SlideShare uma empresa Scribd logo
Arquitetura de redes de computadores
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ – UECE
CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA
CURSO MESTRADO PROFISSIONAL EM COMPUTAÇÃO APLICADA –
MPCOMP
Professor: Prof. Ronaldo Ramos
Aluna: Ana Júlia Ferreira Alves
Fortaleza – Ceara
2017
Roteiro
1. O que é Aquitetura de redes
2. O que é Redes de computadores
3. Protocolos de Rede
4. Topologia da rede
5. Tipos de Cabos de redes
6. Tipos de Redes sem fio
7. Camadas da pilha de protocolos
8. Modelo OSI
8.1 Camadas Modelo OSI
8.2 Funcionamento Modelo OSI
9. Descrição do serviço
10. Conclusão
11. Referencias / Bibliografia
1. O que é Aquitetura de redes
Arquitetura de rede é como se designa um conjunto de
camadas e protocolos de rede. A especificação de uma
arquitetura deve conter informações suficientes para permitir que
um implementador desenvolva o programa ou construa
o hardware de cada camada, de forma que ela obedeça
corretamente ao protocolo adequado.
2. O que é Redes de computadores
O termo redes de computadores está cada vez mais em desuso
com as novas tecnologias e dispositivos que estão sendo
interconectados na internet pública. Estes dispositivos conhecidos
como sistemas finais não são unicamente compostos de
computadores de mesa mas também de uma grande variedade de
equipamentos que incluem telefones celulares, sistemas de
automação residencial ou industrial, computadores portáteis e
aparelhos eletrônicos diversos.
2. O que é Redes de computadores
Estes sistemas finais são interconectados e percorrem uma rota ou
caminho que passa por enlaces de comunicação (cabos, ondas,
fibras ópticas etc) e também por comutadores de pacotes
(switches, hubs, roteadores etc). O primeiro é o meio físico
responsável pela transmissão em si enquanto o segundo faz o
encaminhamento dos pacotes aos seus destinos.
Os sistemas finais acessam a internet por meio de ISPs
(provedores de serviço de internet) de nível baixo que são
interconectados por ISPs de nível alto, compostos por roteadores e
sistemas de fibra óptica de altíssima velocidade, obedecendo
certas convenções de nomeação e endereço a fim de padronizar o
acesso à rede.
3. Protocolos de Rede
Os protocolos controlam o envio e recebimento das informações e
envolvem todos os dispositivos que compõem a internet, sendo o
mais famoso deles o conjunto de protocolos conhecido como
TCP/IP. Este protocolo, cujo nome vem dos protocolos mais
importantes de pilha, TCP e IP, foi desenvolvido originalmente
pela Universidade da Califórnia para o Departamento de Defesa
dos EUA (DoD). Atualmente o TCP/IP é o protocolo padrão para
redes locais e remotas.
4. Topologia da rede
A topologia da rede define o modo como diversos dispositivos
computacionais (nós) estão ligados um ao outro. A topologia de
rede mais simples é a que representa dois nós interligados. Esta é
a topologia Ponto a Ponto, que pode ser utilizada também na
conexão entre mais de dois nós. Além da ligação Ponto a Ponto há
outros exemplos de topologias, como:
● Rede em anel consiste em estações conectadas através de
um circuito fechado, em série. O anel não interliga as estações
diretamente
● Rede em estrela, toda a informação deve passar
obrigatoriamente por uma estação central inteligente que deve
conectar cada estação da rede e distribuir o tráfego para que
uma estação não receba, indevidamente, dados destinados às
outras.
● Rede em barramento é uma topologia de rede em que todos
os computadores são ligados em um mesmo barramento físico
de dados.
Anel Malha Estrela Totalmente Conectado
Linha Árvore Barramento
4. Outras topologia da rede
5. Tipos de Cabos de redes
Existem 4 tipos de cabo de rede:
● Cabo de par trançado não blindado
(UTP - Unshielded Twisted Pair), C
● Cabo de par trançado blindado
(STP - Shielded Twisted Pair),
● Cabo de fibra óptica
● Cabo coaxial, que é usado em
redes antigas.
6. Tipos de Redes sem fio
