Comunicação de Dados - Modulo 5 Comunicação de Dados - Modulo 5
Comunicação de Dados - Modulo 5
Mariana Hiyori
 
Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1
Luis Ferreira
 
Classificacao
ClassificacaoClassificacao
Redes – história e conceitos
Redes – história e conceitosRedes – história e conceitos
Redes – história e conceitos
André Guilherme Silva
 
Rede cabeada
Rede cabeadaRede cabeada
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdfCap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
ssuser4d83d3
 

Semelhante a Redes de Computadores - Aula 02 (20)

Criação de uma rede
Criação de uma redeCriação de uma rede
Criação de uma rede
 
Informática redes internet (datagrama etc)
Informática   redes internet (datagrama etc)Informática   redes internet (datagrama etc)
Informática redes internet (datagrama etc)
 
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
 
Apostila redes prof_diegofiori_vfinal
Apostila redes prof_diegofiori_vfinalApostila redes prof_diegofiori_vfinal
Apostila redes prof_diegofiori_vfinal
 
Introdução a Redes de computadores
Introdução a Redes de computadoresIntrodução a Redes de computadores
Introdução a Redes de computadores
 
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia  sem fioCapítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia  sem fio
Capítulo 06 - Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio
 
Informática Aplicada - Rede de computadores
Informática Aplicada - Rede de computadoresInformática Aplicada - Rede de computadores
Informática Aplicada - Rede de computadores
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGAImplemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
Implemenção_de_Rede_Lan_BRUNO_WALTER_ALPEGA
 
Aula 4 redes de computadores
Aula 4   redes de computadoresAula 4   redes de computadores
Aula 4 redes de computadores
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
 
Introd fund
Introd fundIntrod fund
Introd fund
 
Redes - Introdução
Redes - IntroduçãoRedes - Introdução
Redes - Introdução
 
REDES DE COMPUTADORES.pptx
REDES DE COMPUTADORES.pptxREDES DE COMPUTADORES.pptx
REDES DE COMPUTADORES.pptx
 
Comunicação de Dados - Modulo 5
 Comunicação de Dados - Modulo 5 Comunicação de Dados - Modulo 5
Comunicação de Dados - Modulo 5
 
Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1
 
Classificacao
ClassificacaoClassificacao
Classificacao
 
Redes – história e conceitos
Redes – história e conceitosRedes – história e conceitos
Redes – história e conceitos
 
Rede cabeada
Rede cabeadaRede cabeada
Rede cabeada
 
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdfCap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
Cap._1_-_Introduc807a771o_a768s_Redes_de_Computadores_2024.pdf
 

Mais de thomasdacosta

Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a ProduçãoAzure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
thomasdacosta
 
Organização de Computadores - Aula 02
Organização de Computadores - Aula 02Organização de Computadores - Aula 02
Organização de Computadores - Aula 02
thomasdacosta
 
Organização de Computadores - Aula 03
Organização de Computadores - Aula 03Organização de Computadores - Aula 03
Organização de Computadores - Aula 03
thomasdacosta
 
Organização de Computadores - Aula 01
Organização de Computadores - Aula 01Organização de Computadores - Aula 01
Organização de Computadores - Aula 01
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Curso Completo
Programação Concorrente - Curso CompletoProgramação Concorrente - Curso Completo
Programação Concorrente - Curso Completo
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 07
Programação Concorrente - Aula 07Programação Concorrente - Aula 07
Programação Concorrente - Aula 07
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 06
Programação Concorrente - Aula 06Programação Concorrente - Aula 06
Programação Concorrente - Aula 06
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 05
Programação Concorrente - Aula 05Programação Concorrente - Aula 05
Programação Concorrente - Aula 05
thomasdacosta
 
Linguagem de Programação Java
Linguagem de Programação JavaLinguagem de Programação Java
Linguagem de Programação Java
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 04
Programação Concorrente - Aula 04Programação Concorrente - Aula 04
Programação Concorrente - Aula 04
thomasdacosta
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
thomasdacosta
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 03
Programação Concorrente - Aula 03Programação Concorrente - Aula 03
Programação Concorrente - Aula 03
thomasdacosta
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - LAB 01
Programação Concorrente - LAB 01Programação Concorrente - LAB 01
Programação Concorrente - LAB 01
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 02
Programação Concorrente - Aula 02Programação Concorrente - Aula 02
Programação Concorrente - Aula 02
thomasdacosta
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
thomasdacosta
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
thomasdacosta
 
Programação Concorrente - Aula 01
Programação Concorrente - Aula 01Programação Concorrente - Aula 01
Programação Concorrente - Aula 01
thomasdacosta
 

Mais de thomasdacosta (19)

Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a ProduçãoAzure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
Azure Functions e Java: Do Desenvolvimento a Produção
 
Organização de Computadores - Aula 02
Organização de Computadores - Aula 02Organização de Computadores - Aula 02
Organização de Computadores - Aula 02
 
Organização de Computadores - Aula 03
Organização de Computadores - Aula 03Organização de Computadores - Aula 03
Organização de Computadores - Aula 03
 