A radiação infravermelha (IV) é uma radiação não ionizante na porção
invisível do espectro eletromagnético que está adjacente aos
comprimentos de ondas longos, ou final vermelho do espectro da luz
visível.
As redes por microondas são um tipo de meio de transmissão de dados
não guiados de frequência extremamente alta muito usado na
comunicação telefônica entre grandes distâncias, nos telefones celulares,
etc.
Rede de área pessoal, Uma rede de área pessoal sem fio (WPAN) é uma
rede de área pessoal - uma rede para interligar dispositivos centrados na
área de trabalho de uma pessoa individualmente - em que as conexões
são sem fio. O PAN sem fio é baseado no padrão IEEE 802.15. Os dois
tipos de tecnologias sem fio são utilizados para WPAN são o Bluetooth e o
Infrared Data Association
7. Camadas da pilha de protocolos
O TCP/IP foi implementado em uma arquitetura de pilhas, onde
cada uma interage com a camada imediatamente superior ou
inferior a ela. A divisão superficial em camadas e alguns
protocolos são mostrados abaixo:
Camada Protocolo
4. Aplicação FTP, TORRENT, SMTP, POP3, HTTP
3. Transporte TCP, UDP, DCCP
2. Rede ARP, RARP, IPv4, IPv6
1. Física BLUETOOTH, WIFI, USB, ETHERNET
8. Modelo OSI
O Modelo OSI (acrônimo do inglês Open System
Interconnection) é um modelo de rede de
computador referência da ISO dividido em camadas de funções,
criado em 1970 e formalizado em 1983, com objetivo de ser
um padrão, para protocolos de comunicação entre os mais
diversos sistemas em uma rede local (Ethernet), garantindo a
comunicação entre dois sistemas computacionais.
Este modelo divide as redes de computadores em 7 camadas,
de forma a se obter camadas de abstração. Cada protocolo
implementa uma funcionalidade assinalada a uma determinada
camada.
8.1. Camadas Modelo OSI
CAMADA FUNÇÃO
7 - Aplicação
Funções especialistas (transferência de arquivos,
envio de e-mail, terminal virtual)
6 - Apresentação
Formatação dos dados, conversão de códigos e
caracteres
5 - Sessão Negociação e conexão com outros nós, analogia
4 - Transporte
Oferece métodos para a entrega de dados ponto-a-
ponto
3 - Rede
Roteamento de pacotes em uma ou várias redes
(Endereço e melhor Caminho)
2 - Enlace Detecção de erros
1 - Física
Transmissão e recepção dos bits brutos através do
meio físico de transmissão
8.2. Funcionamento Modelo OSI
9. Descrição do serviço
Através da internet os sistemas finais executam aplicações distribuídas
(navegação na web, compartilhamento de arquivos, jogos em rede,
troca de mensagens, aúdio, vídeo etc) que podem se comunicar entre
si e dois serviços são oferecidos a essas aplicações:
● Serviço confiável orientado a conexão
TCP (Transmission Control Protocol),
● Serviço não confiável não orientado a
conexão UDP (User Datagram Protocol).
O primeiro é geralmente mais lento que o segundo, mas oferece
garantia de entrega e integridade dos pacotes a serem transmitidos.
Um dos problemas que a internet enfrenta é que não há garantia de
tempo que os pacotes levarão para ser transmitidos. O usuário pode
apenas aumentar a velocidade de tráfego entre sua rede e seu
provedor de acesso, geralmente pagando mais ao seu provedor.
10. Conclusão
Como visto nas seções precedentes, as redes de
computadores/arquitetura podem se caracterizar por diferentes
configurações e topologias. Apesar da diversidade no que diz
respeito a este aspecto, todas as possíveis configurações têm
um objetivo comum – a transferência de dados.
Referencias
1. Mendes, Douglas Rocha. Redes de Computadores
(http://docs.google.com/viewer?a=v&q=cache
2. Dimitrios Serpanos, Tilman Wolf, Architecture of Network
Systems, Elsevier, 2011 ISBN 0080922821
3. https://pt.wikipedia.org/wiki/Arquitetura_de_rede
Bibliografia
Redes de Coputadores Locais e de Longa Distância, Autor: Liane M. R.
Tarouco, 1986, Editora McGrawHill, ISBN 0074504770
Pequenas Redes com Microsoft Windows, Para Casa e Escritório, Autor:
João Eriberto Mota Filho, 2001, Editora Ciência Moderna, ISBN 8573931345