Organização de Computadores - Aula 01
Organização de Computadores - Aula 01Organização de Computadores - Aula 01
Organização de Computadores - Aula 01
 
Programação Concorrente - Curso Completo
Programação Concorrente - Curso CompletoProgramação Concorrente - Curso Completo
Programação Concorrente - Curso Completo
 
Programação Concorrente - Aula 07
Programação Concorrente - Aula 07Programação Concorrente - Aula 07
Programação Concorrente - Aula 07
 
Programação Concorrente - Aula 06
Programação Concorrente - Aula 06Programação Concorrente - Aula 06
Programação Concorrente - Aula 06
 
Programação Concorrente - Aula 05
Programação Concorrente - Aula 05Programação Concorrente - Aula 05
Programação Concorrente - Aula 05
 
Linguagem de Programação Java
Linguagem de Programação JavaLinguagem de Programação Java
Linguagem de Programação Java
 
Programação Concorrente - Aula 04
Programação Concorrente - Aula 04Programação Concorrente - Aula 04
Programação Concorrente - Aula 04
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 05
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 04
 
Programação Concorrente - Aula 03
Programação Concorrente - Aula 03Programação Concorrente - Aula 03
Programação Concorrente - Aula 03
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 03
 
Programação Concorrente - LAB 01
Programação Concorrente - LAB 01Programação Concorrente - LAB 01
Programação Concorrente - LAB 01
 
Programação Concorrente - Aula 02
Programação Concorrente - Aula 02Programação Concorrente - Aula 02
Programação Concorrente - Aula 02
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 02
 
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
Algoritmos e Estrutura de Dados - Aula 01
 
Programação Concorrente - Aula 01
Programação Concorrente - Aula 01Programação Concorrente - Aula 01
Programação Concorrente - Aula 01
 