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Topologia em redes
Topologia em redesTopologia em redes
Topologia em redes
Yohana Alves
 
Aula1 historia das redes
Aula1   historia das redesAula1   historia das redes
Aula1 historia das redes
Berenildo Felix JR
 
Rede de computadores
Rede de computadoresRede de computadores
Rede de computadores
Jairo Soares Dolores Mosca
 
Redes Convergentes
Redes ConvergentesRedes Convergentes
Redes Convergentes
Mauro Ribeiro
 
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de ComputadoresAula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Dalton Martins
 
Vantagens e desvantagens em topologias de redes
Vantagens e desvantagens em topologias de redesVantagens e desvantagens em topologias de redes
Vantagens e desvantagens em topologias de redes
Marco Martins
 
Topologia de Redes
Topologia de RedesTopologia de Redes
Topologia de Redes
Breno Damasceno
 
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e TelecomunicaçõesAulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Jocelma Rios
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Elaine Cecília Gatto
 
Comunicação de dados
Comunicação de dadosComunicação de dados
Comunicação de dados
Marioalmeida_10
 
Topologias de rede
Topologias de redeTopologias de rede
Topologias de rede
Susana Oliveira
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Fábio Eliseu
 
Redes de-computadores-tipos-de-redes
Redes de-computadores-tipos-de-redesRedes de-computadores-tipos-de-redes
Redes de-computadores-tipos-de-redes
Leonardo Bruno
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Paula Peres
 
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte IIAula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
Dalton Martins
 
TCP/IP
TCP/IPTCP/IP
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fioAula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
camila_seixas
 
Introducao redes
Introducao redesIntroducao redes
Introducao redes
ErikHR
 
Projeto de Rede Local (LAN)
Projeto de Rede Local (LAN)Projeto de Rede Local (LAN)
Projeto de Rede Local (LAN)
Ferramentas Didáticas
 
Sistemas Operativos
Sistemas OperativosSistemas Operativos

Mais procurados (20)

Topologia em redes
Topologia em redesTopologia em redes
Topologia em redes
 
Aula1 historia das redes
Aula1   historia das redesAula1   historia das redes
Aula1 historia das redes
 
Rede de computadores
Rede de computadoresRede de computadores
Rede de computadores
 
Redes Convergentes
Redes ConvergentesRedes Convergentes
Redes Convergentes
 
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de ComputadoresAula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
 
Vantagens e desvantagens em topologias de redes
Vantagens e desvantagens em topologias de redesVantagens e desvantagens em topologias de redes
Vantagens e desvantagens em topologias de redes
 
Topologia de Redes
Topologia de RedesTopologia de Redes
Topologia de Redes
 
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e TelecomunicaçõesAulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Comunicação de dados
Comunicação de dadosComunicação de dados
Comunicação de dados
 
Topologias de rede
Topologias de redeTopologias de rede
Topologias de rede
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Redes de-computadores-tipos-de-redes
Redes de-computadores-tipos-de-redesRedes de-computadores-tipos-de-redes
Redes de-computadores-tipos-de-redes
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte IIAula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
Aula 07 - Projeto de Topologia e Exercícios - Parte II
 
TCP/IP
TCP/IPTCP/IP
TCP/IP
 
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fioAula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
 
Introducao redes
Introducao redesIntroducao redes
Introducao redes
 
Projeto de Rede Local (LAN)
Projeto de Rede Local (LAN)Projeto de Rede Local (LAN)
Projeto de Rede Local (LAN)
 
Sistemas Operativos
Sistemas OperativosSistemas Operativos
Sistemas Operativos
 

Semelhante a Arquitetura de Redes de Computadores

ApresentaçAo Final De Redes
ApresentaçAo Final De RedesApresentaçAo Final De Redes
ApresentaçAo Final De Redes
allanzinhuu
 
Apresentaçao Final De Redes
Apresentaçao Final De RedesApresentaçao Final De Redes
Apresentaçao Final De Redes
guesta9bd8d
 
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptxAULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
Cidrone
 