Redes de Computadores - Aula 02

  • 1. ANHANGUERA – 2016.1 REDES DE COMPUTADORES AULA 02 – INTRODUÇÃO Prof. Thomás da Costa thomascosta@aedu.com
  • 2. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO
  • 3. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Redes de Computadores Lembrando: • Nosso mundo está conectado. • Dependemos cada vez mais da Internet. • Precisamos constantemente nos comunicar. • A comunicação é a base de toda a humanidade. • Empresas, órgão públicos e sites necessitam das redes. • Hoje dificilmente as pessoas vão aos bancos ou enviam cartas paras as pessoas. • Em nossas vidas tudo está em rede. Tudo está na nuvem: • Músicas: Spotify. • Documentos: Google Docs, Office 365. • Filmes: Netflix. • Armazenamento: Dropbox, OneDrive. • Hoje não conseguimos escapar de alguma rede de comunicação.
  • 4. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Redes de Computadores Pós: Quais são os benefícios de sempre estarmos conectados? • Encontramos qualquer tipo de informação. Nunca mais precisamos utilizar enciclopédias. • Não precisamos ir aos bancos pagar contas ou transferir dinheiro. • Podemos enviar mensagens através do celular, e-mail (que está ficando obsoleto !!!) para pessoas que recebem imediatamente. • Nossos arquivos sempre na mão em qualquer lugar. Não precisamos transportar grandes dispositivos. • Efetuamos nossas compras on-line e recebemos em casa. • Em alguns órgão públicos, podemos fazer várias operações pela internet.
  • 5. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Redes de Computadores Contra: Já pensou nisso? • Sem internet ou sem rede corporativa nossas atividades são totalmente paralisadas. • Não conseguimos trabalhar, estudar, pesquisar, ouvir músicas, ver filmes ou jogar. • Podemos perder informações caso algum serviço on-line deixe de existir. • Nosso arquivos pessoais podem deixar de existir. • Algum hacker pode invadir sua conta de e-mail, banco ou qualquer outro serviço para roubar ou sequestrar suas informações.
  • 6. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO É um conjunto de hardware interligados por um meio de comunicação físico e logico que possuem uma forma de enviar e trocar informações entre seus elementos. Em uma rede podemos também compartilhar recursos e processamento. Redes de Computadores O que é?:
  • 7. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa Redes de Computadores Possui as seguintes características: • Confiável. • Deve garantir a entrega e envio das informações. • Possuir a capacidade de suportar seus usuários. • Possuir baixa latência. Tempo necessário para um pacote ir da sua origem e destino. • Throughput (vazão) ou taxa de transferência o suficiente para suportar seus clientes. • Segurança. INTRODUÇÃO
  • 8. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO CONCEITOS
  • 9. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO É uma rede de baixo custo e de fácil implementação. Neste modelo não existe servidores, os computadores possuem comunicação entre si diretamente. Não existe local central de autenticação e armazenamento, com isso as informações estão descentralizadas. Ponto-a-Ponto O que é?:
  • 10. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Ponto-a-Ponto
  • 11. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO É um dos modelos mais utilizados no mundo computacional. Nesta estrutura um ou mais servidores recebem informações de vários clientes efetuando a troca de informações entre seus elementos. Cliente/Servidor O que é?:
  • 12. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Cliente/Servidor Servidor Clientes Rede
  • 13. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Componentes Detalhes: • Mensagem: são informações enviadas de um dispositivo para outro. Exemplo: texto, imagem, vídeo, áudio e etc. • Emissor: é o responsável por enviar a informação para o seu destino. Exemplo: computador, TV, Videogame • Receptor: é o responsável por receber a informação. Exemplo: computador, TV, Videogame • Meio de transmissão: é o caminho físico onde as informações do receptor e do emissor trafegam. Exemplo: cabo coaxial, cabo de fibra óptica e ondas de rádio. • Protocolo: é um conjunto de regras para efetuar a troca de informações entre o receptor e o emissor. Neste processo, existe uma forma comum de comunicação para que possa ocorrer o entendimento das informações.
  • 14. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Transmissão Formas: • Simplex: é unidirecional, somente um dispositivo pode receber e o outro enviar. Exemplo: teclado, monitor, TV a cabo. • Half-Duplex: é bidirecional, mas não podemos enviar e receber informações ao mesmo tempo. Enquanto um envia o outro pode somente receber. Exemplo: Walkie-talkies e rádios (Nextel). • Full-Duplex: é bidirecional pode receber e enviar informações ao mesmo tempo. Exemplo: rede telefônica e internet.
  • 15. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Internet História: • Na década de 60 os famosos mainframes não se comunicavam. • O Arpa do Departamento de Defesa dos EUA queria inventar uma forma dos mainframes se comunicarem. • Em 1967 surgiu a Arpanet onde computadores de fabricantes diferentes podiam se comunicar. Para isso precisavam se conectar a um computador denominado IMP (Processador de Mensagens de Interface). Parece um servidor !!! • Em 1969 existia quatro nós comunicando as principais faculdades norte- americanas. • Vint Cerf e Bob Kahn em 1972 começaram a escrever o TCP (Transmission Control Protocol), protocolo de comunicações entre computadores. • Foi criado o TCP/IP.
  • 16. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Internet Provedores: • ISP (Internet service provider ou Provedor de Acesso à Internet) são empresa privadas que mantém e controla o acesso a internet para os usuários. • Existem os Provedores Internacionais que conectam países. • As Nacionais e Regionais que controlam a distribuição entre determinadas regiões. • Os provedores Locais fornecem diretamente o serviço de internet para os seus usuários.
  • 17. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Intranet Conceitos: • É uma rede privada utilizada normalmente dentro das corporações ou empresas. • Tem como objetivo compartilhar informações internas de uma determinada área, setor ou da empresa. • Neste modelo as informações não estão compartilhadas pela internet.
  • 18. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Extranet Conceitos: • Semelhante a uma Intranet, mas as informações são compartilhadas pela internet. • Muitas empresas utilizam esse modelo para fornecer ferramentas para seus fornecedores e parceiros. • Como é uma rede aberta que acessa informações internas, a segurança e a privacidade são fundamentais.
  • 19. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Dispersão Geográfica: • LAN: Local Area Network • São redes locais para atender um determinado perímetro. Muitas vezes são classificadas como redes corporativas ou pessoais. • Compartilham recursos de redes, como servidor, impressoras. • Podem possuir um servidor central para armazenamento de arquivos e softwares.
  • 20. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Dispersão Geográfica: • WAN: Wide Area Network • Conectam redes em diferentes cidades ou países. • Permite a transmissão de informações por longa distâncias e até mesmo grandes áreas geográficas.
  • 21. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Dispersão Geográfica: • MAN: Metropolitan Area Network • São redes entre uma LAN e uma WAN tem uma área de cobertura entre um distrito e uma cidade. • Podemos citar a companhia telefônica que prover serviços de internet para seus clientes.
  • 22. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Topologia em Malha: • Todos os computadores estão interligados entre si, ponto a ponto. • Caso um dos ponto tenha uma indisponibilidade, a rede toda não é afetada. • Possui uma grande complexidade. • Tem um preço maior para ser construída.
  • 23. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Topologia de Barramento: • Um único barramento atua como um backbone. • Existe terminadores para identificar o fim e o término da rede. • Fácil instalação e manutenção. • Existe um limite de terminais dentro dessa rede, pois o sinal enfraquece durante a sua transmissão. • Um curto ou algum problema em um ponto pode interromper a rede toda.
  • 24. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Topologia em Anel: • Cada estação está ligada na entrada da estação seguinte. • Caso ocorra algum problema em algum dos computadores a rede pode se tornar instável.
  • 25. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Classificação de Redes Topologia em Estrela: • Precisa de um elemento principal como repetidor. • Estabilidade da rede depende do elemento principal. • Caso exista uma falha em um ponto, a rede toda não é afetada. • Comumente utilizada em redes locais (LAN).
  • 26. REDES DE COMPUTADORES – Prof. Thomás da Costa INTRODUÇÃO Resumo • Redes de computadores interligam dispositivos entre si. • Possuem meios de transmissão. • Internet é uma rede utilizada mundialmente. • Intranet é uma rede que compartilha informações de uma empresa. • Extranet tem a mesma funcionalidade da Intranet provendo serviços para fornecedores e clientes externos. • As redes possuem classificações que identificam sua dispersão geográfica e topologia.