5393 redes
5393 redes5393 redes
5393 redes
Arkstra
 
Redes 4
Redes 4Redes 4
5393 redes
5393 redes5393 redes
5393 redes
Cassio Kappes
 
S2 B 2007 Infra Aula 01 V1.00
S2 B 2007   Infra   Aula 01 V1.00S2 B 2007   Infra   Aula 01 V1.00
S2 B 2007 Infra Aula 01 V1.00
doctorweb
 
Apo redes
Apo redesApo redes
Apo redes
redesinforma
 
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
João Freire Abramowicz
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
Luand Gadelha
 
Sistema Computacao Revisao 1
Sistema Computacao Revisao 1Sistema Computacao Revisao 1
Sistema Computacao Revisao 1
Duílio Andrade
 
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
EDUARDAREGINACARVALH1
 
Internet: evolução e serviços
Internet: evolução e serviçosInternet: evolução e serviços
Internet: evolução e serviços
Agrupamento de Escolas da Batalha
 
Convergencia e interoperabilidade 2.2013
Convergencia e interoperabilidade 2.2013Convergencia e interoperabilidade 2.2013
Convergencia e interoperabilidade 2.2013
viviansg
 
13 ligações inter-redes
13   ligações inter-redes13   ligações inter-redes
13 ligações inter-redes
Francisco Ednardo Gomes Pereira
 
Rede
RedeRede
Redes de computadores
Redes de computadoresRedes de computadores
Redes de computadores
Weslley Andrade
 
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptxGestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
HJesusMiguel
 
Introdução a redes
Introdução a redesIntrodução a redes
Introdução a redes
AlexJSouza
 
Protocolos
ProtocolosProtocolos
Protocolos
Janieles Araujo
 

Semelhante a Arquitetura de Redes de Computadores (20)

ApresentaçAo Final De Redes
ApresentaçAo Final De RedesApresentaçAo Final De Redes
ApresentaçAo Final De Redes
 
Apresentaçao Final De Redes
Apresentaçao Final De RedesApresentaçao Final De Redes
Apresentaçao Final De Redes
 
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptxAULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
AULA DE REDES DIA 22.062023.pptx
 
5393 redes
5393 redes5393 redes
5393 redes
 
Redes 4
Redes 4Redes 4
Redes 4
 
5393 redes
5393 redes5393 redes
5393 redes
 
S2 B 2007 Infra Aula 01 V1.00
S2 B 2007   Infra   Aula 01 V1.00S2 B 2007   Infra   Aula 01 V1.00
S2 B 2007 Infra Aula 01 V1.00
 
Apo redes
Apo redesApo redes
Apo redes
 
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
 
Sistema Computacao Revisao 1
Sistema Computacao Revisao 1Sistema Computacao Revisao 1
Sistema Computacao Revisao 1
 
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
1 - Revisão - Redes de Computadores.pdf
 
Internet: evolução e serviços
Internet: evolução e serviçosInternet: evolução e serviços
Internet: evolução e serviços
 
Convergencia e interoperabilidade 2.2013
Convergencia e interoperabilidade 2.2013Convergencia e interoperabilidade 2.2013
Convergencia e interoperabilidade 2.2013
 
13 ligações inter-redes
13   ligações inter-redes13   ligações inter-redes
13 ligações inter-redes
 
Rede
RedeRede
Rede
 
Redes de computadores
Redes de computadoresRedes de computadores
Redes de computadores
 
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptxGestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
Gestão de Redes de Computadores e Serviços.pptx
 
Introdução a redes
Introdução a redesIntrodução a redes
Introdução a redes
 
Protocolos
ProtocolosProtocolos
Protocolos
 

Último

Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ismael Ash
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Ismael Ash
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
ronaldos10
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
barbosajucy47
 
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
Faga1939
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Divina Vitorino
 

Último (7)

Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoudFerramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de   DevOps/CLoud
Ferramentas que irão te ajudar a entrar no mundo de DevOps/CLoud
 
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWSSubindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
Subindo uma aplicação WordPress em docker na AWS
 
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docxse38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
se38_layout_erro_xxxxxxxxxxxxxxxxxx.docx
 
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdfEletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
Eletiva_O-mundo-conectado-Ensino-Médio.docx.pdf
 
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebuliçãoExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
ExpoGestão 2024 - Desvendando um mundo em ebulição
 
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL + COMPUTAÇÃO QUÂNTICA = MAIOR REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA D...
 
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptxSegurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
Segurança da Informação - Onde estou e para onde eu vou.pptx
 

Arquitetura de Redes de Computadores

  • 1. Arquitetura de redes de computadores UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ – UECE CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA CURSO MESTRADO PROFISSIONAL EM COMPUTAÇÃO APLICADA – MPCOMP Professor: Prof. Ronaldo Ramos Aluna: Ana Júlia Ferreira Alves Fortaleza – Ceara 2017
  • 2. Roteiro 1. O que é Aquitetura de redes 2. O que é Redes de computadores 3. Protocolos de Rede 4. Topologia da rede 5. Tipos de Cabos de redes 6. Tipos de Redes sem fio 7. Camadas da pilha de protocolos 8. Modelo OSI 8.1 Camadas Modelo OSI 8.2 Funcionamento Modelo OSI 9. Descrição do serviço 10. Conclusão 11. Referencias / Bibliografia
  • 3. 1. O que é Aquitetura de redes Arquitetura de rede é como se designa um conjunto de camadas e protocolos de rede. A especificação de uma arquitetura deve conter informações suficientes para permitir que um implementador desenvolva o programa ou construa o hardware de cada camada, de forma que ela obedeça corretamente ao protocolo adequado.
  • 4. 2. O que é Redes de computadores O termo redes de computadores está cada vez mais em desuso com as novas tecnologias e dispositivos que estão sendo interconectados na internet pública. Estes dispositivos conhecidos como sistemas finais não são unicamente compostos de computadores de mesa mas também de uma grande variedade de equipamentos que incluem telefones celulares, sistemas de automação residencial ou industrial, computadores portáteis e aparelhos eletrônicos diversos.
  • 5. 2. O que é Redes de computadores Estes sistemas finais são interconectados e percorrem uma rota ou caminho que passa por enlaces de comunicação (cabos, ondas, fibras ópticas etc) e também por comutadores de pacotes (switches, hubs, roteadores etc). O primeiro é o meio físico responsável pela transmissão em si enquanto o segundo faz o encaminhamento dos pacotes aos seus destinos. Os sistemas finais acessam a internet por meio de ISPs (provedores de serviço de internet) de nível baixo que são interconectados por ISPs de nível alto, compostos por roteadores e sistemas de fibra óptica de altíssima velocidade, obedecendo certas convenções de nomeação e endereço a fim de padronizar o acesso à rede.
  • 6. 3. Protocolos de Rede Os protocolos controlam o envio e recebimento das informações e envolvem todos os dispositivos que compõem a internet, sendo o mais famoso deles o conjunto de protocolos conhecido como TCP/IP. Este protocolo, cujo nome vem dos protocolos mais importantes de pilha, TCP e IP, foi desenvolvido originalmente pela Universidade da Califórnia para o Departamento de Defesa dos EUA (DoD). Atualmente o TCP/IP é o protocolo padrão para redes locais e remotas.
  • 7. 4. Topologia da rede A topologia da rede define o modo como diversos dispositivos computacionais (nós) estão ligados um ao outro. A topologia de rede mais simples é a que representa dois nós interligados. Esta é a topologia Ponto a Ponto, que pode ser utilizada também na conexão entre mais de dois nós. Além da ligação Ponto a Ponto há outros exemplos de topologias, como: ● Rede em anel consiste em estações conectadas através de um circuito fechado, em série. O anel não interliga as estações diretamente ● Rede em estrela, toda a informação deve passar obrigatoriamente por uma estação central inteligente que deve conectar cada estação da rede e distribuir o tráfego para que uma estação não receba, indevidamente, dados destinados às outras. ● Rede em barramento é uma topologia de rede em que todos os computadores são ligados em um mesmo barramento físico de dados.
  • 8. Anel Malha Estrela Totalmente Conectado Linha Árvore Barramento 4. Outras topologia da rede
  • 9. 5. Tipos de Cabos de redes Existem 4 tipos de cabo de rede: ● Cabo de par trançado não blindado (UTP - Unshielded Twisted Pair), C ● Cabo de par trançado blindado (STP - Shielded Twisted Pair), ● Cabo de fibra óptica ● Cabo coaxial, que é usado em redes antigas.
  • 10. 6. Tipos de Redes sem fio A radiação infravermelha (IV) é uma radiação não ionizante na porção invisível do espectro eletromagnético que está adjacente aos comprimentos de ondas longos, ou final vermelho do espectro da luz visível. As redes por microondas são um tipo de meio de transmissão de dados não guiados de frequência extremamente alta muito usado na comunicação telefônica entre grandes distâncias, nos telefones celulares, etc. Rede de área pessoal, Uma rede de área pessoal sem fio (WPAN) é uma rede de área pessoal - uma rede para interligar dispositivos centrados na área de trabalho de uma pessoa individualmente - em que as conexões são sem fio. O PAN sem fio é baseado no padrão IEEE 802.15. Os dois tipos de tecnologias sem fio são utilizados para WPAN são o Bluetooth e o Infrared Data Association
  • 11. 7. Camadas da pilha de protocolos O TCP/IP foi implementado em uma arquitetura de pilhas, onde cada uma interage com a camada imediatamente superior ou inferior a ela. A divisão superficial em camadas e alguns protocolos são mostrados abaixo: Camada Protocolo 4. Aplicação FTP, TORRENT, SMTP, POP3, HTTP 3. Transporte TCP, UDP, DCCP 2. Rede ARP, RARP, IPv4, IPv6 1. Física BLUETOOTH, WIFI, USB, ETHERNET
  • 12. 8. Modelo OSI O Modelo OSI (acrônimo do inglês Open System Interconnection) é um modelo de rede de computador referência da ISO dividido em camadas de funções, criado em 1970 e formalizado em 1983, com objetivo de ser um padrão, para protocolos de comunicação entre os mais diversos sistemas em uma rede local (Ethernet), garantindo a comunicação entre dois sistemas computacionais. Este modelo divide as redes de computadores em 7 camadas, de forma a se obter camadas de abstração. Cada protocolo implementa uma funcionalidade assinalada a uma determinada camada.
  • 13. 8.1. Camadas Modelo OSI CAMADA FUNÇÃO 7 - Aplicação Funções especialistas (transferência de arquivos, envio de e-mail, terminal virtual) 6 - Apresentação Formatação dos dados, conversão de códigos e caracteres 5 - Sessão Negociação e conexão com outros nós, analogia 4 - Transporte Oferece métodos para a entrega de dados ponto-a- ponto 3 - Rede Roteamento de pacotes em uma ou várias redes (Endereço e melhor Caminho) 2 - Enlace Detecção de erros 1 - Física Transmissão e recepção dos bits brutos através do meio físico de transmissão
  • 15. 9. Descrição do serviço Através da internet os sistemas finais executam aplicações distribuídas (navegação na web, compartilhamento de arquivos, jogos em rede, troca de mensagens, aúdio, vídeo etc) que podem se comunicar entre si e dois serviços são oferecidos a essas aplicações: ● Serviço confiável orientado a conexão TCP (Transmission Control Protocol), ● Serviço não confiável não orientado a conexão UDP (User Datagram Protocol). O primeiro é geralmente mais lento que o segundo, mas oferece garantia de entrega e integridade dos pacotes a serem transmitidos. Um dos problemas que a internet enfrenta é que não há garantia de tempo que os pacotes levarão para ser transmitidos. O usuário pode apenas aumentar a velocidade de tráfego entre sua rede e seu provedor de acesso, geralmente pagando mais ao seu provedor.
  • 16. 10. Conclusão Como visto nas seções precedentes, as redes de computadores/arquitetura podem se caracterizar por diferentes configurações e topologias. Apesar da diversidade no que diz respeito a este aspecto, todas as possíveis configurações têm um objetivo comum – a transferência de dados.
  • 17. Referencias 1. Mendes, Douglas Rocha. Redes de Computadores (http://docs.google.com/viewer?a=v&q=cache 2. Dimitrios Serpanos, Tilman Wolf, Architecture of Network Systems, Elsevier, 2011 ISBN 0080922821 3. https://pt.wikipedia.org/wiki/Arquitetura_de_rede Bibliografia Redes de Coputadores Locais e de Longa Distância, Autor: Liane M. R. Tarouco, 1986, Editora McGrawHill, ISBN 0074504770 Pequenas Redes com Microsoft Windows, Para Casa e Escritório, Autor: João Eriberto Mota Filho, 2001, Editora Ciência Moderna, ISBN 8573931345